O ambiente básico para a vida que Deus cria para a humanidade: o som

13 de Dezembro de 2018

Qual é a terceira coisa? Também é algo que é parte essencial do ambiente normal da existência humana, algo para o qual Deus teve que fazer arranjos quando criou todas as coisas. É muito importante para Deus e também para cada um dos seres humanos. Se Deus não tivesse cuidado dessa coisa, isso teria interferido muito na sobrevivência da humanidade, isto é, teria tido um impacto tão significativo sobre o corpo e a vida do homem e de seu corpo carnal, que a humanidade não teria sido capaz de sobreviver em tal ambiente. Poderia ser dito que nenhum ser vivo poderia ter sobrevivido em tal ambiente. Então, o que é essa coisa da qual estou falando? Estou falando do som. Deus criou tudo, e tudo vive nas mãos de Deus. Todas as coisas da criação de Deus estão vivendo e girando em movimento constante dentro de sua visão. O que quero dizer com isso é que cada coisa que Deus criou tem valor e significado em sua existência; isto é, há algo essencial na existência de cada coisa. Aos olhos de Deus, cada coisa está viva, e, já que todas as coisas estão vivas, cada uma delas produz som. Por exemplo, a terra está girando constantemente, o sol está girando constantemente e a lua também está girando constantemente. Como todas as coisas se propagam, desenvolvem e movimentam, elas estão constantemente emitindo som. Todas as coisas da criação de Deus que existem na terra se encontram em propagação, desenvolvimento e movimento constantes. Por exemplo, as bases das montanhas estão se movendo e mudando, e todas as coisas vivas nas profundezas dos mares estão nadando e se movendo. Isso significa que essas coisas vivas, todas as coisas à vista de Deus, estão em movimento constante e regular, de acordo com os padrões estabelecidos. Então, o que é que é trazido à existência por todas essas coisas que se propagam e desenvolvem na escuridão e se movem em secreto? Sons — sons fortes e poderosos. Além do planeta Terra, todos os tipos de planetas também estão em movimento constante, e as coisas vivas e os organismos nesses planetas também estão constantemente se propagando, se desenvolvendo e movimentando. Isto é, todas as coisas com vida e sem vida estão constantemente avançando à vista de Deus e, na medida em que fazem isso, cada uma delas também está também emitindo sons. Deus também fez arranjos para esses sons, e acredito que vocês já conhecem Sua razão para isso, não conhecem? Quando você se aproxima de um avião, qual é o efeito que o rugir de sua turbina tem sobre você? Se você ficar próximo por tempo demais, seus ouvidos serão ensurdecidos. E quanto ao seu coração — ele será capaz de resistir à tamanho desafio? Algumas pessoas de coração fraco não resistiriam. Naturalmente, mesmo aqueles com coração forte não poderão resistir por muito tempo. Isso significa, o efeito do som sobre o corpo humano, sejam os ouvidos ou o coração, é extremamente significativo para cada ser humano, e sons que são altos demais prejudicarão as pessoas. Portanto, quando Deus criou todas as coisas e depois que elas tinham começado a funcionar normalmente, Deus fez arranjos apropriados para esses sons — os sons de todas as coisas em movimento. Essa também é uma das questões que Deus teve que considerar ao criar um ambiente para a humanidade.

Em primeiro lugar, a altura da atmosfera a acima da superfície da terra tem um efeito sobre o som. Além disso, o tamanho das lacunas no solo também manipulará e afetará o som. Há, então, os vários ambientes geográficos cuja confluência também afetam o som. Ou seja, Deus usa certos métodos para eliminar alguns sons, para que os seres humanos possam sobreviver em um ambiente que seus ouvidos e coração possam suportar. Caso contrário, os sons representariam um enorme obstáculo à sobrevivência da humanidade, tornando-se um grande incômodo em sua vida e representando um sério problema para ela. Isso significa que Deus foi muito específico em Sua criação da terra, da atmosfera e dos vários tipos de ambientes geográficos, e contido em cada um deles está a sabedoria de Deus. O entendimento da humanidade a respeito disso não precisa ser muito detalhado — basta que as pessoas saibam que as ações de Deus estão contidas nisso. Agora vocês Me digam, essa obra que Deus fez — calibrando com precisão o som a fim de manter o ambiente de vida da humanidade e sua vida normal — foi necessária? (Sim.) Já que essa obra foi necessária, então, a partir dessa perspectiva, pode-se dizer que Deus utilizou essa obra como maneira para prover para todas as coisas? Deus criou um ambiente tão quieto para a provisão da humanidade para que o corpo humano pudesse viver nele de modo bastante normal, sem sofrer quaisquer interferências e para que a humanidade fosse capaz de existir e viver normalmente. Essa não é, então, uma das maneiras pelas quais Deus provê para a humanidade? Essa coisa que Deus fez não foi muito importante? (Foi.) Houve uma grande necessidade disso. Então, como vocês apreciam isso? Ainda que vocês não possam sentir que essa foi a ação de Deus, nem saibam como Deus realizou essa ação na época, vocês podem mesmo assim sentir a necessidade de Deus fazer isso essa coisa? Vocês podem sentir a sabedoria de Deus e o cuidado e o pensamento que Ele colocou nisso? (Sim, podemos.) Se vocês são capazes de sentir isso, então isso basta. Há muitas ações que Deus realizou entre as coisas de Sua criação que as pessoas não podem sentir nem ver. Menciono isso aqui simplesmente para informar vocês sobre as ações de Deus para que vocês possam vira a conhecer a Deus. Essas são dicas que podem capacitar vocês melhor a conhecer e entender a Deus.

Extraído de ‘O Próprio Deus, o Único VIII’ em “A Palavra manifesta em carne

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.

Conteúdo relacionado

Entre em contato conosco pelo Whatsapp