A escolha mais significativa

27 de Setembro de 2022

Por Víctor, Uruguai

Como criança, eu seguia meus pais em sua crença no Senhor. Quando cresci, trabalhei na área de construção e abri uma escola de karatê. Apesar de estar ocupado com trabalho ao longo dos anos, eu sempre busquei entender mais sobre Deus, razão pela qual eu assistia a muitas pregações na TV. Às vezes, eu também estudava a Bíblia com meu pastor e amigos, também lia páginas cristãs no Facebook regularmente. Em 2020, por causa da pandemia, minha escola de karatê teve que fechar temporariamente, o que me deu mais tempo para buscar informações sobre Deus na internet.

Um dia em dezembro daquele ano, eu estava no Facebook como de costume, quando, de repente, recebi uma mensagem. Uma irmã do Taiwan me perguntou se eu gostaria de participar de uma reunião e ouvir a palavra de Deus. Aceitei com alegria. Depois de algumas reuniões e de ler as palavras de Deus Todo-Poderoso, vi que essas palavras revelam o mistério do plano de gerenciamento de seis mil anos de Deus, a raiz da queda, da corrupção e do pecado do homem e também apontam o caminho para a humanidade se livrar do pecado e ser purificada. Eu nunca tinha visto nem ouvido esses mistérios da verdade e, em meu coração, tive certeza de que essas palavras eram a voz de Deus e Deus Todo-Poderoso era o Senhor Jesus retornado! Eu estava muito animado. Nunca pensei que viveria para ouvir a voz de Deus e acolher o Senhor durante a minha vida. Me senti muito honrado. Depois de aceitar Deus Todo-Poderoso, senti que ganhava muito com cada reunião. Quando eu não podia participar das reuniões porque eu precisava cuidar de tarefas ou outras questões, no dia seguinte, eu lia as palavras de Deus Todo-Poderoso enviadas pelo grupo de reuniões, e os irmãos também me ajudavam a entender o conteúdo da reunião. Isso continuou assim por dois ou três meses, depois dos quais o irmão responsável pela rega me disse: “Irmão Victor, vemos que você busca com dedicação e você quer entender a verdade. Gostaríamos de convidá-lo a assumir um grupo de reuniões. Você está interessado?”. Mas, na época, foi difícil dizer sim, pois eu acreditava que, em breve, eu reabriria a escola de karatê. Se assumisse a responsabilidade por um grupo de reuniões, isso conflitaria com meus horários de professor. E se a reputação da escola fosse afetada? Então eu disse ao irmão: “Temo que não posso aceitar esse dever porque logo voltarei a dar aulas de karatê. Ensinar é a coisa mais importante para mim e não posso permitir que nada impeça isso. Tenho gerenciado essa escola por onze anos. Ela é o resultado de anos de trabalho árduo, e todos os pais confiam a mim o treinamento de seus filhos. Eles precisam muito de mim, por isso não posso assumir um grupo de reuniões”.

Mais tarde, numa reunião, li uma passagem das palavras de Deus que um irmão compartilhou: “Se você for alguém atento à vontade de Deus, então você desenvolverá um verdadeiro fardo pela igreja. De fato, em vez de chamar isso de um fardo que você carrega pela igreja, seria melhor chamá-lo de um fardo que você carrega em prol da sua própria vida, porque o propósito desse fardo que você desenvolve para a igreja é para fazer você usar tais experiências para ser aperfeiçoado por Deus. Portanto, todos aqueles que carregam o maior fardo pela igreja, todos aqueles que carregam um fardo para entrar na vida — eles serão aqueles que são aperfeiçoados por Deus” (A Palavra, vol. 1: A obra de Deus e conhecer a Deus, “Fique atento à vontade de Deus para alcançar a perfeição”). A palavra de Deus nos mostra que Deus espera que as pessoas se levantem, cooperem com Deus e cumpram seus deveres. Quanto mais cumpre seu dever, mais verdade você entende e mais você pode ser aperfeiçoado. Este é um momento crítico para espalhar o evangelho do reino de Deus. Como primeiro grupo de pessoas no Uruguai a aceitar a obra de Deus nos últimos dias, devemos nos levantar para ajudar a regar aqueles que a aceitam e cumprir o nosso dever. Por meio da comunhão da palavra de Deus com todos, entendi a vontade de Deus. Fiquei um pouco envergonhado ao pensar que eu tinha rejeitado meu dever, então eu disse ao supervisor: “Estou disposto a cumprir o meu dever”. Mas quando o supervisor perguntou quando eu teria tempo, eu me senti dividido novamente. Pensei: se eu reservar alguns dias por semana para organizar reuniões, assim que a escola abrir, isso conflitará com as minhas aulas. Eu também estava no meio de reformar a escola. Eu queria garantir que isso fosse bem-feito e atrair mais pessoas para estudar e treinar, o que seria ótimo para os meus negócios. Eu disse ao supervisor: “Estou muito ocupado. Só tenho tempo para as reuniões nas terças-feiras”. E assim comecei a cumprir o meu dever. Depois disso, meus irmãos me ajudaram e encorajaram muitas vezes. Também comecei a ler as palavras de Deus Todo-Poderoso com sinceridade e ouvia hinos e assistia a filmes no aplicativo da Igreja de Deus Todo-Poderoso. Naquele tempo, um número cada vez maior de pessoas estava aceitando a obra de Deus Todo-Poderoso nos últimos dias, assim o supervisor perguntou se eu poderia organizar mais reuniões e regar os novos irmãos e irmãs. Fiquei um pouco apreensivo, mas já que a escola ainda não tinha retomado as aulas, pensei que, por ora, poderia assumir mais reuniões, e assim concordei. Mas eu também disse ao supervisor que eu não teria tempo para meu dever quando as aulas retornassem. Achei que era a coisa certa a fazer na época, pois achava que não existia coisa mais importante do que minha escola de karatê. Até, um dia, eu ler uma passagem das palavras de Deus Todo-Poderoso que mudou minha opinião.

Deus Todo-Poderoso diz: “Na verdade, não importa quão elevados sejam os ideais do homem, não importa quão realistas sejam seus desejos ou quão apropriados possam ser, tudo que o homem deseja alcançar, tudo que o homem busca está inextricavelmente ligado a duas palavras. Essas duas palavras são de vital importância para a vida de cada pessoa, e elas são coisas que Satanás pretende incutir no homem. Quais são essas duas palavras? São ‘fama’ e ‘ganho’. Satanás usa um tipo de método muito sutil, um método muito mais de acordo com as noções das pessoas que de forma alguma é radical, através do qual ele faz com que as pessoas aceitem inadvertidamente o modo de vida de Satanás, suas regras para viver e para estabelecer metas de vida e seu rumo na vida e, ao fazê-lo, elas também chegam inadvertidamente a ter ambições na vida. Não importa o quanto essas ambições de vida possam parecer grandiosas, elas estão inextricavelmente ligadas a ‘fama’ e ‘ganho’. Tudo que qualquer pessoa importante ou famosa — todas as pessoas na verdade — segue na vida tem relação unicamente com essas duas palavras: ‘fama’ e ‘ganho’. As pessoas pensam que, uma vez que tenham fama e ganho, elas poderão tirar proveito dessas coisas para desfrutar de alto status e grande riqueza e aproveitar a vida. Pensam que fama e ganho são um tipo de capital que elas podem usar para obter uma vida de busca de prazer e desfrute irresponsável da carne. Por amor a essa fama e ganho que a humanidade tanto cobiça, as pessoas voluntariamente, ainda que inadvertidamente, entregam seu corpo, sua mente e tudo o que têm, seu futuro e destino a Satanás. Elas agem assim sem hesitar um instante sequer, sempre ignorantes da necessidade de recuperar tudo que entregaram. As pessoas podem reter qualquer controle sobre si mesmas uma vez que se refugiaram em Satanás dessa forma e se tornaram leais a ele? Certamente não. Elas são completa e totalmente controladas por Satanás. Elas afundaram completa e totalmente num atoleiro e são incapazes de se libertar. Uma vez que alguém está atolado em fama e ganho, ele já não busca aquilo que é claro, o que é justo nem aquelas coisas que são belas e boas. Isso é assim porque o poder sedutor que a fama e o ganho têm sobre as pessoas é grande demais; elas se tornam coisas para as pessoas buscarem por toda a sua vida e mesmo por toda a eternidade sem fim. Não é verdade?” (A Palavra, vol. 1: A obra de Deus e conhecer a Deus, “O Próprio Deus, o Único VI”). Deus disseca completamente os métodos de Satanás de controlar as pessoas com ganho e fama. As palavras de Deus Todo-Poderoso eram reais demais. Eu realmente estava vivendo daquele jeito. O que eu sempre buscava era me destacar e ter uma carreira bem-sucedida, acreditando que eu poderia desfrutar mais da vida se tivesse essas coisas e que seria admirado pelos outros. Embora tivesse um emprego na área de construção que me permitia sobreviver, a fim de enriquecer, de ser admirado por mais pessoas e de desfrutar dos prazeres de fama e fortuna, eu abri uma escola de karatê e investi toda a minha energia em administrar bem a escola. Após acreditar em Deus Todo-Poderoso, embora ainda frequentasse as reuniões, minha prioridade ainda era a escola de karatê. Quando meu dever chegou até mim, eu tive medo de atrasar minhas lições e de afetar o impacto e a reputação da escola, por isso o recusei Embora organizasse reuniões e cumprisse meu dever, eu achava que era algo temporário e esperava pelo fim do isolamento para voltar a abrir minha escola de karatê. Quando percebi isso, senti vergonha. Percebi que eu via fama e fortuna como fundamento da minha sobrevivência e achava que administrar meu negócio era mais importante do que minha crença em Deus e meu dever, e quase cheguei a tomar a decisão errada em minha busca por fama e fortuna e a perder a chance de cumprir o meu dever e de ganhar a verdade. Agora, entendi que realizar sonhos e administrar um negócio parecem ser buscas legítimas, mas os truques de Satanás estão por trás delas. Satanás usa fama, riqueza e status para tentar e corromper as pessoas. Ele me fazia buscar isso de todo coração e querer ganhar ainda mais após já ter o suficiente. Agora eu estava preso na sua armadilha, controlado e amarrado por Satanás. Eu tinha me tornado seu escravo e me afastaria cada vez mais de Deus até fama e fortuna me arruinarem.

Mais tarde, li mais duas passagens das palavras de Deus Todo-Poderoso. Deus Todo-Poderoso diz: “Esgota a energia digna de uma vida inteira lutando contra o destino, gasta todo o tempo de uma vida tentando alimentar a família e movendo-se de um lado para outro entre riqueza e status. As coisas que as pessoas entesouram são família, dinheiro e fama; veem-nos como as coisas mais valiosas na vida. Todos se queixam de seu destino, mas empurram para o fundo da mente as questões que são mais imperativas a examinar e compreender: por que o homem está vivo, como o homem deveria viver, quais são o valor e o significado da vida. Durante a vida inteira, pelo tempo que durar, as pessoas correm em busca de fama e fortuna, até a juventude ter fugido, até elas ficarem grisalhas e enrugadas; até verem que fama e fortuna não podem parar seu deslizar rumo à senilidade, que o dinheiro não pode preencher o vazio do coração; até entenderem que ninguém está isento da lei do nascimento, do envelhecimento, da enfermidade e da morte, que ninguém pode escapar do que o destino tem reservado. Só quando são forçadas a enfrentar a conjuntura final da vida é que compreendem verdadeiramente que, mesmo se alguém possuir milhões em propriedades, mesmo que seja privilegiado e de posição social elevada, ninguém pode escapar da morte, toda pessoa retornará à sua posição original: uma alma solitária, sem nada em seu nome” (A Palavra, vol. 1: A obra de Deus e conhecer a Deus, “O Próprio Deus, o Único III”). “As pessoas passam a vida correndo atrás de dinheiro e fama; elas tentam se agarrar a esses montes de palha, pensando serem seus únicos recursos, como se, ao tê-los, pudessem continuar a viver, pudessem isentar-se da morte. Mas só quando estão perto de morrer elas percebem quanto essas coisas estão distantes, quão fracas são em face da morte, quão facilmente se estilhaçam, quão solitárias e desamparadas estão, sem ter para onde se voltar. Percebem que a vida não pode ser comprada com dinheiro ou fama, que não importa quanto uma pessoa é rica, não importa quanto sua posição é elevada, todas as pessoas são igualmente pobres e irrelevantes diante da morte. Percebem que o dinheiro não pode comprar a vida, que a fama não pode apagar a morte, que nem o dinheiro nem a fama podem prolongar a vida de ninguém nem por um só minuto, um só segundo” (A Palavra, vol. 1: A obra de Deus e conhecer a Deus, “O Próprio Deus, o Único III”). Depois de ler a palavra de Deus, pensei: “Embora acredite em Deus Todo-Poderoso, eu não me concentro em buscar a verdade nem em cumprir o dever de um ser criado. Ainda busco fama, fortuna e prazeres materiais. Desperdiço meu tempo e energia preciosos com essas coisas. O que posso ganhar acreditando em Deus desse jeito? Neste momento, no meio da pandemia, muitas pessoas estão morrendo no mundo inteiro. Não se o que poderia acontecer na minha vida, e parece que há cada vez menos chances de buscar a verdade e cumprir o meu dever. Talvez ainda não seja tarde para buscar a verdade, mas, à beira da morte, será tarde demais. Tenho a boa sorte de aceitar a obra de Deus nos últimos dias, e Deus me deu essa oportunidade de buscar a verdade e de ser salvo, mas eu não a valorizo e não estou disposto a gastar mais tempo e energia em minha busca da verdade. Tenho sido completamente cego! No passado, a fim de buscar fama e fortuna mundanas, eu despendia muito esforço para construir essa escola. Ela é linda, é muito atraente, e eu ganhei alguma fama, fortuna e prazeres materiais, mas meu coração continua vazio, e sinto que não há sentido em viver desse jeito. Agora, realmente não quero gastar mais a minha vida com essas coisas. Há muitas pessoas ricas no mundo, pessoas com fama e status, mas elas estão distantes de Deus e negam a Deus, e quando os desastres vierem, elas morrerão. Riqueza não pode comprar uma vida, e fama e fortuna são inúteis na face da morte. Só se buscarmos e ganharmos a verdade poderemos ganhar a proteção de Deus e sermos salvos por Ele”. Como disse o Senhor Jesus: “Pois que aproveita ao homem se ganhar o mundo inteiro e perder a sua vida? ou que dará o homem em troca da sua vida?” (Mateus 16:26). Verdade. Mesmo que ganhe fama e fortuna no mundo e seja admirado pelas pessoas, essas coisas não podem lhe dar vida. Só podem distanciá-lo de Deus e levar você a perder sua chance de ser salvo. Enquanto cumpria meu dever e buscava a verdade naquele tempo, eu ganhei algo que nunca tinha ganho antes. Eu entendi a vontade de Deus, comecei a mudar aos poucos e cumpri minhas responsabilidades na igreja. Encontrei o sentido da vida. Eu queria buscar a verdade, obedecer a Deus, viver uma vida de cumprir meu dever como ser criado e não viver mais para Satanás.

Depois de um tempo, a renovação da minha escola de karatê foi completada, o isolamento terminou e chegou a hora de reabrir, mas a minha expectativa já não era mais tão grande quanto antes, porque, durante esse tempo, eu tinha lido muitas das palavras de Deus Todo-Poderoso e eu sabia que Deus quer que busquemos a verdade e cumpramos nosso dever para que possamos ser salvos em vez de buscar fama e fortuna no mundo e ser enganados por Satanás. Assim, tomei a decisão de fechar a escola de karatê para sempre. Achei que era a melhor decisão para mim. Quando anunciei essa decisão no grupo de pais e mentores, algumas pessoas próximas não conseguiram acreditar, pois sabiam como a escola era importante para mim. Muitos alunos e pais também enviaram mensagens para me convencer a continuar a escola. Alguns pais disseram: “Victor, meus filhos amavam muito as suas lições. Você realmente deixará de ensinar karatê?”. Alguns alunos disseram: “Sensei, você não disse que sua carreira era a coisa mais importante, que essa era a sua vida?”. Quando ouvi essas palavras, fiquei um pouco agitado. Eu tinha investido tanto esforço para renovar a escola, mas nem tinha chegado a usá-la. Eu realmente queria fechá-la para sempre? O negócio no qual tinha investido tantos anos acabaria simplesmente assim? Na época, me senti um pouco incomodado, mas então li uma passagem da palavra de Deus Todo-Poderoso. “Como alguém que é normal e que busca o amor a Deus, a entrada no reino para se tornar integrante do povo de Deus é o verdadeiro futuro de vocês e é uma vida de valor e importância máximos; ninguém é mais abençoado do que vocês. Por que digo isso? Porque aqueles que não creem em Deus vivem para a carne, e vivem para Satanás, mas hoje vocês vivem para Deus e vivem para fazer a vontade de Deus. É por isso que Eu digo que a vida de vocês é de máxima importância” (A Palavra, vol. 1: A obra de Deus e conhecer a Deus, “Conheça a mais nova obra de Deus e siga os Seus passos”). Depois de ler a palavra de Deus, eu me acalmei bastante. Entendi que a busca por fama e fortuna não tinha valor nem sentido. Prazeres materiais, fama e fortuna na vida não podiam me livrar do vazio no meu coração nem permitir que eu fosse salvo por Deus. Só se buscasse a verdade, buscasse amar a Deus e cumprisse o dever de um ser criado, eu poderia viver uma vida significativa, e essa era a vida que eu realmente queria. Embora ainda me arrependesse de perder a escola de karatê, as palavras dos meus amigos e alunos não mudaram minha decisão, pois eu sabia que a palavra de Deus era mais importante do que tudo. Buscar a salvação de Deus era mais importante do que todo o resto. Eu não queria continuar gerenciando a escola. Queria gastar mais tempo e energia cumprindo meu dever, pois eu sabia que era a coisa mais significativa que podia fazer. Ainda agora alguns dos meus amigos tentam me convencer a reabrir a escola, mas estou comprometido com minha escolha. Embora tenha deixado para trás a minha vida vulgar de busca por prazeres e tenha perdido minha fama mundana e a alta-estima dos outros, ao cumprir o meu dever com meus irmãos todos os dias, tenho mais tempo para ler as palavras de Deus e comungar a verdade, e, assim, tenho entendido alguma verdade e visto algumas coisas claramente, especialmente as consequências de buscar fama e fortuna, e tenho começado a buscar a verdade e a trilhar a senda certa na vida. Esse tem sido meu maior benefício nesse tempo. O que ganhei é muito mais valioso do que fama no mundo e a estima dos outros. Agora, também prego o evangelho e aprendi a usar a palavra de Deus para ajudar e cuidar daqueles que acabaram de aceitar o evangelho. Espero que mais pessoas possam vir para diante de Deus e ter a chance de ser salvas por Deus. Acredito que viver desse jeito é muito seguro e significativo.

Anterior: A escolha certa

O alarme dos últimos dias já tocou e grandes desastres já começaram. Você quer dar as boas-vindas ao retorno do Senhor e ter a chance de receber a proteção de Deus com sua família?

Conteúdo relacionado

Por um Fio

Aceitei a obra de Deus Todo-Poderoso dos últimos dias há mais de um mês. O pastor e os presbíteros não param de me aborrecer e fazer com...

Entre em contato conosco pelo WhatsApp