Qual será o fim do governo do Partido Comunista Chinês e do mundo religioso após eles condenarem e resistirem loucamente a Deus?

12 de Março de 2019

Versos da Bíblia para referência:

“Todo pecado e blasfêmia se perdoará aos homens; mas a blasfêmia contra o Espírito não será perdoada. Se alguém disser alguma palavra contra o Filho do homem, isso lhe será perdoado; mas se alguém falar contra o Espírito Santo, não lhe será perdoado, nem neste mundo, nem no vindouro” (Mateus 12:31-32).

“Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas!” (Mateus 23:13).

“E o Diabo, que os enganava, foi lançado no lago de fogo e enxofre, onde estão a besta e o falso profeta; e de dia e de noite serão atormentados pelos séculos dos séculos” (Apocalipse 20:10).

Palavras de Deus relevantes:

O Filho do homem foi testemunhado, e o Próprio Deus foi abertamente revelado. A glória de Deus foi emitida, brilhando intensamente como o sol ardente! Seu glorioso semblante brilha com luz deslumbrante; que olhos ousam tratá-Lo com resistência? A resistência leva à morte!

Extraído de ‘Capítulo 15’ das Declarações de Cristo no princípio em “A Palavra manifesta em carne

Cristo vem durante os últimos dias para que todos que acreditam verdadeiramente Nele possam ser supridos com vida. Sua obra é dedicada a concluir a era antiga e a entrar na nova, e Sua obra é a senda que deve ser tomada por todos aqueles que entrarem na nova era. Se você é incapaz de reconhecê-Lo e, em vez disso, O condena, blasfema ou até O persegue, está fadado a queimar pela eternidade e nunca entrará no reino de Deus. Pois esse Cristo é Ele Próprio a expressão do Espírito Santo, a expressão de Deus, Aquele que Deus incumbiu de fazer a Sua obra na terra. E assim Eu digo que, se você não pode aceitar tudo o que é feito por Cristo dos últimos dias, então você blasfema contra o Espírito Santo. A retribuição a ser recebida por todos que blasfemam contra o Espírito Santo é autoexplicativa para todos. Eu também lhe digo que, se você se opõe a Cristo dos últimos dias e O nega, não há quem possa suportar as consequências em seu lugar. Além do mais, desse dia em diante você não terá outra oportunidade de ganhar a aprovação de Deus; mesmo se você tentar redimir a si mesmo, nunca mais contemplará a face de Deus. Pois ao que você se opõe não é um homem, o que você nega não é qualquer ser insignificante, mas Cristo. Você está ciente dessas consequências? Você não terá cometido um pequeno erro, mas um crime atroz.

Extraído de ‘Só Cristo dos últimos dias pode dar ao homem o caminho de vida eterna’ em “A Palavra manifesta em carne”

Relembre como o povo de Nínive se arrependeu de seus pecados com panos de saco e cinzas, e lembre-se do que aconteceu depois que os judeus pregaram Jesus na cruz 2.000 anos atrás. Os judeus foram expulsos de Israel e fugiram para países do mundo todo. Muitos foram mortos, e toda a nação judaica foi submetida a uma destruição sem precedentes. Eles haviam pregado Deus na cruz — cometeram um crime hediondo — e provocaram o caráter de Deus. Eles foram obrigados a pagar pelo que fizeram, foram obrigados a aguentar todas as consequências de suas ações. Eles condenaram Deus, rejeitaram Deus e assim só tiveram um destino: ser punidos por Deus. Essa é a consequência amarga e o desastre que seus governantes causaram ao país e a nação.

[…] Acreditamos que nenhum país ou poder pode se colocar no caminho do que Deus deseja alcançar. Aqueles que obstruem a obra de Deus, que resistem à palavra de Deus, perturbam e prejudicam o plano de Deus acabarão sendo punidos por Deus. Aquele que desafia a obra de Deus será enviado ao inferno; qualquer país que desafie a obra de Deus será destruído; qualquer nação que se erguer em oposição à obra de Deus será varrida desta terra e deixará de existir.

Extraído de ‘Deus preside o destino de toda a humanidade’ em “A Palavra manifesta em carne”

Quando todas as pessoas tiverem sido completadas e todas as nações da terra se tornarem o reino de Cristo, então será o tempo em que os sete trovões soarão. O tempo presente é um passo adiante na direção desse estágio, o ataque foi liberado para o tempo vindouro. Esse é o plano de Deus — e no futuro próximo será realizado. No entanto, Deus já realizou tudo que declarou. Assim, fica claro que as nações da terra não passam de castelos de areia, estremecendo quando a maré alta se aproxima: o último dia é iminente e o grande dragão vermelho tombará sob a palavra de Deus. Para garantir que o plano de Deus seja executado com sucesso, os anjos do céu desceram sobre a terra, fazendo o melhor possível para satisfazer a Deus. O Próprio Deus encarnado tomou posição no campo de batalha para guerrear contra o inimigo. Seja onde for que a encarnação apareça, o inimigo é exterminado naquele lugar. A China será a primeira a ser aniquilada, ela será devastada pela mão de Deus. Deus absolutamente não terá piedade ali.

Extraído de ‘Capítulo 10’ das Interpretações dos mistérios das palavras de Deus para todo o universo em “A Palavra manifesta em carne”

Mas enquanto o velho mundo continuar existindo, Eu lançarei Minha raiva sobre suas nações, promulgando abertamente os Meus decretos administrativos por todo o universo, e enviando castigo sobre quem quer que os viole:

Quando Eu volto a Minha face ao universo para falar, toda a humanidade ouve a Minha voz e então vê todas as obras que Eu realizei por todo o universo. Aqueles que forem contrários à Minha vontade, isto é, que se opõem a Mim com os feitos do homem, cairão sob o Meu castigo. […] As muitas nações do universo serão redivididas e substituídas pelo Meu reino, de modo que as nações sobre a terra desaparecerão para sempre e tudo se tornará um reino que Me adora; todas as nações da terra serão destruídas e deixarão de existir. Dos seres humanos do universo, todos aqueles que pertencem ao diabo serão exterminados; todos os que adoram Satanás serão abatidos pelo Meu fogo ardente — isto é, exceto aqueles que agora estão na corrente, o resto será transformado em cinzas. Quando Eu castigar os muitos povos, aqueles que estiverem no mundo religioso, em extensões diferentes, voltarão para o Meu reino, conquistados por Minhas obras, porque terão visto o advento do Santo vindo numa nuvem branca. Toda a humanidade seguirá a própria espécie e receberá castigos que variam conforme suas ações. Aqueles que se levantaram contra Mim irão todos perecer; quanto àqueles cujos feitos na terra não Me envolveram, por causa da maneira como se absolveram, continuarão a existir na terra sob a governança dos Meus filhos e do Meu povo. Eu Me revelarei à miríade de povos e à miríade de nações, ressoando com Minha própria voz sobre a terra, proclamando a completude da Minha grande obra, para que toda humanidade veja com os próprios olhos.

Extraído de ‘Capítulo 26’ das Palavras de Deus para todo o universo em “A Palavra manifesta em carne”

O mundo está desabando! A Babilônia está paralisada! Oh, o mundo religioso! Como ele poderia não ser destruído pela Minha autoridade na terra? Quem ainda ousa Me desobedecer e opor-se a Mim? Os escribas? Todos os ministros religiosos? Os governantes e as autoridades da terra? Os anjos? Quem não celebra a perfeição e a plenitude do Meu corpo? Dentre todos os povos, quem não canta louvores a Mim sem cessar? Quem não está infalivelmente feliz? […] Como poderiam não perecer os países da terra? Como poderiam não cair os países da terra? Como poderia Meu povo não gritar vivas? Como poderia ele não cantar de alegria?

Extraído de ‘Capítulo 22’ das Palavras de Deus para todo o universo em “A Palavra manifesta em carne”

Quando as pessoas blasfemam contra Deus e O enfurecem, Ele emite um veredito, e esse veredito é um desfecho emitido por Ele. É descrito desta maneira na Bíblia: “Portanto vos digo: Todo pecado e blasfêmia se perdoará aos homens; mas a blasfêmia contra o Espírito Santo não será perdoada” (Mateus 12:31), e “Mas ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas!” (Mateus 23:13). No entanto, está registrado na Bíblia qual foi o desfecho dos escribas e fariseus, bem como daquelas pessoas que disseram que o Senhor Jesus estava louco, depois que Ele disse essas coisas? Está registrado que elas sofreram alguma punição? Não — podemos afirmar isso com certeza. Dizer “não” aqui não significa que não houve tal registro, mas apenas que, na verdade, não houve nenhum resultado que pudesse ser visto com olhos humanos. Afirmar que “não foi registrado” elucida a questão da atitude e dos princípios de Deus para lidar com certas coisas. Deus não faz vista grossa nem fecha seus ouvidos para as pessoas que blasfemam contra Ele ou resistem a Ele, nem mesmo para aquelas que O difamam — pessoas que intencionalmente O atacam, difamam e amaldiçoam — ao contrário, Ele tem uma atitude clara para com elas. Ele despreza essas pessoas e as condena em Seu coração. Ele até mesmo declara abertamente qual será o desfecho delas, para que as pessoas saibam que Ele tem uma atitude clara em relação aos que blasfemam contra Ele e para que saibam como Ele determinará seu desfecho. No entanto, depois que Deus disse essas coisas, as pessoas raramente conseguiam enxergar a verdade de como Deus lidaria com aquelas pessoas nem conseguiam compreender os princípios por trás do desfecho e do veredito que Deus emitiu para elas. Isto é, as pessoas não conseguem ver a abordagem e os métodos especiais que Deus tem para lidar com elas. Isso tem a ver com os princípios de Deus para fazer as coisas. Deus usa a ocorrência de fatos para lidar com o comportamento maligno de algumas pessoas. Isto é, Ele não anuncia seu pecado e não determina seu desfecho; ao contrário, Ele usa diretamente a ocorrência de fatos para distribuir sua punição e justa retribuição. Quando esses fatos acontecem, é a carne das pessoas que sofre punição, o que significa que a punição é algo que pode ser visto com olhos humanos. Ao lidar com o comportamento maligno de algumas pessoas, Deus apenas as amaldiçoa com palavras e Sua ira também recai sobre elas, mas a punição que elas recebem pode ser algo que as pessoas não podem ver. Mesmo assim, esse tipo de desfecho pode ser ainda mais sério do que os desfechos que as pessoas podem ver, tais como ser punidos ou mortos. Isso porque, nas circunstâncias em que Deus decidiu não salvar esse tipo de pessoa, não demonstrar mais misericórdia ou tolerância para com elas nem prover mais oportunidades para elas, a atitude que Ele toma para com elas é a de colocá-las de lado. Qual é o significado aqui de “colocar de lado”? O significado básico dessa expressão é “pôr algo de lado, não prestar mais atenção nisso”. Mas aqui, quando Deus “põe uma alguém de lado”, há duas explicações diferentes para o seu significado: a primeira é que Ele entregou a vida daquela pessoa e tudo relacionado àquela pessoa para que Satanás lide com isso, e Deus não seria mais responsável e deixaria de gerenciar essa pessoa. Se essa pessoa fosse louca, ou estúpida, se estivesse viva ou morta, ou se ela descesse ao inferno para a sua punição, isso não teria nada a ver com Deus. Isso significaria que aquela criatura não teria mais relação com o Criador. A segunda explicação é que Deus determinou que Ele Mesmo quer fazer algo com essa pessoa, com Suas próprias mãos. É possível que Ele utilize o serviço desse tipo de pessoa, ou que Ele o utilize como um contraste. É possível que Ele tenha uma maneira especial de lidar com esse tipo de pessoa, uma maneira especial de tratá-las — assim como fez com Paulo, por exemplo. Esses são o princípio e a atitude no coração de Deus segundo os quais Ele decidiu lidar com esse tipo de pessoa. Assim, quando as pessoas resistem a Deus e O difamam e blasfemam contra Ele, quando elas exasperam o Seu caráter ou ultrapassam o limite de Sua tolerância, é insuportável pensar nas consequências. A consequência mais grave é que Deus entrega a vida e tudo relacionado a elas a Satanás, de uma vez por todas. Elas não serão perdoadas, por toda a eternidade. Isso significa que essa pessoa se tornou alimento na boca de Satanás, um brinquedo na sua mão e, a partir daí, Deus já não tem mais nada a ver com ela. Vocês podem imaginar a miséria que foi quando Satanás tentou Jó? Mesmo sob a condição de que Satanás não tinha permissão de prejudicar a vida de Jó, ele sofreu muito. E não é ainda mais difícil imaginar a devastação que seria causada por Satanás em alguém que foi totalmente entregue a Satanás, que está completamente dentro das garras de Satanás, que perdeu completamente os cuidados e a misericórdia de Deus, que não está mais sob o governo do Criador, que foi privado do direito de adorá-Lo e do direito de ser uma criatura governada por Deus e cujo relacionamento com o Senhor da criação foi completamente cortado? A perseguição de Jó por Satanás foi algo que pôde ser visto com olhos humanos, mas se Deus entregar a vida de uma pessoa a Satanás, as consequências estarão fora do alcance da imaginação humana. Por exemplo, algumas pessoas podem renascer como uma vaca ou um burro, enquanto algumas podem ser ocupadas e possuídas por espíritos malignos e impuros, e assim por diante. Tais são os desfechos de algumas das pessoas que são entregues a Satanás por Deus. Olhando de fora, parece que aquelas pessoas que ridicularizaram, difamaram, condenaram e blasfemaram contra o Senhor Jesus não sofreram nenhuma consequência. No entanto, a verdade é que Deus tem uma abordagem para lidar com tudo. Ele pode não usar uma linguagem clara para dizer às pessoas o desfecho de como Ele lida com cada tipo de pessoa. Às vezes Ele não fala diretamente, mas age diretamente. O fato de que Ele não fale a respeito não significa que não haja um desfecho — na verdade, em casos assim, é possível que o desfecho seja ainda mais grave. Visto de fora, pode parecer que haja algumas com que Deus não fala explicitamente sobre a Sua atitude, mas, de fato, Deus não tem desejado dar-lhes qualquer atenção há muito tempo. Ele não quer mais vê-las. Devido às coisas que elas fizeram e ao seu comportamento, por causa de sua natureza-essência, Deus quer apenas que elas desapareçam da Sua vista, quer entregá-las diretamente a Satanás, dar o espírito delas, sua alma e seu corpo a Satanás e permitir que Satanás faça com elas o que quiser. É bem claro até que ponto Deus as odeia, até que ponto Ele sente repulsa por elas. Se uma pessoa irrita Deus ao ponto de Deus não querer nem vê-la novamente e está disposto a desistir dela por completo, a ponto de Ele não querer nem mesmo lidar com ela pessoalmente — se chegar ao ponto em que Ele a entregará a Satanás para que este faça o que quiser, para permitir que Satanás a controle, a consuma e a trate como quiser — então essa pessoa está completamente acabada. Seu direito de ser uma pessoa humana foi permanentemente revogado, e seus direitos como criatura chegaram ao fim. Não é esse o tipo de punição mais severo?

Extraído de ‘A obra de Deus, o caráter de Deus e o Próprio Deus III’ em “A Palavra manifesta em carne”

Trechos de sermão e comunhão para referência:

Se você condenar a Deus, Ele o aniquilará, Ele o destruirá no inferno, colocará você no lago de fogo e enxofre para que seja queimado por toda a eternidade. Veja os israelitas, que crucificaram o Senhor Jesus – qual a retribuição que caiu sobre eles? Uns quarenta anos mais tarde, um general romano chamado Tito liderou um exército de cem mil homens e destruiu Israel. Os israelitas foram levados para o exílio, transformando-se numa diáspora que vagava pelo mundo em busca de refúgio. Os israelitas suplicaram a Deus sem parar: “Por que somos reduzidos a escravos em outras nações? Por que nossa raça está enfrentando tamanha luta sem precedentes? Por que Tu não nos resgataste quando nossas crianças e até mesmo nossos recém-nascidos estavam sendo abatidos? Por que escondeste Teu rosto de nós?”. Tentaram até argumentar com Deus. A resposta de Deus foi: “Bem feito! Vocês merecem sua punição. Essa é sua retribuição por crucificarem Deus. Porque vocês condenaram e crucificaram o Deus encarnado, o reino de Israel será destruído por dois mil anos, o povo de Israel será escravizado, abatido e sujeito a um sofrimento eterno e sem fim”. Isso não é retribuição? Esse não é o caráter de Deus? Hoje em dia, círculos religiosos e o grande dragão vermelho estão condenando o Deus Todo-Poderoso. Quando estudam o caminho verdadeiro e buscam a verdade, muitas pessoas param e desistem totalmente quando ouvem a propaganda negativa do grande dragão vermelho e as palavras enganosas do mundo religioso. No fim, quem será responsabilizado pela aniquilação das almas dessas pessoas? (O grande dragão vermelho e o mundo religioso.) É por isso que Deus diz que o grande dragão vermelho e todos os pastores e presbíteros religiosos são demônios que devoram almas humanas e inimigos que obstruem a investigação das pessoas e sua busca do caminho verdadeiro! Por que, então, Deus não salva essas pessoas? Para começar, elas não amam a verdade em essência; depois, sua ruína serve para condenar o grande dragão vermelho e os pecados desta era e acertar as contas com as pessoas desta era. Por fim, Deus disse: “Quero pregar pessoas do universo inteiro na cruz de cabeça para baixo. Já que vocês crucificaram Cristo, Eu crucificarei todos vocês!”. Esse é o caráter de Deus. Portanto, não importa o quanto você resista a Deus, Ele não lhe dará qualquer atenção. Ele não parece abertamente irritado, não existe estrondo perceptível. Ele não parece tomar conhecimento, mas espere para ver. Deus jamais apressa Seus atos. Quando os israelitas crucificaram o Senhor Jesus, a retribuição lhes sobreveio apenas após uns quarenta anos mais tarde. Não foi assim? Atualmente, há muitos malfeitores. Deus simplesmente os ignora, como se Ele não os visse ou prestasse atenção neles. Deus tem Seus Próprios arranjos e cronologia. Quando seus malfeitos alcançarem certo ponto, a retribuição virá sobre eles. A retribuição não está começando a pesar sobre o grande dragão vermelho? Brigas internas estão surgindo dentro do Partido Comunista Chinês. Quanto mais medidas repressivas forem tomadas contra oficiais corruptos, mais intensas e explosivas se tornarão as brigas internas e maior será o caos. Não é assim? O caos vai reinar e a retribuição virá. Como dizem os ditados populares: “O que vai, volta. Você colhe o que semeia. O pecado cria seu próprio inferno; e a bondade, seu próprio céu. É apenas uma questão de tempo”. Agora a retribuição está chegando, e as palavras de Apocalipse foram cumpridas: “Eis que cedo venho e está comigo a minha recompensa, para retribuir a cada um segundo a sua obra” (Apocalipse 22:12). Alguma retribuição está ocorrendo agora? Você consegue enxergar isso claramente? A existência de retribuição é evidência do governo de Deus e de Sua justiça.

Extraído de “Sermões e comunhão sobre a entrada na vida”

No que diz respeito à vinda da grande catástrofe, Deus disse: “A China é a primeira a ser aniquilada, a ser devastada pela mão de Deus”. Isso mal tinha sido dito quando foi confirmado como fato consumado, como algo já completamente certo. Que provas existem? Existe uma montanha em Guizhou, na China, onde um deslizamento revelou uma grande rocha com caracteres esculpidos nela, que diziam: O Partido Comunista Chinês perecerá! Esses seis caracteres estavam esculpidos no alto da rocha da montanha. Segundo geólogos chineses que estavam lá para investigar, os caracteres não tinham sido esculpidos por humanos, e a rocha foi formada várias centenas de milhões de anos atrás. Assim, quando esses caracteres forma criados? Não podemos dizer se foram formados vários milênios ou dezenas de milênios atrás, ou até mesmo várias centenas de milênios atrás. Alguns têm dito: “Isso não está correto. Se você está dizendo que os caracteres foram formados milhares ou dezenas de milhares de anos atrás, o Partido Comunista ainda nem tinha sido formado. Como poderiam ter existido caracteres dizendo que ‘o Partido Comunista Chinês perecerá’? Há quantos anos o Partido Comunista Chinês tem existido?” O Partido Comunista Chinês foi formado em Xangai em 1921. Isso foi há mais de noventa anos. E quanto aos caracteres naquela rocha? Talvez tenham várias centenas de milhares de anos de idade. Se, portanto, não existia Partido Comunista na época, como aqueles caracteres poderiam ter sido formados? Algo assim é possível? Deus tem tal poder. Tudo é orquestrado, arranjado e destinado por Deus. Portanto, centenas de milhares de anos ou dezenas de milhões de anos atrás, muito antes dessa coisa aparecer, Deus já tinha pré-ordenado que, nos últimos dias, Ele formaria um grupo de pessoas que estariam de acordo com Deus; Ele tinha pré-ordenado que o Partido Comunista Chinês seria selecionado como contraste; Ele tinha pré-ordenado onde o grupo de acordo com Ele nasceria e quando ele viria diante de Deus. Ele tinha pré-ordenado o quanto teríamos que sofrer ao experimentar Sua obra, se seriam 81 ou 180 tribulações. Ele pré-ordenou tudo isso. Tudo foi pré-ordenado. Já que Deus pré-ordenou essas coisas e já que Deus é todo-poderoso, as profecias do livro de Apocalipse e dos livros proféticos da Bíblia foram criadas. As profecias nos livros proféticos foram professadas vários milênios antes dos eventos acontecerem. Aquelas coisas no livro de Apocalipse foram ditas dois mil anos atrás. Foram escritas por João, o Apóstolo, após suas visões na ilha de Patmos. Essas coisas foram professadas dois mil anos atrás, portanto, Deus arranjou os eventos dos últimos dias muito tempo atrás. Quanto ao Partido Comunista Chinês, Deus decidiu que ele fará esse serviço de agir como contraste nos últimos dias. Quando ele tiver concluído sua missão de servir como contraste, Deus o destruirá. Por que Deus expôs aqueles caracteres ‘o Partido Comunista Chinês perecerá’ na rocha de Guizhou de antemão e permitiu que as pessoas os vissem? Os caracteres nessa rocha foram expostos justamente no auge do desafio e da condenação de Deus pelo Partido Comunista Chinês e de sua perseguição do povo escolhido de Deus. Ele usou essa rocha para revelar um segredo: que Deus já pré-ordenou que o Partido Comunista Chinês será destruído e para que o povo escolhido de Deus tenha fé Nele, certo? Não foi por meio dessa rocha que Deus tem falado às pessoas, para lhes dar uma revelação? Se eu explicar dessa forma, as pessoas entendem com facilidade. Agora, vejamos outra palavra de Deus sobre o caráter de Deus: “Mais do que isso, é um símbolo Daquele que não pode ser[a] superado nem invadido pela escuridão e por qualquer força inimiga”. Isso é verdade? Todos dizem que sim. Antes de existir um Partido Comunista Chinês e antes de existir este mundo maligno, Deus já tinha pré-ordenado as coisas. Nenhuma força maligna pode impedir a obra de Deus, e elas certamente serão extintas. Essas são coisas que Deus pré-ordenou. Podemos reconhecer o caráter de Deus em tudo isso: “Mais do que isso, é um símbolo Daquele que não pode ser[a] superado nem invadido pela escuridão e por qualquer força inimiga”? É fácil reconhecer isso? Assim, se algum crente novo perguntar se Deus pode ou não destruir o grande dragão vermelho, esse é um testemunho apropriado. Existe outra forma de dar testemunho? Você pode dizer que o Império Romano perseguiu de forma ainda pior os cristãos na era dos apóstolos. O governo romano matou não sei quantos. No fim, como ele foi destruído por Deus? Deus o destruiu com uma praga. Quando a grande praga veio, os cadáveres cobriram o território do Império Romano. Deus acabou com ele com a praga. Ele destruiu algumas nações com rebeliões populares. Ele usou guerras para acabar com outras nações. Houve todo tipo de maneiras para destruí-las. Como, então, Deus acabará com o Partido Comunista Chinês? Deus o destruirá com Sua própria mão! Após Deus retornar para Sião, Ele instantaneamente trará uma destruição catastrófica sobre o Partido Comunista Chinês. Precisamos entender isso. Essas coisas bastam para demonstrar o caráter de Deus “Mais do que isso, é um símbolo Daquele que não pode ser[a] superado nem invadido pela escuridão e por qualquer força inimiga”.

Extraído de “Sermões e comunhão sobre a entrada na vida”

Na verdade, que a história da comunidade religiosa de resistência a Deus vem desde o final da Era da Lei. Quando Deus estava encarnado e fez a Sua obra pela primeira vez durante a Era da Graça, a comunidade religiosa já tinha sido tomada pelos fariseus e anticristos há muito tempo. Ela se tornou a força opositora da obra de redenção do Senhor Jesus. Quando Deus Todo-Poderoso, Cristo dos últimos dias, aparece e faz a Sua obra, aqueles na comunidade religiosa ainda continuam inimigos da obra de julgamento de Deus nos últimos dias. Além de condenarem e blasfemarem contra Deus Todo-Poderoso fanaticamente, colaboram com o regime satânico do Partido Comunista Chinês para perseguir e suprimir a Igreja de Deus Todo-Poderoso. Eles cometeram o pecado hediondo de crucificar Deus novamente! O Senhor Jesus não só amaldiçoou os fariseus, revelando a escuridão da comunidade religiosa, mas quando Deus Todo-Poderoso fez Sua obra de julgamento nos últimos dias, Ele ainda expôs a essência verdadeira dos pastores e presbíteros: a resistência deles a Deus. Além disso, Ele amaldiçoou os anticristos que mais uma vez crucificaram Deus. Isso realmente dá o que pensar! Ambas as vezes que Deus estava encarnado, Ele condenou e amaldiçoou a comunidade religiosa. O que isso mostra? Os escolhidos de Deus finalmente entendem que a comunidade religiosa, a grande Babilônia, está destinada a cair. A comunidade religiosa acredita em Deus só em nome, mas nunca realmente O exalta ou dá testemunho Dele. Eles definitivamente não cumprem a Sua vontade. Eles não conseguem trazer os escolhidos de Deus para o Seu trono. Eles certamente não conseguem conduzi-los no caminho certo, para que eles entendam a verdade e conheçam Deus ao praticarem e vivenciarem as Suas palavras. Os líderes religiosos vão completamente contra a vontade de Deus. Eles mesmos não praticam a verdade, mas pregam o conhecimento bíblico e teorias teológicas para se exibirem e fazerem as pessoas os admirar e adorar. Eles conduzem os fiéis no caminho hipócrita dos fariseus. Eles prejudicam e arruinam os escolhidos de Deus. Todos os líderes religiosos se tornaram ferramentas de Satanás, verdadeiros anticristos. Durante os três estágios da Sua obra para salvar a humanidade, Deus encarnou duas vezes para redimir e salvar a humanidade. A comunidade religiosa inteira é inimiga de Cristo; ela se tornou um obstáculo para a obra de salvação de Deus. Ela ofendeu o caráter Dele e foi amaldiçoada e castigada por Ele como consequência. É como a profecia diz: “Caiu, caiu a grande Babilônia, e se tornou morada de demônios, e guarida de todo espírito imundo” (Apocalipse 18:2), “Caiu, caiu a grande Babilônia, que a todas as nações deu a beber do vinho da ira da sua prostituição” (Apocalipse 14:8), “Ai! ai da grande cidade, Babilônia, a cidade forte! pois numa só hora veio o teu julgamento” (Apocalipse 18:10).

Aqueles que resistem, interrompem ou atrapalham a obra de Deus com certeza vão receber castigo e punição Dele. Na Era da Lei, os cidadãos de Sodoma renegaram e resistiram publicamente a Deus. Eles enfureceram o Seu caráter e foram todos destruídos por Ele e reduzidos a nada. Durante a Era da Graça, os sumos-sacerdotes judeus, escribas e fariseus resistiram e condenaram publicamente o Senhor Jesus. Eles conspiraram com o governo romano para crucificar o Senhor Jesus. Eles cometeram um pecado grave que provocou o caráter de Deus. A nação judaica inteira foi submetida à destruição sem precedentes. Nos últimos dias, os líderes religiosos julgam, resistem e condenam Deus Todo-Poderoso. Eles até coopem e conspem com o maligno Partido Comunista Chinês, para suprimir, prender e perseguir aqueles irmãos que pregam o evangelho do reino. Eles cometem pecados hediondos de blasfemar contra o Espírito Santo e crucificar Deus de novo tempos atrás. O comportamento maligno deles é ainda pior do que o dos homens de Sodoma. É incomparavelmente pior do que daqueles fariseus judeus. Eles são os anticristos expostos pela obra de Deus durante os últimos dias. Eles são a força religiosa maligna que resiste a Deus mais severa e fanaticamente do que qualquer outra na história! A comunidade religiosa é composta inteiramente de forças malignas que resistem a Deus. É um ninho de demônios anticristos. É uma fortaleza convicta que tenta se manter como o reino de Cristo em pé de igualdade. Eles são um campo satânico de inimigos mortais de Deus que teimosamente se rebelam contra Ele! O caráter justo de Deus não pode ser ofendido. A santidade Dele não pode ser manchada. A obra de Deus nos últimos dias é o iniciar de uma nova era e o fim de uma antiga. A comunidade religiosa que é controlada por todas as formas de demônios anticristos e também esse mundo maligno vão ser destruídos em breve pela catástrofe de Deus nos últimos dias. O castigo justo de Deus já chegou! É como Deus Todo-Poderoso diz: “O mundo está desabando! A Babilônia está paralisada! O mundo religioso – como ele poderia não ser destruído pela Minha autoridade na terra?” (de ‘Capítulo 22’ das palavras de Deus para todo o universo em “A Palavra manifesta em carne”).

Extraído de “Perguntas e respostas clássicas sobre o evangelho do reino”

Nota de rodapé:

a. No texto original lê-se: “é um símbolo de ser incapaz de ser”.

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.

Conteúdo relacionado