Oprimido por minha família: um aprendizado

04 de Fevereiro de 2022

Por Wuwen, Canadá

Meu marido não me impediu quando eu era nova na fé, e eu compartilhei o evangelho com ele, também. Mas seu foco era ganhar dinheiro, por isso não quis saber da fé. Então ele percebeu que toda minha conduta mudou e que eu estava bem mais equilibrada, aí passou a me apoiar bastante. Mas, um ano depois, ele começou a me impedir. Um dia, quando voltou do trabalhou, ele me perguntou: “Você acredita na Relâmpago do Oriente, não é? Dei uma carona pro Mike hoje, e ele me contou que o clero da igreja dele afirma que não é o caminho verdadeiro, que seus sermões são profundos e que é fácil ser enganado por eles. Mike me alertou que você não deveria ouvir esses sermões”. Mike era seu chefe e um crente no Senhor de longa data. Era muito talentoso — meu marido o respeitava muito. Vi que meu marido achava que Mike estava certo, então lhe contei que ele não entendia questões de fé e que não devia repetir as palavras de outros. Ele pareceu hesitar por um momento, então se calou.

Numa outra vez, ele me disse em tom sério: “Fiz uma pesquisa on-line, e seu Deus Todo-Poderoso está sendo atacado pelo Partido Comunista. As pessoas dizem muita coisa sobre Deus Todo-Poderoso, que Ele não é Deus, só uma pessoa comum, e que a Igreja de Deus Todo-Poderoso está explorando dinheiro das pessoas. Não posso permitir que você participe de reuniões com pessoas da Igreja. Temo que você seja enganada”. Fiquei furiosa ao ouvir isso e respondi: “Você não leu as palavras de Deus Todo-Poderoso e não entende a Igreja. Como pode julgar com base em alguns boatos na internet? Você sabe que todos os cristãos acreditam no Senhor Jesus e sabem que Ele é o Deus verdadeiro. Dois mil anos atrás, quando o Senhor Jesus estava operando, Ele também foi condenado e negado por muitas pessoas. Diziam que Ele era uma pessoa comum, filho de um carpinteiro. O Senhor Jesus tinha a aparência de uma pessoa comum, mas tinha uma essência divina e podia expressar a verdade e redimir a humanidade. Ele era o Espírito de Deus revestido em carne, o Redentor da humanidade. Se ouvirmos o Partido Comunista e dissermos que qualquer um que pareça ser uma pessoa comum não é Deus, isso não seria negar também que o Senhor Jesus Cristo? Como o Senhor Jesus, Deus Todo-Poderoso não tem uma aparência notável, mas Ele pode expressar a verdade, a voz de Deus. Já li tanto das palavras de Deus Todo-Poderoso. Elas revelam todo tipo de mistérios sobre a Bíblia e nos dizem como Satanás corrompe a humanidade, como Deus a salva, a raiz de toda escuridão e do mal no nosso mundo e a verdade sobre a corrupção humana. Também nos mostram a senda para sermos livres do pecado, salvos por Deus e entrarmos no reino dos céus. Ninguém poderia expressar essas verdades, por mais famosos ou importantes que fossem. Que ser humano poderia expressar a verdade? Quem poderia fazer a obra de redenção e salvação? Ninguém. Isso prova que Deus Todo-Poderoso é Deus encarnado que veio para a humanidade”. Também lhe disse que a Igreja de Deus Todo-Poderoso nunca pede ofertas. Todos os livros das palavras de Deus são entregues de graça. A alegação do Partido de que a Igreja só quer o dinheiro das pessoas é pura calúnia. Disse-lhe que ele não podia engolir essas mentiras. Ele se afastou sem dizer nada.

Uma vez, quando voltei de compartilhar o evangelho, ele me disse, furioso: “Vi na internet que o Partido diz que as pessoas da sua Igreja estão abandonando as famílias. Você tem saído muito recentemente. Está se preparando para ir embora?”. Eu disse: “Cuido muito bem do nosso lar. Como pode dizer isso? Saio para compartilhar o evangelho, para que as pessoas saibam que o Salvador veio e elas aceitem Sua salvação. Você viu como as pessoas estão ficando mais corruptas, seguindo tendências malignas e vivendo em pecado. Veja seus amigos — todos ou jogam ou procuram prostitutas. Existe um único que seja moral? O mundo se tornou tão maligno. Todos negam e resistem a Deus, a corrupção está no auge. A Bíblia profetiza grandes desastres nos últimos dias que aniquilarão toda a humanidade corrupta. Os desastres estão aumentando. Só se aceitarem o julgamento e castigo de Deus Todo-Poderoso e se livrarem do pecado e da corrupção, as pessoas poderão ser protegidas por Deus nos desastres e entrar em Seu reino. Crentes em Deus Todo-Poderoso entendem a urgência com que Deus quer salvá-las, e estamos dispostos a renunciar a prazeres carnais, para compartilhar e dar testemunho do evangelho do reino de Deus. Isso é fazer a vontade de Deus — é justo e é fazer obras boas! Mas o Partido Comunista não permite que as pessoas tenham fé, compartilhem o evangelho nem deem testemunho de Deus, e está prendendo e perseguindo cristãos feito louco. Isso forçou muitos cristãos a abandonar sua família, sem poder voltar. Alguns até são detidos e presos ou perseguidos até a morte. Tudo isso não resulta da perseguição dos cristãos pelo Partido Comunista? Mas estão acusando as vítimas, dizendo que os crentes estão abandonando sua família. Isso não é distorcer as coisas, invertendo a verdade? Ter fé é certo e correto. Há tantos crentes no mundo inteiro. Onde a fé está destruindo famílias? O Partido é maligno, só faz mentir. Mas você não o despreza — até acredita em suas mentiras. Você vai na onda dele, dizendo que desertamos nossa família. Isso é confundir o certo com o errado.” Ele tinha engolido as mentiras do Partido e nem me ouviu. Irritado, ele disse: “Não me importo. Acredite em qualquer coisa, mas não em Deus Todo-Poderoso”. Vendo que estava tão determinado, senti um pouco de pânico. Estávamos casados havia mais de uma década e tínhamos passado por muito juntos. Sempre discutíamos tudo e nos apoiávamos sem conflitos maiores. Vê-lo tão irado comigo por causa da minha fé em Deus Todo-Poderoso foi muito angustiante. Fiz uma oração em silêncio, pedindo que Deus me guiasse a entender Sua vontade. Lembrei-me desta citação das palavras de Deus depois de orar: “Em cada passo da obra que Deus faz no interior das pessoas, externamente ela parece consistir em interações entre pessoas, como se nascida de arranjos humanos ou de interferência humana. Mas nos bastidores, cada passo da obra e tudo o que acontece é uma aposta feita por Satanás diante de Deus e requer que as pessoas permaneçam firmes em seu testemunho a Deus” (‘Apenas amando a Deus é que verdadeiramente se crê em Deus’ em “A Palavra manifesta em carne”). Isso me ajudou a entender que, na superfície, parecia que meu marido estava obstruindo minha fé, na verdade, era a interferência de Satanás que estava por trás disso. Satanás quer governar e possuir as pessoas para sempre. Ele não queria que eu viesse para Deus e O adorasse e tentava de tudo para me impedir, usando as mentiras on-line para enganar meu marido, tentando usá-lo para obstruir meu caminho, para que eu desistisse do caminho verdadeiro e traísse a Deus pelo que sentia por ele. Satanás é tão sinistro e perverso! Ciente disso, resolvi que, não importando o que Satanás fizesse, eu manteria minha fé e seguiria a Deus e jamais cederia a Satanás! Então lhe disse: “Acredito e sigo a Deus. É a senda correta. Essa é a minha escolha e você não tem o direito de interferir!”. Furioso, ele saiu sem dizer nada.

Um dia, ele me viu ouvindo os hinos das palavras de Deus. De cara feia, ele disse: “Eu lhe disse, não acredite em Deus Todo-Poderoso. Por que nunca me ouve? Mike já é um crente há anos, ele é um cristão devoto. Ele me disse que a Relâmpago do Oriente não é o caminho verdadeiro, se quiser acreditar em Deus, vá para a igreja do Mike. É grande e famosa. Irei aos cultos com você toda semana, e Mike pode pedir que seu pastor fale com você”. Eu lhe disse: “Por que tem tanta certeza daquilo que Mike diz? Para que admirar os pastores? Você só vê que os pastores têm qualificações e são famosos, mas não se importa com o que pregam. Se não aceitarem Deus Todo-Poderoso, eles não terão o sustento da verdade. Só falam sobre conhecimento bíblico, sempre a mesma coisa. Nada dizem sobre como colocar as palavras do Senhor em prática ou como resolver a pecaminosidade das pessoas. Frequentar aquela igreja não me ajudará. Gosto das reuniões da Igreja de Deus Todo-Poderoso; elas me nutrem. Com cada reunião, entendo mais da verdade e aprendo a viver uma humanidade normal. Você mesmo disse que tinha visto algumas mudanças em mim desde que ganhei a fé. Por que não consegue se orientar pelos fatos, mas insiste nas mentiras do Partido e obstrui meu caminho?” Ele não pôde argumentar contra isso, então só me ameaçou: “Você se recusa a me ouvir. Se insistir nisso, você entregará todo seu dinheiro e todas as suas contas para mim e terá que transferir a casa para o meu nome”. Foi como se ele tivesse enfiado uma faca no meu coração. Em nossos anos de casados, eu gastava pouco e dava duro para ganhar dinheiro. Não foi fácil juntar o dinheiro para dar entrada na casa. Nem sequer comprei uma única peça de roupa nova. Tudo era para a nossa casa. Ouvi-lo dizer algo tão frio para mim me deixou chocada. Como nossa relação poderia estar num impasse só por causa da minha fé? Eu não tinha bens nem dinheiro, o que eu faria se ele me expulsasse? Era como se a faca fosse revirada no meu coração. Fui para o quarto e comecei a chorar, orando a Deus em lágrimas: “Deus, estou sofrendo e me sentindo muito fraca. Não sei como passar por essa situação. Por favor, guia-me para que eu entenda a Tua vontade”.

Então me lembrei de algumas palavras de Deus: “No passado, as pessoas todas vinham diante de Deus para tomar suas resoluções e diziam: ‘Mesmo que ninguém mais ame Deus; eu devo amá-Lo’. Mas agora, o refinamento vem sobre você e, já que isso não se alinha com suas noções, você perde a fé em Deus. Isso é amor genuíno? Você leu muitas vezes os feitos de Jó — você se esqueceu deles? O verdadeiro amor só pode tomar forma de dentro da fé. Você desenvolve o verdadeiro amor por Deus através dos refinamentos a que se submete, e é por meio de sua fé que você é capaz de estar atento à vontade de Deus em suas experiências práticas, e também é por meio da fé que você abandona a própria carne e busca a vida; isso é o que as pessoas deveriam fazer. Se fizer isso, então você será capaz de ver as ações de Deus, mas, se lhe faltar fé, então você será incapaz de ver as ações de Deus ou de experimentar Sua obra” (‘Aqueles que hão de ser aperfeiçoados devem passar pelo refinamento’ em “A Palavra manifesta em carne”). As palavras de Deus me deram alguma força. Diante da opressão e adversidade, o que Deus quer é fé e amor genuínos. Não importa o que estejamos experimentando ou sofrendo, não podemos nos desviar Dele. Eu sabia que tive a sorte de ouvir a voz de Deus nos últimos dias. Ser capaz de acolher o retorno do Senhor, testemunhar a aparição de Deus e desfrutar do sustento de todas as verdades expressadas por Deus foi porque Deus me ama. Sofrer a fim de seguir a Cristo tinha valor e sentido. Era pelo bem da justiça. Lembrei-me dos apóstolos e discípulos do Senhor Jesus, que seguiram a Deus e deram testemunho Dele. Foram perseguidos brutalmente pelo governo romano, condenados e oprimidos pelos líderes religiosos. Alguns foram até martirizados pelo Senhor e deram sua vida. O pouco que eu estava sofrendo hoje não era nada em comparação com o sofrimento dos santos ao longo das eras. Eu não deveria ter pena de mim, mas aprender com isso. Devia seguir Deus até o fim por mais difícil que fosse. Então enxuguei minhas lágrimas, saí do quarto e disse ao meu marido: “Estamos casados há mais de uma década e fiz muito pelo nosso lar. Agora você quer tirar de mim todos os meus bens e dinheiro, controlar minhas finanças para que eu desista do caminho verdadeiro. Não dou ouvidos a você. Estou seguindo a Deus!”. Ele ficou furioso quando eu disse isso. Como se tivesse perdido a cabeça, pegou meu aparelho MP3 e então vasculhou todos os meus pertences pessoais. Pegou todos os meus documentos e joias, Meu dinheiro e meus cartões. Então pegou meu celular e o jogou no chão, e, com uma cadeira, destruiu o celular. Estava tentando romper todos os meus contatos com o mundo exterior.

Então ele chamou meus pais, irmãs e cunhados e todos se juntaram contra mim. Minhas irmãs tinham visto todas as calúnias on-line que o Partido Comunista inventou sobre a Igreja de Deus Todo-Poderoso e me mostraram coisas sobre o caso de Zhaoyuan que o Partido tinha inventado. Eu disse: “Eu sei de tudo isso. O caso de Zhaoyuan foi processado no tribunal do Partido, e os suspeitos não disseram que faziam parte da Igreja de Deus Todo-Poderoso. Disseram claramente no tribunal que nunca tiveram contato com a Igreja, mas o juiz do Partido Comunista insistiu em dizer que eram membros da igreja. Isso não é incriminar a Igreja? Não é claramente um caso falso que criaram? Vocês sabem que o Partido Comunista é ateu e que perseguiu crenças religiosas desde que assumiu o poder. Como podem acreditar em qualquer coisa que ele diz contra a Igreja de Deus Todo-Poderoso?”. Mas minhas duas irmãs foram enganadas por essas mentiras e não usaram de raciocínio crítico contra os rumores espalhados pelo Partido. Disseram: “É o que todos os grandes noticiários estão dizendo. Como poderia ser mentira?”. Eu lhes disse: “Todas as mídias chinesas são controladas pelo Partido Comunista, são seus porta-vozes. São obrigadas a dizer tudo que o Partido as manda dizer e não ousam relatar a verdade. Muitas mídias estrangeiras também são compradas pelo Partido e dizem o que ele quer. Não conseguem ver o que está acontecendo? Os fatos falam por si, e os sábios não dão ouvidos a rumores. Sugiro que abram os olhos e parem de acreditar cegamente a esses boatos”. Elas não souberam o que responder a isso. Irritada, minha mãe disse: “Você não quer nos ouvir. É realmente tão difícil desistir de Deus Todo-Poderoso? A família toda se preocupa com você por causa da sua crença. Por que se recusa a aceitar nosso conselho?”. Então começou a chorar. Foi difícil ver minha mãe tão triste. Ela criou as três filhas sozinha e não foi fácil para ela. Agora que estava velha, eu não queria que ela se preocupasse comigo. Eu estava prestes a chorar. Então minha irmã caçula disse: “Veja o que está fazendo com nossa mãe. Quem você quer, ela ou Deus Todo-Poderoso?”. A outra irmã disse friamente: “Se quiser ficar com sua religião, não nos culpe por não tratar você como família. Denunciaremos você à polícia por um crime, dizendo que você cometeu alguma fraude, e eles a deportarão para a China. Não se esqueça, fui eu que paguei sua vinda para o Canadá”. Fiquei furiosa ao ouvi-las dizer tudo isso. Nunca imaginei que tentariam me forçar a desistir da minha fé e me ameaçariam com táticas tão maliciosas e desprezíveis. Eu não podia cair nessa. Eu já era uma cidadã canadense naturalizada, portanto, não podiam me acusar arbitrariamente para causar minha deportação. Eu nunca teria imaginado que minha irmã de sangue diria algo assim para mim. Eu me senti horrível e não conseguia parar de chorar.

Então me lembrei de um dos hinos da igreja. “Sempre na Sua companhia”: “Tuas palavras e obra me guiam, o Teu amor me atrai segui-Lo. Me alegro todo dia com Tuas palavras, és minha constante companhia. Quando sou fraco e negativo, Tuas palavras me dão força e sustento. No revés e no fracasso, Tuas palavras são a mão a me levantar. Quando acuado por Satanás, Tuas palavras me dão coragem e sabedoria. No refinamento e na provação, Tuas palavras me guiam para testemunhar. Tuas palavras me acompanham e guiam, meu coração está em paz. O Teu amor é tão real, o meu coração está cheio de gratidão” (“Seguir o Cordeiro e cantar cânticos novos”). Eu sabia que, mesmo com uma família opressiva que não me entendia, Deus estava sempre do meu lado. Com o esclarecimento e orientação de Suas palavras, eu conseguia perceber os truques de Satanás, e Deus me confortava e me dava força e fé com Suas palavras. Eu me senti melhor quando vi as coisas desse jeito. Lembrei-me ainda de outra passagem: “Não fique desanimado, não seja fraco, e Eu esclarecerei as coisas a você. A estrada para o reino não é tão fácil; nada é assim simples! Vocês querem que as bênçãos venham a vocês facilmente, não querem? Hoje, todos terão provações amargas para enfrentar. Sem tais provações, o coração amoroso que vocês têm por Mim não se tornará mais forte e vocês não terão um amor verdadeiro por Mim. Mesmo se essas provações consistirem simplesmente de circunstâncias menores, todos devem passar por elas; só a dificuldade das provações é que variará de uma pessoa para outra. […] Aqueles que compartilham do Meu amargor certamente compartilharão da Minha doçura. Essa é a Minha promessa e a Minha bênção para vocês” (‘Capítulo 41’ das Declarações de Cristo no princípio em “A Palavra manifesta em carne”). Refletindo sobre isso, entendi que a senda para o reino dos céus está cheia de dificuldades que ninguém pode evitar. Ser bombardeada e oprimida por minha família era uma chance de dar testemunho diante de Satanás. Era Deus me elevando e abençoando, algo que eu nunca teria num ambiente confortável. Esse sofrimento tinha valor e sentido. Certa de que esse é o caminho verdadeiro, que é obra de Deus, por mais opressão e tristeza que encarasse, eu estava disposta a continuar seguindo a Deus.

Quando viu que eu não recuaria, seus olhos se encheram de raiva, e, agressivo, ele disse: “Sei que foi sua amiga que converteu você. Ela só queria pegar seu dinheiro. Eu a desprezo. Acredite ou não, eu vou matá-la, mesmo que tenha que ir para a prisão”. Quando ouvi isso, fiquei chocada e muito assustada. Comecei a tremer. Eu nunca teria imaginado que o homem com quem vivi todos esses anos podia se tornar tão brutal. Que tipo de marido era ele? Era claramente um demônio que odiava a Deus e a verdade! Ele disse uma coisa horrível só para me afastar da fé. Então vi seu lado selvagem, e temia que ele realmente matasse minha amiga. Eu nem tive tempo de me recuperar, quando minha mãe disse: “Parece que vocês dois vão brigar. Pegue algumas roupas e fique comigo por uns dias. Você não pode ter contato com gente de fora nem ir trabalhar, mas fique em casa e reflita sobre o que você fez”. Fiquei preocupada ao ouvi-la dizer isso. Meu marido tinha enlouquecido — quem sabe o que ele faria. Ele tinha destruído meu celular, e eu não podia alertar minha amiga. Agora não permitiriam que ou tivesse contato com ninguém nem que fosse trabalhar. Isso não era prisão domiciliar? Eu não sabia como entrar em contato com a igreja nem como levar uma vida de igreja. Desesperada, clamei a Deus no coração, pedindo que Ele me guiasse. Então me lembrei de que os direitos religiosos são protegidos nos países ocidentais, que as pessoas têm liberdade de crença. Minhas irmãs queriam me denunciar à polícia, me difamar, então eu também podia fazer uma denúncia à polícia. Seria para proteger a minha amiga e, com a polícia envolvida, elas não ousariam criar confusão. Então eu disse à minha mãe: “Não quero ir para sua casa, quero fazer uma denúncia à polícia”. Todos ficaram perplexos e não disseram nada. Fui diretamente para a delegacia. Quando cheguei, eu relatei a perseguição pela minha família por causa da minha fé. Eles quase não acreditaram que algo assim poderia estar acontecendo em seu país. Foram muito simpáticos e me levaram para casa. Alertaram meu marido e a família: “Temos liberdade de religião neste país. Vocês não podem interferir na fé dela nem restringir sua liberdade pessoa. Se ela quiser trabalhar, vocês não podem impedi-la. Além disso, documentos de identificação são propriedade pessoal. Devolvam-nos a ela”. Eles não ousaram mais me forçar depois de ouvir isso da polícia. Eu era tão grata a Deus e Lhe agradeci por abrir uma saída para mim.

Meu marido foi contido pela lei, então não ousou tomar medidas diretas contra mim, mas não desistiu e continuou inventando maneiras para me obrigar a desistir da fé. Dois dias depois, começou a me pressionar para transferir a casa para o nome dele. Fiquei preocupada quando ele disse isso. Dois dias antes, ele tinha tirado todo meu dinheiro e joias, e agora queria que eu transferisse a casa para o nome dele. Se ele me expulsasse, eu ficaria sem nada. E meus pais e irmãs não me acolheriam. Comecei a ficar agitada de novo quando pensei em tudo isso, mas então me lembrei das palavras de Deus: “Deus faz sua obra, Deus cuida de uma pessoa, olha para essa pessoa, e, enquanto isso, Satanás segue cada um de Seus passos. A quem quer que Deus favoreça, Satanás também observa, seguindo atrás dele. Se Deus quer essa pessoa, Satanás faz tudo em seu poder para obstruir Deus, usando vários artifícios malignos para tentar, interromper e destruir a obra que Deus faz, tudo isso com intuito de atingir seu objetivo oculto. Qual é esse objetivo? Ele não quer que Deus ganhe ninguém; todos aqueles que Deus quer, ele os quer para si mesmo, quer ocupá-los, controlá-los, para comandá-los para que eles o adorem, para que se juntem a ele para cometer atos malignos. Não é esse o motivo sinistro de Satanás?” (‘O Próprio Deus, o Único IV’ em “A Palavra manifesta em carne”). “Se as pessoas desejam ser salvas, e desejam ser completamente ganhas por Deus, então todos aqueles que seguem a Deus devem enfrentar tentações e ataques tanto grandes como pequenos da parte de Satanás. Aqueles que emergem dessas tentações e ataques são capazes de derrotar completamente Satanás são aqueles que foram salvos por Deus. Isso significa que aqueles que foram salvos para Deus são aqueles que passaram pelas provações de Deus e que foram tentados e atacados por Satanás por um número incontável de vezes. Aqueles que foram salvos para Deus entendem a vontade e os requisitos de Deus, e são capazes de concordar com a soberania e os arranjos de Deus, e não abandonam o caminho de temer a Deus e evitar o mal em meio às tentações de Satanás. Aqueles que são salvos para Deus possuem honestidade, são bondosos, diferenciam entre amor e ódio, têm senso de justiça e são racionais, e são capazes de se preocupar com Deus e valorizar tudo o que é de Deus. Tais pessoas não são amarradas, espiadas, acusadas ou abusadas por Satanás; elas estão completamente livres, elas foram completamente liberadas e libertadas. Jó era tal homem de liberdade, e esse é exatamente o significado de por que Deus o entregou a Satanás” (‘A obra de Deus, o caráter de Deus e o Próprio Deus II’ em “A Palavra manifesta em carne”). A razão pela qual Jó conseguiu passar pelas acusações e tentações de Satanás era que ele tinha fé genuína, obediência e reverência por Deus. Ele cria no governo absoluto de Deus e que tudo que possuía foi Deus quem deu, assim, foi capaz de aceitar e se submeter, não importava se Deus dava ou tirava. Quando Jó perdeu seus bens, seus filhos e até ficou coberto de chagas, ele não culpou Deus, mas louvou Seu nome. Sua esposa lhe disse: “Ainda reténs a tua integridade? Blasfema de Deus, e morre” (Jó 2:9). Ele a repreendeu, dizendo: “Como fala qualquer doida, assim falas tu; receberemos de Deus o bem, e não receberemos o mal?” (Jó 2:10). O testemunho de Jó realmente me inspirou. Eu queria ser igual a ele. Por mais que meu marido me oprimisse ou tirasse meus bens de mim, mesmo que me expulsasse e me deixasse sem nada, ainda assim eu seguiria a Deus na fé, daria testemunho e humilharia Satanás.

No dia seguinte, quando fomos para o banco para transferir a hipoteca, a funcionária do banco nos disseram que era um empréstimo novo, que, se quiséssemos uma hipoteca nova, o processo seria complicado e a perda envolvida seria considerável. Ela sugeriu que, se possível, fizéssemos a mudança depois de cinco anos. As mãos do meu marido estavam atadas, e ele desistiu. Agradeci a Deus de coração e senti que as palavras de Deus são verdadeiras: “O coração e o espírito do homem são guardados na mão de Deus, tudo de sua vida é observado pelos olhos de Deus. Não importa se você acredita nisso ou não, todas as coisas, vivas ou mortas, vão se transformar, mudar, se renovar e desaparecer de acordo com os pensamentos de Deus. Tal é a maneira pela qual Deus preside sobre todas as coisas” (‘Deus é a fonte da vida do homem’ em “A Palavra manifesta em carne”). Depois disso, voltei a entrar em contato com os irmãos. Quando descobriu, meu marido perguntou se eu continuaria indo às reuniões. Respondi perguntando: “Está pensando em me impedir de novo? Eu posso sair de casa e viver em outro lugar. Você não está preocupado que a Igreja possa me enganar e que eu abandonarei a família? Durante todos os anos com a Igreja, eles tiraram algum dinheiro de mim? É verdade que nós crentes abandonamos nossa família?”. Ele ficou perplexo e, depois de um tempo, disse: “Você está certa. Não vi a Igreja extorquir seu dinheiro e você não está nos abandonando. Fui ingênuo demais com esses boatos. Quis impedir que você fosse defraudada. Você pode acreditar o que quiser”. Fiquei tão feliz. Eu não tinha podido participar de reuniões desde que ele começou a me impedir, e eu sabia que ele não me deteria mais. Mais tarde, ele percebeu que administrar nossas finanças era complicado e não era seu ponto forte, então deixou eu administrar tudo. Ele nunca mais voltou a falar na transferência da hipoteca.

Essa experiência da opressão pela família me mostrou como o Partido Comunista é maligno. Ele não só persegue e detém cristãos loucamente na China, mas espalha suas mentiras on-line, difamando a Igreja de Deus Todo-Poderoso, tentando enganar o mundo inteiro para se voltar contra a Igreja, para que lute contra Deus com ele, assim, no fim, todos serão punidos no Inferno. O Partido Comunista é um demônio maligno que resiste a Deus, que engana as pessoas e as engole por inteiro. Satanás é incrivelmente maligno, mas Deus exerce Sua sabedoria com base nos esquemas de Satanás. Satanás quis usar essa opressão para fazer com que eu traísse Deus, perdendo a chance de ser salva, mas ele nunca imaginou que isso me permitiria desenvolver discernimento e ver sua feiura. Eu o amaldiçoei e o rejeitei de coração, e minha fé em Deus se fortaleceu. Graças a Deus!

Próximo: Tirando a máscara

O alarme dos últimos dias já tocou e grandes desastres já começaram. Você quer dar as boas-vindas ao retorno do Senhor e ter a chance de receber a proteção de Deus com sua família?

Conteúdo relacionado

Entre em contato conosco pelo WhatsApp