Na Bíblia, Paulo disse: “Toda alma esteja sujeita às autoridades superiores; porque não há autoridade que não venha de Deus; e as que existem foram ordenadas por Deus. Por isso quem resiste à autoridade resiste à ordenação de Deus; e os que resistem trarão sobre si mesmos a condenação” (Romanos 13:1-2). Praticando segundo as palavras de Paulo, devemos, em todas as coisas, nos submeter aos poderes instituídos. No entanto, o governo ateísta do PC Chinês perseguiu a crença religiosa durante toda a sua história. É hostil a Deus e não só não permite que creiamos no Senhor, como também prende e persegue aqueles que propagam o evangelho e testificam de Deus. Se nós nos curvarmos ao governo comunista chinês, cessarmos de crer no Senhor e pararmos de propagar o evangelho e de testificar de Deus, nós não estaremos nos posicionando ao lado de Satanás por nos opormos e darmos as costas para o Senhor? Eu realmente não consigo entender: Exatamente o que devo fazer para me conformar à vontade do Senhor nas questões dos poderes instituídos?

21 de Fevereiro de 2021

Resposta:

Disse Paulo: “Toda alma esteja sujeita às autoridades superiores; porque não há autoridade que não venha de Deus; e as que existem foram ordenadas por Deus. Por isso quem resiste à autoridade resiste à ordenação de Deus; e os que resistem trarão sobre si mesmos a condenação” (Romanos 13:1-2). Porque Paulo disse essas palavras, muitos que acreditam no Senhor acham que as autoridades governamentais são ordenadas por Deus e que obedecer a elas é obedecer a Deus. Alguns até acham que, não importa como as autoridades tentem impedir e suprimir a fé das pessoas em Deus, mesmo assim estas deveriam obedecer-lhes e que desafiar as autoridades é opor-se a Deus. Tais pontos de vista estão corretos? Estão de acordo com a vontade de Deus? Na verdade, desde a Era da Lei até a Era da Graça, Deus nunca disse que as pessoas deveriam se submeter aos poderes existentes. Na Era da Lei, o inimigo dos israelitas era o faraó do Egito; era ele quem detinha o poder. E o que Deus fez com ele? Quando ele impediu os israelitas de deixar o Egito, Deus fez cair sobre ele os dez desastres. Se ele não tivesse deixado os israelitas partir, Deus o teria destruído. Quando o exército egípcio estava perseguindo os israelitas, o mar Vermelho se abriu e depois afogou e destruiu os soldados que os perseguiam. Na Era da Lei, todos os reis de diabos que resistiam a Deus acabaram sendo destruídos por Ele. Agora deem uma olhada na Era da Graça: por que o Senhor Jesus foi ao deserto e para o meio das pessoas para pregar, em vez de pregar nos templos? Porque as autoridades e todos os líderes do mundo religioso se opunham a Deus e eram todos hostis ao Senhor, isso deixou o Senhor Jesus sem alternativa a não ser pregar no deserto e em meio às pessoas. Se os discípulos do Senhor Jesus tivessem obedecido às autoridades, teriam eles seguido Jesus? Teriam eles sido elogiados por Ele? Tudo isso deveria mostrar àqueles que realmente acreditam no Senhor qual deveria ser sua abordagem às autoridades do PC Chinês para que sejam segundo o coração de Deus. Se as pessoas acreditam no Senhor há muitos anos, mas ainda assim não conseguem reconhecer os poderes existentes são os inimigos de Deus, elas realmente entendem as Escrituras? Elas realmente conhecem o Senhor? Muitas pessoas não têm discernimento e não conseguem enxergar essas coisas como realmente são, porque não sabem o que fazer após lerem essas palavras de Paulo na Bíblia. Algumas pessoas até chegam a acreditar que obedecer às autoridades governamentais é obedecer ao Senhor e que opor-se e resistir a esses poderes é resistir à ordenança de Deus e trazer condenação sobre si. Tais pontos de vista não estão totalmente errados? Não são eles um terrível equívoco e desafio a Deus? Esses são pontos de vista errôneos que confundem e prejudicam as pessoas!

Todos nós sabemos que o PC Chinês é um partido político ateísta — e onde o ateísmo está no poder, Satanás está no poder. O PC Chinês sempre considerou Deus como o inimigo. Sua abordagem à manifestação e obra de Cristo é: “As tropas não serão retiradas até que o expurgo esteja completo”. O partido não parará diante de nada enquanto não pregar Cristo na cruz. Desde que chegou ao poder, o PC Chinês tem abertamente negado, condenado e blasfemado contra Deus. O cristianismo foi declarado um “xie jiao”, Bíblias são confiscadas e queimadas como “literatura de xie jiao”, e grupos religiosos são perseguidos e oprimidos sob o rótulo de “organizações xie jiao”. Mais especificamente, o PC Chinês tem raivosamente oprimido, prendido e perseguido cristãos que acreditam no verdadeiro Deus e que pregam e dão testemunho de Deus, submetendo-os a crueldade e tortura desumanas, que deixaram muitos feridos e mutilados. Alguns até morreram por causa do abuso que sofreram. Por que o PC Chinês é tão hostil a Cristo, e por que persegue aqueles que acreditam no verdadeiro Deus? Qual é seu objetivo? O que ele mais teme é que o povo chinês comece a acreditar em Deus e a segui-Lo. Ele teme que as pessoas busquem a verdade e sejam salvas por Deus — caso em que não sobrará ninguém para o PC Chinês escravizar, ninguém para servi-lo. E, assim, o regime demoníaco do PC Chinês caça Cristo freneticamente, empregando todo meio a seu dispor para brutalizar e perseguir os cristãos na vã esperança de erradicar a obra de Deus, de exterminar a crença religiosa e de transformar a China numa terra sem Deus, para que a ditadura do demoníaco PC Chinês reine eterna e inalterada na China. Isso prova que ninguém no mundo detesta a verdade e odeia Deus mais do que o maligno e satânico regime do PC Chinês. Ele é um clique de diabos que desafiam a Deus! Onde reina o PC Chinês, reina Satanás! Então, quando rejeitamos o PC Chinês e lhe damos as costas, isso não está em total acordo com a vontade de Deus?

De fato, isso foi revelado pelo Senhor Jesus há muito tempo: “Geração perversa é esta” (Lucas 11:29). “E o julgamento é este: A luz veio ao mundo, e os homens amaram antes as trevas que a luz, porque as suas obras eram más” (João 3:19). Diz a Bíblia: “O mundo inteiro jaz no maligno” (1 João 5:19). O Senhor Jesus foi direto ao ponto ao expor a face e a fonte verdadeiras das trevas e do mal do mundo. Toda a humanidade vive sob a influência de Satanás, intolerante à existência de Deus e à verdade. Na comunidade religiosa, ninguém ousa dar testemunho abertamente da encarnação de Deus nas igrejas, muito menos ousa dar testemunho das verdades expressas por Cristo, seja na igreja, seja em meio às pessoas. Em qualquer denominação, as pessoas que são descobertas dando testemunho de Cristo na carne são detidas e condenadas — são expulsas da igreja e até entregues às autoridades. Essa humanidade não alcançou o ápice do mal? Que a negação de Deus, a negação da verdade e a condenação de Cristo ressoam em cada canto do mundo, isso não ocorre porque aquelas forças satânicas, malignas que se opõem a Deus detêm poder sobre o mundo? Pense em dois mil anos atrás: assim que nasceu, o Senhor Jesus já foi caçado pelo governo romano; enquanto operava e pregava o caminho, Ele foi pregado na cruz pelos líderes judeus em colaboração com as autoridades romanas; e quando Seu evangelho foi pregado na China, ele também deparou com frenética condenação e resistência pelo governo chinês — sabe-se lá quantos missionários na China foram torturados e mortos. Depois que o PC Chinês chegou ao poder, inúmeros outros cristãos foram presos e torturados pelo partido. A lista não tem fim. O que mostram esses fatos? Por que o PC Chinês odeia tanto as pessoas que acreditam em Deus? Por que gerações de cristãos sofreram tão desumana perseguição? Por que a verdade é sempre recebida com rejeição e condenação em meio aos homens? Por que a vontade de Deus não pode ser realizada na terra e em toda nação do mundo? Porque o mundo inteiro jaz sob o império de Satanás, o maligno, porque as forças malignas de Satanás detêm poder sobre a terra e são, todas elas, regimes políticos ateístas que se opõem a Deus; o regime do PC Chinês, principalmente, é o arquétipo das forças malignas de Satanás. Foi isso que levou às trevas, ao mal extremo da humanidade. Isso é um fato conhecido! Mas, por causa das palavras de Paulo —“Toda alma esteja sujeita às autoridades superiores”—, algumas pessoas acreditam que obedecer às autoridades é obedecer a Deus. Deixe-nos perguntar-lhes isto: visto que o regime demoníaco do PC Chinês atrapalha e restringe nossa fé e adoração a Deus, mesmo assim devemos obedecer? Visto que o PC Chinês prende e tortura cristãos, os força a escrever declarações de arrependimento, faz com que neguem e traiam a Deus e até os obriga a amaldiçoar e blasfemar contra Deus, podemos obedecer mesmo assim? Visto que o PC Chinês não nos permite pregar o evangelho e dar testemunho de Deus, visto que nos força a trair o Senhor e nossos companheiros crentes, a ser seus cúmplices e seus cães de caça, podemos obedecer mesmo assim? Se obedecêssemos ao regime demoníaco do PC Chinês, não estaríamos do lado de Satanás, nos opondo e traindo a Deus? Vejamos de novo as palavras de Paulo: “Toda alma esteja sujeita às autoridades superiores,” “Quem resiste à autoridade resiste à ordenação de Deus; e os que resistem trarão sobre si mesmos a condenação.” Essas palavras são praticáveis? Estão de acordo com a verdade? Será que Paulo não conseguia mesmo enxergar essa era sombria e maligna como ela realmente era? Paulo também foi detido e aprisionado por espalhar o evangelho. Falando com sensatez, ele deveria ter sido capaz de enxergar a essência dos poderes malignos de Satanás ainda mais claramente do que nós, entretanto, ainda assim ele expressou essas palavras — inacreditável!

Todos nós deveríamos ter ciência de que, quando Deus permite que Satanás corrompa a humanidade e quando permite que Satanás, o diabo, detenha poder sobre a terra, tudo isso contém a sabedoria e os arranjos de Deus. A salvação da humanidade por Deus ocorre principalmente com o intuito de derrotar Satanás e de fazer com que aqueles que foram corrompidos por Satanás obedeçam e adorem a Deus. Somente então Satanás será definitivamente derrotado e humilhado, e seu destino será finalmente selado. Portanto, quando Deus permite que Satanás exerça poder e corrompa a humanidade, Sua vontade é que a humanidade tenha discernimento sobre Satanás, que enxergue a essência de Satanás, para que as pessoas detestem Satanás e lhe deem as costas; entretanto, Deus nunca pediu às pessoas que obedeçam a Satanás, muito menos disse que desafiar um regime satânico traria condenação sobre a pessoa. Então, de acordo com o ponto de vista de Paulo, as gerações de santos que foram caçadas e perseguidas por governos satânicos e até martirizados em nome do Senhor, trouxeram condenação sobre si porque desafiaram os poderes reinantes? O fato do aprisionamento de gerações de santos não é um lindo e retumbante testemunho de Deus? De acordo com o ponto de vista de Paulo, a prisão e até o assassinato dessas gerações de santos não foram um belo testemunho —elas mesmas trouxeram condenação sobre si porque desafiaram as autoridades. E, nesse caso, a dor da prisão que Paulo sofreu por espalhar o evangelho também não foi em vão? Então por que Paulo deu testemunho aos outros da dor que sofreu? Não era contraditório? Nossa fé no Senhor e nosso pregar e dar testemunho do evangelho do Senhor são ordenados pelo Céu e reconhecidos pela terra; os governos de Satanás, entretanto, não vão parar diante de nada para brutalmente perseguir os cristãos, para impedir que se espalhe a obra do evangelho de Deus e para impedir que a vontade de Deus seja realizada — o que revela sua essência demoníaca, uma essência que abomina a verdade e é hostil a Deus. Quando as pessoas são brutalmente perseguidas pelos governos de Satanás por defenderem o verdadeiro caminho e pregarem e darem testemunho do evangelho do Senhor, elas são perseguidas pelo bem da justiça, e nada é mais digno do elogio do Senhor. Como é que se pode dizer, então, que elas trazem condenação sobre si? Certa vez, o Senhor Jesus afirmou claramente que: “Bem-aventurados os que são perseguidos por causa da justiça, porque deles é o reino dos céus” (Mateus 5:10). Será que Paulo não tinha ciência dessas palavras do Senhor Jesus? As palavras faladas por Paulo entram em claro conflito com as palavras do Senhor Jesus. Estão em fundamental contradição com a verdade e não podem formar a base de nossas ações. Fomos criados por Deus e pertencemos a Ele, então é ordenado pelo Céu e reconhecido pela terra que devemos ouvir Deus em todas as coisas e obedecer à Sua autoridade!

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.