Convidamos a todos os buscadores da verdade que entrem em contato conosco.

Um tipo diferente de salvação

5

Por Huang Lin, China

Eu costumava ser uma crente comum no cristianismo carismático e, desde que comecei a crer no Senhor, nunca perdi um culto. Era especialmente porque eu sabia que estávamos nos últimos dias e que as profecias bíblicas sobre o retorno do Senhor basicamente tinham sido cumpridas; o Senhor retornaria em breve, assim eu frequentava os cultos com um entusiasmo ainda maior, aguardando ansiosamente o Seu retorno, para que eu não perdesse a chance de encontrar o Senhor.

Certo dia, minha irmã mais nova veio e me disse com alegria: “Ei, eu vim hoje para contar-lhe a melhor notícia de todos os tempos — o Senhor Jesus retornou! E mais, Ele retornou na carne; Ele está expressando a verdade e realizando Sua obra dos últimos dias para julgar e purificar o homem, cumprindo assim a profecia na Bíblia: ‘Porque já é tempo que comece o julgamento pela casa de Deus’ (1 Pedro 4:17). Não perca tempo algum — siga a nova obra de Deus!”. Quando ouvi a notícia de que o Senhor tinha retornado, fiquei chocada e cheia de dúvidas. Eu disse: “O livro de Apocalipse diz: ‘Eis que vem com as nuvens, e todo olho O verá’ (Apocalipse 1:7). E os pastores e presbíteros nos dizem com frequência que, quando o Senhor retornar, Ele virá até nós numa nuvem branca. Você diz que o Senhor retornou e que Ele veio na carne. Como isso é possível?”. Minha irmã disse solenemente: “Você diz que o Senhor Jesus retornará com as nuvens, mas você tem certeza disso? A Bíblia também profetiza: ‘Eis que venho como ladrão’ (Apocalipse 16:15), e ‘Mas à meia-noite ouviu-se um grito: Eis o noivo! Saí-lhe ao encontro!’ (Mateus 25:6). Você ousa dizer que é impossível que o Senhor venha secretamente? Há um mistério no retorno do Senhor, portanto, devemos buscar com uma mente aberta! Se nós nos agarrarmos às nossas próprias noções e imaginações, como poderemos acolher o retorno do Senhor?”. Mas não importava como minha irmã compartilhasse comigo, eu permaneci cética, acreditando em vez disso que o Senhor retornaria numa nuvem branca e que era impossível que Ele retornasse na carne. Mais tarde, ela pregou o evangelho ao resto da família e, após compartilhar sua comunicação várias vezes, meu marido, meu filho mais novo e sua esposa (que haviam sido incrédulos) aceitaram a obra de Deus Todo-Poderoso nos últimos dias. Mesmo assim, eu continuei a me agarrar às minhas próprias noções, recusando-me a aceitá-la.

Depois disso, continuei a frequentar os cultos de minha antiga igreja, enquanto meu marido, meu filho mais novo e sua esposa participavam das reuniões na Igreja de Deus Todo-Poderoso. Sempre que eu voltava do culto, eu me sentia letárgica e sentia que ele tinha sido realizado em modo automático; meu coração estava vazio, e eu não estava ganhando nada. Eles, por sua vez, sempre estavam tão felizes quando voltavam de uma reunião e, muitas vezes, buscavam e compartilhavam juntos sobre coisas como o tipo de caráter corrupto que eles revelavam quando tinham problemas, como deviam buscar a vontade de Deus e como deviam conhecer a si mesmos e refletir sobre si mesmos. Também discutiam sobre como praticar a verdade e viver segundo as palavras de Deus, sobre como se livrar de seu caráter corrupto e ser purificados e assim por diante. Ouvi-los discutir essas coisas me deixou perplexa, e pensei: “Eles tem tido fé há tão pouco tempo; como é possível que eles saibam como buscar a vontade de Deus quando se deparam com problemas, que eles sejam capazes de encontrar uma senda de prática e que tudo que dizem é tão ponderado? Eu tenho acreditado no Senhor Jesus durante todos esses anos; tenho orado, ido aos cultos e lido a Bíblia com consistência, por que, então, nunca sou capaz de entender a vontade do Senhor quando as coisas acontecem comigo? E isso não vale apenas para mim — todos os meus irmãos e irmãs na igreja são iguais. Estamos presos a todos os tipos de pecados e não conseguimos nos libertar; nossos espíritos estão murchos, sombrios e sem esperança, e nós nos sentimos como se estivéssemos nos afastando cada vez mais do Senhor. Que raios está acontecendo?”. Os temas que eles estavam discutindo eram tão novos e frescos, falavam sobre os caracteres corruptos que estavam revelando, sobre como refletir e conhecer a si mesmos, sobre ser purificados e assim por diante. Eu tinha acreditado no Senhor por tantos anos, mas nunca tinha ouvido os pastores ou presbíteros em minha igreja pregar sobre essas coisas, e eu simplesmente não conseguia entender como eles tinham vindo a entender tanto! Eu não sabia o que fazer.

Num piscar de olhos, o período da colheita chegou. Meus dois filhos colheram seu milho e o trouxeram para casa. No passado, eu sempre ajudava primeiro meu filho mais velho a debulhar o milho, para então ajudar meu filho mais novo, mas, nesse ano, meu filho mais novo e sua família fizeram tudo sozinhos. Pensei comigo mesma: “Dessa vez, não ajudei a família de meu filho mais novo com seu trabalho, então sua esposa deve estar com raiva de mim. Ela dirá que estou demonstrando favoritismo”. Mas, para a minha surpresa, ela não só não ficou com raiva, como disse também animadamente: “Mãe, você e papai não estão ficando mais novos. Não se preocupem mais em ajudar-nos com nosso trabalho. Apenas cuidem de sua saúde!”. Fiquei muito surpresa ao ouvi-la dizer isso. Na verdade, foi a primeira vez em que ela disse algo tão atencioso sobre nós. Ela nunca tinha dito algo assim antes! E, mais tarde, aconteceu de novo — eu disse aos meus filhos e suas esposas: “Seus filhos estão prestes a começar o ensino médio, então vou comprar uma bicicleta para cada um deles”. Assim, comprei uma bicicleta para o filho do meu filho mais velho, mas então surgiu algo e tive que gastar todo o dinheiro que tinha sobrado; eu não pude mais comprar uma bicicleta para o filho do meu caçula. A mãe da minha nora acabou comprando uma bicicleta para ele. Eu me senti mal e pensei: “Minha nora deve estar chateada comigo e dirá que eu não cumpro a minha palavra”. Mas, para a minha surpresa, ela não só não ficou chateada como também me consolou, dizendo: “Mãe, não há necessidade de se sentir triste por não comprar uma bicicleta para o meu filho. A partir de agora, você e papai devem ficar com seu dinheiro e gastá-lo consigo mesmos. Não se preocupe conosco!”. Esses dois eventos realmente me surpreenderam. Desde que minha nora tinha começado a crer em Deus Todo-Poderoso, ela não discutia mais comigo sobre as coisas, em vez disso demonstrava cuidado e consideração por nós — ela realmente tinha mudado. E meu marido sempre costumava perder a paciência comigo à menor provocação — uma ninharia o fazia explodir. Agora, porém, ele sempre sorria quando falava comigo e, às vezes, quando eu me irritava com ele, ele até suportava tudo com paciência e me dizia calmamente: “Acreditamos no mesmo Deus. Nosso relacionamento carnal é o de marido e mulher, mas, em termos espirituais, somos irmão e irmã. Devemos amar um ao outro, ser compreensivos e perdoar um ao outro e viver segundo a palavra de Deus. Você não acha? Eu costumava ter um temperamento ruim e me irritar facilmente, e isso era o resultado do meu caráter satânico corrompido. Eu era arrogante e presunçoso demais e desprovido de humanidade correta. Agora, tenho lido muitas das palavras de Deus Todo-Poderoso e vim a entender que a obra de Deus dos últimos dias é para salvar a humanidade através da declaração de Suas palavras. Quando buscam alcançar a salvação de Deus, as pessoas devem colocar as palavras de Deus em prática na vida real e lidar com cada assunto de acordo com os princípios da verdade. Devo abandonar minha carne, praticar de acordo com as palavras de Deus e viver uma humanidade correta”. Olhando para meu marido, meu filho e sua esposa, fiquei ponderando em meu coração: “Eles aceitaram a obra de Deus Todo-Poderoso nos últimos dias faz só dois anos, como mudaram tanto? Não tenho como não ser convencida por isso. Tenho acreditado no Senhor por tantos anos e leio a Bíblia e oro todos os dias, por que, então, eu não mudei nada em todo esse tempo? Quando algo acontece comigo, por que eu sempre afundo em pecado do qual não consigo me libertar? Apenas Deus tem o poder de mudar as pessoas. Será que o Deus Todo-Poderoso no qual eles acreditam seja o Senhor Jesus retornado? Se isso realmente for verdade e eu continuar me recusando a aceitar isso, o Senhor não me abandonará? Eu não seria uma tola se, ao ter uma salvação tão grande apresentada a mim, eu falhasse em alcançá-la?”. Pensando nisso, não tive como não sentir alguma ansiedade. Eu queria buscar e investigar, mas eu tinha vergonha de conversar sobre isso com a minha família.

Um tipo diferente de salvação

Certo dia, quando meu marido estava fora de casa, secretamente peguei o livro que ele sempre estava lendo. No mesmo instante em que olhei para a capa, as cinco palavras “A Palavra manifesta em carne”, escritas em letras grandes e douradas, saltaram aos meus olhos, e pensei: “Quais mistérios, exatamente, este livro contém? Ele consegue mudar tanto as pessoas — devo lê-lo com cuidado”. Abri o livro com cautela e vi estas palavras escritas ali: “Esta encarnação é a segunda encarnação de Deus após a conclusão da obra de Jesus. Claro, esta encarnação não ocorre independentemente, mas é o terceiro estágio da obra após a Era da Lei e a Era da Graça. Cada novo estágio da obra de Deus sempre traz um novo começo e uma nova era. Assim, também há mudanças correspondentes no caráter de Deus, em Seu modo de operar, na localização de Sua obra e em Seu nome. Não é de admirar, então, que seja difícil para o homem aceitar a obra de Deus na nova era. Mas, independentemente de como o homem se opõe a Ele, Deus está sempre fazendo Sua obra e sempre está liderando a humanidade inteira adiante. Quando Jesus veio para o mundo do homem, Ele trouxe a Era da Graça e encerrou a Era da Lei. Durante os últimos dias, Deus mais uma vez Se tornou carne, e quando Ele Se tornou carne desta vez, Ele encerrou a Era da Graça e trouxe a Era do Reino. Todos aqueles que aceitam a segunda encarnação de Deus serão conduzidos para a Era do Reino e serão capazes de aceitar pessoalmente a orientação de Deus” (de ‘Prefácio’ em “A Palavra manifesta em carne”). Após ter lido isso, ponderei: se a segunda encarnação de Deus encerrou a obra da Era da Graça, seria possível que Deus não estivesse mais operando em igrejas da Era da Graça? Já entramos na Era do Reino? Aqui diz: “Todos aqueles que aceitam a segunda encarnação de Deus serão conduzidos para a Era do Reino e serão capazes de aceitar pessoalmente a orientação de Deus”. Desde que meu marido, meu filho e sua esposa aceitaram a obra de Deus Todo-Poderoso, eles realmente mudaram muito. É possível que o Deus Todo-Poderoso em que acreditam seja realmente o Senhor Jesus retornado? Eles estão realmente seguindo os passos de Deus e aceitando a orientação pessoal de Deus? Caso contrário, como poderiam entender tantas verdade e ter mudado tanto? Isso deve ser o resultado da obra do Espírito Santo — não é algo que poderiam alcançar por conta própria, sem a obra do Espírito Santo. No momento em que esse pensamento passou por minha cabeça, vi de repente que meu marido estava voltando para casa. Apressadamente, devolvi o livro ao lugar em que estivera e pensei: ele não pode saber que estive lendo seu livro ou rirá de mim.

No dia seguinte, quando meu marido saiu para participar de uma reunião, eu peguei o livro mais uma vez e comecei a ler. Li esta passagem: “Embora Jesus tenha feito muita obra entre os homens, Ele apenas completou a redenção de toda a humanidade e tornou-Se oferta pelo pecado dos homens e não livrou o homem de todo o seu caráter corrupto. Salvar o homem plenamente da influência de Satanás não exigiu apenas que Jesus tomasse os pecados do homem como oferta pelo pecado, mas também exigiu que Deus fizesse uma obra maior para livrar o homem completamente de seu caráter, que foi corrompido por Satanás. E assim, depois que os pecados do homem foram perdoados, Deus voltou para a carne para guiar o homem até a nova era e começou a obra do castigo e julgamento, e essa obra tem trazido o homem a um reino superior. Todo aquele que se submete ao Seu domínio desfrutará de uma verdade maior e receberá bênçãos maiores. Eles viverão verdadeiramente na luz e ganharão a verdade, o caminho e a vida” (de ‘Prefácio’ em “A Palavra manifesta em carne”). Eu realmente ponderei sobre essa passagem. O Senhor Jesus remiu toda a humanidade quando foi crucificado, mas Ele não eliminou os caracteres corruptos do homem. Uma natureza pecaminosa permanece dentro do homem — isso é absolutamente verdadeiro. Quanto àqueles de nós que creem no Senhor, nós falhamos frequentemente em cumprir os ensinamentos do Senhor; mentimos e enganamos, e pecamos todos os dias para então confessar, estamos constantemente atolados no pecado e somos impotentes para nos livrar das amarras do pecado. Isso é um fato inegável. Naquele momento, estas palavras de Deus na Bíblia me vieram à mente: “Sereis pois santos, porque Eu sou santo” (Levítico 11:45). Deus pede que alcancemos a santidade, mesmo assim, nós pecamos e desagradamos ao Senhor com frequência — como isso pode ser santo? Deus é santo, e Seu reino não pode ser manchado. Como então nós, que pecamos tão frequentemente, poderíamos entrar no reino dos céus? Esse pensamento me deixou um pouco frustrada, e eu li mais uma vez esta passagem: “Salvar o homem plenamente da influência de Satanás não exigiu apenas que Jesus tomasse os pecados do homem como oferta pelo pecado, mas também exigiu que Deus fizesse uma obra maior para livrar o homem completamente de seu caráter, que foi corrompido por Satanás”. Seria possível que a obra de Deus Todo-Poderoso dos últimos dias fosse uma obra ainda maior realizada pelo Senhor Jesus retornado? É apenas através da aceitação e experiência do julgamento de Deus Todo-Poderoso que podemos nos livrar do pecado e ser purificados e transformados? É possível que as mudanças efetuadas no meu marido e na minha nora tenham vindo de suas experiências da obra de castigo e julgamento de Deus Todo-Poderoso? Meu marido, meu filho e sua esposa tinham acreditado em Deus por tão pouco tempo e, mesmo assim, tinham vindo a entender algumas verdades. Além disso, conseguiam articular seu entendimento de seu próprio caráter corrompido, buscar a vontade de Deus quando as coisas aconteciam com eles e encontrar uma senda de prática. Eu, por outro lado, tinha acreditado no Senhor por muitos anos, mesma assim, se alguém tivesse me perguntado o que, exatamente, era fé em Deus ou qual, exatamente, era a vontade de Deus, para ser honesta, eu teria ficado com a língua presa e incapaz de falar sobre quaisquer mudanças em meu caráter. Comparando-me com eles, senti-me verdadeiramente envergonhada! Para mim, isso significava que eu devia investigar a sério a obra de Deus Todo-Poderoso dos últimos dias.

A partir de então, eu lia secretamente o livro “A Palavra manifesta em carne” todos os dias por trás das costas do meu marido e, quanto mais o lia, mais esclarecida eu me sentia em meu coração e mais prazer eu sentia em lê-lo. Às vezes, eu nem queria participar do culto na minha igreja e ficava em casa lendo esse livro. Certa vez, li estas palavras de Deus Todo-Poderoso: “Eu certamente irei iluminar e esclarecer todos aqueles que têm fome e sede de justiça e que buscam com sinceridade. Eu mostrarei a você todos os mistérios do mundo espiritual e lhes mostrarei o caminho adiante, para que deixem de lado o velho caráter corrupto de vocês o mais rápido possível, para que possam alcançar a maturidade da vida e ser úteis a Mim, para que a obra do evangelho possa logo prosseguir sem obstrução. Só então a Minha vontade será satisfeita, só então o plano de gestão de seis mil anos de Deus será executado o mais rápido possível. Deus ganhará o reino e descerá à terra, e juntos entraremos na glória!” (de ‘Capítulo 8’ das Declarações de Cristo no princípio em “A Palavra manifesta em carne”). Então tive que pensar nestas palavras do Senhor Jesus: “Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça porque eles serão fartos” (Mateus 5:6). Quanto mais eu lia, mais sentia que as palavras de Deus Todo-Poderoso e as palavras do Senhor Jesus compartilhavam a mesma fonte. As palavras de ambos possuem autoridade e poder, e assim pareceu-me altamente provável que Deus Todo-Poderoso era realmente o Senhor Jesus retornado! Esse pensamento me deixou perplexa: eu sabia que, se fosse verdade, eu deveria me apressar para aceitar a obra de Deus Todo-Poderoso nos últimos dias, pois se eu continuasse a me recusar a aceitá-la, eu realmente seria deixada para trás pela obra de Deus! Mas como eu poderia contar à minha família? Eles tinham compartilhado o evangelho comigo muitas vezes no passado, mas eu sempre tinha me recusado a aceitá-lo. Se, agora, eu dissesse que estava disposta a aceitar a obra de Deus Todo-Poderoso dos últimos dias, o que eles pensariam de mim? Enquanto eu vacilava em indecisão, Deus abriu um caminho para mim.

Um tipo diferente de salvação

Certo dia, minha nora e outra irmã vieram compartilhar o evangelho comigo. Eu soube então que isso era uma oportunidade dada por Deus, por isso eu lhes disse honestamente: “Na verdade, tenho lido muitas das palavras de Deus Todo-Poderoso às escondidas e sinto que essas palavras vêm de Deus. É simplesmente impossível que um ser humano professe palavras que carreguem tanto poder e autoridade”. Minha nora ficou maravilhada quando me ouviu dizer isso e olhou para a outra irmã e riu de alegria. Eu continuei: “Mas tem uma coisa que ainda não entendo bem. O Senhor Jesus profetizou: ‘Então verão vir o Filho do homem em uma nuvem, com poder e grande glória’ (Lucas 21:27). Todos nós, os crentes, ansiamos pelo retorno do Senhor Jesus, que Ele desça em nosso meio numa nuvem branca. Mas vocês dizem que o Senhor já retornou, que Deus Todo-Poderoso é o Senhor Jesus retornado. Por que, então, não vimos o Senhor vir numa nuvem branca? Por favor, compartilhem comigo sobre isso”.

A irmã respondeu com sinceridade: “Graças a Deus! Como todos sabemos, existem muitos versículos na Bíblia que profetizam o retorno do Senhor. Mas se olharmos com cuidado, veremos que o retorno do Senhor é profetizado de duas maneiras diferentes: uma é que o Senhor virá abertamente numa nuvem e que todos O verão, como em Lucas 21:27, que diz: ‘Então verão vir o Filho do homem em uma nuvem, com poder e grande glória’. A outra é que o Senhor virá secretamente, como um ladrão, e que ninguém saberá, como em Mateus 24:36: ‘Daquele dia e hora, porém, ninguém sabe, nem os anjos do Céu, nem o Filho, senão só o Pai’. Podemos ver que a vinda do Senhor acontecerá em dois estágios: primeiro, Ele virá secretamente e, após ter realizado um estágio de Sua obra, então Sua vinda se tornará pública. Você está falando da profecia sobre o Senhor vir abertamente, enquanto, atualmente, estamos no estágio em que a profecia de Sua vinda secreta está sendo cumprida. Este é o estágio em que Deus Se torna carne para realizar Sua obra e para salvar a humanidade. Assim que Deus acabar de operar na carne, Ele virá abertamente para que todos O vejam”.

Quando ouvi essa comunicação, meu coração se iluminou, e pensei: “De fato, a Bíblia profetiza que o Senhor virá de duas maneiras diferentes. Primeiro Ele virá secretamente e, depois, Ele virá abertamente — isso é verdadeiramente um mistério! Tenho lido a Bíblia durante todos esses anos, como é possível que nunca descobri isso? Mas agora que reflito sobre isso, tenho certeza que este é o caso!”.

Minha nora me disse: “Mãe, o tempo em que Deus Todo-Poderoso realiza Sua obra na carne para julgar e purificar o homem com palavras é o estágio em que Deus vem secretamente e é quando Deus expõe as pessoas e nos separa segundo o nosso tipo. Leiamos as palavras de Deus Todo-Poderoso para entendermos melhor esse aspecto da verdade”. Então ela leu: “Muitas pessoas podem não se importar com o que digo, mas ainda quero contar a todo assim chamado santo que segue a Jesus que, quando virem Jesus descer dos céus sobre uma nuvem branca com seus próprios olhos, isso será a aparição pública do Sol da justiça. Talvez esses sejam tempos de grande empolgação para você, mas você deve saber que o tempo em que você testemunhar Jesus descendo dos céus é também o tempo em que você descerá ao inferno para ser punido. Será o anúncio do fim do plano de gestão de Deus, e será quando Deus recompensará os bons e punirá os perversos. Pois o juízo de Deus terá terminado antes que o homem veja sinais, quando houver apenas a expressão da verdade. Aqueles que aceitarem a verdade e não buscarem sinais, e assim foram purificados, terão regressado diante do trono de Deus e entrado no abraço do Criador. Somente aqueles que persistirem crendo que “o Jesus que não vem sobre uma nuvem branca é um falso cristo” estarão sujeitos à punição eterna, pois eles somente creem no Jesus que mostra sinais, mas não reconhecem o Jesus que proclama o rigoroso juízo e libera o verdadeiro caminho da vida. E assim, só pode ser que Jesus lide com eles quando Ele voltar abertamente sobre uma nuvem branca. Eles são obstinados demais, confiantes demais em si mesmos, arrogantes demais. Como tais degenerados poderiam ser recompensados por Jesus? A volta de Jesus é uma grande salvação para aqueles que são capazes de aceitar a verdade, mas para aqueles que são incapazes de aceitar a verdade, é um sinal de condenação” (de ‘Quando você contemplar o corpo espiritual de Jesus será quando Deus terá feito novo Céu e nova terra’ em “A Palavra manifesta em carne”).

A irmã continuou sua comunicação: “As palavras de Deus nos mostram que, enquanto Deus Todo-Poderoso está realizando Sua obra em segredo, Ele faz apenas Sua obra de julgar e castigar as pessoas com palavras. Isso significa, Ele expressa todas as verdades para fornecer tudo que necessitamos na vida, e todos que aceitam a obra de Deus nos últimos dias, que passam pelo castigo e julgamento das palavras de Deus, que vêm a entender a verdade e a conhecer Deus e cujo caráter de vida é transformado, são os vencedores que são formados por Deus antes dos desastres. Uma vez que os vencedores tenham sido formados, a grande obra de Deus será completada com sucesso, e a obra que Ele realiza em segredo também terminará. É depois disso que Deus virá com nuvens e aparecerá abertamente a todos os povos e nações. Algumas pessoas se agarram cegamente às suas próprias noções, esperando apenas que o Senhor Jesus venha com as nuvens, no entanto, se recusam a aceitar qualquer uma das verdades expressadas por Deus enquanto Ele realiza Sua obra em segredo. Todas essas pessoas são aquelas que se revoltam contra Deus e O desafiam, e se elas não conseguirem voltar para Deus e aceitar a Sua salvação dos últimos dias, elas lamentarão e rangerão os dentes em meio aos grandes desastres. Apocalipse 1:7 profetiza: ‘Eis que vem com as nuvens, e todo olho O verá, até mesmo aqueles que O traspassaram; e todas as tribos da terra se lamentarão sobre Ele. Sim. Amém’. Reflita sobre isso: quando o Senhor vier com as nuvens, todos O verão e que mais poderão fazer senão acolher Sua vinda com grande alegria? Por que, então, todos os povos lamentariam? Porque, quando Deus vier abertamente, eles verão que o Deus Todo-Poderoso que eles desafiaram é, de fato, o Senhor Jesus retornado, como, então, poderiam não bater seus peitos, lamentar e ranger seus dentes?”.

Fiquei consentindo com a cabeça enquanto ouvia a comunicação da irmã e disse: “Ah, eu nunca entendi esse versículo antes. Eu perguntei ao pastor na minha igreja, mas ele não o explicou claramente. Acontece que esse versículo se refere a todos aqueles que se recusam a aceitar a salvação de Deus Todo-Poderoso nos últimos dias, a todos que O desafiam”. Naquele momento, tive que pensar em como, vez após vez, minha família tinha compartilhado o evangelho comigo e em como eu tinha me recusado a aceitá-lo — fiquei muito angustiada. Com remorso, eu disse à irmã: “Se eu não tivesse lido as palavras de Deus Todo-Poderoso, se as palavras de Deus Todo-Poderoso não tivessem aberto a porta do meu coração e permitido que eu tivesse um coração de busca, temo que ainda não estaria dando ouvidos às suas comunicações e que ainda estaria obcecada esperando que o Senhor Jesus viesse numa nuvem branca e aparecesse abertamente às pessoas. Eu realmente sou tão tola e ignorante! Só agora entendo que o estágio da obra secreta de Deus é, de fato, uma oportunidade maravilhosa para aceitarmos o julgamento e castigo das palavras de Deus e para nos livrarmos do nosso caráter corrupto para que possamos alcançar a salvação plena! Quando Deus vier numa nuvem e aparecer abertamente ao homem, Sua obra de salvação já terá terminado, e Ele começará a recompensar os bons e punir os ímpios. E quando isso acontecer, mesmo que eu fique completamente decepcionada com remorso, será tarde demais. Dou graças a Deus por não me abandonar e por me dar essa chance de salvação. Desejo aceitar a obra de Deus Todo-Poderoso nos últimos dias!”.

Mais tarde, tomei a inciativa e pedi a afiliação à Igreja de Deus Todo-Poderoso e, como meu marido, filho e nora, leio as palavras de Deus e a comunicação sobre a verdade todos os dias e estou experimentando o julgamento, castigo, purificação e salvação das palavras de Deus. Na grande família da Igreja de Deus Todo-Poderoso, vivo uma verdadeira vida da igreja, e meu espírito está cheio de paz e alegria. Sinto verdadeiramente como é grande o amor de Deus por mim; é que eu estava tão insensível e deixei Deus esperando por tanto tempo. Agradeço a Deus por arranjar meticulosamente todos os tipos de pessoas, eventos e coisas para me liderar e guiar passo a passo de volta para a família de Deus — agradeço a Deus por me trazer um tipo diferente de salvação!

Conteúdo Relacionado