Por que o mundo religioso faz um esforço tão grande para condenar e resistir loucamente a Deus Todo-Poderoso e à Igreja de Deus Todo-Poderoso?

16 de Maio de 2019

Versos da Bíblia para referência:

“Ouvi ainda outra parábola: Havia um homem, proprietário, que plantou uma vinha, cercou-a com uma sebe, cavou nela um lagar, e edificou uma torre; depois arrendou-a a uns lavradores e ausentou-se do país. E quando chegou o tempo dos frutos, enviou os seus servos aos lavradores, para receber os seus frutos. E os lavradores, apoderando-se dos servos, espancaram um, mataram outro, e a outro apedrejaram. Depois enviou ainda outros servos, em maior número do que os primeiros; e fizeram-lhes o mesmo. Por último enviou-lhes seu filho, dizendo: A meu filho terão respeito. Mas os lavradores, vendo o filho, disseram entre si: Este é o herdeiro; vinde, matemo-lo, e apoderemo-nos da sua herança. E, agarrando-o, lançaram-no fora da vinha e o mataram” (Mateus 21:33-39).

“Então os principais sacerdotes e os fariseus reuniram o sinédrio e diziam: Que faremos? porquanto este homem vem operando muitos sinais. Se o deixarmos assim, todos crerão nele, e virão os romanos, e nos tirarão tanto o nosso lugar como a nossa nação. […] Desde aquele dia, pois, tomavam conselho para o matarem” (João 11:47-48, 53).

Palavras de Deus relevantes:

Que intrigante! Por que a encarnação de Deus sempre foi rejeitada e injuriada pelas pessoas? Por que as pessoas nunca entendem a encarnação de Deus? Será que Deus veio na hora errada? Será que Deus veio ao lugar errado? Será que isso acontece porque Deus agiu sozinho, sem a “assinatura de aprovação” do homem? Poderia ser porque Deus criou a Sua própria mente sem a permissão do homem? […] As pessoas comiam o que lhes era provido a partir de Sua boca, bebiam Seu sangue, desfrutavam das graças que Ele lhes concedia, mas também se opunham a Ele, pois nunca souberam quem lhes dera sua vida. Por fim, eles O pregaram na cruz, mas ainda assim Ele não fez som algum. Ele permanece em silêncio ainda hoje. As pessoas comem Sua carne, bebem Seu sangue, comem a comida que Ele prepara para elas e andam pelo caminho que Ele abriu para elas, mas elas ainda pretendem rejeitá-Lo; elas de fato tratam o Deus que lhes deu sua vida como inimigo e, em vez disso, tratam aqueles que são escravos como eles como o Pai celestial. Nisso, eles não se opõem deliberadamente a Ele? […] O homem não sabe de onde sua luz e vida vieram, e nada faz senão secretamente planejar como mais uma vez crucificar o “Jesus” de dois mil anos atrás, que experimentou a dor entre os homens. “Jesus” realmente inspira esse ódio? Tudo o que Ele fez há muito tempo foi esquecido? O ódio que se coalesceu por milhares de anos finalmente vai se espalhar. Você, a laia dos judeus! Quando “Jesus” foi hostil a vocês para que vocês O odeiem tanto? Ele tanto fez e tanto falou — nada disso é para o seu benefício? Ele deu Sua vida a vocês sem pedir nada em troca, Ele lhes deu Sua totalidade — vocês realmente ainda querem comê-Lo vivo? […] Não há nenhum lugar onde não se encontrem os “judeus”, e hoje eles ainda fazem o mesmo trabalho, ainda realizam o mesmo trabalho de se opor a Deus, e ainda assim acreditam que estão mantendo Deus nas alturas. Como os próprios olhos do homem podem conhecer a Deus? Como poderia o homem, que vive na carne, tratar como Deus o Deus encarnado que veio do Espírito? Quem dentre os homens poderia conhecê-Lo? Onde está a verdade entre os homens? Onde está a verdadeira retidão? Quem é capaz de conhecer o caráter de Deus? Quem pode competir com o Deus no céu? Não é de admirar que, quando Ele veio ao homem, ninguém tenha conhecido a Deus e que Ele tenha sido rejeitado. Como o homem pode tolerar a existência de Deus? Como ele pode permitir que a luz expulse a escuridão do mundo? Isso tudo não é da honrosa devoção do homem? Não é essa a entrada correta do homem?

Extraído de ‘Obra e entrada (10)’ em “A Palavra manifesta em carne

Vocês desejam conhecer a raiz do motivo pelo qual os fariseus se opunham a Jesus? Desejam conhecer a substância dos fariseus? Eles tinham muitas fantasias sobre o Messias. E mais, eles criam somente que o Messias viria, mas não buscavam a vida-verdade. Assim, até hoje eles ainda aguardam o Messias, pois não têm conhecimento do caminho da vida, e não sabem qual é o caminho da verdade. Como, dizem vocês, poderia um povo tão tolo, obstinado e ignorante ganhar a bênção de Deus? Como poderia contemplar o Messias? Ele se opunha a Jesus porque não conhecia a direção da obra do Espírito Santo, porque não conhecia o caminho da verdade do qual Jesus falava e, além disso, porque não entendia o Messias. E como nunca havia visto o Messias e nunca havia estado na companhia do Messias, cometera o erro de se agarrar em vão ao nome do Messias enquanto se opunha à substância do Messias através de qualquer meio possível. Esses fariseus eram obstinados, arrogantes em substância e não obedeciam à verdade. O princípio de sua crença em Deus era: não importa quão profunda seja a Sua pregação, não importa quão elevada seja Sua autoridade, Você não é Cristo a menos que seja chamado o Messias. Essas opiniões não são absurdas e ridículas? Perguntarei a vocês também: não é extremamente fácil para vocês cometerem os erros dos antigos fariseus, já que vocês não têm o menor entendimento de Jesus? Você consegue discernir o caminho da verdade? Consegue se certificar verdadeiramente de que não irá se opor a Cristo? Consegue acompanhar a obra do Espírito Santo? Se não sabe se irá ou não se opor a Cristo, então digo que você já está vivendo à beira da morte. Aqueles que não conheciam o Messias eram todos capazes de se opor a Jesus, ou de rejeitar a Jesus, de difamá-Lo. As pessoas que não entendem Jesus são todas capazes de rejeitá-Lo e de injuriá-Lo. Ademais, são capazes de ver a volta de Jesus como engano de Satanás, e mais pessoas irão condenar Jesus de volta à carne. Isso tudo não os deixa com medo? O que vocês enfrentarão será blasfêmia contra o Espírito Santo, a ruína das palavras do Espírito Santo às igrejas; e o desdém de tudo isso é expresso por Jesus. O que vocês podem ganhar de Jesus se estão tão atordoados?

Extraído de ‘Quando você contemplar o corpo espiritual de Jesus, Deus terá feito novo céu e nova terra’ em “A Palavra manifesta em carne”

Basta olhar para os líderes de cada denominação — são todos arrogantes e hipócritas, e suas interpretações da Bíblia carecem de contexto e são guiadas por sua imaginação. Eles todos se fiam em seus dons e em sua erudição para realizar seu trabalho. Se fossem incapazes de pregar qualquer coisa, as pessoas os seguiriam? Afinal de contas, eles possuem certo conhecimento e conseguem pregar sobre alguma doutrina ou sabem como conquistar as pessoas e como usar alguns artifícios. Eles usam isso para trazer as pessoas para diante de si mesmos e enganá-las. Nominalmente, essas pessoas acreditam em Deus, mas, na realidade, seguem seus líderes. Quando encontram alguém pregando o caminho verdadeiro, algumas dizem: “Temos que consultar nosso líder sobre a nossa fé”. Um humano é o mediador de sua fé em Deus; isso não é um problema? Então, no que esses líderes se transformaram? Será que não se tornaram fariseus, falsos pastores, anticristos e pedras de tropeço para que as pessoas aceitem o caminho verdadeiro?

Extraído de ‘Somente buscar a verdade é verdadeiramente crer em Deus’ em “Registros das falas de Cristo”

Existem aqueles que leem a Bíblia em igrejas majestosas e a recitam o dia inteiro, mas nem um deles entende o propósito da obra de Deus. Nem um deles é capaz de conhecer Deus; menos ainda pode qualquer um deles estar de acordo com a vontade de Deus. Todos eles são pessoas inúteis e vis, cada uma se empinando para repreender a Deus. Eles intencionalmente se opõem a Deus mesmo quando carregam o estandarte Dele. Afirmando ter fé em Deus, ainda comem a carne e bebem o sangue do homem. Todas as pessoas assim são diabos que devoram a alma do homem, demônios chefes que deliberadamente se interpõem aos que tentam entrar na senda certa e pedras de tropeço que impedem os que buscam a Deus. Elas podem parecer ter uma “constituição robusta”, mas como os seus seguidores podem saber que não passam de anticristos que levam as pessoas a ficarem contra Deus? Como os seus seguidores podem saber que esses anticristos são diabos vivos dedicados a devorar as almas humanas?

Extraído de ‘Todos os que não conhecem a Deus são pessoas que se opõem a Deus’ em “A Palavra manifesta em carne”

Quantos dentre eles buscam a verdade e seguem a justiça? São todos animais, em nada melhores do que porcos e cães, na liderança de uma gangue de moscas fedorentas, balançando a cabeça em autocongratulação presunçosa e incitando todo tipo de problema,[1] no meio de um monte de esterco. Eles acreditam que seu rei do inferno é o maior rei de todos, mal sabendo que eles mesmos não passam de moscas fedorentas. Mesmo assim, tiram vantagem do poder dos porcos e cachorros que têm como pais para difamar a existência de Deus. Como moscas diminutas, acreditam que seus pais são tão grandes quanto baleias dentadas.[2] Pouco sabem que, enquanto elas mesmas são diminutas, seus pais são porcos e cães impuros centenas de milhões de vezes maiores que elas mesmas? Inconscientes da própria baixeza, dependem do fedor da putrefação que exsuda desses porcos e desses cães para correr desordenadamente, pensando, em vão, em procriar futuras gerações, alheios à vergonha. Com asas verdes nas costas (isso se refere a alegarem que acreditam em Deus), elas estão cheias de si e por toda parte se gabam da própria beleza e atração, enquanto secretamente arremessam as impurezas dos próprios corpos sobre o homem. Além disso, elas estão excessivamente satisfeitas consigo mesmas, como se pudessem usar um par de asas com as cores do arco-íris para esconder as próprias impurezas e, dessa maneira, aplicar sua opressão à existência do Deus verdadeiro (isso se refere ao que acontece nos bastidores do mundo religioso). Como saberia o homem que, apesar de encantadoramente belas como as asas da mosca possam ser, a mosca em si é, afinal de contas, nada mais que uma minúscula criatura, com uma barriga cheia de sujeira e um corpo coberto de germes? Com a força dos porcos e cães que têm como pais, elas correm ensandecidas pela terra (isso se refere à maneira como os oficiais religiosos que perseguem Deus confiam no apoio massivo do governo da nação para se rebelarem contra o verdadeiro Deus e a verdade), desenfreados em sua selvageria. É como se os fantasmas dos fariseus judaicos tivessem retornado com Deus à nação do grande dragão vermelho, de volta para seu antigo ninho. Eles iniciaram mais uma rodada de perseguição, retomando seu trabalho de vários milhares de anos atrás. Esse grupo de degenerados está condenado a perecer na terra, no fim! Parece que, depois de vários milênios, os espíritos impuros se tornaram ainda mais engenhosos e dissimulados. Eles sempre pensam em maneiras de sabotar a obra de Deus em segredo. Com truques e ardis em abundância, eles desejam reencenar em sua terra natal a mesma tragédia de vários milênios atrás, quase incitando Deus ao ponto de gritar. Ele mal consegue Se impedir de voltar ao terceiro céu e aniquilá-los.

Extraído de ‘Obra e entrada (7)’ em “A Palavra manifesta em carne”

Trechos de sermão e comunhão para referência:

Por que aqueles nos círculos religiosos resistem a Deus ao mesmo tempo em que servem a Ele? A verdade é clara como o dia! É porque eles creem somente em um Deus vago nos céus e não reconhecem o Deus prático na carne. É por isso que se tornaram inimigos de Deus e foram expostos. Mais ainda, porque são incapazes de aceitar as verdades expressas por Deus encarnado e se apegam à hostilidade e ao ódio, conseguem negar, condenar e resistir a Cristo, o que também expõe sua natureza e essência satânica de anticristos que nutrem ódio pela verdade. Outro motivo disso é que as verdades expressas por Cristo contêm enorme poder e autoridade e são capazes de despertar e salvar a humanidade, permitindo que ela rompa com as forças malignas de Satanás e se volte para Deus. É por isso que os líderes religiosos crucificam Cristo para manter seu status e reputação, e essa é a verdade do mundo religioso que resiste a Deus ao mesmo tempo em que serve a Ele, e sua essência é completamente revelada por meio disso.

Extraído da comunhão do alto

A partir da atitude da maioria desses pastores em relação à manifestação de Deus Todo-Poderoso e às verdades que Ele expressou podemos ver que eles não amam nem aceitam a verdade. Tudo o que é expresso pelo Deus Todo-Poderoso é a verdade e consiste inteiramente de palavras de salvação concedidas em benefício da vida das pessoas. Elas são toda a realidade da verdade em que as pessoas escolhidas por Deus devem entrar. Então, por que a maioria dos pastores e líderes do mundo religioso se opõe a elas e as condena? Por que eles odeiam e rejeitam a verdade dessa maneira? Por que competem com Deus pelas pessoas escolhidas de Deus, sempre querendo ter controle sobre as ovelhas de Deus como se fossem propriedade privada? E por que impedem que as pessoas aceitem a Cristo e se voltem para Deus e até mesmo inventam rumores para condenar a Sua obra nos últimos dias e perseguem a Cristo? Isso revela plenamente sua natureza e essência satânica de ser hostil a Cristo e odiar a verdade e já expôs completamente sua verdadeira face de demônios anticrísticos que são cúmplices de Satanás. Isso nos lembra que a razão pela qual os sumos sacerdotes e escribas da Era da Graça caçavam e perseguiam o Senhor Jesus era manter seu status e sustento. Tinham pavor de que os israelitas aceitassem e obedecessem a Cristo e os abandonassem, então trataram o Senhor Jesus como um inimigo mortal e O crucificaram. E agora a manifestação e a obra de Deus encarnado nos últimos dias inauguraram a Era do Reino, mas quando as pessoas escolhidas por Deus vão às igrejas para espalhar o evangelho e dar testemunho de Deus, elas enfrentam resistência insana, obstáculos e restrições por parte de pastores e líderes no mundo religioso. Isso mostra que eles odeiam a verdade e são inimigos de Cristo, exatamente como os sumos sacerdotes, escribas e fariseus na Era da Graça. O método de Deus de se manifestar em carne os expôs completamente. Está claro que os líderes e pastores nos círculos religiosos creem em Deus para manter seu status e sustento, e a maioria deles não são pessoas que buscam a verdade nem se despendem genuinamente por Deus. O que mais temem é que seus paroquianos vejam a manifestação de Deus, aceitem o verdadeiro caminho e se voltem para Deus, abandonando-os. É por isso que resistem insanamente a Deus, são Seus inimigos e fazem todo tipo de mal. Não hesitam em inventar e espalhar todo tipo de rumores para enganar os outros. Atacam, julgam e condenam ferozmente a obra de Deus. Os fatos mostram que os pastores e presbíteros do mundo religioso estão trabalhando para “servir a Deus” para manter seu status e sustento, para fazer com que as pessoas os adorem e os sigam, tratando-os como o Próprio Deus. Eles furtam as ofertas sacrificiais de Deus, se deleitam com elas e roubam a Sua glória. Não são de maneira alguma pessoas que temem a Deus! Esses descrentes que detêm o poder em círculos religiosos não são autênticos anticristos? Não são subordinados de Satanás? Será possível que as pessoas realmente não consigam enxergar a verdade e a essência de que eles servem a Deus ao mesmo tempo em que resistem a Ele? Será possível que os crentes estão dispostos a serem enganados e controlados por eles e a se tornarem suas vítimas? Está claro que se os crentes são enganados e controlados pelos anticristos religiosos e são incapazes de experimentar a obra de Deus e serem salvos, isso é verdadeiramente uma tragédia.

Extraído da comunhão do alto

Quando os fariseus do judaísmo ouviram as palavras do Senhor Jesus, eles reconheceram abertamente que a palavra Dele era autoritária e poderosa, originária de Deus. Por que eles ainda condenam, prendem e crucificam o Senhor Jesus? Com base na razão, logo que descobrissem que a palavra do Senhor Jesus era verdade, eles deviam ter orado a Deus para buscar a resposta para: O Senhor Jesus é o Messias? Deus os teria esclarecido. Mas eles nem oraram nem buscaram a Deus. Eles condenaram imediatamente o Senhor Jesus por blasfêmia. Eles perguntaram ao Senhor Jesus: “Você é o Messias”? Quando o Senhor Jesus respondeu imediatamente a eles, eles se recusaram a acreditar. Isso basta para mostrar que os fariseus eram arrogantes demais! Eles adoravam demais a Bíblia! Não levaram em consideração que Cristo estava expressando a verdade. A lógica deles era que, não obstante quanta verdade o Senhor Jesus pudesse expressar, ou o quão autoritária e poderosa fosse Sua palavra, desde que Ele não fosse chamado de Messias, eles condenariam, resistiriam e até mesmo pregariam o Senhor Jesus na cruz. Vocês diriam que aqueles líderes do judaísmo eram demônios que odiavam a verdade? Se o Senhor Jesus não pudesse expressar a verdade, eles teriam tido tanto ódio por Ele? Isso expôs completamente a natureza satânica dos fariseus que detestavam a verdade. É aí que residem as raízes da resistência dos fariseus ao Senhor Jesus! Como o Senhor Jesus expôs aos fariseus: “Mas agora procurais matar-me, a mim que vos falei a verdade que de Deus ouvi; […] Se digo a verdade, por que não me credes? Quem é de Deus ouve as palavras de Deus; por isso vós não as ouvis, porque não sois de Deus” (João 8:40, 46-47). Vemos claramente porque os líderes judeus resistiram e mataram o Senhor Jesus. Porque os pastores e presbíteros nos últimos dias resistem e condenam Deus Todo-Poderoso. Não é difícil de entender. Aqueles de nós que vivenciamos a obra de Deus perceberemos que as pessoas que detestam a verdade julgam, condenam e resistem a Deus. A obra de julgamento de Deus Todo-Poderoso nos últimos dias serve para purificar o caráter satânico do homem. Expressando a verdade para julgar e purificar o homem. Aqueles que aceitarem a verdade receberão a purificação e a salvação. O caráter satânico dos que rejeitam a verdade não será mudado. Eles ainda resistirão e trairão a Deus. Na Igreja de Deus Todo-Poderoso, algumas pessoas que são hostis à verdade foram reveladas. Esses descrentes e anticristos foram expurgados e expulsos. Quanto aos pastores religiosos e presbíteros, por que eles, deliberadamente, condenam e blasfemam contra Deus Todo-Poderoso? Não seria porque Deus Todo-Poderoso expressa muitas verdades e conquistou e salvou um grupo de pessoas? A obra de Deus Todo-Poderoso os revelou, por isso eles odeiam e condenam Deus. A natureza satânica deles está completamente exposta. Por que Deus detesta e maldiz esses anticristos expostos? Porque eles competem com Deus por Seu povo escolhido, controlando energicamente o rebanho de Deus em suas mãos e proibindo as pessoas de estudar e receber o caminho verdadeiro. Eles se empenham na construção de um reino independente e se tornam demônios que fazem mal e devoram vidas humanas. São condenados e amaldiçoados por Deus por ofenderem Seu caráter.

Extraído de “Perguntas e respostas clássicas sobre o evangelho do reino”

Notas de rodapé:

1. “Incitando todo tipo de problema” refere-se ao modo como as pessoas que são demoníacas agem sem controle, obstruindo a obra de Deus e se opondo a ela.

2. “Baleias dentadas” é usada de forma jocosa. É uma metáfora sobre como as moscas são tão pequenas que porcos e cães parecem grandes como baleias para elas.

Todos os dias temos 24 horas e 1440 minutos. Você está disposto a dedicar 10 minutos para estudar o caminho de Deus? Você está convidado a se juntar ao nosso grupo de estudo.

Conteúdo relacionado

Entre em contato conosco pelo Whatsapp