Ter fé na Bíblia é o mesmo que ter fé em Deus?

05 de Agosto de 2020

Deus Todo-Poderoso diz: “Por muitos anos, o meio tradicional de crença das pessoas (o do cristianismo, uma das três principais religiões do mundo) foi ler a Bíblia; afastar-se da Bíblia não é a crença no Senhor, afastar-se da Bíblia é heterodoxia e heresia, e mesmo quando as pessoas leem outros livros, a base de tais livros deve ser a explicação da Bíblia. Ou seja, se você acredita no Senhor, precisa ler a Bíblia e, fora da Bíblia, não deve adorar nenhum livro que não envolva a Bíblia. Se fizer isso, você está traindo a Deus. Desde que existe a Bíblia, a crença das pessoas no Senhor tem sido a crença na Bíblia. Em vez de dizer que as pessoas acreditam no Senhor, é melhor dizer que acreditam na Bíblia; em vez de dizer que começaram a ler a Bíblia, é melhor dizer que começaram a acreditar na Bíblia; e em vez de dizer que retornaram ao Senhor, seria melhor dizer que retornaram à Bíblia. Desta forma, as pessoas adoram a Bíblia como se fosse Deus, como se fosse sua força vital, e perdê-la seria o mesmo que perder sua vida. As pessoas veem a Bíblia tão elevada quanto Deus, e há até aqueles que a veem mais elevada que Deus. Se as pessoas estão sem a obra do Espírito Santo, se não conseguem sentir Deus, podem continuar vivendo, mas, assim que perdem a Bíblia ou os famosos capítulos e dizeres da Bíblia, é como se tivessem perdido a vida… A Bíblia se tornou um ídolo na mente das pessoas, um quebra-cabeças em seus cérebros, e elas são simplesmente incapazes de acreditar que Deus pode operar de forma exclusiva da Bíblia, são incapazes de acreditar que as pessoas podem encontrar Deus fora da Bíblia, muito menos são capazes de acreditar que Deus poderia se afastar da Bíblia durante a obra final e começar de novo. Isso é impensável para as pessoas; elas não podem acreditar e nem imaginar isso. A Bíblia se tornou um grande obstáculo à aceitação, pelas pessoas, da nova obra de Deus, e uma dificuldade para a ampliação dessa nova obra” (“A Palavra manifesta em carne”). As palavras de Deus Todo-Poderoso expõem o estado anterior da fé no Senhor. Antes, quando estava na religião, eu pensava que a fé na Bíblia era fé em Deus. Eu até via a Bíblia como maior do que Deus. Para mim, alguns versículos bíblicos clássicos eram mais importantes do que tudo, e eu me apegava à Bíblia sem ouvir a voz de Deus, especialmente quando o assunto era receber o Senhor. Ouvi alguns testemunhos de que o Senhor Jesus havia retornado como Deus Todo-Poderoso e estava expressando verdades para realizar a obra de julgamento nos últimos dias, mas não investiguei. Quase perdi minha chance de receber o Senhor. A maravilhosa orientação de Deus me permitiu receber o Senhor e aceitar a obra de Deus Todo-Poderoso dos últimos dias.

Fui batizada e aceitei formalmente o Senhor Jesus em 2001. A partir de então, tornei-me ativa no serviço da igreja. Mas, aos poucos, descobri que o pastor sempre dizia as mesmas velhas coisas e não havia uma nova luz. Ele também roubava os recursos da igreja. Meus colaboradores brigavam por fama, ganho e se envolviam em intrigas. Tudo isso era tão decepcionante, que abandonei o serviço da igreja. Passei os anos seguintes lendo a Bíblia e orando, mas sempre senti esse profundo vazio espiritual. Comecei a procurar um caminho melhor, esperando encontrar uma igreja ou pessoa que possuísse a obra do Espírito Santo, para resolver meu vazio espiritual.

Conheci a irmã Li na internet, em 2018. Ela me disse que estava pesquisando a Igreja de Deus Todo-Poderoso, que o Senhor Jesus tinha voltado como Deus Todo-Poderoso, e que eu deveria fazer o mesmo. Fiquei surpresa, pensando: “O pastor e os presbíteros sempre dizem que a Bíblia é o cânon cristão e tem autoridade absoluta, que a fé em Deus é baseada nela e que todo o resto é heresia. A Igreja de Deus Todo-Poderoso vai além da Bíblia, por isso, não importa o quanto ela pareça boa, não podemos ouvi, ler ou entrar em contato com ela”. Eu dispensei a irmã Li. Mas fiquei incomodada e pensei: “O retorno do Senhor é uma coisa importante. É da vontade de Deus que eu me recuse a investigar tão cegamente? O Senhor Jesus disse: ‘Bem-aventurados os humildes de espírito, porque deles é o reino dos céus’ (Mateus 5:3). Eu deveria manter a mente aberta ao ouvir que o Senhor retornou”. Mas quando pensei no que disseram o pastor e os presbíteros, não me atrevi. Fiquei me revirando na cama naquela noite, sem conseguir dormir. Eu estava em conflito, sem saber o que fazer. Perdida, eu me coloquei diante de Deus em oração, pedindo que Ele me guiasse para fazer a escolha correta. Durante os dias seguintes, encontrei informações na internet sobre a Igreja de Deus Todo-Poderoso. Fiquei hesitante quando vi algumas notícias negativas. Eu pensei: “Será que devo investigar?” Mas então lembrei-me da importância do retorno do Senhor. Eu não podia seguir cegamente as pessoas ou ouvir a maioria. Eu tinha de investigar de verdade. Eu acessei o site oficial da Igreja. Encontrei o vídeo de uma música chamada: “Christ’s Kingdom Is a Warm Home.” A canção aqueceu tanto meu coração, que me conquistou de primeira. Continuei navegando no site e encontrei todos os tipos de vídeos e filmes da Igreja de Deus Todo-Poderoso, incluindo apresentações de corais, vídeos de músicas, hinos, declamações das palavras de Deus, filmes evangélicos e vídeos de testemunhos. Tudo era muito inédito e prático. Fiquei emocionada de verdade. Comecei a assistir a um por um.

Assisti a mais de uma dúzia naquela semana. A comunhão que eles continham era muito prática e esclarecedora. Ficou claro o motivo da desolação e da falta do Espírito Santo no mundo religioso. Também ficou claro, como devemos receber o Senhor. Havia também comunhão sobre quem Deus abençoa e quem Ele pune. Muitas dúvidas e dificuldades que eu tinha em minha fé há anos foram esclarecidas. Senti que os filmes da Igreja eram benéficos e edificantes. Eles me fizeram pensar que a Igreja de Deus Todo-Poderoso não parecia uma heresia! Se ela não fosse boa, como podia produzir filmes que forneciam tanto sustento para a vida? Todas as denominações afirmam ser a verdadeira, ser a igreja do Senhor Jesus Cristo, mas nenhuma delas nunca fez tantos filmes maravilhosos dando testemunho de Deus. Também pensei no pastor e nos presbíteros dizendo que muitos dos verdadeiros crentes de todas as denominações já aceitaram Deus Todo-Poderoso. E que a Igreja de Deus Todo-Poderoso já sem encontra em muitos países. Isso me lembra do que disse Gamaliel: “Caso seja dos homens, se desfará; mas, se é de Deus, não podereis derrotá-los; para que não sejais, porventura, achados até combatendo contra Deus” (Atos 5:38-39). O que vem de Deus prospera, e parecia muito provável que a Igreja de Deus Todo-Poderoso vinha de Deus. Mas eu ainda tinha muitas perguntas: O livro “A Palavra manifesta em carne” sempre é mencionado nos filmes da igreja. Por que os membros da igreja não leem a Bíblia? Isso não é ir além da Bíblia? Os pastores e presbíteros sempre disseram que a Bíblia é o cânon do cristianismo e tem autoridade absoluta, e que o mais importante da crença é seguir a Bíblia, todo o resto é heresia”. Pensei muito, mas não consegui compreender. Então, estas palavras do Senhor Jesus me ocorreram: “Pedí, e dar-se-vos-á; buscai, e achareis; batei e abrir-se-vos-á” (Mateus 7:7). Eu disse a mim mesma: “Como as pessoas dizem que o Senhor Jesus retornou, mesmo que eu tenha muitas dúvidas, se existir a menor chance, tenho que buscar esse fio de esperança. Não posso perder a chance de receber o Senhor”.

Navegando no site da Igreja de Deus Todo-Poderoso, assisti ao clipe do filme “Deixar a Bíblia”. O tópico “Deus opera de acordo com a Bíblia?” apareceu logo de início. Não consegui esperar e comecei a assistir ao filme e vi a irmã Wang, uma evangelizadora, perguntar a um pastor: “Você disse que Deus não pode abandonar a Bíblia para realizar Sua obra de salvação, que tudo fora da Bíblia é heresia. O que veio primeiro, a Bíblia ou a obra de Deus?” Quando ouvi essa pergunta, uma voz suave disse em meu coração: “Claro que a obra de Deus veio antes da Bíblia!” A irmã Wang disse: “No princípio, Deus criou o céu, a terra e todas as coisas. Ele destruiu o mundo com um dilúvio, queimou Sodoma e Gomorra e fez muito mais. O Antigo Testamento existia quando Ele fez essas coisas?” A resposta em meu coração foi: “Não. Deus é o princípio. Ele criou todas as coisas antes de existir a escrita, muito menos a Bíblia!” A irmã Wang continuou: “Não existia a Escritura quando Deus realizou Sua obra. Primeiro veio a obra de Deus, e depois ela foi registrada nas Escrituras. E quando o Senhor Jesus veio realizar a obra na Era da Graça, não existia o Novo Testamento. Mais de trezentos anos depois, aconteceu um concílio com os líderes religiosos de todo o mundo. Eles escolheram os Quatro Evangelhos como registros da obra do Senhor Jesus e acrescentaram algumas cartas dos apóstolos às igrejas e o Apocalipse escrito por João. Eles compilaram tudo dentro do Novo Testamento. Pelo processo de compilação da Bíblia, podemos ver que a obra de Deus veio primeiro, e depois foi registrada na Escritura. Sem a obra de Deus, não existiria nada na Bíblia. Ou seja, Deus não trabalha de acordo com a Bíblia, Ele não Se limita a ela. Ele trabalha de acordo com Seu próprio plano e as necessidades da humanidade. Não podemos restringir a obra de Deus ao que está na Bíblia ou usá-la para delimitar a obra Dele. Não podemos dizer de maneira alguma que o que está fora da Bíblia é heresia”.

A irmã Yang, no filme, partilhou outra comunhão depois disso: “O Senhor Jesus não trabalhou de acordo com o Antigo Testamento. Ele pregou o caminho do arrependimento, curou os doentes, expulsou demônios, não guardou o Sábado e perdoou os outros setenta vezes sete. Nada disso estava nas Escrituras naquela época. Na verdade, parecia até contradizer as leis do Antigo Testamento. Os sumos sacerdotes, escribas e fariseus condenaram e resistiram ao Senhor Jesus, porque Sua obra e palavras não estavam de acordo com as Escrituras. Se dissermos que tudo fora da Bíblia é heresia, não estamos condenando toda a obra de Deus através das eras?”

Perplexa, percebi de repente que isso era verdade. O Senhor Jesus pregou e trabalhou no Sábado, curou os doentes e expulsou demônios. Nada disso estava no Antigo Testamento. Como a obra Dele foi além das Escrituras, os sumos sacerdotes, escribas e fariseus condenaram a obra do Senhor Jesus como heresia e, por fim, crucificaram-No. Eles foram punidos por Deus. Se Deus Todo-Poderoso é realmente o Senhor Jesus que retornou, e nós insistirmos que tudo fora da Bíblia é heresia, não estaríamos condenando a obra de Deus? Isso seria uma ofensa a Ele! Esse pensamento me assustou um pouco. Eu soube que não podia mais me prender às minhas antigas ideias. Continuei assistindo.

A irmã, no filme, leu algumas passagens das palavras de Deus Todo-Poderoso. “Ninguém conhece a realidade da Bíblia: que não é mais do que um registro histórico da obra de Deus e um testamento dos dois estágios anteriores da obra de Deus, e não oferece uma compreensão dos objetivos da obra de Deus. Todo mundo que leu a Bíblia sabe que documenta os dois estágios da obra de Deus durante a Era da Lei e a Era da Graça. O Antigo Testamento narra a história de Israel e a obra de Jeová desde o tempo da criação até o fim da Era da Lei. O Novo Testamento registra a obra de Jesus na terra que está nos Quatro Evangelhos, bem como a obra de Paulo; eles não são registros históricos?” “A Bíblia é um livro histórico, e se você tivesse comido e bebido o Antigo Testamento durante a Era da Graçase você tivesse posto em prática o que era necessário no tempo do Antigo Testamento durante a Era da GraçaJesus teria rejeitado e condenado você; se você tivesse aplicado o Antigo Testamento à obra de Jesus, teria sido fariseu. Se, hoje, você juntar o Antigo e o Novo Testamentos para comer, beber e praticar, o Deus de hoje o condenará; você ficará para trás da obra do Espírito Santo de hoje! Se você come e bebe o Antigo Testamento e o Novo Testamento, está fora da corrente do Espírito Santo! Durante a época de Jesus, Ele liderou os judeus e todos os que O seguiram de acordo com a obra do Espírito Santo Nele, à época. Ele não utilizou a Bíblia como a base do que Ele fez, mas falou de acordo com Sua obra; Ele não prestou atenção ao que a Bíblia dizia, nem procurou na Bíblia uma senda para liderar Seus seguidores. Do momento em que iniciou sua obra, Ele espalhou o caminho do arrependimentouma palavra que nunca foi mencionada nas profecias do Antigo Testamento. Não apenas Ele não agiu de acordo com a Bíblia, mas também liderou um novo caminho e fez uma nova obra. Ele nunca fez referência à Bíblia ao pregar. Durante a Era da Lei, ninguém jamais tinha sido capaz de realizar Seus milagres de curar os enfermos e expulsar demônios. Assim, também, Sua obra, Seus ensinamentos e a autoridade e poder de Suas palavras estavam além de qualquer homem durante a Era da Lei. Jesus simplesmente fez Sua mais nova obra, e embora muitas pessoas O condenassem utilizando a Bíbliae utilizaram até mesmo o Antigo Testamento para crucificá-LoSua obra ultrapassou o Antigo Testamento; se assim não fosse, por que as pessoas O pregaram na cruz? Não foi porque nada havia no Antigo Testamento a respeito de Seus ensinamentos e Sua capacidade de curar os doentes e expulsar os demônios? Sua obra foi para liderar um novo caminho, não para deliberadamente escolher uma luta contra a Bíblia ou dispensar o Antigo Testamento intencionalmente. Ele simplesmente veio para realizar Seu ministério, trazer a nova obra àqueles que O desejavam e procuravam. Ele não veio para explicar o Antigo Testamento ou defender sua obra. Sua obra não buscava permitir que a Era da Lei continuasse se desenvolvendo, pois ela não levava em conta se era baseada na Bíblia; Jesus simplesmente veio para fazer a obra que Ele deveria fazer. Assim, Ele não explicou as profecias do Antigo Testamento, nem trabalhou de acordo com as palavras da Era da Lei do Antigo Testamento. Ele ignorou o que o Antigo Testamento dizia, não Se importava se estava de acordo com Sua obra, e não Se importava com o que outros sabiam sobre Sua obra, ou como eles a condenavam. Ele simplesmente continuou fazendo a obra que deveria fazer, mesmo que muitas pessoas utilizassem as previsões dos profetas do Antigo Testamento para condená-Lo. Para as pessoas, parecia que Sua obra não tinha base, e uma boa parte dela estava em desacordo com os registros do Antigo Testamento. Isso não foi um erro do homem? A doutrina precisa ser aplicada à obra de Deus? E ela deve estar de acordo com as profecias dos profetas? Afinal, o que é maior: Deus ou a Bíblia? Por que a obra de Deus deve estar de acordo com a Bíblia? Será que Deus não tem o direito de ir além da Bíblia? Deus não pode Se afastar da Bíblia e fazer outra obra? Por que Jesus e Seus discípulos não guardavam o sábado? Se guardasse o sábado e a prática de acordo com os mandamentos do Antigo Testamento, por que Jesus não guardou o sábado depois que veio, mas, em vez disso, lavou os pés, cobriu a cabeça, partiu o pão e bebeu vinho? Tudo isso não está ausente dos mandamentos do Antigo Testamento? Se Jesus honrava o Antigo Testamento, por que Ele rompeu com essas doutrinas? Você deve saber qual veio primeiro, Deus ou a Bíblia!” (“A Palavra manifesta em carne”).

A irmã Wang partilhou esta comunhão: “Nós colocamos Deus e a Bíblia em pé de igualdade por anos, pensando que a obra Dele não pode se afastar da Bíblia e que a fé fora da Bíblia não pode ser chamada de fé, mas de heresia. Na verdade, a Bíblia é apenas um registro dos dois primeiros estágios da obra de Deus. É um testemunho dos dois estágios da obra de Deus para guiar e salvar a humanidade, depois que Ele criou o céu, a terra, todas as coisas e a humanidade. Ela não representa toda a obra Dele para salvar o homem. As palavras de Deus registradas na Bíblia são limitadas. São pequenas pistas do caráter de vida de Deus. A Bíblia não contém todo o Seu caráter. Deus não trabalha de acordo com a Bíblia ou se apoia nela em Sua obra. Ele não a utiliza para encontrar a senda para guiar Seus seguidores. Sua obra está sempre seguindo em frente. Deus iniciou uma nova era e está realizando uma nova obra. Ele está concedendo às pessoas uma nova senda e verdades maiores, para que possamos ganhar uma salvação ainda maior. Portanto, Deus não guia a humanidade com base em Sua obra antiga. Isto é, Deus não trabalha de acordo com a Bíblia. Ele não é apenas senhor do Sábado, mas também da Bíblia. Ele tem todo o direito de trabalhar fora da Bíblia, de realizar uma nova obra de acordo com Seu próprio plano e as necessidades da humanidade no momento. Definitivamente, a obra de Deus não pode ser a mesma de uma era para a outra. Afirmar que tudo fora da Bíblia é heresia não faz sentido”.

Fiquei com vergonha quando vi isso. A comunhão dela estava de acordo com os fatos. A obra do Senhor Jesus na Era da Graça foi além do Antigo Testamento. Isso não nos diz que, como Senhor da criação, Deus é totalmente capaz de trabalhar fora da Bíblia? Por que nunca pensei sobre essa simples questão antes? Dizer que “tudo fora da Bíblia é heresia” realmente não faz sentido. Fui tão tola e ignorante!

Conforme eu assistia, a comunhão da irmã penetrava em meu coração. Ela disse: “A Bíblia é só um testemunho, um registro da obra de Deus. Ela não contém a vida eterna. Embora isso não esteja de acordo com nossas noções, é indiscutível, afinal, o Senhor Jesus repreendeu os fariseus há muito tempo, dizendo: “Examinais as Escrituras, porque julgais ter nelas a vida eterna; e são elas que dão testemunho de Mim; mas não quereis vir a Mim para terdes vida!” (João 5:39-40). O Senhor Jesus nos disse com clareza que não existe vida eterna na Escritura, portanto, tentar encontrar a vida eterna nela é errado. A Bíblia por si só não é suficiente para ganharmos a verdade e a vida. Só obtemos essas coisas do próprio Cristo”. Ouvir isso abriu meus olhos de verdade. Eu vi que o Senhor Jesus nos disse, há muito tempo, que a vida eterna não está na Bíblia. Somente Deus é o caminho, a verdade e a vida, e só Ele pode nos dar a vida eterna. Por que eu nunca tinha visto isso em minhas leituras anteriores?

Então, a irmã leu outra passagem das palavras de Deus. “Como existe um caminho mais elevado, por que estudar esse caminho baixo e desatualizado? Como existem mais novos enunciados e obras mais recentes, por que viver em meio a registros históricos antigos? Os novos enunciados podem prover por você, o que prova que esta é a nova obra; os registros antigos não podem satisfazê-lo ou satisfazer suas necessidades atuais, o que prova que são história e não a obra do aqui e agora. O caminho mais elevado é a obra mais nova, e com a obra nova, não importa quão alto que seja o caminho do passado, ele ainda é a história das reflexões das pessoas, e não importa seu valor como referência, ele ainda é o caminho antigo. Embora esteja registrado no ‘livro sagrado’, o antigo caminho é história; mesmo que não haja registro disso no ‘livro sagrado’, o novo caminho é o do aqui e agora. Este caminho pode salvar e mudar você, pois esta é a obra do Espírito Santo” (“A Palavra manifesta em carne”). Então, ela partilhou essa comunhão: “A Bíblia contém apenas profecias sobre a obra de Deus nos últimos dias, e não os registros dela. A obra nos últimos dias é uma etapa mais elevada e mais profunda, baseada nas necessidades da humanidade. No final da Era da Lei, todos estavam profundamente corrompidos e sob ameaça de morrer por causa da lei. Deus se tornou carne pessoalmente, veio à terra e foi crucificado como oferta pelo pecado. Elerealizou Sua obra de redenção sobre a fundação da obra da lei. Mesmo sem estar registrado no Antigo Testamento, Ele trabalhou de acordo com as necessidades da humanidade e Seu próprio plano. Ele não anulou a lei, mas a cumpriu. Agora, nos últimos dias, Deus também está trabalhando de acordo com Seu plano e as necessidades do homem, sobre a fundação da obra de redenção do Senhor Jesus. Ele está realizando Sua obra de julgamento começando pela casa de Deus, para nos livrar de nossa natureza pecaminosa, nos salvar completamente das amarras do pecado e nos guiar até um belo destino eterno. Deus Todo-Poderoso expressa todas as verdades para limpar e salvar a humanidade e revela todos os mistérios de Seu plano de gerenciamento. Ele nunca disse essas palavras na Era da Lei ou na Era da Graça. Este é o pergaminho, os sete selos abertos nos últimos dias, cumprindo esta profecia do Apocalipse: ‘Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas’ (Apocalipse 2:7). E esta também: ‘Eis que o Leão da tribo de Judá, a raiz de Davi, venceu para abrir o livro e romper os sete selos’ (Apocalipse 5:5). As palavras de Deus Todo-Poderoso estão reunidas na Bíblia da Era do Reino: A Palavra manifesta em carne. Essas ricas palavras de vida são o caminho para a vida eterna que Deus dá ao homem e a única senda para a salvação plena. Se nos recusarmos a aceitar isso, nunca obteremos o sustento da água viva de Deus, Sua verdade e Sua vida”.

Mais tarde, eu vi outras passagens das palavras de Deus Todo-Poderoso em outro filme, “Cristo dos últimos dias traz vida e traz o duradouro e perpétuo caminho de verdade. Essa verdade é a senda pela qual o homem ganhará vida e a única senda pela qual o homem há de conhecer Deus e ser aprovado por Deus. Se você não busca o caminho de vida providenciado por Cristo dos últimos dias, jamais ganhará a aprovação de Jesus e nunca estará qualificado para adentrar a porta do reino dos céus, pois é tanto um fantoche quanto um prisioneiro da história. As pessoas controladas por regulamentos, por letras, e agrilhoadas pela história jamais serão capazes de ganhar vida e de ganhar o caminho perpétuo de vida. Isso porque tudo o que elas têm é água turva à qual se agarraram por milhares de anos em vez da água da vida que flui do trono” (“A Palavra manifesta em carne”). O irmão do filme comunicou: “Deus Todo-Poderoso, Cristo dos últimos dias, expressa todas as verdades para limpar a salvar o homem. Elas são abundantes, completas e são todo o sustento que vem de Deus. Elas abrem nossos olhos e nos esclarecem. Elas nos mostram que Cristo é o caminho, a verdade e a vida, e o caminho para a vida eterna. As palavras de Deus na Era do Reino vão muito além das Suas palavras nas Eras da Lei e da Graça juntas. Em particular, ‘Palavras de Deus para todo o universo’, que está em A Palavra manifesta em carne, é a primeira declaração aberta de Deus à humanidade, e é a primeira vez que os seres humanos ouviram as palavras do Senhor da criação para toda a humanidade. Elas sacudiram o universo e abriram nossos olhos. A Era do Reino é quando Deus realiza Sua obra de julgamento e quando Ele revela Seu caráter justo à humanidade. É por isso que Ele declara palavras para julgar, limpar e aperfeiçoar o homem desta era. Ele lança desastres para recompensar os bons e punir os maus, e revela sua justiça, majestade e ira. As verdades que Deus Todo-Poderoso expressa para limpar, salvar e aperfeiçoar o homem são o caminho para a vida eterna que Ele concede ao homem nos últimos dias. Elas são a água da vida que flui de Seu trono”.

Nesse momento, eu percebi que A Palavra manifesta em carne, de Deus Todo-Poderoso, é o caminho para a vida eterna que Deus concede ao homem nos últimos dias. Eu soube que deveria acompanhar a nova obra de Deus e ler Suas novas palavras para receber o sustento de Sua água viva e Sua plena salvação. Logo depois, entrei em contato com a Igreja de Deus Todo-Poderoso e li muitas outras palavras de Deus Todo-Poderoso. Eu vi que Deus Todo-Poderoso revela todos os mistérios. Os mistérios do plano de gerenciamento de seis mil anos de Deus, de Sua encarnação e da história por trás da Bíblia. Todos os aspectos da verdade são revelados. Eu aprendi muito mais do que tinha aprendido em uma década de fé em Deus! Aceitei, oficialmente, a obra de Deus Todo-Poderoso dos últimos dias.

Pensei em como tinha sido enganada pelo pastor e os presbíteros. Restringi a obra e a palavra de Deus à Bíblia, pensando que todo o resto era heresia. Eu ouvi as pessoas da Igreja de Deus Todo-Poderoso dando testemunho do retorno do Senhor Jesus, mas não investiguei. Cegamente, ouvi o clero da igreja e rejeitei a obra de Deus por causa de minhas noções. Eu era crente, mas resistia a Deus! Fui cega e tola! A orientação de Deus me permitiu ouvir a voz Dele por meio dos filmes da Igreja de Deus Todo-Poderoso, entender a verdade e abandonar minhas noções. Eu não cultuei mais a Bíblia. Aprendi que isso não é fé verdadeira e que a Bíblia não contém a vida eterna. Somente Cristo é o caminho, a verdade e a vida. Somente Cristo dos últimos dias pode nos conceder o caminho para a vida eterna. Nós só podemos ganhar a verdade e a vida crendo em Deus Todo-Poderoso, Cristo dos últimos dias. Esse é o único tipo de fé que Deus aprova. Receber o Senhor foi resultado da graça e da bênção de Deus. Sou grata pela misericórdia e salvação de Deus para mim!

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.
Contate-nos
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Conteúdo relacionado

A luz do julgamento

“Deus observa toda a Terra, comanda todas as coisas e contempla todas as palavras e ações do homem. Ele conduz Sua gestão com passos...

Voltando para casa

Por Muyi, Coreia do Sul “O grande amor de Deus é gratuitamente concedido ao homem, envolve o homem; o homem é ingênuo e inocente,...

O enigma da Trindade revelado

Por Jingmo, Malásia Em 1997, tive a sorte de aceitar o evangelho do Senhor Jesus e, quando fui batizada, o pastor orou e me batizou em nome...

A senda para o reino dos céus

Para entrar no reino dos céus, muita gente acha que, já que temos fé no Senhor, e nossos pecados foram perdoados, quando o Senhor chegar,...