Na vida real, toda vez que enfrento eventos infelizes, como contratempos ou doenças, penso que Deus me abandonou e não me protege mais e, assim, afundo na negatividade e perco minha fé em Deus. Esta visão não está de acordo com a intenção de Deus? Como isso pode ser revertido?

25 de Março de 2021

Palavras de Deus relevantes:

Acreditar em Deus não é nada fácil. Aquelas práticas religiosas deveriam ser purgadas; buscar a cura dos enfermos e a expulsão de demônios, concentrar-se em sinais e maravilhas, cobiçar mais da graça, paz e alegria de Deus, buscar as perspectivas e conforto da carne — essas são práticas religiosas e tais práticas religiosas são um tipo vago de crença. O que é a crença real em Deus hoje? É a aceitação da palavra de Deus como sua vida-realidade e o conhecimento de Deus a partir de Sua palavra, a fim de alcançar um verdadeiro amor a Ele. Para ser claro: a crença em Deus é para que você possa obedecer a Deus, amar a Deus e realizar o dever que deveria ser realizado por uma criatura de Deus. Esse é o objetivo de acreditar em Deus. Você deve alcançar um conhecimento da beleza de Deus, de quão digno Deus é de reverência, de como, em Suas criaturas, Deus realiza a obra da salvação e as torna perfeitas — essas são as essências mínimas da sua crença em Deus. A crença em Deus é principalmente passar de uma vida da carne para uma vida de amor a Deus; de viver dentro da corrupção para viver dentro da vida das palavras de Deus; é sair do império de Satanás e viver sob o cuidado e proteção de Deus, é ser capaz de alcançar a obediência a Deus e não a obediência à carne, é permitir que Deus ganhe todo o seu coração, permitindo que Deus o torne perfeito e se libertar do caráter satânico corrupto. Crer em Deus é, principalmente, para que o poder e a glória de Deus se manifestem em você, para que você possa fazer a vontade de Deus e realizar o plano de Deus e ser capaz de dar testemunho de Deus diante de Satanás. Crer em Deus não deveria girar em torno do desejo de contemplar sinais e maravilhas, nem deveria ser por causa da própria carne. Deveria ser a busca de conhecer a Deus, e ser capaz de obedecer a Deus e, como Pedro, obedecer-Lhe até a morte. Esses são os objetivos principais de se crer em Deus. Come-se e bebe-se a palavra de Deus a fim de se conhecer a Deus e satisfazer a Deus. Comer e beber a palavra de Deus lhe dá um maior conhecimento de Deus, e somente depois disso você pode obedecer a Deus. Somente com conhecimento de Deus você pode amá-Lo, e esse é o objetivo que o homem deve ter em sua crença em Deus.

Extraído de ‘Tudo é realizado pela palavra de Deus’ em “A Palavra manifesta em carne

Meus feitos são maiores em número que os grãos de areia nas praias e Minha sabedoria supera a de todos os filhos de Salomão, mas as pessoas simplesmente pensam em Mim como um médico de pouca importância e um professor desconhecido do homem. Quantos creem em Mim apenas para que Eu possa curá-los. Quantos creem em Mim apenas para que Eu possa usar Meus poderes para expulsar espíritos impuros de seu corpo e quantos creem em Mim simplesmente para que possam receber paz e alegria de Mim. Quantos creem em Mim apenas para exigir de Mim maior riqueza material. Quantos creem em Mim apenas para passar esta vida em paz e estar sãos e salvos no mundo por vir. Quantos creem em Mim para evitar o sofrimento do inferno e receber as bênçãos do céu. Quantos creem em Mim apenas em busca de conforto temporário, mas não buscam ganhar nada no mundo por vir. Quando Eu fiz descer Minha fúria sobre o homem e tomei toda a alegria e paz que ele outrora possuía, o homem se tornou duvidoso. Quando Eu dei ao homem o sofrimento do inferno e recuperei as bênçãos do céu, a vergonha do homem se transformou em raiva. Quando o homem Me pediu para curá-lo, Eu não lhe dei atenção e senti repulsa por ele; o homem apartou-se de Mim para buscar, ao contrário, a senda do curandeirismo e da feitiçaria. Quando Eu tirei tudo que o homem tinha exigido de Mim, todos desapareceram sem deixar vestígios. Assim, Eu digo que o homem tem fé em Mim porque Eu concedo graça demais e há muitíssimo mais a ganhar.

Extraído de ‘O que você sabe sobre a fé?’ em “A Palavra manifesta em carne”

Existem então alguns estados dentro das pessoas que, se elas não os entenderem e não sentirem que são errados, não importa quão sinceramente elas busquem ou quão entusiasmadas estejam, elas poderão cair, um dia. No fim das contas, somente uma minoria das pessoas pode obter a verdade. Entender a verdade não é uma questão simples. Leva muito tempo para entender mesmo um pouco dela, muito tempo para ganhar um pouco de conhecimento experiencial, alcançar algo de um entendimento puro ou ganhar um pouco de luz. Se você não resolver todas as impurezas dentro de si, essa pouca luz pode ser sufocada a qualquer hora e em qualquer lugar. A dificuldade principal do homem agora é que cada pessoa tem dentro de si algumas imaginações, noções, desejos e ideais vazios que ela mesma não consegue descobrir. Essas coisas acompanham as pessoas constantemente como adulterações interiores. Isso é realmente muito perigoso, e as pessoas ficam suscetíveis a expressar queixas a qualquer momento. Há tantas adulterações dentro do homem. Embora possam ter boas aspirações, desejem buscar a verdade e acreditar sinceramente em Deus, as pessoas ainda são incapazes de alcançar isso. Esse tipo de coisa acontece com frequência na experiência de cada pessoa: ela encontra um problema pequeno, e os outros pensam que ela deveria ser capaz de renunciar a ele facilmente. Por que ela não consegue? Por que ela, que é relativamente experiente na maior parte do tempo, que parece relativamente forte aos outros e que tem uma mente lúcida, cai quando depara com uma questão pequena, e cai tão rápido? O homem está realmente sujeito à inconstância da sorte; como poderia prever? Dentro de cada pessoa existem algumas coisas que ela está disposta a buscar e obter, e todos têm suas preferências. Na maioria das vezes, as pessoas não conseguem perceber isso por conta própria ou acreditam que não há nada de errado com essas coisas, que está tudo bem. Então, um dia, algo assim aparece, e elas tropeçam; tornam-se negativas e fracas, e não conseguem se levantar. Talvez elas mesmas não saibam qual é o problema, e achem que estão certas e que foi Deus que as prejudicou. Se não entenderem a si mesmas, as pessoas jamais serão capazes de saber onde residem suas dificuldades ou em que áreas elas são suscetíveis a falhar e cair. São lamentáveis. Portanto, pessoas que não se entendem podem cair, falhar e arruinar-se a qualquer momento.

Extraído de ‘Só se entender seu próprio estado você pode embarcar na trilha certa’ em “Registros das falas de Cristo”

No passado, as pessoas todas vinham diante de Deus para tomar suas resoluções e diziam: “Mesmo que ninguém mais ame Deus; eu devo amá-Lo”. Mas agora, o refinamento vem sobre você e, já que isso não se alinha com suas noções, você perde a fé em Deus. Isso é amor genuíno? Você leu muitas vezes os feitos de Jó — você se esqueceu deles? O verdadeiro amor só pode tomar forma de dentro da fé. Você desenvolve o verdadeiro amor por Deus através dos refinamentos a que se submete, e é por meio de sua fé que você é capaz de estar atento à vontade de Deus em suas experiências práticas, e também é por meio da fé que você abandona a própria carne e busca a vida; isso é o que as pessoas deveriam fazer. Se fizer isso, então você será capaz de ver as ações de Deus, mas, se lhe faltar fé, então você será incapaz de ver as ações de Deus ou de experimentar Sua obra. Se você quer ser usado e aperfeiçoado por Deus, então você deve possuir tudo: a disposição para sofrer, fé, perseverança, obediência e a capacidade de experimentar a obra de Deus, compreender Sua vontade e estar atento à Sua tristeza, e assim por diante. Aperfeiçoar uma pessoa não é fácil, e cada um dos refinamentos que você experimenta requer sua fé e seu amor. Se você quer ser aperfeiçoado por Deus, não basta simplesmente correr adiante na senda, nem é suficiente meramente se despender por Deus. Você deve possuir muitas coisas para ser capaz de se tornar alguém aperfeiçoado por Deus. Quando encarar sofrimentos, você deve ser capaz de deixar de lado qualquer preocupação com a carne e de não fazer reclamações contra Deus. Quando Deus Se esconde de você, você deve ser capaz de ter a fé para segui-Lo e de manter seu antigo amor sem permitir que fraqueje ou se dissipe. Não importa o que Deus faça, você deve se submeter ao Seu desígnio e estar preparado para amaldiçoar a própria carne em vez de fazer reclamações contra Ele. Quando encarar provações, você deve satisfazer a Deus, embora você possa chorar amargamente ou se sentir relutante em se separar de algum objeto amado. Somente isso é amor e fé verdadeiros. Não importa qual seja sua real estatura, você deve primeiro possuir tanto a disposição para sofrer dificuldades como a verdadeira fé, e também deve ter a disposição para abandonar a carne. Você deve estar disposto a suportar dificuldades pessoais e a sofrer perdas em seus interesses pessoais a fim de satisfazer a vontade de Deus. Você também deve ser capaz de sentir remorso de si mesmo no seu coração: no passado você não foi capaz de satisfazer a Deus e, agora, você pode se arrepender. Você não deve estar carente de nenhuma dessas coisas — é por meio dessas coisas que Deus aperfeiçoará você. Se você não pode satisfazer esses critérios, então você não pode ser aperfeiçoado.

Extraído de ‘Aqueles que hão de ser aperfeiçoados devem passar pelo refinamento’ em “A Palavra manifesta em carne”

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.

Conteúdo relacionado

O que é um incrédulo?

Palavras de Deus relevantes: Já que você acredita em Deus, então deve pôr fé em todas as palavras de Deus e em toda a Sua obra. Ou seja, já...