Vocês precisam considerar seus feitos

Todas as suas ações e feitos na vida mostram que vocês devem ser supridos com uma passagem das Minhas palavras todos os dias para reabastecê-los, porque vocês são muito carentes, e seu conhecimento e capacidade de receber são muito parcos. Na sua vida diária, vocês vivem em meio a uma atmosfera e um ambiente sem verdade nem bom senso. Vocês não têm o capital para sobreviver, e não têm a fundação para conhecer a Mim ou à verdade. Sua fé não é construída sobre nada além de fé vaga e abstrata ou sobre conhecimento altamente dogmático e rituais religiosos. Todo dia Eu observo seus movimentos, examinando suas intenções e frutos malignos, e nunca encontrei uma única pessoa que verdadeiramente coloca seu coração e seu espírito sobre o Meu altar que jamais foi movido. Portanto, não desejo desperdiçar tempo despejando todas as palavras que desejo expressar a tal humanidade; os únicos planos em Meu coração são para a Minha obra inacabada e para aqueles em meio à humanidade que Eu ainda tenho de salvar. Não obstante, desejo que todos os que Me seguem recebam a Minha salvação e as verdades que a Minha palavra concede ao homem. Espero que um dia, quando fechar os olhos, você veja um reino no qual fragrâncias preenchem o ar e riachos de águas vivas correm — não um mundo sombrio e frio no qual nuvens escuras mancham os céus e os sons de uivos nunca cessam.

A cada dia, os feitos e os pensamentos de todas as pessoas são observados por pelos olhos do Único, e, ao mesmo tempo, estão em preparação para seu amanhã. Essa é a senda que deve ser percorrida por todos os vivos; é a senda que Eu predestinei para todos, e ninguém pode escapar dela ou ser isento. As palavras que Eu falei são inúmeras, e a obra que executei, ademais, é sem medida. Todos os dias, Eu observo enquanto cada homem naturalmente executa tudo que deve fazer de acordo com sua natureza inerente e os ocorridos de sua natureza. Sem saber, muitos já se colocaram na “trilha certa”, que Eu estabeleci para evidenciar os diferentes tipos de pessoas. Esses diferentes tipos de pessoas, Eu já coloquei em ambientes diferentes, e, em seu respectivo lugar, cada um expressou seus atributos inerentes. Não há ninguém para prendê-los, ninguém para seduzi-los. Estão livres em sua totalidade, e aquilo que expressam vem naturalmente. Só uma coisa os mantém sob controle: Minhas palavras. Assim, algumas pessoas leem as Minhas palavras com má vontade, nunca as praticam, fazendo isso só para evitar a morte; já outras acham difícil suportar os dias sem as Minhas palavras para guiá-las e supri-las, e então naturalmente se agarram às Minhas palavras o tempo todo. Conforme o tempo passa, elas descobrem o segredo da vida humana, o destino da humanidade e o valor de ser humano. É assim que a humanidade simplesmente fica na presença das Minhas palavras, e Eu apenas permito que as questões tomem seu rumo. Não faço obra alguma que force as pessoas a fazer das Minhas palavras a fundação de sua existência. E, assim, aqueles que nunca tiveram consciência, e cuja existência nunca teve valor algum, com ousadia deixam Minhas palavras de lado e fazem o que bem entendem depois de observar discretamente como vão as coisas. Começam a se cansar da verdade e de tudo que vem de Mim. Além do mais, cansam-se de estar na Minha casa. Pelo bem do próprio destino, para fugir à punição, essas pessoas habitam a Minha casa por um tempo, mesmo que estejam prestando serviço. Contudo, suas intenções e ações nunca mudam. Isso aumenta seu desejo por bênçãos, e aumenta seu desejo de entrar no reino uma só vez e permanecer para sempre — até entrar no Céu eterno. Quanto mais anseiam que o Meu dia venha em breve, mais elas sentem que a verdade se tornou um obstáculo, um percalço em seu caminho. Elas mal podem esperar para colocar os pés no reino para aproveitar para sempre as bênçãos do reino dos céus — tudo isso sem precisar buscar a verdade ou aceitar julgamento e castigo e, mais do que tudo, sem precisar se arrastar pela Minha casa e fazer o que Eu ordeno. Essas pessoas entram na Minha casa não para satisfazer seu desejo de buscar a verdade, nem para cooperar com o Meu gerenciamento; elas almejam simplesmente estar em meio daqueles que não serão destruídos na era vindoura. Por isso, seu coração nunca soube o que é a verdade, nem como aceitar a verdade. Essa é a razão por que tais pessoas nunca praticaram a verdade ou se deram conta da profundidade de sua corrupção e, no entanto, habitaram a Minha casa como “servos” até o fim. Elas esperam “pacientemente” a chegada do Meu dia e são incansáveis enquanto são jogadas de um lado para o outro pela maneira da Minha obra. Mas não importa quão grandes sejam os seus esforços, nem que preço pagam, ninguém os viu sofrer pela verdade ou dar algo pelo Meu bem. Em seu coração, elas mal podem esperar para ver o dia em que colocarei um fim à antiga era e, além do mais, mal podem esperar para saber quão grandes são o Meu poder e a Minha autoridade. Aquilo que elas nunca se apressaram por fazer é mudar a si mesmas e perseguir a verdade. Elas amam aquilo de que Eu estou cansado e estão cansadas daquilo que Eu amo. Elas anseiam por aquilo que Eu odeio, mas têm medo de perder aquilo que Eu abomino. Vivem neste mundo perverso, nunca o odeiam e, no entanto, têm medo profundo de que Eu o destrua. Em meio a suas intenções conflitantes, amam esse mundo que Eu abomino, mas também anseiam que Eu o destrua, e logo, para que sejam poupadas do sofrimento da destruição e transformadas nos senhores da próxima era, antes de se desviarem do caminho verdadeiro. Isso é porque elas não amam a verdade e estão cansadas de tudo que vem de Mim. Talvez se tornem “pessoas obedientes” por um curto período para não perder as bênçãos, mas sua ansiedade por serem abençoadas e seu medo de perecer e entrar no lago de fogo ardente nunca poderão ser ocultados. À medida que o Meu dia se aproxima, seu desejo vai ficando cada vez mais forte. E, quanto maior o desastre, mais ele os torna impotentes, sem saber por onde começar para Me fazer regozijar e para evitar perder as bênçãos pelas quais ansiaram durante tanto tempo. Tais pessoas ficam ávidas por entrar em ação e servir como a vanguarda assim que Minha mão começa sua obra. Elas pensam apenas em lançar-se bem na linha de frente das tropas, com medo profundo de que Eu não as veja. Fazem e dizem aquilo que pensam estar certo, sem saber que seus feitos e ações nunca foram relevantes para a verdade, e que seus atos simplesmente interrompem e interferem com o Meu plano. Elas podem ter dedicado grande esforço e podem ser verdadeiras em sua vontade e intenção de suportar as dificuldades, mas nada que fazem tem a ver Comigo, porque nunca vi seus feitos vindo de boas intenções, muito menos os vi colocando qualquer coisa em Meu altar. Tais são os feitos que fizeram diante de Mim durante todos esses anos.

A princípio, Eu desejava fornecer a vocês mais verdades, mas tive de desistir disso porque sua atitude com relação à verdade é fria e indiferente demais; não desejo que Meus esforços sejam desperdiçados, nem desejo ver as pessoas se agarrando às Minhas palavras, entretanto, em todas as questões, fazendo o que resiste a Mim, Me calunia e Me blasfema. Por causa das suas atitudes e da sua humanidade, Eu meramente lhes forneço uma pequena parte, e, para vocês, muito importante, das Minhas palavras, que serve como Minha obra de provação em meio à humanidade. Somente agora Eu verdadeiramente confirmei que as decisões e os planos que Eu fiz estão de acordo com as suas necessidades e, além do mais, que a Minha atitude com relação à humanidade é a correta. Seus muitos anos de conduta diante de Mim Me deram uma resposta sem precedentes, e a pergunta para essa resposta é: “Qual é a atitude do homem perante a verdade e o verdadeiro Deus?”. Os esforços que Eu devotei ao homem provam a Minha substância de amor pelo homem, e todas as ações do homem diante de Mim provam a sua substância de ódio para com a verdade e a sua oposição a Mim. Em todo momento, Eu Me preocupo com todos os que Me seguem, no entanto, nunca aqueles que Me seguem são capazes de receber Minhas palavras; não são capazes nem de aceitar Minhas sugestões. Isso é o que Me entristece mais do que tudo. Ninguém nunca foi capaz de Me entender e, além do mais, ninguém nunca foi capaz de Me aceitar, apesar de Minha atitude ser sincera e Minhas palavras, gentis. Todos tentam fazer a obra que Eu lhes confiei de acordo com as próprias ideias; eles não buscam Minhas intenções, muito menos perguntam o que é que Eu exijo deles. Continuam alegando que Me servem com lealdade ao mesmo tempo que se rebelam contra Mim. Muitos acreditam que as verdades que são inaceitáveis para eles ou que eles não conseguem praticar não são verdades. Em tais pessoas, as Minhas verdades se tornam algo a ser negado e deixado de lado. Ao mesmo tempo, as pessoas Me reconhecem como Deus em palavra, mas também Me consideram um forasteiro que não é a verdade, o caminho ou a vida. Nenhum sabe esta verdade: Minhas palavras são a verdade eterna e imutável. Eu sou o suprimento de vida para o homem e o único guia para a humanidade. O valor e o significado das Minhas palavras não são determinados por serem ou não reconhecidos ou aceitos pela humanidade, mas pela substância das palavras em si. Mesmo que nem uma única pessoa nesta terra possa receber Minhas palavras, o valor de Minhas palavras e seu auxílio à humanidade são inestimáveis para qualquer homem. Portanto, quando enfrentado pelas várias pessoas que se rebelam contra as Minhas palavras, refutam-nas ou são completamente desdenhosas delas, Minha posição é apenas esta: que o tempo e os fatos sejam Minha testemunha e mostrem que Minhas palavras são a verdade, o caminho e a vida. Que mostrem que tudo que Eu disse é certo, é aquilo com que o homem deve se prover e, além do mais, aquilo que o homem deveria aceitar. Eu permitirei que todos aqueles que Me seguem conheçam este fato: aqueles que não podem aceitar Minhas palavras plenamente, aqueles que não podem praticar Minhas palavras, aqueles que não podem encontrar um motivo em Minhas palavras e aqueles que não podem receber salvação por causa das Minhas palavras são aqueles que foram condenados pelas Minhas palavras e, além do mais, perderam Minha salvação, e Minha vara nunca se afastará deles.

16 de abril de 2003

Anterior: Os dez decretos administrativos que devem ser obedecidos pelo povo escolhido de Deus na Era do Reino

Próximo: Deus é a fonte da vida do homem

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.
Contate-nos
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Conteúdo relacionado

A senda… (5)

No passado, ninguém conhecia o Espírito Santo e menos ainda se tinha ciência da senda trilhada pelo Espírito Santo. É por isso que as...

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Sumário

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro