"Você deve saber como toda a humanidade se desenvolveu até hoje" | Trecho 147

"Você deve saber como toda a humanidade se desenvolveu até hoje" | Trecho 147

292 |20 de Julho de 2020

A totalidade da obra, ao longo dos 6.000 anos, mudou gradualmente com os tempos. As mudanças nessa obra ocorreram de acordo com as circunstâncias do mundo inteiro. A obra de gestão de Deus é apenas gradualmente transformada somente de acordo com as tendências de desenvolvimento da humanidade como um todo; não estava planejada logo no início da criação. Antes que o mundo fosse criado, ou logo depois de ter sido criado, Jeová ainda não havia planejado o primeiro estágio da obra, o da lei; o segundo estágio da obra, o da graça; ou o terceiro estágio da obra, o da conquista, no qual Ele primeiro operaria entre um grupo de pessoas — alguns dos descendentes de Moabe e, a partir daí, Ele conquistaria o universo inteiro. Ele não falou estas palavras depois de criar o mundo; Ele não falou estas palavras depois de Moabe, muito menos antes de Ló. Toda a Sua obra foi feita espontaneamente. É exatamente assim que toda a Sua obra de gestão de seis mil anos se desenvolveu; de modo algum Ele havia escrito um plano como o Resumo Gráfico para o Desenvolvimento da Humanidade antes de criar o mundo. Na obra de Deus, Ele expressa diretamente o que Ele é; Ele não quebra a cabeça para formular um plano. É claro que muitos profetas proferiram muitas profecias, mas ainda não se pode dizer que a obra de Deus sempre foi de planejamento preciso; as profecias foram feitas de acordo com a obra real de Deus. Toda a Sua obra é o trabalho mais real. Ele realiza a Sua obra de acordo com o desenvolvimento dos tempos, e Ele realiza a Sua obra mais real de acordo com as mudanças das coisas. Para Ele, realizar a obra é como administrar remédios contra uma doença; Ele observa enquanto faz o Seu trabalho; Ele opera de acordo com as Suas observações. Em todos os estágios da Sua obra, Ele consegue expressar Sua ampla sabedoria e capacidade; Ele revela Sua ampla sabedoria e ampla autoridade de acordo com a obra daquela era em particular, e permite que qualquer uma daquelas pessoas trazidas de volta por Ele durante aquelas eras vejam todo o Seu caráter. Ele supre as necessidades das pessoas e realiza a obra que Ele deveria fazer de acordo com a obra que deve ser feita em cada era; Ele supre as necessidades das pessoas de acordo com o grau em que Satanás as corrompeu. Foi assim quando Jeová inicialmente criou Adão e Eva para permitir que eles manifestassem a Deus sobre a terra e para ter testemunhas de Deus em meio à criação, mas Eva pecou depois de ser tentada pela serpente; Adão fez o mesmo e, juntos no jardim, comeram o fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal. E assim, Jeová teve uma obra adicional para realizar entre eles. Ele viu a nudez deles e cobriu seus corpos com vestes feitas de peles de animais. Depois disso, disse a Adão: “Porquanto deste ouvidos à voz de tua mulher, e comeste da árvore de que te ordenei dizendo: Não comerás dela; maldita é a terra por tua causa… até que tornes à terra, porque dela foste tomado; porquanto és pó, e ao pó tornarás”. Para a mulher, disse: “Multiplicarei grandemente a dor da tua conceição; em dor darás à luz filhos; e o teu desejo será para o teu marido, e ele te dominará”. A partir de então, Ele os baniu do Jardim do Éden e os fez viver fora do jardim, como o homem moderno faz agora na terra. Quando Deus criou o homem, bem no começo, Ele não planejou deixar o homem ser tentado pela serpente depois de ele ter sido criado e, então, amaldiçoar o homem e a serpente. Na verdade, Ele não tinha esse tipo de plano; foi simplesmente o desenvolvimento das coisas que deram a Ele nova obra em meio à Sua criação. Depois que Jeová realizou essa obra em Adão e Eva na terra, a humanidade continuou a se desenvolver por vários milhares de anos, até que “Viu o Jeová que era grande a maldade do homem na terra, e que toda a imaginação dos pensamentos de seu coração era má continuamente. Então arrependeu-se o Jeová de haver feito o homem na terra, e isso lhe pesou no coração… Noé, porém, achou graça aos olhos do Jeová”. Nessa época, Jeová teve mais obra nova, porque a humanidade que Ele criou se tornou pecaminosa demais depois de ser tentada pela serpente. Dadas essas circunstâncias, Jeová selecionou a família de Noé dentre essas pessoas, as poupou e realizou a Sua obra de destruir o mundo com um dilúvio. A humanidade continuou a se desenvolver dessa maneira até hoje, tornando-se cada vez mais corrupta, e quando o desenvolvimento da humanidade atingir seu pico, também será o fim dela. Desde bem no começo até o fim do mundo, a verdade interior da Sua obra sempre foi assim. É semelhante a como o homem será classificado de acordo com a sua espécie; longe de todas e de cada pessoa que está sendo predestinada à categoria a que pertence, bem no começo, as pessoas são gradativamente categorizadas somente depois de passarem por um processo de desenvolvimento. No final, quem não puder ser salvo por completo será devolvido aos seus antepassados. Nenhuma das obras de Deus em meio à humanidade já estava preparada na criação do mundo; ao contrário, foi o desenvolvimento das coisas que permitiram que Deus realizasse a Sua obra passo a passo de maneira mais realista e prática em meio à humanidade. É exatamente assim como Deus Jeová não criou a serpente para tentar a mulher. Não era Seu plano específico, nem algo que Ele intencionalmente havia predestinado; pode-se dizer que isso foi inesperado. Foi assim e devido a isso que Jeová expulsou Adão e Eva do Jardim do Éden e prometeu nunca mais criar o homem. Mas a sabedoria de Deus só é descoberta pelas pessoas sobre este fundamento, assim como o ponto que mencionei anteriormente: “Minha sabedoria é exercida com base nos enganos de Satanás”. Não importa o quanto a humanidade ficou corrupta nem como a serpente a tentou, Jeová ainda tinha Sua sabedoria; portanto, Ele tem se empenhado em novas obras desde que criou o mundo, e nenhum dos passos dessa obra jamais se repetiu. Satanás tem, continuamente, operado enganos; a humanidade tem sido continuamente corrompida por Satanás, e Deus Jeová também tem continuamente realizado a Sua sábia obra. Ele nunca falhou, e Ele nunca cessou Sua obra desde a criação do mundo até agora. Depois que a humanidade foi corrompida por Satanás, Ele trabalhou continuamente entre as pessoas para derrotar o Seu inimigo, que corrompe a humanidade. Esta batalha continuará do começo até o fim do mundo. Ao fazer toda essa obra, Ele não apenas permitiu que a humanidade, que foi corrompida por Satanás, recebesse a Sua grande salvação, mas também permitiu que ela visse Sua sabedoria, onipotência e autoridade e, no final, Ele permitirá que a humanidade veja Seu justo caráter, punindo os maus e recompensando os bons. Ele tem lutado contra Satanás até hoje e nunca foi derrotado porque Ele é um Deus sábio, e Sua sabedoria é exercida com base nos enganos de Satanás. E, assim, Ele não apenas faz tudo no céu se submeter à Sua autoridade. Ele também faz tudo sobre a terra descansar sob o estrado dos Seus pés, e não por último, Ele faz aqueles malfeitores, que invadem e perturbam a humanidade, caírem em Seu castigo. Todos os resultados da obra são ocasionados por causa da Sua sabedoria. Ele nunca havia revelado a Sua sabedoria antes da existência da humanidade porque Ele não tinha inimigos no céu, na terra ou no universo inteiro, e não houve forças das trevas que invadiram qualquer coisa em meio à natureza. Depois que o arcanjo O traiu, Ele criou a humanidade sobre a terra, e foi por causa da humanidade que Ele iniciou formalmente Sua guerra de milênios com Satanás, o arcanjo, uma guerra que se torna mais acirrada a cada estágio sucessivo. Sua onipotência e sabedoria estão presentes em cada um desses estágios. Somente nesse momento tudo no céu e na terra veem a sabedoria, a onipotência e, especialmente, a realidade de Deus. Ele ainda realiza Sua obra da mesma maneira realista hoje; além disso, ao realizar a Sua obra, Ele também revela a Sua sabedoria e onipotência; Ele permite que vocês vejam a verdade interior de cada estágio da obra para verem exatamente como explicar a onipotência de Deus e, especialmente, como explicar exatamente a realidade de Deus.

Extraído de “A Palavra manifesta em carne

Exibir mais
Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.
Contate-nos
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Compartilhar

Cancelar