O que é oração verdadeira?

07 de Outubro de 2018

Palavras de Deus relevantes:

O que é a oração verdadeira? É contar a Deus o que está dentro do seu coração, comungar com Deus ao captar Sua vontade, comunicar-se com Deus por meio de Suas palavras, sentir-se particularmente próximo de Deus, sentir que Ele está diante de você e crer que você tem algo a dizer a Ele. Seu coração parece cheio de luz e você sente como Deus é amável. Você se sente especialmente inspirado, e ouvir você traz gratificação aos seus irmãos e irmãs. Eles sentirão que as palavras ditas por você são as palavras que estão no coração deles, as palavras que eles desejam dizer, como se as suas palavras substituíssem as deles. É isso o que significa verdadeira oração. Depois de ter se envolvido em verdadeira oração, seu coração estará em paz e conhecerá a gratificação. A força para amar a Deus pode elevar-se, e você sentirá que nada tem mais valor e significância na vida do que amar a Deus. Tudo isso prova que suas orações foram eficazes.

Extraído de ‘Acerca da prática da oração’ em “A Palavra manifesta em carne

O mínimo que Deus exige do homem é que ele seja capaz de abrir seu coração a Ele. Se o homem oferecer seu verdadeiro coração a Deus e falar aquilo que realmente está dentro de seu coração, então, Deus Se dispõe a operar nele. O que Deus deseja não é o coração distorcido do homem, mas um coração puro e honesto. Se o homem não falar sinceramente com Deus, Deus não tocará seu coração nem irá operar nele. Portanto, o ponto crucial da oração é falar com Deus de coração, contando-Lhe suas falhas ou caráter rebelde e abrindo-se completamente diante Dele. Somente então Deus estará interessado nas suas orações; caso contrário, Ele ocultará Sua face de você.

Extraído de ‘Acerca da prática da oração’ em “A Palavra manifesta em carne”

Às vezes, confiar em Deus não significa pedir a Deus que faça algo usando palavras específicas, nem pedir Sua orientação ou proteção específicas. Ao contrário, é quando encontram algum problema que as pessoas são capazes de invocá-Lo sinceramente. Então, o que Deus está fazendo ali quando as pessoas o invocam? Quando o coração da pessoa se agita e ela pensa: “Ó Deus, não consigo fazer isso sozinha, não sei como fazer e me sinto fraca e negativa…”, quando esses pensamentos surgem nela, Deus não sabe disso? Quando esses pensamentos surgem, o coração das pessoas é sincero? Quando elas invocam Deus sinceramente dessa maneira, Deus concorda em ajudá-las? Apesar do fato de poderem não ter dito uma palavra, elas mostram sinceridade, e assim Deus concorda em ajudá-las. Quando alguém encontra uma dificuldade especialmente espinhosa, quando não tem ninguém a quem recorrer, quando se sente particularmente desamparado, ele coloca sua única esperança em Deus. Como são suas orações? Qual é o seu estado de espírito? Ele é sincero? Existe alguma adulteração nesse momento? Só quando confia em Deus como se Ele fosse a última gota a que você se agarra para salvar sua vida, esperando que Ele o ajude, é que seu coração é sincero. Embora você possa não ter dito muito, seu coração já se mexeu. Isto é, você dá o seu coração sincero a Deus e Deus ouve. Quando ouve, Deus vê suas dificuldades e Ele irá esclarecer você, guiar você e ajudar você.

Extraído de ‘Os crentes começam a enxergar as tendências malignas do mundo’ em “Registros das falas de Cristo”

Orar não é simplesmente fazer algo sem se envolver, seguir um procedimento ou recitar as palavras de Deus. Ou seja, orar não é papaguear determinadas palavras nem imitar os outros. Na oração, é preciso alcançar aquele estado em que o coração do indivíduo pode ser entregue a Deus e aberto para que seja tocado por Ele. A fim de que a oração seja eficaz, ela deve se basear na leitura das palavras de Deus. Somente orando com base nas palavras de Deus é possível receber mais esclarecimento e iluminação. As manifestações de uma oração verdadeira são: ter um coração que anseia por tudo o que Deus pede e, além disso, deseja cumprir o que Ele exige; odiar aquilo que Deus odeia e então, edificando sobre esta base, ganhar algum entendimento disso e ter algum conhecimento e clareza sobre as verdades que Deus expõe. É somente onde há resolução, fé, conhecimento e uma senda de prática após a oração que ela pode ser chamada de oração verdadeira, e somente esse tipo de oração pode ser eficaz. No entanto, a oração deve ser construída sobre o deleite das palavras de Deus, deve ser estabelecida sobre a base da comunhão com Deus em Suas palavras, e o coração deve ser capaz de buscar a Deus e aquietar-se perante Ele. A oração desse tipo já atingiu o ponto de verdadeira comunhão com Deus.

Extraído de ‘Acerca da prática da oração’ em “A Palavra manifesta em carne”

Espero que vocês, irmãos e irmãs, sejam capazes de se envolver em oração verdadeira a cada dia. Não se trata de seguir as regras, mas de alcançar um determinado resultado. Você está disposto a privar-se de um pouco de sono e diversão para acordar cedo, orar e apreciar as palavras de Deus? Se orar com um coração puro e comer e beber as palavras de Deus desse modo, você será mais aceitável a Ele. Se fizer assim toda manhã, se você praticar a entrega do seu coração a Deus todos os dias, comunicando-se e envolvendo-se com Ele, seu conhecimento sobre Deus certamente aumentará, e você será mais capaz de captar a vontade de Deus. Você diz: “Ó, Deus! Eu estou disposto a cumprir meu dever. Somente a Ti eu consagro todo o meu ser, para que sejas glorificado em nós e para que possas deleitar-Te no testemunho dado pelo nosso grupo. Suplico que operes em nós, para que eu me torne capaz de verdadeiramente Te amar e satisfazer a Ti, e Te buscar como meu objetivo”. Ao tomar esse fardo, Deus certamente o aperfeiçoará. Você não deve orar somente em benefício próprio, mas também com o intuito de seguir a vontade de Deus e O amar. Este é o tipo mais verdadeiro de oração.

Extraído de ‘Acerca da prática da oração’ em “A Palavra manifesta em carne”

Trechos de sermão e comunhão para referência:

Há vários resultados que uma comunhão verdadeira com Deus deve produzir: primeiro, ao comungar com Deus, passamos a conhecer a verdade sobre nossa corrupção e a essência de nossa natureza, alcançando assim o resultado de conhecer a nós mesmos. Na presença de Deus, devemos refletir frequentemente sobre as coisas que temos feito para ver se elas se conformam ou não com a vontade Dele e para saber do que temos dependido para viver. Se tivermos vivido pela palavra de Deus, então esse é o testemunho para a entrada na vida. Se tivermos vivido pela filosofia de Satanás, essa é uma expressão da natureza dele, que é considerada uma transgressão. Segundo, ao termos comunhão com Deus, nós não somente alcançamos o conhecimento verdadeiro de nós mesmos, mas também alcançamos o conhecimento verdadeiro Dele, que é o resultado da comunhão com Ele. Após alcançar o conhecimento verdadeiro de Deus, surgirá em nosso coração o desejo de reverenciar a Deus, de obedecer a Ele e de amá-Lo, o que acabará gerando em nós a resolução de servir a Deus. Esse é um resultado alcançado por conhecer a Deus, e também é o resultado alcançado por se ter comunhão com Ele. Se não alcançarmos esses resultados em nossa comunhão com Deus, isso é suficiente para provar que não entramos na trilha certa em nossas orações e que não tivemos comunhão de fato com Ele. Algumas pessoas dizem: “Bem, eu tenho orado por muitos anos, então isso significa que estou em comunhão com Ele em oração?” Então você tem de medir conforme esses resultados. Você alcançou o resultado de conhecer a si mesmo em suas orações? Você alcançou o resultado de buscar a vontade de Deus e a verdade? Você alcançou o resultado de obedecer a Deus? Você alcançou o resultado de reverenciar a Deus? Você alcançou o resultado de amar a Deus? Se você não alcançou nenhum desses resultados, então suas orações são vazias, são sem significado e você simplesmente não está em comunhão verdadeira com Deus.

Extraído de “Sermões e comunhão sobre a entrada na vida”

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.

Conteúdo relacionado

Entre em contato conosco pelo Whatsapp