Aplicativo da Igreja de Deus Todo-Poderoso

Ouça a voz de Deus e dê as boas vindas ao retorno do Senhor Jesus!

Convidamos a todos os buscadores da verdade que entrem em contato conosco.

A Palavra manifesta em carne

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Largura da página

0 resultados

Nenhum resultado encontrado

Aqueles que não aprendem nem sabem de nada não são bestas?

Qual é o método de busca mais apropriado na senda atual? Com que tipo de figura você deve se identificar nessa busca? Você deve saber como lidar com tudo o que está acontecendo a você agora, sejam provações ou sofrimento, castigos impiedosos ou maldições – você deve considerar tudo isso com cuidado. Por que digo isso? Porque, afinal de contas, o que está ocorrendo com você agora é uma breve provação após a outra. Talvez agora não seja um grande estresse para você, então você apenas está deixando que as coisas sigam em frente, sem tratá-las como uma preciosa riqueza para a sua busca de progresso. Você é descuidado demais! Você de fato considera essa preciosa riqueza como nuvens flutuando diante de seus olhos, e não valoriza esses breves casos de golpes duros que não parecem assim tão penosos para você. Você apenas observa friamente e não as leva a sério, mas apenas as vê como se, vez por outra, bate contra uma parede. Como você é tão arrogante! Você simplesmente adota uma atitude desdenhosa perante um ataque feroz e tempestuoso atrás do outro e, às vezes, até sorri com frieza, exibindo um ar de indiferença. Isso é porque você nunca pensou por que sofre repetidamente esse tipo de “infortúnio”. Será porque sou tão injusto com as pessoas? Estou apenas sendo excessivamente crítico com você? Embora seus pensamentos não sejam tão sérios quanto descrevi, essa conduta calma retrata muito vividamente o mundo interior do seu coração. É desnecessário dizer que o que se oculta no fundo do seu coração não são nada mais do que invectivas impensadas e infindáveis lampejos de tristeza que os outros dificilmente podem ver. E assim você tem sofrido esses tipos de provações que acha muito injustas que profere invectivas desse jeito. É por causa dessas provas que você sente que o mundo é tão desolado, e assim você está cheio de melancolia. Você não vê um golpe atrás do outro, uma disciplina atrás da outra como a melhor proteção, mas os vê como provocações sem sentido vindas do Céu ou como uma vingança adequada para você. Você é tão ignorante! Sem piedade, você envolveu em trevas o melhor dos tempos, e uma vez atrás da outra enxerga essas lindas provações e disciplinas como ataques do inimigo. Você é incapaz de se adaptar ao ambiente e, mais ainda, não tem disposição para se adaptar. Isso é porque você não está disposto a ganhar nada com os sucessivos castigos que parecem cruéis para você. Você não busca nem sonda, e se resigna à vontade do Céu – onde quer que você enfim acabe é onde você está. O castigo que parece cruel para você não mudou seu coração em nada, nem ocupou o seu coração. Em vez disso, apenas o machucou. Você só entendeu esse “castigo cruel” como seu inimigo nesta vida, mas não ganhou nada. Como você é hipócrita! Você raramente acredita que é submetido a esses tipos de provação porque é tão desprezível; em vez disso, acredita que é muito azarado e, sobretudo, diz que Eu estou sempre criticando você excessivamente. Até agora, quanto você realmente entendeu do que Eu digo e faço? Não pense que você é um gênio nato, só um pouco abaixo do céu e muito acima da terra. Você não é mais esperto do que as outras pessoas, e é possível dizer que você é bem mais tolo do que qualquer outra pessoa sensata na terra porque se considera muito superior; você nunca teve nenhum sentido de inferioridade. Parece que você vê tudo que Eu faço com total clareza. A verdade é que você não é nem de longe uma pessoa sensata. Isso porque não tem ideia do que farei, e sabe menos ainda o que estou fazendo atualmente. É por isso que Eu digo que você simplesmente não pode ser comparado ao lavrador veterano que não conhece nada da vida humana, mas confia nas bênçãos do Céu para sua lavoura. Você é tão desdenhoso a respeito de sua própria vida e não sabe qual é sua própria reputação, e tem ainda menos autoconhecimento. Você é por demais “elevado e poderoso”! Sinceramente, Me preocupo se playboys ou moças delicadas como você serão capazes de enfrentar os ataques de ventos e ondas maiores e tempestuosas. Esses playboys não se importam nada com o tipo de ambiente que lhes sucede agora. Parece uma coisa trivial – eles não dão importância a isso. Não são negativos e não se consideram humildes. Em vez disso, ainda estão vagando e passeando nas “avenidas”, se exibindo. Essas “figuras” que não aprendem nem sabem nada não fazem ideia do por que lhes digo tais coisas. Elas apenas se conhecem um pouco, com ar truculento e, depois disso, seus modos malignos não mudam. Depois que se afastam de Mim, continuam a agir no mundo com violência, se gabando e burlando. A expressão no seu rosto muda muito depressa – você ainda está Me enganando dessa maneira. Quanta audácia! E essas mocinhas delicadas são realmente risíveis. Elas ouvem Minhas urgentes declarações, veem o ambiente em que estão e não podem deixar de chorar; contorcem o corpo como se estivessem tentando ser encantadoras. É tão repulsivo! Ela enxerga a própria estatura, deita na cama e fica ali, chorando sem parar, quase como se estivesse a ponto de sufocar. Por meio dessas palavras, ela vê a própria imaturidade e vileza, e depois disso está sobrecarregada com negatividade. Tem o olhar vazio e não há luz em seus olhos; ela não se queixa e não Me odeia – é tão negativa que nem se mexe. Ela também não aprende e nada sabe. Depois que se afasta de Mim, ela novamente faz graça e é brincalhona, e seu riso como sinos de prata é como o de uma “princesa do sino de prata”. Ambas muito frágeis e desprovidas de autopiedade! Todos vocês, mercadorias avariadas em meio à raça humana – falta-lhes tanta humanidade! Vocês não conhecem o amor-próprio nem a autoproteção, não entendem a razão, não buscam o verdadeiro caminho nem amam a verdadeira luz, e, especialmente, não sabem como se valorizar. Vezes seguidas, vocês empurraram Minhas palavras de ensinamento para o fundo da cabeça e até mesmo as empregaram para se entreter em seu tempo livre. Vocês sempre as utilizaram como seu próprio amuleto. Quando Satanás o acusa, você apenas ora um pouco. Quando se sente negativo, você dorme e, quando está feliz, corre de um lado para outro como louco. Quando Eu o repreendo, você concorda e se curva numa reverência, mas quando Me deixa, ri selvagemente. Entre as pessoas, você é sempre o mais elevado e nunca pensa que é o mais vaidoso. Você é sempre elevado e poderoso, muito satisfeito consigo mesmo e terrivelmente arrogante. Como esse tipo de “rapaz”, “moça”, “cavalheiro” ou “dama” que não aprende e não sabe nada pode tratar Minhas palavras como um tesouro precioso? Pergunto a você ainda isto: o que você realmente aprendeu com as Minhas palavras e a Minha obra depois de todo esse tempo? Seus truques estão mais aguçados? Sua carne está mais sofisticada? Sua atitude para Comigo está mais desdenhosa? Vou dizer a você francamente que esse tanto da Minha obra efetivamente fez com que a sua bravura, que costumava ser a de um camundongo, se tornasse maior. Seu temor de Mim diminui dia a dia porque sou muito misericordioso. Nunca usei métodos violentos para punir sua carne. Talvez, do modo como você vê, Eu apenas esteja falando severamente, mas a maior parte do tempo Eu encaro você com um sorriso e quase nunca o critico na sua cara. E é especialmente porque sempre respeito sua fraqueza que isso o levou a Me tratar como a cobra trata o lavrador bondoso. Eu realmente admiro a habilidade da raça humana em cuidadosamente julgar os outros – é algo realmente notável, espetacular! Vou dizer a verdade a você. Quer você tenha ou não um coração reverente hoje isso é insignificante. Não estou nervoso nem ansioso, mas também direi que você, “gênio”, que não aprende e nada sabe, acabará sendo arruinado no âmbito da mesquinha esperteza de sua própria admiração por si mesmo. Será você que sofrerá, e será você que será castigado. Eu não seria tão tolo a ponto de continuar a acompanhá-lo até o inferno e continuar a sofrer porque você e Eu não somos da mesma espécie. Não se esqueça de que você é uma criação que foi amaldiçoada por Mim, que é ensinada e salva por Mim. Não existe em você nada pelo qual Eu anseie. Não importa quando Eu opere, não estou sujeito à manipulação de quaisquer pessoas, eventos ou coisas. Pode-se dizer que a Minha visão e a Minha atitude para com a humanidade sempre permaneceram as mesmas. Não tenho nenhum favor a seu respeito porque você é um adjunto na Minha gestão; você certamente não tem forças maiores do que qualquer outra coisa. Eu o aconselho a sempre se lembrar de que você não é nada mais do que uma criação! Embora viva Comigo, você deve conhecer seu status e não deve se enxergar elevado demais. Mesmo que Eu não o critique nem lide com você, e o encare com um sorriso, isso não prova que você e Eu somos da mesma espécie. Você deve saber que está buscando a verdade, que você mesmo não é a verdade! Você deve mudar de acordo com as Minhas palavras a qualquer momento – você não pode escapar disso. Eu recomendo que você aprenda alguma coisa enquanto está vivendo estes tempos maravilhosos, enquanto essa rara oportunidade está presente, e que não tente Me enganar. Você não precisa empregar lisonjas para Me enganar. A sua busca por Mim não é absolutamente por Mim – é por você!

Anterior:A identidade inerente e o valor do homem: o que são?

Próximo:As pessoas escolhidas na China não podem representar nenhuma tribo de Israel

Conteúdo Relacionado

  • O mistério da encarnação (1)

    Na Era da Graça, João preparou o caminho para Jesus. Ele não poderia fazer a obra do Próprio Deus e simplesmente cumpriu o dever do homem. Embora Joã…

  • Como servir em harmonia com a vontade de Deus

    Hoje, comunicaremos principalmente como as pessoas deveriam servir a Deus em sua fé em Deus, quais condições deveriam ser cumpridas e que verdades dev…

  • A visão da obra de Deus (1)

    João trabalhou sete anos para Jesus e já havia preparado o caminho quando Jesus chegou. Antes disso, o evangelho do reino dos céus pregado por João …

  • A essência da carne habitada por Deus

    O primeiro Deus encarnado viveu sobre a terra por trinta e três anos e meio, embora tenha realizado Seu ministério por apenas três anos e meio. Tanto …