Aplicativo da Igreja de Deus Todo-Poderoso

Ouça a voz de Deus e dê as boas vindas ao retorno do Senhor Jesus!

Convidamos a todos os buscadores da verdade que entrem em contato conosco.

A Palavra manifesta em carne

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Largura da página

0 resultados

Nenhum resultado encontrado

Capítulo 15

A maior diferença entre Deus e homem é que as palavras de Deus sempre acertam a cabeça do prego e nada está oculto. Assim, esse aspecto do caráter de Deus pode ser visto nas primeiras palavras de hoje. Um dos aspectos é que elas expõem as verdadeiras cores do homem e o outro é que elas revelam francamente o caráter de Deus. Essas são umas poucas causas pelas quais as palavras de Deus são capazes de alcançar resultados. No entanto, as pessoas não captaram isso, pois elas sempre só chegam a conhecer a si nas palavras de Deus, mas não “dissecaram” Deus. É como se estivessem profundamente temerosas de ofendê-Lo, de que Deus as mataria devido a sua “seriedade”. De fato, quando a maioria das pessoas come e bebe a palavra de Deus, isso ocorre a partir de um aspecto negativo e não de um aspecto positivo. Pode-se dizer que agora as pessoas começaram a “focar na humildade e na obediência” sob a condução de Suas palavras. Pode-se ver daí que as pessoas começaram a cair no outro extremo, passando de não prestar atenção às Suas palavras para uma atenção excessiva às Suas palavras. Contudo, nunca houve uma pessoa que tenha entrado a partir de um aspecto positivo, e nunca houve uma pessoa que tenha compreendido verdadeiramente a meta de Deus que é ter o homem prestando atenção a Suas palavras. A partir do que Deus diz, sabe-se que Ele não necessita experimentar pessoalmente a vida da igreja para ser capaz de entender o real estado de todas as pessoas na igreja, de modo acurado e sem erro. Porque acaba-se de entrar num novo método, todas as pessoas ainda têm de se desfazer de seus elementos negativos; o cheiro de cadáveres ainda paira sobre toda a igreja. É como se as pessoas tivessem tomado um remédio há pouco, ainda sentissem um torpor e não tivessem recuperado completamente a consciência. É como se ainda estivessem ameaçadas pela morte, de modo tal que ainda se encontram em meio ao seu terror e não têm como transcender a si próprias. “O homem é uma criatura sem autoconhecimento”: essa afirmação ainda é feita com base no método de edificação da igreja. Na igreja, embora todos prestem atenção às palavras de Deus, a natureza delas ainda está profundamente entranhada e é incapaz de se desenredar. É por isso que Deus usa o método de falar da última fase para julgar as pessoas, de modo que elas possam aceitar o golpe desferido pelas palavras de Deus enquanto estão muito cheias de si. Muito embora as pessoas tenham se submetido a cinco meses de refinamento no abismo sem fundo, seu estado real ainda é o de não conhecer a Deus. Elas ainda são dissolutas — apenas passaram a ter um pouco mais de cautela em relação a Deus. Somente nessa etapa as pessoas começam a entrar no caminho de conhecer as palavras de Deus, de modo que, quando estabelecem uma conexão com a essência das palavras de Deus, não é difícil de ver que a etapa anterior da obra pavimentou o caminho para hoje e só hoje tudo está sendo normalizado. A fraqueza fatal das pessoas é gostarem de separar o Espírito de Deus de Seu Eu carnal, visando obter liberdade pessoal para evitar ser sempre restringidas. É por isso que Deus descreve os homens como passarinhos esvoaçando alegremente por aí. Esse é o estado real de todo o gênero humano. É por isso que é facílimo fazer todas as pessoas caírem, é por isso que é facílimo elas se perderem. A partir daí se pode ver que a obra que Satanás faz no gênero humano nada mais é que isso. Quanto mais Satanás faz isso nas pessoas, tanto mais estritas são as exigências de Deus a elas. Ele exige que as pessoas prestem atenção às Suas palavras e Satanás trabalha duro para destruir isso. Deus, no entanto, sempre lembrou as pessoas a prestar mais atenção a Suas palavras; esse é o ponto alto da guerra do mundo espiritual. Isso pode ser posto nos seguintes termos: o que Deus quer fazer no homem é precisamente o que Satanás quer destruir e o que Satanás quer destruir foi expresso através do homem sem ser ocultado de nenhum modo. O que Deus faz nas pessoas fica claramente demonstrado — a condição delas fica cada vez melhor. A destruição que Satanás faz na humanidade também está claramente representada — ela se torna cada vez mais depravada e sua condição piora constantemente. Se for grave o bastante, ela pode ser capturada por Satanás. Essa é a condição real da igreja que foi apresentada nas palavras de Deus e é também a situação real do mundo espiritual. É um reflexo da dinâmica do mundo espiritual. Se as pessoas não tiverem a confiança para cooperar com Deus, correm perigo de serem capturadas por Satanás. Isso é fato. Se alguém for verdadeiramente capaz de oferecer seu coração integralmente para que Deus o ocupe, isso é exatamente como Deus disse: “perante Mim, ele aparenta repousar no Meu abraço, provando o calor do Meu abraço”. Isso mostra que as exigências de Deus ao gênero humano não são elevadas — Ele apenas necessita que eles se levantem e cooperem com Ele. Isso não é uma coisa fácil e satisfatória de se fazer? E só essa única coisa deixou todos os heróis desconcertados? É como se os generais de campo tivessem sido levados a sentar-se ao redor de um “xiu lou”[a] para fazer bordado — esses “heróis” ficam imobilizados pela dificuldade e não sabem o que fazer.

Em qualquer aspecto que as exigências de Deus ao gênero humano forem maiores, significa que os ataques de Satanás ao gênero humano serão mais sérios naquele aspecto e o estado de todas as pessoas será revelado por meio disso. “…qual de vocês, estando perante Mim, seria tão branco como a neve, tão limpo como jade puro?” Todas as pessoas ainda estão enganando a Deus e escondendo alguma coisa Dele; elas ainda estão fazendo seu próprio negócio escuso. Elas não entregaram seu coração inteiramente nas mãos de Deus para satisfazê-Lo, mas querem receber as recompensas Dele em virtude do seu próprio entusiasmo. Quando têm uma refeição deliciosa, as pessoas põem Deus de lado e O deixam ficar à mercê delas. Quando têm roupas bonitas, as pessoas simplesmente ficam diante do espelho desfrutando sua própria beleza e não satisfazem a Deus do fundo do seu coração. Quando têm posição, quando têm divertimentos luxuosos, elas simplesmente descansam em seu status e começam a desfrutá-lo, mas não se humilham por causa da elevação de Deus. Em vez disso, elas ficam postadas em sua alta posição usando suas palavras altissonantes e não prestam atenção à presença de Deus nem procuram conhecer a preciosidade de Deus. Quando as pessoas têm um ídolo em seu coração ou quando seu coração foi tomado por outra pessoa, elas já negaram a presença de Deus e é como se Deus fosse um intruso em seu coração. Elas temem profundamente que Deus roube o amor de outras pessoas por elas e que venham a sentir-se sós. De acordo com a intenção de Deus, não haverá nada sobre a terra capaz de fazer com que as pessoas ignorem Deus; nem mesmo o amor entre as pessoas seria capaz de afastar Deus daquele “amor”. Todas as coisas terrenas são vazias, inclusive os sentimentos interpessoais, que não podem ser vistos nem tocados. Sem a existência de Deus, todas as criaturas voltariam a ser nada. Sobre a terra, todas as pessoas têm suas próprias coisas que elas amam, mas jamais houve pessoa que tivesse feito das palavras de Deus aquela coisa que ela ama. Isso determina o grau de compreensão que as pessoas têm das palavras de Deus. Embora Suas palavras sejam ásperas, as pessoas não ficam injuriadas, porque não prestam atenção genuinamente às Suas palavras, mas, em vez disso, olham para elas como se fossem uma flor. Elas não as tratam como se fossem frutos que se degustam, não conhecendo, portanto, a essência das palavras de Deus. “Se os seres humanos fossem genuinamente capazes de enxergar como Minha espada é afiada, eles correriam como ratos para os seus buracos”. Falando baseado no estado de uma pessoa normal depois de ler as palavras de Deus, ela ficaria atônita, cheia de vergonha e incapaz de encarar as outras. Agora, porém, as pessoas são o exato oposto — elas usam as palavras de Deus como uma arma para desferir golpes contra outras. Elas realmente não têm vergonha!

Fomos trazidos para esse estado junto com as palavras de Deus: “Dentro do reino, não só saem declarações da Minha boca, mas também Meus pés pisam cerimoniosamente cada porção do terreno”. Na guerra entre Deus e Satanás, Deus é vitorioso em cada etapa do caminho. Ele está expandindo Sua obra em larga escala pelo universo inteiro e pode-se dizer que Suas pegadas estão em toda parte e os sinais de Sua vitória podem ser vistos em toda parte. Nos seus esquemas, Satanás quer destruir o gerenciamento de Deus provocando o rompimento entre países, mas Deus valeu-se disso para reorganizar o universo inteiro sem aniquilá-lo. Deus faz algo novo todo dia, mas as pessoas não têm se dado conta disso. As pessoas não prestam atenção na dinâmica do mundo espiritual, sendo, portanto, incapazes de ver a nova obra de Deus. “Dentro do cosmo, tudo se torna novo no esplendor da Minha glória, apresentando um aspecto reconfortante que arrebata os sentidos e eleva os espíritos, como se isso agora existisse em um céu além dos céus, como concebido pela imaginação humana, não molestado por Satanás, livre dos ataques dos inimigos de fora.” Isso prenuncia a cena jubilosa do reino de Cristo na terra e também apresenta a situação do terceiro céu ao gênero humano: ali há somente a existência de coisas sagradas que pertencem a Deus sem que ocorra qualquer assalto das forças de Satanás. Porém, o mais importante é permitir que as pessoas vejam as circunstâncias da obra do Próprio Deus na terra: o céu é um novo céu e, seguindo a isso, a terra também é renovada. Por ser uma vida sob a condução do Próprio Deus, as pessoas estão imensamente felizes. Na percepção consciente das pessoas, Satanás é “prisioneiro” da humanidade e ela não está intimidada nem com medo por causa de sua existência. Por causa da instrução direta e da condução do divino, todos os esquemas de Satanás se tornaram nulos, o que inclusive prova que ele não existe mais, que ele foi obliterado pela obra de Deus. É por isso que está dito “…existe em um Céu além dos céus”. O que Deus disse: “Jamais existiu uma perturbação sequer e nunca foi rompida a unidade do cosmo” foi relativo à condição do mundo espiritual. É a prova com a qual Deus proclama a vitória sobre Satanás e é o sinal da vitória final de Deus. Não há quem possa mudar a mente de Deus e não há quem possa conhecê-la. Embora as pessoas tenham lido as palavras de Deus e as tenham examinado com seriedade, não importa o que haja, elas são incapazes de dizer o que é sua essência. Por exemplo, Deus disse: “Eu executo saltos acima das estrelas e, quando o sol dispara seus raios, Eu abafo o seu calor, lançando gigantescos turbilhões de flocos de neve tão grandes como penas de gansos escorrendo das Minhas mãos. Mas quando Eu mudo de ideia, toda a neve derrete e forma um rio. Em um momento, a primavera brotou de todos os lugares sob os céus e o verde-esmeralda transforma toda a paisagem sobre a terra”. Embora as pessoas sejam capazes de imaginar essas palavras em sua mente, a intenção de Deus não é tão simples. Quando todos sob o céu estão entorpecidos, Deus solta sua voz de salvação, despertando o coração das pessoas. Porém, porque todo o tipo de desastres estão acontecendo, elas sentem a desolação do mundo, de modo que todas elas buscam a morte e estão nas cavernas glaciais e gélidas. Elas são congeladas pelo frio de enormes nevascas a ponto de não conseguirem sobreviver por não haver calor sobre a terra. É por causa da sua corrupção que as pessoas estão matando umas às outras com crueldade cada vez maior. E, na igreja, a maioria das pessoas será engolida de uma só vez pelo grande dragão vermelho. Depois que todas as provações tiverem passado, os tumultos provocados por Satanás serão removidos. Em consequência, o mundo inteiro, em meio à transformação, ficará permeado de primavera e o calor cobrirá o mundo. O mundo estará cheio de energia. Esses são todos os passos do plano de gerenciamento como um todo. O significado da “noite” da qual Deus falou refere-se ao momento em que a loucura de Satanás atingir seu ponto alto, o que acontecerá durante a noite. Não é essa a situação atual? Embora todas as pessoas sobrevivam sob a condução da luz de Deus, elas estão submetidas à miséria da escuridão da noite. Elas viverão eternamente em meio à noite escura se não puderem escapar das amarras de Satanás. Então dê uma olhada nos países da terra: por causa dos passos da obra de Deus, os países da terra estão “correndo em círculos” e estão todos procurando seu próprio destino adequado. Porque o dia de Deus ainda não chegou, na terra tudo se encontra em um estado de turbulência confusa. Quando Deus aparecer abertamente ao universo inteiro, Sua glória encherá o Monte Sião e todas as coisas estarão bem ordenadas e arrumadas devido à disposição dada por Suas mãos. As palavras de Deus não só falam de hoje, mas também prenunciam o amanhã. Hoje é o fundamento do amanhã, de modo que as pessoas na situação corrente são incapazes de entender completamente as palavras de Deus. Somente depois que Suas palavras estiverem plenamente cumpridas, elas serão capazes de entendê-las em sua integralidade.

O Espírito de Deus preenche todo o espaço no universo, mas Ele também opera dentro de todas as pessoas. Desse modo, no coração das pessoas, é como se a figura de Deus estivesse em toda parte e cada lugar contivesse a obra do Seu Espírito. De fato, a aparição de Deus na carne é para conquistar esses exemplos de Satanás e, no final, obtê-los. Porém, enquanto opera na carne, o Espírito também está cooperando com a carne para transformar essas pessoas. Pode-se dizer que os feitos de Deus se estendem por todo o mundo e que Seu Espírito preenche o universo inteiro, mas por causa dos passos de Sua obra, aqueles que fazem o mal não foram punidos, enquanto aqueles que fazem o bem não foram recompensados. Assim, Seus feitos não foram louvados por todas as pessoas na terra. Deus está tanto acima quanto dentro de todas as coisas, e, mais ainda, Ele está no meio de todas as pessoas. Isso é suficiente para mostrar a existência real de Deus. Porque Ele não apareceu abertamente para o gênero humano, as pessoas desenvolveram ilusões como estas: “No que concerne à humanidade, Eu pareço ter existência real e, no entanto, também pareço não ter existência”. Até agora, dentre todos os que creem em Deus, nenhum está completamente ou cem por cento seguro de que Deus verdadeiramente existe. Eles são compostos por três parcelas de dúvida e duas parcelas de fé. Essa é a situação real do gênero humano. Agora, as pessoas estão na seguinte circunstância: elas creem que existe um Deus, mas elas não O viram. Ou elas não creem que existe um Deus, mas existem muitas dificuldades que não podem ser resolvidas pela humanidade. Parece que sempre estão enredadas em alguma coisa, da qual não conseguem escapar. Mesmo que creiam em Deus, parece que sempre sentem um pouco de vagueza. Mas se não cressem, elas teriam medo de sair perdendo se realmente fosse verdade. Essa é a sua ambivalência.

“Pelo bem do Meu nome, pelo bem do Meu Espírito, pelo bem de todo Meu plano de gestão — quem é capaz de oferecer toda a força de seu corpo?” E Ele também disse: “Hoje, quando o reino está no mundo dos homens, é o tempo em que Eu vim pessoalmente para o mundo dos homens. Há alguém que possa intrepidamente entrar no campo de batalha em Meu nome?” A meta das palavras de Deus é esta: se Deus não estivesse na carne realizando diretamente Sua obra divina ou se Deus não tivesse encarnado, mas operasse através de ministros, Ele jamais seria capaz de conquistar o grande dragão vermelho nem seria capaz de governar como Rei no meio da humanidade. A humanidade seria incapaz de conhecer o Próprio Deus na realidade, de modo que ainda seria o reino de Satanás. Em consequência, essa etapa da obra deve ser feita pessoalmente por meio da carne encarnada de Deus. Se a carne fosse mudada, essa etapa do plano nunca poderia ser completada, porque o significado e a essência da carne diferente não são os mesmos. As pessoas só conseguem entender o sentido literal dessas palavras porque Deus as pega pela raiz. Deus disse: “Porém, quando tudo está dito e feito, não há ninguém que entenda se isso é obra do Espírito ou uma função da carne. Essa única coisa é suficiente para o homem experimentar nos mínimos detalhes no decurso de uma vida”. As pessoas foram continuamente corrompidas por Satanás por muitos anos e há muito tempo elas perderam a percepção dos assuntos espirituais. Por essa razão, uma só sentença das palavras de Deus é como uma festa aos olhos das pessoas. Por causa da distância que há entre o Espírito e os espíritos, todos aqueles que creem em Deus têm um sentido de ansiedade por Ele e estão todos dispostos a se aproximar e derramar seu coração, contudo, eles não ousam entrar em contato com Ele e apenas permanecem reverentes. Este é o poder de atração do Espírito. Porque Deus é um Deus para as pessoas amarem e há Nele uma infinidade de elementos para elas amarem, todas O amam e querem confiar Nele. Na verdade, cada qual tem um coração de amor por Deus, só que a perturbação de Satanás tornou as pessoas entorpecidas, estúpidas e deploráveis incapazes de conhecer a Deus. É por isso que Deus articulou os verdadeiros sentimentos do gênero humano em relação a Deus: “O homem nunca Me desprezou nos recantos mais profundos do seu coração; antes, ele se apega a Mim nas profundezas do seu espírito. […] Minha realidade faz o homem sentir-se sobrecarregado, deixando-o estupefato e perplexo, e, ainda assim, ele está disposto a aceitar tudo”. Essa é a condição real no fundo do coração daqueles que creem em Deus. Quando verdadeiramente conhecem a Deus, as pessoas naturalmente têm uma atitude diferente para com Ele e serão capazes de dar louvores do fundo dos seu coração por causa do papel do espírito. Deus está nas profundezas dos espíritos de todas as pessoas, mas por causa da corrupção causada por Satanás, elas confundiram Deus com Satanás. Hoje Deus opera exatamente a partir desse aspecto e esse tem sido o foco da batalha do mundo espiritual do começo ao fim.

Nota de rodapé:

a. Um “xiu lou” era um lugar usado particularmente pelas mulheres para fazer bordado na China antiga.

Anterior:Capítulo 14

Próximo:Capítulo 16

Conteúdo Relacionado

  • O suspirar do Todo-Poderoso

    Há um segredo enorme em seu coração, do qual você nunca esteve ciente, pois você vive em um mundo sem luz. Seu coração e seu espírito foram arrancado…

  • A obra do Espírito Santo e a obra de Satanás

    Como você compreende as especificidades no espírito? Como opera o Espírito Santo no homem? Como opera Satanás no homem? Como operam os espíritos malig…

  • Capítulo 6

    A humanidade ficou muda diante das declarações de Deus ao perceber que Deus operou um grande feito no reino do espírito, algo de que o homem é incapa…

  • O Próprio Deus, o Único II

    O caráter justo de Deus Agora que vocês ouviram a comunicação anterior sobre a autoridade de Deus, estou confiante de que vocês estão equipados com um…