2. A importância de Deus tornar-Se carne

Palavras de Deus relevantes:

Essa carne é tão importante à humanidade porque Ele é homem e mais ainda, é Deus, porque Ele pode fazer a obra que nenhum homem comum na carne pode fazer e porque Ele pode salvar o homem corrupto que vive com Ele na terra. Embora Ele seja idêntico ao homem, o Deus encarnado é mais importante à humanidade do que qualquer pessoa de valor, pois Ele pode fazer a obra que não pode ser realizada pelo Espírito de Deus, é mais capaz do que o Espírito de Deus de dar testemunho do Próprio Deus, e é mais capaz do que o Espírito de Deus de ganhar plenamente a humanidade. Como resultado, embora essa carne seja normal e comum, Sua contribuição para a humanidade e Sua importância para a existência da humanidade O tornam altamente precioso e o real valor e importância dessa carne é imensurável por qualquer homem. Ainda que essa carne não possa destruir diretamente Satanás, Ele pode usar Sua obra para conquistar a humanidade e derrotar Satanás e fazê-lo se submeter plenamente ao Seu domínio. É pelo fato de Deus ser encarnado, que Ele pode derrotar Satanás e é capaz de salvar a humanidade. Ele não destrói Satanás diretamente, mas torna-Se carne para fazer a obra de conquistar a humanidade, que foi corrompida por Satanás. Desse modo, Ele é mais capaz de dar testemunho de Si mesmo entre as criaturas e mais apto para salvar o homem corrompido. A derrota de Satanás pelo Deus encarnado dá maior testemunho e é mais persuasiva do que a destruição direta de Satanás pelo Espírito de Deus. Deus na carne é mais capaz de ajudar o homem a conhecer seu Criador e mais capaz de dar testemunho de Si mesmo entre as criaturas.

de ‘A humanidade corrupta está mais necessitada da salvação do Deus encarnado’ em “A Palavra manifesta em carne”

A melhor coisa a respeito de Sua obra na carne é que Ele pode deixar palavras e exortações precisas, Sua vontade exata para a humanidade para aqueles que O seguem, de modo que, posteriormente, Seus seguidores possam transmitir de maneira mais precisa e concreta toda a Sua obra na carne e Sua vontade para toda a humanidade àqueles que aceitarem esse caminho. Somente a obra de Deus na carne no meio dos homens verdadeiramente cumpre o fato de Deus estar e viver junto com homem. Somente essa obra preenche o desejo do homem de contemplar o rosto de Deus, testemunhar a obra de Deus e ouvir a palavra pessoal de Deus. O Deus encarnado encerra a era quando somente as costas de Jeová apareciam à humanidade e também conclui a era da crença da humanidade no Deus vago. De modo particular, a obra do último Deus encarnado traz toda humanidade para dentro de uma era que é mais realista, mais prática e mais agradável. Ele não somente conclui a era da lei e doutrina; mais importante, Ele revela à humanidade um Deus que é verdadeiro e normal, que é justo e santo, que destrava a obra do plano de gerenciamento, demonstra os mistérios e destino da humanidade, que criou a humanidade, encerra a obra do gerenciamento e que tem permanecido escondido por milhares de anos. Ele encerra de vez uma era de incertezas, Ele conclui a era na qual toda a humanidade desejava ver a face de Deus, mas era incapaz disso, Ele encerra a era na qual toda a humanidade servia a Satanás e conduz toda a humanidade por todo o caminho para uma era completamente nova. Tudo isto é o resultado da obra de Deus na carne em vez do Espírito de Deus. Quando Deus opera em Sua carne, aqueles que O seguem não mais buscam e tateiam à procura de coisas vãs e ambíguas e deixam de adivinhar a vontade do Deus vago. Quando Deus expandir Sua obra na carne, aqueles que O seguem transmitirão a obra que Ele fez na carne para todas as religiões e denominações, e elas comunicarão todas as Suas palavras aos ouvidos de toda a humanidade. Tudo que foi ouvido por aqueles que recebem Seu evangelho serão os fatos de Sua obra, serão coisas vistas e ouvidas pelo homem pessoalmente, serão fatos e não boatos. Esses fatos são as evidências com as quais Ele expande a obra e são também as ferramentas que Ele usa para expandi-la. Sem a existência de fatos, Seu evangelho não seria expandido por todos os países e lugares; sem os fatos, mas somente com a imaginação humana, Ele nunca seria capaz de realizar a obra de conquistar todo o universo. O Espírito é intangível e invisível ao homem e a obra do Espírito é incapaz de deixar qualquer maior evidência ou fatos da obra de Deus ao homem. O homem nunca contemplará a verdadeira face de Deus e sempre acreditará em um Deus vago que não existe. O homem nunca contemplará a face de Deus, nem ouvirá palavras ditas por Deus pessoalmente. As imaginações do homem são, afinal, vazias e não podem substituir a verdadeira face de Deus; o caráter inerente de Deus e a obra do Próprio Deus não podem ser imitadas pelo homem. O Deus invisível no Céu e Sua obra só podem ser trazidos à terra pelo Deus encarnado, que pessoalmente realiza Sua obra no meio dos homens. Esse é o modo mais ideal no qual Deus aparece ao homem, no qual o homem vê a Deus e chega ao conhecimento da verdadeira face de Deus e não pode ser alcançado por um Deus não encarnado.

de ‘A humanidade corrupta está mais necessitada da salvação do Deus encarnado’ em “A Palavra manifesta em carne”

Desta vez, Deus vem para fazer a obra não em um corpo espiritual, mas em um corpo muito comum. Trata-se não somente do corpo da segunda encarnação de Deus, como também do corpo em que Deus retorna. É uma carne muito comum. Nele, não se consegue ver nada de diferente dos outros, mas pode-se receber Dele as verdades jamais ouvidas. Esta carne insignificante é a incorporação de todas as palavras da verdade de Deus, aquela que assume a obra de Deus nos últimos dias e uma expressão de todo o caráter de Deus para que o homem venha a conhecer. Você não desejava imensamente ver o Deus dos céus? Não desejava imensamente entender o Deus dos céus? Não desejava imensamente ver o destino da humanidade? Ele lhe contará todos esses segredos que nenhum homem tem sido capaz de contar-lhe, e Ele lhe contará até as verdades que você não entende. Ele é a sua porta para o reino e seu guia à nova era. Uma carne tão comum comporta tantos mistérios insondáveis. Seus feitos podem ser inescrutáveis para você, mas o objetivo de toda a Sua obra basta para que você veja que Ele não é uma simples carne como o homem acredita. Pois Ele representa a vontade de Deus, bem como o cuidado demonstrado por Deus em relação à humanidade nos últimos dias. Embora você não possa ouvir as palavras que Ele diz, as quais parecem abalar céus e terra, nem ver os Seus olhos como chamas flamejantes, e, embora não consiga sentir a disciplina de Seu cetro de ferro, você pode ouvir de Suas palavras a fúria de Deus e saber que Deus mostra compaixão pela humanidade; você pode ver o caráter justo de Deus e Sua sabedoria. Mais ainda: perceber a preocupação e o cuidado que Deus tem com toda a humanidade. A obra de Deus nos últimos dias é permitir que o homem veja o Deus dos céus vivo entre os homens na terra e possibilitar que ele venha a conhecer, obedecer, reverenciar e amar a Deus. É por isso que Ele voltou à carne pela segunda vez. Embora o que o homem veja hoje seja um Deus semelhante ao homem, um Deus com nariz e dois olhos, e um Deus comum, no final Ele mostrará a vocês que, sem a existência desse homem, os céus e a terra sofrerão uma tremenda mudança; sem a existência desse homem, os céus escurecerão, a terra se transformará em caos e a humanidade toda viverá em fome e pragas. Ele mostrará a vocês que, sem a salvação do Deus encarnado nos últimos dias, Deus teria, há muito tempo, destruído toda humanidade no inferno; sem a existência dessa carne, vocês seriam os principais dos pecadores e cadáveres para sempre. Vocês devem saber que, sem a existência dessa carne, toda a humanidade enfrentaria uma inevitável calamidade e seria difícil escapar de punição mais severa à humanidade por parte de Deus nos últimos dias. Sem o nascimento dessa carne comum, estariam todos em um estado em que não haveria nem vida nem morte, não importa como vocês as buscassem; sem a existência dessa carne, hoje vocês não poderiam receber a verdade e se colocar diante do trono de Deus. Antes, seriam punidos por Deus devido a seus pecados atrozes. Vocês sabiam que, se não fosse pela volta de Deus à carne, ninguém teria chance de salvação? Que, se não fosse pela vinda dessa carne, Deus teria há muito tempo encerrado a era antiga? Assim sendo, vocês ainda conseguem rejeitar a segunda encarnação de Deus? Já que vocês podem se beneficiar tanto desse homem comum, então por que não O aceitariam prontamente?

A obra de Deus é aquela que você não pode compreender. Se você não consegue nem perceber se sua decisão é correta, nem saber se a obra de Deus pode prosperar, por que então não tentar a sorte e ver se esse homem comum é de grande ajuda para você e se Deus tem feito obras grandiosas? No entanto, tenho de dizer-lhe que, na época de Noé, os homens comiam e bebiam, casavam-se e davam-se em casamento a tal ponto que se tornou insuportável para Deus testemunhar. Então, Ele enviou do céu um grande dilúvio para destruir a humanidade e deixou a salvo somente as oito pessoas da família de Noé e todos os tipos de pássaros e animais. Nos últimos dias, porém, serão mantidos por Deus todos aqueles que forem leais a Ele até o fim. Embora ambas tenham sido épocas de grande corrupção e insuportáveis para Deus testemunhar e, embora a humanidade em ambas as eras fosse corrupta a ponto de negar a Deus como o Senhor, todos os homens na época de Noé foram destruídos por Ele. A humanidade em ambas as eras entristeceu grandemente a Deus, mas Ele se manteve paciente com os homens nos últimos dias até agora. Por quê? Vocês nunca pensaram sobre isso? Se vocês verdadeiramente não sabem, então deixem-Me dizer-lhes. A razão por que Deus consegue lidar graciosamente com os homens nos últimos dias não é por serem menos corruptos do que os homens à época de Noé, nem por terem mostrado arrependimento a Deus e, menos ainda, que Deus não suporte destruir os homens nos últimos dias, em que a tecnologia avançou. Antes, é porque Deus tem uma obra a realizar em um grupo de homens nos últimos dias, e isto será feito pelo Próprio Deus encarnado. Além disso, Ele escolherá uma parte desse grupo como objetos de salvação Seus, fruto de Seu plano de gestão, e os levará Consigo para a próxima era. Assim, não importa o que aconteça, esse preço pago por Deus foi inteiramente em preparação para a obra de Sua encarnação nos últimos dias. Tudo o que vocês têm hoje é por causa dessa carne. É porque Deus vive na carne que vocês têm a chance de viver. Todas essas bem-aventuranças foram obtidas por causa desse homem comum. Não apenas isto, mas ao final, todas as nações adorarão esse homem comum, darão graças e obedecerão a esse homem insignificante. Porque é Ele quem trouxe a verdade, a vida e o caminho para salvar toda a humanidade, atenuar o conflito entre Deus e o homem, aproximar Deus e o homem e comunicar pensamentos entre Deus e o homem. Também é Ele quem trouxe glória ainda maior a Deus. Um homem comum como esse não é digno de sua confiança e adoração? Uma carne assim comum não estaria apta a ser chamada de Cristo? Um homem comum assim não pode ser a expressão de Deus entre os homens? Não é tal homem, que ajuda a humanidade a ser poupada do desastre, digno de seu amor e sustento? Se vocês rejeitarem as verdades proferidas pela Sua boca e também detestarem a Sua existência em seu meio, qual será o destino de vocês?

Toda a obra de Deus nos últimos dias é feita por meio desse homem comum. Ele irá conceder tudo a você, e mais, Ele pode decidir tudo sobre você. Pode tal homem ser como vocês acreditam: um homem tão simples que não seja digno de menção? Sua verdade não é suficiente para convencê-los completamente? O testemunho de Suas obras não é suficiente para convencê-los completamente? Ou a senda pelo qual Ele os conduz não é digno de ser seguido? O que é que faz com que vocês sintam aversão a Ele, O rejeitem e se esquivem Dele? É Ele quem expressa a verdade, é Ele quem fornece a verdade e é Ele quem os capacita a ter uma senda a percorrer. Será que ainda assim vocês não conseguem encontrar os indícios da obra de Deus nessas verdades? Sem a obra de Jesus, a humanidade jamais poderia ter descido da cruz, mas, sem a encarnação hoje, aqueles que descem da cruz jamais poderiam ser elogiados por Deus ou entrar na nova era. Sem a vinda desse homem comum, vocês jamais teriam a oportunidade ou seriam elegíveis para ver o verdadeiro semblante de Deus, pois todos vocês são aqueles que deveriam ter sido destruídos há muito tempo. Por causa da vinda de Sua segunda encarnação, Deus lhes perdoou e mostrou misericórdia para com vocês. De qualquer maneira, as palavras que tenho que deixar para vocês no final ainda são estas: esse homem comum, que é Deus encarnado, é de vital importância para vocês. Esta é a coisa mais grandiosa que Deus já fez entre os homens.

de ‘Você sabia? Deus fez uma grande coisa entre os homens’ em “A Palavra manifesta em carne”

Aqueles que querem ganhar vida sem depender da verdade dita por Cristo são as pessoas mais ridículas na terra, e aqueles que não aceitam o caminho de vida trazido por Cristo estão perdidos na fantasia. Por isso Eu digo que quem não aceitar o Cristo dos últimos dias será eternamente desprezado por Deus. Cristo é a porta de entrada do homem para o reino durante os últimos dias, da qual ninguém pode desviar. Ninguém pode ser aperfeiçoado por Deus, exceto por meio de Cristo. Você crê em Deus, então deve aceitar as palavras Dele e obedecer ao Seu caminho. Não deve pensar só em ganhar bênçãos sem receber a verdade nem aceitar a provisão de vida. Cristo vem durante os últimos dias para que todos que acreditam verdadeiramente Nele possam ser supridos com a vida. Sua obra é em prol de concluir a era antiga e entrar na nova, e é a senda que deve ser tomada por todos aqueles que entrarem na nova era. Se você é incapaz de reconhecê-Lo e, em vez disso, O condena, blasfema ou até O persegue, está fadado a queimar pela eternidade e nunca entrará no reino de Deus. Pois esse Cristo é Ele Próprio a expressão do Espírito Santo, a expressão de Deus, Aquele que Deus incumbiu de fazer a Sua obra na terra. E assim Eu digo que, se você não pode aceitar tudo o que é feito pelo Cristo dos últimos dias, você blasfema contra o Espírito Santo. A retribuição que deve ser sofrida por todos que blasfemam contra o Espírito Santo é autoexplicativa a todos. Eu também lhe digo que, se você se opõe ao Cristo dos últimos dias e O nega, não há quem possa suportar as consequências em seu lugar. Além do mais, desse dia em diante você não terá outra oportunidade de ganhar a aprovação de Deus; mesmo se você tentar redimir a si mesmo, nunca mais contemplará o rosto de Deus. Pois ao que você se opõe não é um homem, o que você nega não é qualquer ser insignificante, mas Cristo. Você está ciente dessa consequência? Você não cometeu um pequeno erro, mas um crime atroz. E assim recomendo a todos a não mostrar as presas diante da verdade nem fazer críticas imprudentes, pois só a verdade pode lhe trazer vida, e nada exceto a verdade pode permitir que você renasça e contemple a face de Deus.

de ‘Só o Cristo dos últimos dias pode dar ao homem o caminho de vida eterna’ em “A Palavra manifesta em carne”

Anterior: 1. O que é a encarnação? Qual é a substância da encarnação?

Próximo: 3. A diferença entre a obra de Deus encarnado e a obra do Espírito

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.
Contate-nos
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Conteúdo relacionado

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Sumário

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro