Aplicativo da Igreja de Deus Todo-Poderoso

Ouça a voz de Deus e dê as boas vindas ao retorno do Senhor Jesus!

Convidamos a todos os buscadores da verdade que entrem em contato conosco.

As ovelhas de Deus ouvem a voz de Deus

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Largura da página

0 resultados

Nenhum resultado encontrado

Capítulo 6 Diversas formas de diferenciação que você deve possuir em sua crença em Deus

5. A diferença entre seguir a Deus e seguir pessoas

Palavras de Deus relevantes:

De suma importância ao seguir a Deus é que tudo esteja de acordo com as palavras de Deus hoje: quer você busque a entrada na vida ou o cumprimento da vontade de Deus, tudo deve estar centrado em torno das palavras de Deus hoje. Se aquilo que você comunga e busca não está centrado em torno das atuais palavras de Deus, você é um estranho às palavras de Deus e totalmente privado da obra do Espírito Santo.

de ‘Conheça a mais nova obra de Deus e siga os passos de Deus’ em “A Palavra manifesta em carne”

A obra do Espírito Santo muda dia a dia, elevando-se mais a cada passo; a revelação de amanhã é ainda mais elevada que a de hoje, passo a passo escalando cada vez mais alto. Essa é a obra pela qual Deus aperfeiçoa o homem. Se o homem não conseguir manter o ritmo, ele poderá ser deixado para trás a qualquer momento. Se não tiver um coração obediente, ele não conseguirá prosseguir até o fim. A era anterior passou; esta é uma nova era. E, em uma nova era, uma nova obra precisa ser feita. Especialmente na era final, em que o homem será aperfeiçoado, Deus realizará uma nova obra cada vez mais rápido. Portanto, sem obediência em seu coração, o homem terá dificuldade em seguir os passos de Deus. Deus não acata nenhuma regra, nem trata nenhuma etapa de Sua obra como imutável. Em vez disso, a obra que Ele faz é sempre mais nova e mais elevada. Sua obra se torna cada vez mais prática a cada passo, cada vez mais de acordo com as reais necessidades do homem. Só depois que o homem experimentar esse tipo de obra, é que ele poderá alcançar a transformação final de seu caráter. […] A obra feita por Deus difere em cada período. Se você demonstrar obediência em uma fase e, na próxima, demonstra pouca ou nenhuma obediência, então Deus abandonará você. Se você acompanha Deus enquanto Ele galga essa etapa, então precisa continuar a acompanhá-Lo quando Ele galgar a próxima. Só então você será uma pessoa obediente ao Espírito Santo. Como você acredita em Deus, precisa permanecer constante em sua obediência. Você não pode simplesmente obedecer quando está disposto e desobedecer quando não está. Esse tipo de obediência não tem a aprovação de Deus. Se você não consegue acompanhar a nova obra que Eu comunico, e continua a se apegar aos dizeres antigos, como pode haver progresso em sua vida? A obra de Deus é suprir você por meio de Suas palavras. Quando você obedecer e aceitar as palavras Dele, então o Espírito Santo seguramente operará em você. O Espírito Santo opera exatamente da maneira que Eu digo. Faça como Eu disse, e o Espírito Santo prontamente operará em você.

de ‘Aqueles que obedecem a Deus com um coração sincero certamente serão ganhos por Deus’ em “A Palavra manifesta em carne”

Não pense que seguir Deus é tão fácil. A chave é que você deve conhecê-Lo, deve conhecer a Sua obra, e deve ter a vontade de suportar dificuldades por Ele, ter a vontade de sacrificar a sua vida por Ele, e ter a vontade de ser aperfeiçoado por Ele. Essa é a visão que você deveria ter. Não basta se você estiver sempre pensando em desfrutar da graça! Não suponha que Deus está ali apenas para o desfrute das pessoas e para conceder graça às pessoas. Você pensou errado! Se alguém não pode arriscar sua vida para seguir, se alguém não pode abandonar todas as posses mundanas para seguir, então essa pessoa não será capaz, em absoluto, de seguir até o fim!

de ‘Vocês devem entender a obra; não sigam confusamente!’ em “A Palavra manifesta em carne”

Algumas pessoas não se regozijam com a verdade, muito menos com o julgamento. Em vez disso, regozijam-se com poder e riquezas; tais pessoas estão fadadas a ser esnobes. Elas buscam exclusivamente aquelas denominações no mundo que têm influência e aqueles pastores e professores que vêm de seminários. Apesar de ter aceitado o caminho da verdade, eles permanecem céticos e são incapazes de se dedicar por completo. Falam de se sacrificar a Deus, mas seus olhos estão focados nos grandes pastores e professores, e Cristo é deixado de lado. O coração deles está cheio de fama, fortuna e glória. Eles não acreditam de jeito nenhum que um homem assim tão pequeno é capaz de conquistar tantos, que alguém tão desinteressante é capaz de aperfeiçoar as pessoas. Eles não acreditam que todos esses ninguéns entre a poeira e os montes de esterco são pessoas escolhidas por Deus. Acreditam que se tais pessoas fossem o objeto da salvação de Deus, então o céu e a terra iriam virar de cabeça para baixo e todos os homens iriam rir até não poder mais. Acreditam que se Deus escolhesse tais corpos para serem aperfeiçoados, então esses grandes homens iriam se transformar no Próprio Deus. Sua perspectiva é maculada por descrença; de fato, longe de descrença, são animais absurdos. Porque só valorizam posição, prestígio e poder; aquilo que eles têm em alta conta são grandes grupos e denominações. Eles não têm nenhuma consideração por aqueles que são conduzidos por Cristo; são simplesmente traidores que deram as costas para Cristo, para a verdade e para a vida.

Aquilo que você admira não é a humildade de Cristo, mas sim aqueles falsos pastores de posição proeminente. Você não ama a amorosidade ou a sabedoria de Cristo, mas sim aqueles libertinos que se associam ao mundo vil. Você ri da dor de Cristo que não tem lugar para deitar a cabeça, mas admira aqueles cadáveres que tomam as oferendas e vivem em devassidão. Você não está disposto a sofrer ao lado de Cristo, mas sim, contente de ir para os braços daqueles anticristos descuidados apesar de eles apenas lhe fornecerem carne, apenas letras e apenas controle. Mesmo agora o seu coração ainda se volta para eles, para sua reputação, para sua posição no coração de todos os Satanases, para sua influência e para sua autoridade. Mas continua a ter uma atitude de resistência e recusa de aceitar a obra de Cristo. É por isto que Eu digo que você não tem a fé de reconhecer Cristo. A razão por que você O seguiu até hoje é inteiramente porque foi forçado. No seu coração para sempre se empilham muitas imagens altivas; você não é capaz de esquecer cada palavra e feito deles, nem suas palavras e mãos influentes. Eles são, no seu coração, para sempre supremos e para sempre heróis. Mas isto não vale para o Cristo de hoje. Ele é para sempre insignificante no seu coração e para sempre indigno de reverência. Porque Ele é comum demais, tem muito pouca influência e está longe de ser elevado.

de ‘Você é um verdadeiro crente a Deus?’ em “A Palavra manifesta em carne”

Há algumas pessoas que são enganadas com frequência, por aquelas que, exteriormente, parecem espirituais, parecem nobres, parecem ter imagem superior. Quanto a essas pessoas que podem falar sobre letras e doutrinas, e cujo discurso e ações parecem dignos de admiração, seus admiradores nunca olharam para a essência de suas ações, os princípios por trás de seus feitos, quais são os seus objetivos. E eles nunca olharam se essas pessoas obedecem a Deus verdadeiramente ou não e se são ou não pessoas que verdadeiramente temem a Deus e evitam o mal. Eles nunca discerniram a substância da humanidade dessas pessoas. Pelo contrário, desde o primeiro passo para a familiarização, pouco a pouco, eles passam a admirar essas pessoas, a venerar essas pessoas e, no fim, essas pessoas se tornam seus ídolos. Além disso, na mente de algumas pessoas, os ídolos a quem eles adoram, quem elas acreditam que podem abandonar suas famílias e empregos e que pagam o preço superficialmente – esses ídolos são aqueles que estão, na realidade, satisfazendo a Deus, aqueles que podem, realmente, receber um bom desfecho e um bom destino. Na menta delas, esses ídolos são as pessoas a quem Deus louva.

de ‘Como conhecer o caráter de Deus e o resultado de Sua obra’ em “A Palavra manifesta em carne”

Trechos de sermão e comunhão para referência:

Seguir a Deus significa ouvi-Lo em tudo, submeter-se a todos os arranjos de Deus, agir de acordo com Suas palavras e aceitar tudo que vem Dele. Aqueles que creem em Deus devem segui-Lo; mas a maioria delas segue pessoas sem sabê-lo. Isso é uma coisa tão absurda quanto lamentável. Em termos estritos, as pessoas creem em quem elas seguem. Embora algumas pessoas creiam nominalmente em Deus, não há Deus em seu coração. O que seu coração adora é a pessoa que as lidera. Quando as pessoas obedecem ao líder, até mesmo ao ponto de recusar os arranjos de Deus, isso é precisamente a manifestação de crer em Deus, mas seguir as pessoas. Antes de obterem a verdade, as pessoas acreditam desse modo confuso, e nem sabem o que é seguir a Deus. Elas não sabem distinguir entre o que é seguir a Deus e seguir as pessoas. Quem quer que fale melhor, quem quer que fale do jeito mais altivo, elas o chamam de papai ou mamãe. Para elas, quem tiver leite é sua mãe, e quem tiver poder é seu próprio pai. É tão lamentável que as pessoas podem ser. Podemos dizer que a maioria das pessoas tem essa situação em graus diferentes.

O que significa seguir a Deus? E como você põe isso em prática? Seguir a Deus não envolve somente orar a Deus e louvá-Lo; o mais importante é comer e beber as palavras de Deus e viver de acordo com elas, agir de acordo com a verdade, encontrar o caminho para viver na palavra de Deus, encontrar uma senda de experiência de vida nas palavras de Deus, aceitar a comissão de Deus, cumprir cada um de seus deveres corretamente e seguir a senda à sua frente conforme guiado pelo Espírito Santo. Em especial, em encruzilhadas críticas, quando grandes problemas o afligirem, existe uma necessidade ainda maior de buscar as intenções de Deus, de estar atento às tentativas de ser enganado pelas doutrinas do homem e de não ser controlado por ninguém. “Ao que vem de Deus eu obedeço e sigo, mas se vier da vontade do homem eu firmemente o rejeito; quando o que é pregado pelos líderes ou colaboradores está em conflito com os arranjos de Deus, eu absolutamente sigo a Deus e rejeito as pessoas. Se estiver em completo acordo com os arranjos e com a vontade de Deus, então eu dou ouvidos.” As pessoas que praticam dessa maneira são aquelas que seguem a Deus.

O que significa seguir as pessoas? Significa que uma pessoa segue aquele que ela adora. Deus não tem muito status no seu coração; ela simplesmente veste uma placa dizendo que crê em Deus. Tudo que faz é imitar as pessoas e seguir seu exemplo. Especialmente em questões importantes, ela deixa que as pessoas decidam, que as pessoas ditem seu destino. Ela mesma não busca os desejos de Deus e não aplica discernimento ao que as pessoas dizem. Contanto o que elas dizem pareça razoável, independentemente de aquilo que dizem se conformar à verdade, ela aceitara e obedecerá. Essa é a conduta de um seguidor de homens. Sua fé em Deus não tem princípios, não há verdade em como ela trata os assuntos. Ela obedece a quem quer que fale de modo sensato. Se seus ídolos seguissem uma senda errada, ela os seguirão até o fim. Se Deus condenasse seus ídolos, ela teria noção de Deus, apegando-se ao seu ídolo. Sua razão é que ela deve obedecer a quem for responsável por ela. Um alto oficial não é páreo para um gerente que põe as mãos na massa. Isso é simplesmente a lógica de um tolo. Aqueles que seguem o homem são realmente tão desnorteados. As pessoas que seguem os homens não têm lugar para Deus em seu coração e não têm verdade, são idólatras, foram enganadas por outras pessoas e não são seguidores verdadeiros de Deus. Somente seguidores de Deus creem verdadeiramente em Deus.

de “A comunhão do alto”

Muitas pessoas creem em Deus, mas não sabem o que significa obedecer a Deus e pensam que ouvir seus líderes em todas as coisas é a mesma coisa que obedecer a Deus. Essa visão é totalmente absurda, porque a fonte da sua obediência está errada. Essas pessoas acham que ouvir seus líderes é obedecer a Deus. Crer em Deus de acordo com essa visão é crer apenas nominalmente em Deus; na verdade, essas pessoas creem em pessoas. […]

Quando cremos em Deus, Ele deve ocupar uma posição de liderança em nosso coração, devemos entregar a Deus o controle em todas as questõs, devemos buscar as intenções de Deus em tudo, nossas ações devem estar de acordo com Suas palavras e de acordo com a orientação do Espírito Santo, e devemos obedecer a tudo o que vier de Deus. Se você dá ouvidos às pessoas, isso prova que Deus não tem espaço em seu coração, que somente as pessoas têm lugar no seu coração. Para as pessoas, nada é mais importante do que buscar a verdade e entender a vontade de Deus. Se você não se concentrar em buscar as intenções de Deus e entender Sua vontade, então sua obediência não é verdadeira. Não importa o quanto as palavras das pessoas soem certas, se você der ouvidos às pessoas, então, essencialmente, você estará obedecendo a pessoas – o que não é, de forma alguma, o mesmo que obedecer a Deus. Na verdade, se aqueles que creem em Deus forem capazes de entender as intenções de Deus diretamente das Suas palavras, se puderem encontrar sua própria senda para colocar em prática as Suas palavras e comungar a verdade e entendê-la em Suas palavras após o qual a colocam em prática, e se, no momento decisivo, conseguirem orar mais, buscar a orientação do Espírito Santo e obedecer às intenções do Espírito Santo, isso é verdadeiramente obedecer a Deus. Aqueles que obedecem a Deus buscam a senda em Suas palavras, seus problemas são resolvidos nas palavras de Deus nelas, e elas agem em meio à orientação do Espírito Santo; isso é obedecer a Deus de verdade. Aqueles que ouvem os líderes em tudo certamente têm Deus longe do coração. Além disso, não estão em paz com Deus, não vivem diante Dele, não buscam a verdade, não têm um relacionamento com Ele, e o princípio por trás de suas ações é ouvir qualquer um que diga as coisas certas, e enquanto seu líder diz algo, elas obedecerão. Tal prática é ridícula. Essas pessoas não têm a verdade nem a capacidade de diferenciar e só podem estabelecer o que é certo ou errado segundo suas concepções ou seu cérebro, como, então, podem saber se isso está de acordo com a verdade? Se elas creem em Deus de acordo com tal visão, então, em sua vida inteira elas não entenderão a verdade nem virão a conhecer a Deus. Pode-se dizer que tal forma de crença é crer em seu próprio cérebro e seguir sua própria senda, e elas não têm nenhuma relação com o Deus prático.

de “A comunhão do alto”

Anterior:Como você pode dizer a diferença entre o caminho verdadeiro e o falso, e entre a igreja verdadeira e a falsa?

Próximo:Como você diz a diferença entre os líderes verdadeiros e os falsos, e entre os pastores verdadeiros e os falsos?

Coisas que talvez lhe interessem