197 As duas encarnações de Deus são para a salvação do homem

Deus encarnou duas vezes para salvar a humanidade,

para derrotar Satanás.

Quer em espírito ou em Deus encarnado,

apenas Deus pode lutar contra Satanás.

I

Os anjos não podem lutar contra Satanás,

e muito menos o homem.

Os anjos não têm poder e o homem é corrompido;

o homem é menos capaz de intervir.

Se Deus pretende operar na vida do homem,

se deseja operar no homem na terra,

Ele deve encarnar, deve Se revestir da carne

com Sua obra e identidade pra salvar o homem por Si só.

Deus encarnou duas vezes para salvar a humanidade,

para derrotar Satanás.

Quer em espírito ou em Deus encarnado,

apenas Deus pode lutar contra Satanás.

II

A luta contra Satanás só pode ser travada por Deus;

é impossível ser travada pelo homem.

O dever do homem é obedecer, o dever do homem é seguir.

O homem não pode fazer a obra de começar uma nova era.

O homem só satisfaz o Criador

sob a condução do Próprio Deus,

através dela Satanás, por certo, perde.

Isso é tudo o que o homem pode fazer.

Deus encarnou duas vezes para salvar a humanidade,

para derrotar Satanás.

Quer em espírito ou em Deus encarnado,

apenas Deus pode lutar contra Satanás.

III

Se a obra fosse feita pelo Espírito de Deus,

se a obra fosse feita pela mão do homem,

essa luta jamais chegaria ao seu efeito real ou fim.

Toda vez que uma luta nova começa,

toda vez que a obra da nova era começa,

a obra é feita pelo Próprio Deus,

através dela Ele mesmo conduz toda a era.

Ele abre uma nova senda para toda a humanidade.

O amanhecer de cada nova era

é uma nova luta contra Satanás,

através dela o homem entra num reino

mais novo e mais belo,

e numa nova era conduzida pelo Próprio Deus.

Deus encarnou duas vezes para salvar a humanidade,

para derrotar Satanás.

Quer em espírito ou em Deus encarnado,

apenas Deus pode lutar contra Satanás.

Adaptado de ‘Restaurar a vida normal do homem e levá-lo a um destino maravilhoso’ em “A Palavra manifesta em carne”

Anterior: 196 As duas encarnações completam a obra de Deus na carne

Próximo: 198 O significado das duas encarnações de Deus

Todos os dias temos 24 horas e 1440 minutos. Você está disposto a dedicar 10 minutos para estudar o caminho de Deus? Você está convidado a se juntar ao nosso grupo de estudo.

Conteúdo relacionado

Uma breve introdução sobre o contexto da aparição e da obra de Cristo dos últimos dias na China

A China é a terra onde reside o grande dragão vermelho e é o local que mais fortemente resistiu e condenou Deus ao longo da história. A China é uma fortaleza de demônios e uma prisão impermeável e impenetrável controlada pelo diabo. Além disso, o regime do grande dragão vermelho faz uma vigilância em todos os níveis e criou defesas em cada lar. Como resultado, nenhum lugar é mais difícil de divulgar o evangelho de Deus e realizar a obra de Deus.

1. Por que o Senhor Jesus amaldiçoou os fariseus e qual era a essência dos fariseus

Eles condenaram e blasfemaram contra o Senhor Jesus Cristo. A essência de sua resistência e blasfêmia contra Deus era inteiramente a mesma que a essência de Satanás e a resistência e blasfêmia do diabo contra Deus. Eles não apenas representavam humanos corruptos, porém mais ainda, eram a personificação de Satanás. Eram um canal para Satanás entre a humanidade, e eram os cúmplices e mensageiros de Satanás. A essência da sua blasfêmia e sua difamação do Senhor Jesus Cristo era a luta que travavam com Deus pelo prestígio, sua disputa com Deus, seus intermináveis testes de Deus.

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Sumário

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro

Entre em contato conosco pelo Whatsapp