Aplicativo da Igreja de Deus Todo-Poderoso

Ouça a voz de Deus e dê as boas vindas ao retorno do Senhor Jesus!

Declarações de Deus Todo-Poderoso (O caminho para conhecer a Deus)

Declarações de Deus Todo-Poderoso
Declarações de Deus Todo-Poderoso (O caminho para conhecer a Deus)

Categorias

Declarações de Cristo dos últimos dias (Seleções)
Declarações de Cristo dos Últimos Dias (Seleções)

Deus é a fonte da vida para todas as coisas (II) (Parte 4)

O alimento e a bebida diários que Deus prepara para a humanidade

Há alguma coisa que Deus faz, independentemente de ser uma coisa grande ou pequena, que não tenha valor ou significado? Tudo o que Ele faz tem valor e significado. Vamos discutir isso com base em uma pergunta sobre a qual as pessoas costumam conversar. Muitas pessoas sempre perguntam: qual veio primeiro, a galinha ou o ovo? (A galinha.) Como você responde isso? A galinha veio primeiro, com certeza! Por que a galinha veio primeiro? Por que o ovo não poderia ter vindo primeiro? A galinha não é chocada a partir do ovo? Galinhas são chocadas a partir dos ovos, galinhas incubam ovos. Após incubar o ovo por 21 dias, a galinha eclode. Aquela galinha então põe ovos, e as galinhas eclodem dos ovos novamente. Então a galinha ou o ovo veio primeiro? Vocês respondem “a galinha”, com certeza. Por que esse é o fato? (A Bíblia diz que Deus criou aves e animais.) Isso é baseado na Bíblia. Eu quero que vocês falem a respeito de seu próprio conhecimento para ver se vocês têm algum conhecimento real sobre as ações de Deus. Vocês têm certeza de sua resposta ou não? (Porque todas as coisas criadas por Deus reforçam e se restringem mutuamente, e dependem mutuamente umas das outras. Deus criou a galinha, que pode botar ovos, e a galinha precisa incubar os ovos. Existe tal necessidade e praticidade.) Alguns irmãos e irmãs riram. Por que vocês não falam sobre isso? (Deus criou a galinha, então deu a ela a capacidade de reproduzir a vida – a capacidade de incubar ovos e a capacidade de fazer a vida continuar). Essa explicação está quase certa. Algum outro irmão ou irmã tem alguma opinião? Fale livremente e se comunique. Esta é a casa de Deus. É a igreja. Se você tem algo a dizer, diga. (Isto é o que eu penso: Deus criou todas as coisas e tudo o que Ele criou é bom e perfeito. O frango é uma criatura orgânica e tem as funções de reproduzir e incubar ovos. Isso é perfeito. Portanto, a galinha veio primeiro e depois o ovo. Essa é a ordem.) Isso é certo. Não é um mistério muito profundo, mas as pessoas do mundo veem isso como muito profundo e utilizam filosofia em seu raciocínio. No final, elas ainda não chegaram a uma conclusão. Isso é só como as pessoas que não sabem que a galinha foi criada por Deus. As pessoas não conhecem esse princípio e não têm clareza quanto a se o ovo ou a galinha deve vir primeiro. Eles não sabem o que deve acontecer primeiro, então eles nunca conseguem encontrar a resposta. É muito normal que a galinha tenha chegado primeiro. Se o ovo viesse antes da galinha, então isso seria anormal! A galinha definitivamente veio primeiro. Essa é uma coisa tão simples. Não exige que você tenha grande conhecimento. Deus criou tudo isso. Sua intenção inicial era que o homem desfrutasse de tudo. Uma vez que há a galinha, o ovo vem naturalmente. Isso não é óbvio? Se o ovo tivesse sido criado primeiro, ainda não precisaria da galinha para incubá-lo? Criar a galinha diretamente é muito mais fácil. A galinha pode botar ovos e também incubar os pintinhos, enquanto o homem também pode comer galinha. Isso não é muito conveniente? O modo como Deus faz as coisas é sucinto e não complexo. De onde vem o ovo? Vem da galinha. Não há ovo sem a galinha. O que Deus criou foi uma coisa viva! A humanidade é absurda e ridícula, sempre se embaralhando nessas coisas simples, e no final até criando um monte de falácias absurdas. Tão infantil! A relação entre o ovo e a galinha é clara: a galinha veio primeiro. Essa é a explicação mais correta, a maneira mais correta de entender e a resposta mais correta. Isso está certo.

Sobre o que acabamos de falar? No início, falamos sobre o ambiente de vida da humanidade e o que Deus fez, preparou e tratou para esse ambiente, bem como sobre as relações entre todas as coisas que Deus preparou para a humanidade e como Deus lidou com essas relações para impedir que todas as coisas causassem danos para a humanidade. Deus também resolveu os impactos negativos no meio ambiente da humanidade causados ​​pelos vários elementos que são trazidos por todas as coisas, permitiu que todas as coisas maximizassem suas funções e trouxe à humanidade um ambiente favorável e todos os elementos benéficos, permitindo que a humanidade se adapte a tal ambiente e continue o ciclo de reprodução e vida normalmente. A seguir, foi o alimento necessário para corpo humano – alimentos e bebidas diárias. Essa é também uma condição necessária para a sobrevivência da humanidade. Ou seja, o corpo humano não pode viver apenas respirando, apenas com a luz do sol ou o vento, ou apenas com temperaturas adequadas. Também precisa encher sua barriga. Essas coisas para encher sua barriga também foram inteiramente preparadas por Deus para a humanidade – essa é a fonte dos alimentos da humanidade. Depois de ver esses produtos ricos e abundantes – as fontes de alimentos e de bebida da humanidade – você pode dizer que Deus é a fonte do suprimento da humanidade e de todas as coisas? (Sim.) Se Deus tivesse criado apenas árvores e grama ou apenas vários seres vivos quando criou todas as coisas, e se a humanidade não pudesse comer nenhum deles, a humanidade teria conseguido sobreviver até agora? E se as várias coisas vivas e plantas entre todas as coisas que Deus criou fossem todas para gado e ovelhas, ou para zebras, cervos e vários outros tipos de animais – por exemplo, leões comem alimentos como zebras e veados, tigres comem alimentos como cordeiros e porcos – mas não existisse uma única coisa adequada para os humanos comerem? Isso funcionaria? Não. A humanidade não teria conseguido continuar sobrevivendo. E se os humanos só comessem folhas de árvore? Isso funcionaria? Estômagos humanos não poderiam aguentar isso. Você não saberá se você não o experimentar, mas uma vez que você experimente, você saberá muito bem. Então você poderia comer a grama preparada para as ovelhas? É possível que não haja problema se você experimentar um pouco, mas se continuar comendo em longo prazo, você não durará muito. E há até mesmo algumas coisas que podem ser comidas pelos animais, mas se os humanos as comerem, eles serão envenenados. Existem algumas coisas venenosas que os animais podem comer sem serem afetados, mas os humanos não podem fazer o mesmo. Em outras palavras, Deus criou os seres humanos, então Deus conhece melhor os princípios e a estrutura do corpo humano e do que os humanos precisam. Deus é perfeitamente claro em sua composição e conteúdo, o que ele precisa, e também como os órgãos internos do corpo humano funcionam, absorvem, eliminam e metabolizam. As pessoas não têm clareza sobre isso e às vezes comem e suplementam de forma cega. Suplementam demais e acabam causando um desequilíbrio. Se você comer e desfrutar dessas coisas que Deus preparou para você normalmente, não haverá nada de errado com você. Mesmo que às vezes você esteja de mau humor e tenha estase sanguínea, isso não importa. Você só precisa comer um certo tipo de planta e a estase acabará. Deus preparou todas essas coisas. Então, aos olhos de Deus, a humanidade está muito acima de qualquer outra coisa viva. Deus preparou ambientes de vida para todos os tipos de plantas e preparou alimentos e ambientes de vida para todos os tipos de animais, mas apenas as exigências da humanidade em relação ao seu próprio ambiente de vida são mais rígidas e intolerantes à negligência. Caso contrário, a humanidade não seria capaz de continuar desenvolvendo, reproduzindo e vivendo normalmente. Deus sabe disso melhor em Seu coração. Quando Deus fez isso, Ele deu mais importância a isso do que a qualquer outra coisa. Talvez você não consiga sentir a importância de alguma coisa insignificante que você vê e desfruta, ou algo com o qual você sente que nasceu e pode desfrutar, mas Deus já havia preparado tudo para você muito tempo atrás com Sua sabedoria. Deus eliminou e resolveu na maior medida possível todos os fatores negativos que são desfavoráveis ​​à humanidade e podem prejudicar o corpo humano. O que isso deixa claro? Deixa clara a atitude de Deus para com a humanidade quando Ele a criou desta vez? Qual foi essa atitude? A atitude de Deus era rigorosa e séria, e Ele não tolerou a interferência de quaisquer fatores ou condições ou quaisquer forças inimigas separadas de Deus. A partir disso, você pode ver a atitude de Deus quando Ele criou a humanidade e em Sua gestão da humanidade desta vez. Qual é a atitude de Deus? Através do ambiente de vida e de sobrevivência que a humanidade desfruta, assim como sua alimentação diária e suas necessidades diárias, podemos ver a atitude de responsabilidade de Deus para com a humanidade que Ele teve desde que Ele a criou, assim como a determinação de Deus de salvar a humanidade desta vez. Podemos ver a autenticidade de Deus através dessas coisas? Podemos ver a maravilha de Deus? Podemos ver a insondabilidade de Deus? Podemos ver a onipotência de Deus? Deus simplesmente utiliza Suas maneiras onipotentes e sábias para suprir toda a humanidade, assim como suprir todas as coisas. Falando nisso, depois de Eu ter falado tanto, vocês podem dizer que Deus é a fonte de vida para todas as coisas? (Sim.) Isso é certo. Vocês têm alguma dúvida? (Não.) O suprimento de todas as coisas por parte de Deus é suficiente para mostrar que Deus é a fonte de vida para todas as coisas, porque Ele é a fonte de suprimento que permitiu que todas as coisas existissem, vivessem, se reproduzissem e continuassem. Além de Deus, não há outro. Deus supre todas as necessidades de todas as coisas e todas as necessidades da humanidade, independentemente de serem as necessidades mais básicas, o que as pessoas precisam diariamente ou o suprimento da verdade ao espírito das pessoas. De todas as perspectivas, quando se trata da identidade de Deus e do Seu status para a humanidade, somente o Próprio Deus é a fonte de vida para todas as coisas. Isso está correto? (Sim.) O que significa dizer que Deus é o Governante, Mestre e Fornecedor deste mundo material que as pessoas podem ver com seus olhos e sentir. Para a humanidade, essa não é a identidade de Deus? Isso é inteiramente verdade. Então, quando você vê pássaros voando no céu, você deve saber que Deus criou coisas que podem voar. Mas existem seres vivos que nadam na água e também sobrevivem de maneiras diferentes. As árvores e plantas que vivem no solo brotam na primavera e dão frutos e perdem folhas no outono, e no inverno todas as folhas caem e elas passam pelo inverno. É assim que elas sobrevivem. Deus criou todas as coisas, cada qual vive por meio de diferentes formas e diferentes maneiras e utiliza diferentes métodos para mostrar seu poder e forma de vida. Não importa qual método, tudo está sob o governo de Deus. Qual é o propósito de Deus governar todas as diferentes formas de vida e seres vivos? É para o bem da sobrevivência da humanidade? (Sim.) Ele controla todas as leis da vida em prol da sobrevivência da humanidade. Isso mostra o quão importante é a sobrevivência da humanidade para Deus.

A humanidade ser capaz de sobreviver e se reproduzir normalmente é da maior importância para Deus. Portanto, Deus supre a humanidade e todas as coisas constantemente. Ele supre todas as coisas de maneiras diferentes, e sob as circunstâncias de manter a sobrevivência de todas as coisas, Ele capacita a humanidade a continuar avançando de modo a manter a existência normal da humanidade. Esses são os dois aspectos que estamos comunicando hoje. Quais são esses dois aspectos? (A partir da perspectiva macro, Deus criou o ambiente de vida para a humanidade. Esse é o primeiro aspecto. Além disso, Deus preparou essas coisas materiais de que a humanidade precisa e pode ver e tocar). Comunicamos nosso tema principal através desses dois aspectos. Qual é o nosso principal tópico? (Deus é a fonte da vida para todas as coisas.) Agora você deve ter algum entendimento do motivo pelo qual Eu comuniquei esse conteúdo neste tópico. Houve alguma discussão não relacionada ao tópico principal? Nenhum, certo? Talvez, depois de ouvirem essas coisas, alguns de vocês possam ganhar alguma compreensão e sentir que essas palavras são muito importantes, mas outros talvez tenham um pouco de compreensão literal e sintam que essas palavras não importam. Independentemente da forma como vocês entenderem isso agora, ao longo de sua experiência, chegará um dia em que o seu entendimento alcançará um certo ponto, ou seja, quando seu conhecimento das ações de Deus e do Próprio Deus atingir um certo ponto, vocês utilizarão suas próprias palavras práticas para entregar um testemunho profundo e verdadeiro das ações de Deus.

Eu acho que no momento o entendimento de vocês ainda é bastante simples e literal, mas vocês são pelo menos capazes de, depois de Me ouvir, comunicar esses dois aspectos, reconhecer quais métodos Deus utiliza para suprir a humanidade ou quais coisas Deus fornece para a humanidade? Vocês têm um conceito básico e um entendimento básico? (Sim.) Mas esses dois aspectos que Eu comuniquei estão relacionados à Bíblia? (Não.) Estão relacionados ao julgamento e ao castigo de Deus na Era do Reino? (Não.) Então por que Eu comuniquei esses dois aspectos? É porque as pessoas devem entendê-los para conhecer a Deus? (Sim.) É muito necessário conhecê-los e também é muito necessário compreendê-los. Não se limite apenas à Bíblia e não se limite apenas ao julgamento de Deus e ao castigo do homem para entender tudo sobre Deus. Qual é o propósito por trás de Eu dizer isso? É para informar as pessoas de que Deus não é apenas o Deus do Seu povo escolhido. Você atualmente segue a Deus, e Ele é seu Deus, mas para aqueles que não estão entre as pessoas que seguem a Deus, Deus é seu Deus? Deus é o Deus de todas as pessoas além daqueles que O seguem? (Sim.) Então Deus é o Deus de todas as coisas? (Sim.) Então Deus faz a Sua obra e executa as Suas ações meramente naqueles que O seguem? (Não.) Seu escopo é todo o universo. A partir da perspectiva pequena, seu escopo é toda a humanidade e entre todas as coisas. Da grande perspectiva, é todo o universo. Então podemos dizer que Deus faz Sua obra e realiza Suas ações em meio a toda a humanidade. Isso é suficiente para permitir que as pessoas saibam tudo sobre o Próprio Deus. Se você deseja conhecer a Deus e realmente conhecê-Lo e entendê-Lo, então não fique restrito apenas aos três estágios da obra de Deus, e não se limite apenas às histórias da obra que Deus uma vez realizou. Se você tentar conhecê-Lo dessa maneira, então você está confinando Deus a um certo limite. Você está vendo Deus como insignificante demais. Que influências tais consequências trariam para você? Você nunca seria capaz de conhecer a maravilha e a supremacia de Deus, e você nunca seria capaz de conhecer o poder e a onipotência de Deus e o escopo de Sua autoridade. Tal entendimento afetaria sua capacidade de aceitar a verdade de que Deus é o Governante de todas as coisas, assim como seu conhecimento da verdadeira identidade e status de Deus. Em outras palavras, se a sua compreensão de Deus é limitada em escopo, o que você pode receber também é limitado. É por isso que você deve expandir o escopo e abrir seus horizontes. Seja o escopo da obra de Deus, a gestão de Deus e o governo de Deus, ou todas as coisas governadas e geridas por Deus, você deve conhecer tudo e conhecer as ações de Deus ali. Por meio de tal entendimento, você inconscientemente sentirá que Deus está governando, gerindo e suprindo todas as coisas entre elas. Ao mesmo tempo, você também sentirá realmente que é parte de todas as coisas e membro de todas as coisas. Como Deus fornece todas as coisas, você também aceita a regra e o suprimento de Deus. Esse é um fato que ninguém pode negar. Todas as coisas estão sujeitas às suas próprias leis, o que está sob o governo de Deus, e todas as coisas têm sua própria regra de sobrevivência, o que também está sob o governo de Deus, enquanto o destino da humanidade e o que eles precisam também estão intimamente relacionados ao governo de Deus e Seu suprimento. É por isso que, sob o domínio e o governo de Deus, a humanidade e todas as coisas estão interconectadas, interdependentes e entrelaçadas. Esse é o propósito e o valor da criação de todas as coisas por Deus. Você entende isso agora? (Sim.) Se você entende, então vamos encerrar nossa comunicação por aqui hoje. Adeus! (Graças a Deus!)

2 de fevereiro de 2014

0Busca por x resultados