Como o homem que delimitou Deus em suas noções pode receber as revelações de Deus?

A obra de Deus está sempre avançando e, apesar de o propósito de Sua obra não mudar, o método pelo qual Deus opera muda constantemente, o que significa que aqueles que seguem a Deus também mudam de forma constante. Quanto mais Deus opera, mais completo é o conhecimento que o homem tem de Deus. Mudanças correspondentes ocorrem, também, no caráter do homem seguindo a obra de Deus. No entanto, é porque a obra de Deus muda continuamente que aqueles que não conhecem a obra do Espírito Santo e aquelas pessoas absurdas que não conhecem a verdade começam a resistir a Deus. Jamais a obra de Deus se conforma às noções do homem, pois a Sua obra é sempre nova, nunca velha, e Ele jamais repete obras velhas, antes, avança com uma obra nunca realizada. Visto que Deus não repete Sua obra e o homem invariavelmente julga a obra atual de Deus segundo a obra que fez no passado, tornou-se extremamente difícil para Deus realizar cada etapa da obra da nova era. O homem tem dificuldades demais! Ele é conservador demais em seu pensamento! Ninguém conhece a obra de Deus, no entanto, todos a delimitam. Quando deixa Deus, o homem perde vida, verdade e bênçãos de Deus, não obstante, ele não aceita a vida nem a verdade e muito menos as maiores bênçãos que Deus concede à humanidade. Todos os homens desejam ganhar Deus, mas são incapazes de tolerar qualquer mudança na obra de Deus. Aqueles que não aceitam a nova obra de Deus creem que a obra divina é imutável, que ela permanece eternamente paralisada. Na crença dessas pessoas, para ganhar a salvação eterna de Deus, é necessário apenas observar a lei e, desde que se arrependam e confessem os pecados, a vontade de Deus será sempre satisfeita. Elas têm a opinião de que Deus só pode ser o Deus sob a Lei e o Deus que foi pregado à cruz pelo homem; também é opinião delas que Deus não deveria nem pode exceder a Bíblia. São exatamente essas opiniões que as algemaram firmemente às leis do passado e que as pregaram a regras mortas. Existem muitas outras que acreditam que, qualquer que possa ser a nova obra de Deus, esta tem de ser substanciada por profecias e que, em cada etapa de tal obra, deve-se mostrar revelações a todos os que seguem a Deus com coração “verdadeiro”, senão, tal obra não poderia ser a obra de Deus. Já não é uma tarefa fácil que o homem venha conhecer a Deus. Somando-se a isso o coração absurdo do homem e sua natureza rebelde de orgulho e presunção, se torna ainda mais difícil para ele aceitar a nova obra de Deus. O homem nem considera com cuidado a nova obra de Deus, nem a aceita com humildade; em vez disso, ele adota uma atitude de desprezo, enquanto espera revelações e orientação de Deus. Esse não é o comportamento dos que se rebelam contra Deus e resistem a Ele? Como podem tais pessoas ganhar a aprovação de Deus?

Jesus disse que a obra de Jeová havia ficado para trás na Era da Graça, exatamente como hoje digo que a obra de Jesus também ficou para trás. Se tivesse existido apenas a Era da Lei, sem a Era da Graça, então Jesus não teria sido crucificado e não poderia ter redimido toda a humanidade. Se tivesse existido apenas a Era da Lei, a humanidade poderia ter chegado até o dia de hoje? A história segue adiante, e a história não é a lei natural da obra de Deus? Isso não é uma imagem de Seu gerenciamento do homem por todo o universo? A história segue adiante, assim como a obra de Deus. A vontade de Deus está mudando constantemente. Ele não poderia permanecer em uma única etapa da obra durante seis mil anos, pois, como todos sabem, Deus é sempre novo, nunca velho, e Ele não poderia jamais continuar a fazer uma obra como a crucificação, sendo pregado na cruz uma, duas, três vezes… Seria ridículo pensar assim. Deus não continua fazendo a mesma obra; Sua obra muda sempre e é sempre nova, do mesmo modo que Eu lhes falo palavras novas e realizo uma nova obra a cada dia. Essa é a obra que realizo, e o que é crucial são as palavras “nova” e “maravilhosa”. “Deus é imutável, e Deus sempre será Deus”: esse dito é, de fato, verdadeiro; a essência de Deus não muda, Deus é sempre Deus, e Ele jamais poderia Se tornar Satanás, mas isso não prova que Sua obra é tão constante e invariável quanto a Sua essência. Você declara que Deus é imutável, mas como, então, pode explicar que Deus é sempre novo e nunca velho? A obra de Deus se espalha continuamente e muda constantemente, e a Sua vontade é manifesta e revelada ao homem continuamente. Conforme o homem experimenta a obra de Deus, seu caráter muda sem cessar, assim como o seu conhecimento. De onde, então, surge essa mudança? Não é da obra de Deus que muda constantemente? Se o caráter do homem pode mudar, por que o homem não consegue permitir que a Minha obra e as Minhas palavras também mudem continuamente? Devo Me sujeitar às restrições do homem? Nisso, você não está usando argumentos forçados e uma lógica pervertida?

Após Sua ressurreição, Jesus apareceu aos discípulos e disse: “Eu envio a promessa de Meu Pai sobre vocês; mas fiquem na cidade de Jerusalém até vocês serem dotados do poder do alto”. Você sabe como essas palavras podem ser explicadas? Você está, agora, revestido de Seu poder? Você entende a que esse “poder” se refere? Jesus proclamou que o Espírito da verdade seria concedido ao homem durante os últimos dias. Os últimos dias estão aqui agora; você entende como o Espírito da verdade expressa palavras? Onde o Espírito da verdade aparece e opera? No livro de profecias do profeta Isaías jamais houve qualquer menção de que uma criança chamada Jesus nasceria na era do Novo Testamento; estava apenas escrito que uma criança do sexo masculino nasceria com o nome de Emanuel. Por que o nome “Jesus” não foi mencionado? Esse nome não aparece em lugar algum do Antigo Testamento, então, por que você ainda crê em Jesus? Decerto você não começou a crer em Jesus só depois de O ver com os próprios olhos, não foi? Ou você começou a crer depois de receber uma revelação? Deus realmente lhe demonstraria tal graça? E lhe concederia tamanhas bênçãos? Qual é a base de sua crença em Jesus? Por que você não acredita que Deus Se tornou carne hoje? Por que você diz que a ausência de uma revelação de Deus a você prova que Ele não Se encarnou em pessoa? Deus precisa informar as pessoas antes de começar Sua obra? Ele precisa primeiro receber a aprovação delas? Isaías simplesmente proclamou que uma criança do sexo masculino nasceria numa manjedoura; jamais profetizou que Maria daria à luz Jesus. Em que, exatamente, você baseia a sua crença em Jesus que nasceu de Maria? Decerto a sua crença não é confusa! Alguns dizem que o nome de Deus não muda. Por que, então, o nome Jeová se tornou Jesus? Foi profetizado que o Messias viria, então, por que veio um homem com o nome de Jesus? Por que o nome de Deus mudou? Essa obra não foi executada muito tempo atrás? Deus é incapaz de realizar uma nova obra hoje? A obra do passado pode ser alterada, e a obra de Jesus pode seguir a partir da obra de Jeová. Não é possível, portanto, que a obra de Jesus seja sucedida por outra obra? Se o nome de Jeová pode ser mudado para Jesus, então, não pode também o nome de Jesus ser mudado? Nada disso é estranho; simplesmente acontece que as pessoas são ingênuas demais. Deus será sempre Deus. Independentemente de como a Sua obra mude, e não importando como o Seu nome possa mudar, Seu caráter e sabedoria nunca mudarão. Se você acredita que Deus só pode ser chamado pelo nome Jesus, então, o seu conhecimento é limitado demais. Você ousa afirmar que Jesus será para sempre o nome de Deus, que Deus será para sempre chamado pelo nome Jesus e que isso jamais mudará? Você ousa afirmar com certeza que é o nome Jesus que concluiu a Era da Lei e que também concluirá a era final? Quem pode dizer que a graça de Jesus pode trazer um fim à era? Se lhe falta um entendimento claro dessas verdades, então, você não só será incapaz de pregar o evangelho, mas você mesmo não conseguirá permanecer firme. Quando chegar o dia em que você resolver todas as dificuldades daquelas pessoas religiosas e refutar todas as falácias delas, essa será a prova de que você está absolutamente certo a respeito desta etapa da obra e que não tem a menor dúvida. Se você não for capaz de refutar suas falácias, eles incriminarão e difamarão você. Isso não seria lamentável?

Todos os judeus da época liam o Antigo Testamento e conheciam a profecia de Isaías de que uma criança do sexo masculino nasceria em uma manjedoura. Por que, então, apesar de estarem plenamente cientes dessa profecia, eles ainda perseguiram Jesus? Não foi por conta de sua natureza rebelde e ignorância em relação à obra do Espírito Santo? Naquela época, os fariseus acreditavam que a obra de Jesus era diferente do que eles sabiam sobre a criança do sexo masculino profetizada, e as pessoas, hoje, rejeitam Deus porque a obra do Deus encarnado não se conforma à Bíblia. A essência de sua rebeldia para com Deus não é a mesma? Você consegue aceitar, sem questionamento, toda a obra do Espírito Santo? Se for a obra do Espírito Santo, então é a corrente certa, e você deveria aceitá-la sem qualquer dúvida; você não deveria ficar escolhendo o que aceitar. Se você ganhar mais percepções de Deus e exercer mais cautela para com Ele, então isso não é desnecessário? Você não precisa buscar comprovação adicional da Bíblia; se for a obra do Espírito Santo, então você deve aceitá-la, pois você acredita em Deus para segui-Lo e você não deveria investigá-Lo. Você não deveria procurar mais evidência sobre Mim para provar que Eu sou seu Deus, mas deveria ser capaz de discernir se Eu sou benéfico para você — isso é o mais crucial. Ainda que você encontre muitas provas irrefutáveis na Bíblia, elas não podem trazê-lo plenamente diante de Mim. Você simplesmente vive dentro dos limites da Bíblia e não diante de Mim; a Bíblia não pode ajudá-lo a Me conhecer, tampouco pode aprofundar seu amor por Mim. Apesar de a Bíblia ter profetizado o nascimento de uma criança do sexo masculino, ninguém foi capaz de compreender sobre quem essa profecia recairia, pois o homem não conhecia a obra de Deus, e foi isso que fez com que os fariseus se opusessem a Jesus. Algumas pessoas sabem que a Minha obra favorece o homem, mas continuam a acreditar que Eu e Jesus somos dois seres totalmente separados e mutuamente incompatíveis. Na época, Jesus só deu aos discípulos uma série de sermões na Era da Graça sobre assuntos tais como a maneira de praticar, como se reunir, como suplicar em oração, como tratar os outros e assim por diante. A obra que Ele realizou foi a da Era da Graça, e Ele explicou apenas como os discípulos e aqueles que O seguiam deveriam praticar. Jesus só fez a obra da Era da Graça e nada da obra dos últimos dias. Quando Jeová estabeleceu a lei do Antigo Testamento na Era da Lei, por que Ele não realizou, na época, a obra da Era da Graça? Por que Ele não esclareceu, com antecedência, a obra da Era da Graça? Isso não teria ajudado o homem a aceitá-la? Ele apenas profetizou que uma criança do sexo masculino nasceria e chegaria ao poder, mas Ele não executou antecipadamente a obra da Era da Graça. A obra de Deus em cada era tem limites claros; Ele só realiza a obra da era atual e nunca executa a próxima etapa da obra antecipadamente. Somente assim é que a Sua obra representativa de cada era pode ser evidenciada. Jesus falou apenas dos sinais dos últimos dias, de como ser paciente e de como ser salvo, de como se arrepender e como confessar, e também de como carregar a cruz e suportar o sofrimento; mas Ele nunca falou de como o homem dos últimos dias deveria alcançar entrada, nem de como deveria buscar satisfazer a vontade de Deus. Dessa forma, não é ridículo buscar na Bíblia a obra de Deus dos últimos dias? O que você é capaz de ver simplesmente segurando a Bíblia? Seja um expositor da Bíblia ou um pregador, quem poderia ter visto a obra do de hoje com antecedência?

“Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas.” Agora vocês ouviram as palavras do Espírito Santo? As palavras de Deus vieram sobre vocês. Vocês as ouvem? Deus realiza a obra das palavras nos últimos dias, e essas palavras são as do Espírito Santo, pois Deus é o Espírito Santo e também pode Se tornar carne; portanto, as palavras do Espírito Santo, como ditas no passado, são as palavras do Deus encarnado hoje. Existem muitas pessoas absurdas que acreditam que, já que é o Espírito Santo quem fala, Sua voz deveria falar dos céus para as pessoas ouvirem. Quem quer que pense assim não conhece a obra de Deus. Em verdade, as declarações feitas pelo Espírito Santo são as mesmas do Deus tornado carne. O Espírito Santo não pode falar diretamente ao homem; mesmo na Era da Lei, Jeová também não falou diretamente às pessoas. Não seria ainda muito menos provável que Ele fizesse isso nesta era de hoje? Para Deus fazer declarações a fim de realizar a obra, Ele deve Se tornar carne; senão, Sua obra não poderia cumprir seus objetivos. Os que negam o Deus encarnado são aqueles que não conhecem o Espírito ou os princípios através dos quais Deus opera. Aqueles que acreditam que agora é a era do Espírito Santo, mas não aceitam a Sua obra nova, são os que vivem em meio a uma fé vaga e abstrata. Tais pessoas jamais hão de receber a obra do Espírito Santo. Aqueles que pedem apenas que o Espírito Santo fale e realize a Sua obra diretamente, e não aceitam as palavras ou a obra do Deus encarnado, jamais hão de conseguir entrar na nova era nem de ser completamente salvos por Deus!

Anterior: Vocês deveriam pôr de lado as bênçãos do status e entender a vontade de Deus de trazer a salvação ao homem

Próximo: Somente aqueles que conhecem Deus e Sua obra podem satisfazer Deus

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.
Contate-nos
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Conteúdo relacionado

Sobre experiência

Ao longo de suas experiências, Pedro encontrou centenas de provações. Embora tenham ciência hoje do termo “provação”, as pessoas estão...

Capítulo 6

As pessoas ficam perplexas quando leem as declarações de Deus e pensam que Deus realizou um grande feito no reino espiritual, algo de que o...

A senda… (6)

É por causa da obra de Deus que fomos trazidos ao dia de hoje; e assim somos os sobreviventes no plano de gerenciamento de Deus. O fato de...

A respeito da Bíblia (1)

Como a Bíblia deveria ser abordada na crença em Deus? Essa é uma questão de princípios. Por que estamos compartilhando essa pergunta?...

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Sumário

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro