211 Há uma dor no fundo do meu coração

Há uma dor no fundo do meu coração. Sempre que penso no passado é como uma facada no peito.

Antes eu resistia a Cristo e O condenava. Cria em Deus, mas não O conhecia e resistia a Ele.

Testemunhei Cristo expressar a verdade, mas ainda O negava. Não sou diferente dos fariseus.

Nunca esquecerei a lição escrita em sangue. Fiquei com remorso e pesar sem fim.


Cri no Senhor por anos, mas não busquei a verdade. Eu me enchi de conhecimento bíblico, mas só para aparecer.

Falava de teorias teológicas para que me adorassem e admirassem. Dava duro para ganhar bênçãos e recompensas.

Era egoísta e vil, nunca ligava pra vontade de Deus. Fazia alarde sobre agradar a Deus, mas nunca pratiquei a verdade.

Expressava minha lealdade a Deus, mas era desleixado em relação a Ele. Por fora, era santo, mas não me submetia.


O julgamento e o castigo de Deus me deixam prostrado no chão. Tremo de medo pelo Seu caráter justo.

Odeio ser tão corrupto e desumano. Cometi transgressões demais e parti o coração de Deus.

Por tudo o que fiz deveria há muito ter sido destruído por Deus. Mas Deus é paciente e tolerante, dando-me uma chance de me arrepender.

Ver a salvação de Deus me enche de remorsos. Decidi praticar a verdade e viver a semelhança humana.

Quero despender minha vida por Deus e retribuir Seu amor. Obedecerei a Deus e O adorarei para sempre.

Anterior: 210 O sincero desejo de se arrepender

Próximo: 212 Um arrependimento sincero

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Sumário

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro