328 As pessoas simplesmente não entregaram seu coração a Deus

I

Mesmo que o homem permita que

Deus olhe dentro de seu coração,

não quer dizer que ele possa obedecer o arranjo de Deus

ou que tenha deixado tudo e seu destino

sob o controle de Deus.

Apesar dos juramentos que faz a Deus

ou do que declara a Ele,

Deus vê que seu coração está fechado para Ele,

pois você não deixa que Ele o controle.

Embora acreditem em Deus,

Ele não está no coração dos homens.

Não sabem amar a Deus, nem querem amá-Lo;

seus corações não se aproximam de Deus;

sempre tentam evitá-Lo. Eles estão distantes de Deus.

II

Você não entregou seu coração a Deus,

só diz belas palavras para Deus ouvir.

Todas as suas más intenções, você esconde de Deus,

junto com suas intrigas e planos,

quer manter seu futuro em suas mãos,

temendo que sejam levados embora por Deus.

Então, Deus nunca vê sinceridade no homem.

Embora acreditem em Deus,

Ele não está no coração dos homens.

Não sabem amar a Deus, nem querem amá-Lo;

seus corações não se aproximam de Deus;

sempre tentam evitá-Lo. Eles estão distantes de Deus.

III

Embora Deus observe o coração do homem a fundo

e veja o que o homem pensa e deseja,

e das coisas que esconde em seu coração,

esse coração não pertence a Deus.

Deus pode observar,

mas Ele não tem o direito de controlar.

Na consciência subjetiva do homem,

ele não quer ficar à mercê de Deus.

O homem não só se fechou para Deus,

há até quem pense em formas

de encobrir corações usando astúcia e bajulação

para criar falsas impressões para ganhar

a confiança de Deus,

escondendo sua verdadeira face de Deus.

Esse é o coração que Deus vê.

Embora acreditem em Deus,

Ele não está no coração dos homens.

Não sabem amar a Deus, nem querem amá-Lo;

seus corações não se aproximam de Deus;

sempre tentam evitá-Lo. Eles estão distantes de Deus.

Adaptado de ‘A obra de Deus, o caráter de Deus e o Próprio Deus II’ em “A Palavra manifesta em carne”

Anterior: 327 Como é feio o homem tentar agradar a Deus em prol do seu destino

Próximo: 329 Deus quer o verdadeiro coração do homem

O alarme dos últimos dias já tocou e grandes desastres já começaram. Você quer dar as boas-vindas ao retorno do Senhor e ter a chance de receber a proteção de Deus com sua família?

Conteúdo relacionado

Capítulo 18

Em um espocar de relâmpago, todo animal é revelado em sua forma verdadeira. Assim também, iluminado pela Minha luz, o homem tem recuperado...

Pergunta 1: Vocês atestam que o Senhor Jesus voltou como ninguém menos que Deus Todo-Poderoso, que expressou a verdade realizando o julgamento nos últimos dias.Como isso é possível? O Senhor realmente virá para nos levar para o reino dos céus. Como ele pôde nos deixar para trás para fazer o julgamento nos últimos dias? Eu acho que ao acreditarmos no Senhor Jesus e recebermos a obra do Espírito Santo, já vivenciamos o julgamento de Deus. Existe comprovação nas palavras do Senhor Jesus: “Pois se eu não for, o Ajudador não virá a vós; mas, se eu for, vo-lo enviarei. E quando ele vier, convencerá o mundo do pecado, da justiça e do juízo” (João 16:7-8). Nós achamos que depois que o Senhor Jesus ressuscitou e ascendeu ao céu, o pentecoste do Espírito Santo desceu para agir nas pessoas. Isso já tinha feito as pessoas se culparem pelos seus pecados, pela justiça e julgamento. Quando nos confessamos e nos arrependemos diante do Senhor, vivenciamos de fato o julgamento do Senhor. a obra do Senhor Jesus fosse a obra de redenção, depois que Ele ascendeu aos céus, a obra feita pelo Espírito Santo, que desceu no pentecoste deveria ser o julgamento de Deus nos últimos dias. Se não fosse pelo julgamento, como seria “convencerá o mundo do pecado, da justiça e do juízo”? Além disso, como fiéis do Senhor, somos sempre tocados, repreendidos e disciplinados pelo Espírito Santo. Então, diante do Senhor, sempre estamos chorando e nos arrependendo. As boas condutas geradas são como fomos transformados pela nossa fé no Senhor. Não são o resultado da vivência do julgamento de Deus? O julgamento de Deus Todo-Poderoso nos últimos dias de que falam, como ele se diferencia da obra do Senhor Jesus?

Resposta: Já que vocês reconheceram que o Senhor Jesus fez foi a obra de redenção, e a forma que Ele expôs é “Arrependei-vos, porque é...

Capítulo 19

Na imaginação das pessoas, parece, Deus é bastante elevado, e Ele é insondável. É como se Deus não residisse entre a humanidade e como se...

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Sumário

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro

Conecte-se conosco no Messenger