Você é um verdadeiro crente em Deus?

Talvez você tenha caminhado pela senda da fé em Deus por mais de um ou dois anos, e talvez, na sua vida durante esses anos, você tenha suportado muitas dificuldades; ou talvez você não tenha enfrentado muitas dificuldades e, em vez disso, recebeu muitas graças. Pode ser também que você não experimentou dificuldade nem graça, mas em vez disso viveu uma vida muito comum. Independentemente de tudo isso, você continua sendo um seguidor de Deus, então vamos compartilhar a respeito do assunto de seguir a Deus. No entanto, devo lembrar a todos que leem estas palavras que a palavra de Deus se dirige àqueles que O reconhecem e O seguem, e não a todas as pessoas, se O reconhecem ou não. Se você acredita que Deus fala com as massas, com todas as pessoas no mundo, então a palavra de Deus não terá efeito sobre você. Então, você deveria manter todas essas palavras no coração e não ficar sempre se excluindo delas. Em todo caso, vamos falar sobre o que está acontecendo na nossa casa.

Vocês todos agora deveriam entender o verdadeiro significado da fé em Deus. O significado da fé em Deus de que Eu falei antes estava relacionado à sua entrada positiva. Hoje é diferente: hoje, Eu gostaria de analisar a essência da sua fé em Deus. Claro, isso é guiá-los a partir do aspecto negativo; se Eu não o fizesse, então vocês nunca conheceriam seu verdadeiro semblante e iriam para sempre se gabar de sua devoção e fidelidade. É justo dizer que se Eu não expusesse a feiura no fundo do coração de vocês, então cada um de vocês iria colocar uma coroa na própria cabeça e ficaria com a gloria toda para si mesmo. Sua natureza orgulhosa e arrogante os leva a trair a própria consciência, a se rebelar contra Cristo e a resistir a Ele, e a revelar sua feiura, assim expondo à luz suas intenções, noções, desejos excessivos e olhos cheios de cobiça. E, no entanto, vocês continuam a tagarelar sobre sua vida toda de paixão pela obra de Cristo e repetem vez após outra as verdades que foram faladas por Cristo há muito tempo. Essa é a sua “fé” — sua “fé sem impureza”. Eu sempre medi o homem com um padrão muito rigoroso. Se sua lealdade vem com intenções e condições, então Eu prefiro não ter nada da sua suposta lealdade, porque abomino aqueles que Me enganam por meio de suas intenções e Me extorquem com condições. Eu só desejo que o homem seja absolutamente leal a Mim e que faça todas as coisas pelo bem de — e para provar — uma palavra: fé. Eu desprezo o uso que vocês fazem de lisonjas para tentar Me fazer regozijar, pois sempre os tratei com sinceridade, e por isso desejo que vocês também ajam para Comigo com uma fé verdadeira. No que tange à fé, muitos podem pensar que seguem Deus porque têm fé, e não suportariam tal sofrimento se não a tivessem. Então Eu lhe pergunto o seguinte: se você acredita na existência de Deus, por que não O reverencia? Se você acredita na existência de Deus, por que não tem nem um pouco de medo de Deus em seu coração? Você aceita que Cristo é a encarnação de Deus, então por que tem tanto desprezo por Ele? Por que age de maneira tão irreverente para com Ele? Por que O julga abertamente? Por que sempre espia Seus movimentos? Por que não se submete a Seus arranjos? Por que não age de acordo com Sua palavra? Por que tenta extorquir e roubar Suas oferendas? Por que fala no lugar de Cristo? Por que julga se Sua obra e Sua palavra são corretas? Por que ousa blasfemar contra Ele pelas costas? São essas e outras coisas que constituem a sua fé?

Em seu discurso e seu comportamento, são revelados seus elementos de descrença em Cristo. A descrença permeia os motivos e objetivos de tudo que vocês fazem. Até o traço do seu olhar contém a descrença em Cristo. Pode-se dizer que, a cada minuto, cada um de vocês abriga consigo os elementos da descrença. Isso significa que, a todo momento, vocês correm o risco de trair Cristo, pois o sangue que corre no seu corpo está infundido de descrença no Deus encarnado. Portanto, Eu digo que as pegadas que vocês deixam na senda da fé em Deus não são reais; conforme percorrem a senda da fé em Deus, vocês não plantam seus pés firmes no solo — vocês vão simplesmente seguindo sem se envolver. Vocês nunca acreditam totalmente na palavra de Cristo e são incapazes de colocá-la em prática imediatamente. Essa é a razão por que vocês não têm fé em Cristo. Sempre ter noções a respeito Dele é outra razão por que vocês não têm fé Nele. Ser sempre céticos em relação à obra de Cristo, permitir que a palavra de Cristo caia em ouvidos moucos, ter uma opinião a respeito de qualquer obra executada por Cristo e não ser capaz de entender Sua obra adequadamente, lutar para deixar as noções de lado, seja lá qual for a explicação que recebam, e assim por diante — esses são todos elementos de descrença misturados no seu coração. Apesar de vocês seguirem a obra de Cristo e nunca ficarem para trás, há rebelião demais misturada em seu coração. Essa rebelião é uma impureza na sua crença em Deus. Talvez vocês não achem que seja esse o caso, mas se você não consegue reconhecer as próprias intenções nisso, então, certamente, você está fadado a ficar entre aqueles que vão perecer, pois Deus aperfeiçoa apenas aqueles que acreditam Nele de verdade, não aqueles que são céticos em relação a Ele, e menos ainda aqueles que O seguem relutantemente, apesar de nunca terem acreditado que Ele é Deus.

Algumas pessoas não se regozijam com a verdade, muito menos com o julgamento. Em vez disso, regozijam-se com poder e riquezas; tais pessoas são chamadas de caçadores de poder. Elas buscam somente aquelas denominações no mundo que têm influência, e somente aqueles pastores e professores que vêm de seminários. Apesar de terem aceitado o caminho da verdade, elas só creem pela metade; são incapazes de entregar todo o coração e toda a mente, sua boca fala de se despender por Deus, mas seus olhos estão focados nos grandes pastores e professores, e nem sequer consideram olhar para Cristo uma segunda vez. O coração delas está fixado em fama, fortuna e glória. Elas acham que está fora de questão que um homem assim tão pequeno seria capaz de conquistar tantos, que alguém tão desinteressante seria capaz de aperfeiçoar as pessoas. Elas acham que está fora de questão que esses simplórios em meio à poeira e aos montes de esterco sejam as pessoas escolhidas por Deus. Acreditam que, se tais pessoas fossem o objeto da salvação de Deus, então o céu e a terra virariam de cabeça para baixo e todos os homens ririam até não poder mais. Acreditam que, se Deus escolhesse tais simplórios para serem aperfeiçoados, então esses grandes homens se transformariam no Próprio Deus. Sua perspectiva é maculada por descrença; além de descrentes, são apenas feras absurdas. Pois só valorizam posição, prestígio e poder, e estimam apenas grandes grupos e denominações. Não têm consideração alguma por aqueles que são conduzidos por Cristo; são simplesmente traidores que deram as costas para Cristo, para a verdade e para a vida.

O que você admira não é a humildade de Cristo, mas aqueles falsos pastores de posição proeminente. Você não ama a amorosidade ou a sabedoria de Cristo, mas aqueles libertinos que se chafurdam na imundície do mundo. Você ri da dor de Cristo, que não tem lugar para deitar a cabeça, mas admira aqueles cadáveres que caçam oferendas e vivem em devassidão. Você não está disposto a sofrer ao lado de Cristo, mas se lança contente nos braços daqueles anticristos imprudentes, apesar de eles apenas lhe fornecerem carne, palavras e controle. Agora mesmo seu coração ainda se volta para eles, para a reputação deles, para o status deles e para a influência deles. E, no entanto, você continua a manter uma atitude na qual acha a obra de Cristo dura de engolir e não está disposto a aceitá-la. É por isso que Eu digo que você não tem a fé para reconhecer Cristo. A razão por que você O seguiu até hoje foi só porque você não teve outra opção. Uma série de imagens altivas está sempre em destaque em seu coração; você não consegue esquecer cada palavra e feito deles, nem suas palavras e mãos influentes. Eles são, no seu coração, para sempre supremos e para sempre heróis. Mas isso não vale para o Cristo de hoje. Ele é para sempre insignificante no seu coração, e para sempre indigno de reverência. Porque Ele é comum demais, tem muito pouca influência e está longe de ser elevado.

De qualquer modo, Eu digo que todos aqueles que não valorizam a verdade são descrentes e traidores da verdade. Tais homens nunca receberão a aprovação de Cristo. Você identificou agora quanta descrença existe dentro de você, e quanta traição de Cristo? Eu o exorto assim: já que escolheu o caminho da verdade, então você deveria se dedicar de todo o coração; não seja ambivalente nem irresoluto. Você deveria compreender que Deus não pertence ao mundo ou a qualquer pessoa em particular, mas a todos aqueles que acreditam Nele verdadeiramente, todos aqueles que O adoram e todos aqueles que são devotos e fiéis a Ele.

Hoje, ainda há muita descrença dentro de vocês. Olhem com cuidado para dentro de si mesmos e certamente vão encontrar a resposta. Quando encontrar a verdadeira resposta, então você vai admitir que não é um crente em Deus, mas sim alguém que O engana, blasfema contra Ele e O trai, e alguém que é desleal a Ele. Então você vai perceber que Cristo não é homem, mas Deus. Quando esse dia chegar, então você vai reverenciar, temer e amar a Cristo verdadeiramente. No momento, somente trinta por cento de seu coração está cheio de fé, ao passo que setenta por cento está cheio de dúvida. Tudo que Cristo faz e diz tende a lhes dar noções e opiniões a respeito Dele, noções e opiniões que derivam da sua descrença completa Nele. Vocês admiram e temem apenas o Deus que não se vê que está no céu e não têm consideração pelo Cristo vivo na terra. Será que isso também não é sua descrença? Vocês anseiam apenas pelo Deus que executou obra no passado, mas não erguem o rosto para o Cristo de hoje. Tudo isso é a “fé”, para sempre misturada no seu coração, a fé que não acredita no Cristo de hoje. De modo algum Eu os subestimo, pois há descrença demais dentro de vocês, muito de vocês que é impuro e precisa ser dissecado. Essas impurezas são um sinal de que vocês não têm absolutamente fé nenhuma; elas são uma marca da sua renúncia a Cristo, e marcam vocês como traidores de Cristo. Elas são um véu que cobre o seu conhecimento de Cristo, uma barreira que os impede de serem ganhos por Cristo, um obstáculo que os impede de serem compatíveis com Cristo, e uma prova de que Cristo não lhes dá Sua aprovação. Este é o momento de examinar todas as partes da sua vida! Fazer isso vai beneficiá-los de todas as maneiras imagináveis!

Anterior: Você deve buscar o caminho da compatibilidade com Cristo

Próximo: Cristo realiza a obra do julgamento com a verdade

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.
Contate-nos
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Conteúdo relacionado

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Sumário

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro