684 A senda de crer em Deus é a senda de amá-Lo

I

O caminho da crença em Deus

é o caminho do amor a Ele.

Se você crê em Deus,

deve ter amor a Ele.

II

Amar a Deus não é

só retribuir Seu amor,

nem amá-Lo por consciência,

mas ter amor puro por Deus.

Consciência não traz amor a Deus.

Quando sentir Sua beleza e

seu espírito for tocado por Deus,

sua consciência fará seu papel.

O amor genuíno por Deus

vem do fundo do coração.

É o amor que surge do

conhecimento real de Deus.

III

Quando o homem é tocado por Deus,

em seu coração conhece-O bem,

com consciência pode amá-Lo

depois de ter experiência.

Amar a Deus com a consciência

não é errado, mas é menor,

só faz jus à graça de Deus,

mas não garante a entrada do homem.

O amor genuíno por Deus

vem do fundo do coração.

É o amor que surge do

conhecimento real de Deus.

IV

Quando se ganha a obra do Espírito,

quando se sente o amor de Deus,

quando se conhece a Deus,

pode-se amá-Lo de fato.

Quando se vê que Deus merece,

o amor da humanidade

por ser amável, as pessoas podem

amar a Deus de verdade.

O amor genuíno por Deus

vem do fundo do coração.

É o amor que surge do

conhecimento real de Deus.

V

Quem não compreende Deus

só pode amá-Lo com base

em noções ou no que gostam;

esse amor não vem do coração.

Quando alguém entende Deus,

seu coração a Ele se voltou.

O amor que está em seu coração

é puro e espontâneo.

Somente essas pessoas

têm Deus em seu coração.

O amor genuíno por Deus

vem do fundo do coração.

É o amor que surge do

conhecimento real de Deus.


Adaptado de ‘O amor genuíno a Deus é espontâneo’ em “A Palavra manifesta em carne”

Anterior: 683 Só através de provações dolorosas podemos conhecer a amabilidade de Deus

Próximo: 685 Como amar a Deus durante o refinamento

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.
Contate-nos
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Conteúdo relacionado

Por que se diz que a humanidade corrupta está mais necessitada da salvação do Deus encarnado?

Deus Se tornou carne porque o objeto de Sua obra não é o espírito de Satanás, ou qualquer coisa incorpórea, mas o homem, que é da carne e tem sido corrompido por Satanás. Exatamente porque a carne humana tem sido corrompida é que Deus fez do homem carnal o objeto de Sua obra; mais ainda, porque o homem é o objeto de corrupção, Ele fez do homem o único objeto de Sua obra através de todas os estágios da obra de Salvação. O homem é um ser mortal, é feito de carne e sangue e Deus é o único que pode salvar o homem. Dessa forma, Deus deve Se tornar uma carne que possua os mesmos atributos que o homem com o intuito de realizar Sua obra, para que Sua obra possa atingir melhores resultados.

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Sumário

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro