Palavras diárias de Deus | "Como conhecer o Deus na Terra" | Trecho 319

Todos vocês ficam contentes quando são recompensados diante de Deus e quando se tornam objetos do Seu favor aos Seus olhos. Isso é o que todo mundo deseja depois que começa a ter fé em Deus, porque o ser humano se esforça de coração para alcançar coisas mais elevadas e ninguém quer ficar atrás dos demais. Esse é o jeito do ser humano. Justamente por isso, muitos de vocês estão constantemente tentando obter o favor do Deus no Céu, mas, na verdade, a lealdade e a sinceridade de vocês para com Deus são bem menores do que sua lealdade e sinceridade para com vocês mesmos. Por que digo isso? Porque não reconheço sua lealdade para com Deus de jeito nenhum e, ademais, nego a existência do Deus que existe nos seus corações. Isso quer dizer que o Deus que vocês cultuam, o Deus vago que vocês admiram nem mesmo existe. A razão pela qual posso afirmar isso tão decididamente é que vocês estão longe demais do verdadeiro Deus. A razão da lealdade de vocês é a existência de um ídolo dentro dos seus corações, esse Deus que, aos olhos de vocês, não é nem grande nem pequeno; quanto a Mim, tudo que vocês fazem é reconhecer-Me com palavras. Quando digo que vocês se encontram longe demais de Deus, estou Me referindo à distância que os separa do verdadeiro Deus, ao passo que o Deus vago parece estar ao alcance da mão. Quando digo “nem grande”, refiro-Me ao fato de que o Deus no qual vocês creem hoje parece ser apenas um homem sem grandes capacidades; um homem que não é lá muito imponente. E quando digo “nem pequeno”, isso significa que, embora esse homem não tenha o poder de convocar o vento nem de comandar a chuva, Ele, não obstante, é capaz de invocar o Espírito de Deus para fazer uma obra que abala o céu e a terra, deixando o ser humano completamente confuso. Exteriormente todos vocês parecem ser muito obedientes a esse Cristo na terra, mas em termos de substância vocês não têm fé Nele nem O amam. O que quero dizer é que o Deus em quem vocês creem verdadeiramente é aquele Deus vago dos seus sentimentos e o Deus que vocês amam verdadeiramente é o Deus pelo qual vocês anseiam dia e noite sem nunca tê-Lo visto em pessoa. A fé que vocês têm nesse Cristo é meramente parcial e seu amor por Ele não é nada. Ter fé significa crer e confiar; amor significa adoração e admiração no coração, jamais algo partido. Contudo, a fé que vocês têm em Cristo e o amor que sentem por Ele hoje deixam a desejar nesse sentido. Quando se trata da fé, como é a fé que vocês têm Nele? Quando se trata do amor, de que maneira vocês O amam? Vocês simplesmente não têm compreensão do Seu caráter e conhecem ainda menos Sua substância; então, como podem ter fé Nele? Onde está a realidade da sua fé Nele? Como vocês O amam? Onde está a realidade do amor que sentem por Ele?

Muitos Me seguiram sem hesitação até o dia de hoje e durante esses poucos anos todos vocês sofreram muita fadiga. Eu captei inteiramente o caráter inato e os hábitos de cada um de vocês; têm sido extremamente árduo interagir com vocês. Pena que, embora Eu tenha obtido muita informação sobre vocês, vocês não Me entendem nem um pouco. Não admira as pessoas dizerem que vocês foram enganados por um homem em um momento de confusão. De fato, vocês não entendem nada do Meu caráter e muito menos são capazes de discernir o que se passa na Minha mente. Ora, os mal-entendidos de vocês a Meu respeito constituem um somatório de insulto e injúria e sua fé em Mim continua sendo uma fé confusa. Em vez de dizer que vocês têm fé em Mim, seria mais adequado dizer que todos vocês estão tentando obter Meu favor e adular-Me. Suas motivações são bem simples: seguirei a quem quer que possa me recompensar e crerei em quem quer que possa me capacitar a escapar dos grandes desastres, seja ele Deus ou um certo Deus. Nada disso diz respeito a Mim. Há muitas pessoas como essas no meio de vocês e essa condição é muito séria. Se um dia for feito um teste para ver quantos de vocês têm fé em Cristo por terem noção de Sua substância, Eu temo que nenhum de vocês seja capaz de fazer as coisas como Eu quero. Assim, não vai doer em nenhum de vocês, se considerarem esta pergunta: o Deus no qual vocês creem é imensamente diferente de Mim e, sendo assim, qual é, então, a essência dessa sua fé em Deus? Quanto mais vocês crerem nesse seu suposto Deus, tanto mais se afastarão de Mim. Qual é, então, o cerne da questão? Tenho certeza de que nenhum de vocês sequer chegou a considerar essa questão, mas vocês se dão conta da gravidade dela? Vocês já pararam para pensar nas consequências de continuar com essa maneira de crer?

Extraído de “A Palavra manifesta em carne

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.
Contate-nos
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Conteúdo relacionado