Palavras diárias de Deus | "Como você deve cuidar de sua missão futura" | Trecho 463

Será que você é capaz de expressar a atual disposição de Deus em linguagem adequada e que tenha relevância para o presente? Por meio da sua experiência da obra de Deus, será que você é capaz de descrever a disposição de Deus em detalhes? De que maneira você é capaz de descrevê-la de forma adequada e apropriada? De modo que, assim, outras pessoas possam conhecer as suas experiências. Como você vai transmitir suas visões e experiências aos miseráveis, aos pobres e aos crentes devotos que têm fome e sede de justiça e estão a sua espera para que os guie? Que tipos de pessoas estão esperando para que você os guie? Será que você consegue imaginar? Será que você está ciente do peso que carrega sobre os ombros, do seu encargo e da sua responsabilidade? Onde está seu senso histórico de missão? Como você vai exercer o seu serviço de bom mestre para a próxima era? Será que você possui uma ótima noção do papel de mestre? Como explicaria o mestre de todas as coisas? Será que é mesmo o mestre de todas as criaturas vivas e de toda a substância no mundo? Quais são os seus planos para o progresso do próximo passo do trabalho? Quantas pessoas estão a sua espera para que você seja seu guia, seu pastor? Será que a sua tarefa é pesada? Elas são pobres, dignas de pena, cegas e perdidas, clamando na escuridão: “Qual é o caminho?”. Como elas anseiam para que a luz, como uma estrela cadente, de repente brilhe para dispersar a força da escuridão que oprime a humanidade há tantos anos! Quem pode saber o tamanho exato da ansiedade que rodeia sua esperança e a maneira como elas anseiam, dia e noite, por isto? Aqueles que sofrem profundamente permanecem presos nos calabouços da escuridão sem esperança de liberdade, mesmo nos dias em que a luz brilha… Quando vão deixar de chorar? Estes espíritos frágeis, que nunca tiveram sossego, de fato sofrem com este infortúnio. Eles foram, há muito tempo, isolados por amarras impiedosas e pela história que se paralisou. Quem já escutou o som dos lamentos deles? Quem já viu seu rosto desgraçado? Você já pensou em como o coração de Deus está pesaroso e ansioso? Como Ele pode suportar ver a humanidade inocente que Ele criou com Suas próprias mãos assim tão atormentada? Afinal de contas, a humanidade é composta pelos desafortunados que foram envenenados. Apesar de terem sobrevivido até hoje, quem poderia pensar que há muito tempo foram envenenados pelo maligno? Você já se esqueceu de que é uma das vítimas? Em nome de seu amor a Deus, você não está disposto a se esforçar para salvar aqueles que sobreviveram? Será que você não está disposto a empenhar todo o seu esforço para retribuir ao Deus que ama a humanidade como Sua própria carne? Como você interpreta ser usado por Deus para viver a sua vida extraordinária? Será que você realmente está decidido e confiante para conduzir sua vida de modo relevante, sendo uma pessoa piedosa a serviço de Deus?

Extraído de “A Palavra manifesta em carne

Você está ciente da sua missão?

Você está ciente do fardo, do dever e da missão em seus ombros? Onde está seu senso histórico de missão? Como você será um bom mestre na próxima era? Você tem um senso pra ser mestre? Como explicará o mestre de todas as coisas? É realmente o mestre de todas as coisas vivas, ou mestre de todo o mundo material? Qual é seu plano no próximo passo da obra? Quantos esperam você para guiá-los? Não acha que sua tarefa é muito pesada? Não acha que sua tarefa é muito pesada?

Essas pobres almas são lamentáveis, cegas e perdidas, lamentando nas sombras, esperando por uma saída. Como desejam que venha saída a luz como uma estrela cadente que disperse a força das trevas que as oprime por tantos anos. O anseio delas dia e noite, quem já conheceu? Quando a luz passa, esses ​​sofredores continuam presos na escuridão, sem esperança de libertação. Quando pararão de chorar? Esses espíritos inquietos e frágeis sofrem tal infelicidade. Cordas impiedosas e a história congelada há muito tempo os isolaram. Quem já escutou seus lamentos? Quem já viu seu tormento?

Você já pensou em Deus? Em como Ele estaria aflito e ansioso? Como Ele suporta ver a humanidade sofrer? A que Ele criou com as próprias mãos? A humanidade é infeliz e envenenada. E mesmo sobrevivendo até hoje, há muito tempo foi envenenada pelo maligno. Você se esqueceu de que é a vítima? Não quer, pelo seu amor a Deus, salvar quem sobreviveu? Retribuir a Deus com todo seu esforço? Ele que ama o homem como Sua própria carne e sangue? Como você concebe ser usado por Deus para ter uma vida extraordinária? Você realmente deseja e confia em uma vida com significado de piedade, uma vida para servir a Deus?

de “Seguir o Cordeiro e cantar cânticos novos”

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.
Contate-nos
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Conteúdo relacionado