Palavras diárias de Deus | "As transgressões levarão o homem para o inferno" | Trecho 610

Eu tenho muitos desejos. Desejo que vocês possam se conduzir de maneira apropriada e bem-comportada, ser fiéis em cumprir o seu dever, ter a verdade e a humanidade, ser alguém que possa renunciar a tudo e desistir de suas vidas por Deus e assim por diante. Todas essas esperanças originam-se de suas insuficiências, de sua corrupção e de sua desobediência. Se cada uma das conversas que tive com vocês não foi bastante para atrair a sua atenção, então, provavelmente, tudo o que posso fazer é não dizer mais nada. Mas você entende os resultados disso. Eu jamais descanso, então, se não falar, farei algo para as pessoas verem. Eu poderia fazer a língua de alguém apodrecer, ou fazer alguém morrer desmembrado, ou dar às pessoas anormalidades neurológicas e fazê-las parecer horrendas de muitas maneiras. Depois, novamente, poderia fazer as pessoas enfrentarem tormentos que Eu preparei especificamente para elas. Dessa forma, Eu Me sentiria contente, muito feliz e bastante satisfeito. Sempre foi “o bem é recompensado com o bem e o mal, com o mal”, então, por que não no presente? Se você quiser se opor a Mim e quiser fazer algum juízo sobre Mim, então, Eu apodrecerei a sua boca e isso Me será uma delícia sem fim. Isso porque, no fim, o que você fez não é a verdade, menos ainda tem a ver com a vida, considerando que tudo que Eu faço é a verdade; todas as Minhas ações são relevantes para os princípios de Minha obra e para os decretos administrativos que Eu estabeleci. Portanto, exorto cada um de vocês a que acumulem alguma virtude, parem de fazer tanto mal e prestem atenção às Minhas exigências em seus momentos de lazer. Então, Me sentirei alegre. Se você fosse contribuir (ou doar) para a verdade com um milésimo do esforço que você coloca na carne, então, Eu digo que você não teria transgressões e bocas podres com frequência. Isso não é óbvio?

Quanto mais forem as suas transgressões, menores serão suas chances de ganhar um bom destino. Em contrapartida, quanto menos forem as suas transgressões, maiores as chances de você ser louvado por Deus. Se suas transgressões aumentarem a ponto de se tornar impossível para Mim perdoá-lo, então, você terá desperdiçado completamente suas chances de ser perdoado. Nesse caso, seu destino não será em cima, mas embaixo. Se você não acredita em Mim, então, ouse e faça o que é errado, daí veja o que acontece. Se você é uma pessoa sincera, que pratica a verdade, então, certamente, terá oportunidade para que suas transgressões sejam perdoadas, e o número de suas desobediências será cada vez menor. Se você for uma pessoa que não está disposta a praticar a verdade, então suas transgressões diante de Deus certamente aumentarão em número e você desobedecerá cada vez mais frequentemente, até alcançar o limite, que será o momento da sua destruição total. Isso será quando o seu agradável sonho de receber bênçãos estará arruinado. Não considere suas transgressões como erros de uma pessoa imatura ou tola, não use a desculpa de que você não praticou a verdade porque seu baixo calibre tornou impossível que você a praticasse e, mais ainda, não considere simplesmente as transgressões que você cometeu como os atos de alguém que não sabia como agir melhor. Se você é bom em perdoar a si mesmo e em tratar a si próprio com generosidade, então, Eu digo que você é um covarde que nunca ganhará a verdade e suas transgressões nunca deixarão de o assombrar, mas impedirão que você cumpra as exigências da verdade e farão de você, para sempre, um leal companheiro de Satanás. Meu conselho para você ainda é: não preste atenção apenas no seu destino e não ignore suas transgressões ocultas; leve suas transgressões a sério e não negligencie todas as suas transgressões por preocupação com o seu destino.

Extraído de “A Palavra manifesta em carne

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.

Conteúdo relacionado