Palavras diárias de Deus | "Declarações de Cristo no princípio: Capítulo 88" | Trecho 236

Agora Eu promulgo os Meus decretos administrativos para vocês (em vigor a partir do dia da promulgação deles, atribuindo castigos diferente para pessoas diferentes):

Eu cumpro as Minhas promessas, e todas as coisas estão nas Minhas mãos: quem quer que duvidar, certamente será morto. Não há espaço para consideração alguma; eles serão imediatamente exterminados, assim livrando Meu coração de ódio. (De agora em diante, está confirmado que quem quer que seja morto não deve ser um membro do Meu reino e deve ser um descendente de Satanás.)

Como filhos primogênitos, vocês deveriam manter suas próprias posições, cumprir seus próprios deveres bem e não ser pessoas intrometidas. Vocês deveriam se oferecer para o Meu plano de gerenciamento e, em todos os lugares para onde forem, vocês deveriam dar bom testemunho de Mim e glorificar o Meu nome. Não cometam atos vergonhosos; sejam exemplos para todos os Meus filhos e para o Meu povo. Não sejam debochados nem por um momento sequer: vocês devem sempre se apresentar diante de todos portando a identidade de filhos primogênitos, e não sendo servis; antes, vocês deveriam caminhar com a cabeça erguida. Eu estou pedindo que vocês glorifiquem o Meu nome, não que desgracem o Meu nome. Aqueles que são filhos primogênitos têm, cada um, a sua própria função individual e não podem fazer todas as coisas. Essa é a responsabilidade que Eu lhes dei e ela não deve ser evitada. Vocês devem se dedicar de todo o coração, com toda a sua mente e com toda a sua força ao cumprimento daquilo que Eu lhes confiei.

Deste dia em diante, por todo o mundo-universo, o dever de pastoreio de todos os Meus filho e de todo o Meu povo será confiado aos Meus filhos primogênitos para que o cumpram, e Eu castigarei aquele que não puder dedicar todo o seu coração e toda a sua mente ao cumprimento disso. Essa é a Minha justiça. Eu nem pouparei nem tratarei com brandura nem mesmo os Meus filhos primogênitos.

Se houver alguém entre os Meus filhos ou entre o Meu povo que ridicularizar e insultar um dos Meus filhos primogênitos, Eu o punirei severamente, porque os Meus filhos primogênitos Me representam; o que uma pessoa faz a eles, ela o faz também a Mim. Esse é o mais severo dos Meus decretos administrativos. Eu permitirei que os Meus filhos primogênitos, de acordo com o desejo deles, administrem a Minha justiça contra qualquer dos Meus filhos e do Meu povo que viole esse decreto.

Eu gradualmente abandonarei quem quer que Me considere de forma frívola e se concentre apenas no Meu alimento, roupa e sono, dê atenção apenas aos Meus assuntos externos sem ter consideração pelo Meu fardo, e não preste atenção ao cumprimento de suas funções de forma apropriada. Isso é direcionado a todos aqueles que têm ouvidos.

Quem terminar de fazer o serviço para Mim deve obedientemente se retirar sem confusão. Tome cuidado, senão, Eu lidarei com você. (Isso é um decreto suplementar.)

Meus filhos primogênitos deverão pegar a vara de ferro a partir de agora e começar a executar a Minha autoridade para governarem todas as nações e pessoas, andar entre todas as nações e pessoas e realizar o Meu julgamento, justiça e majestade entre todas as nações e pessoas. Meus filhos e o Meu povo temerão a Mim, Me louvarão, Me alegrarão e Me glorificarão sem cessar, porque o Meu plano de gerenciamento está realizado e os Meus filhos primogênitos podem reinar Comigo.

Isso é uma parte dos Meus decretos administrativos; depois disso, Eu os contarei a vocês à medida que a obra progrida. A partir dos decretos administrativos acima, vocês verão o passo em que Eu realizo a Minha obra, assim como qual etapa a Minha obra alcançou. Isso será uma confirmação.

Eu já julguei Satanás. Como a Minha vontade está desimpedida e como os Meus filhos primogênitos foram glorificados Comigo, Eu já exercitei a Minha justiça e majestade sobre o mundo e todas as coisas que pertencem a Satanás. Eu não levanto um dedo nem presto atenção a Satanás de forma alguma (porque ele nem mesmo merece conversar Comigo). Eu apenas continuo fazendo o que Eu quero fazer. A Minha obra procede tranquilamente, passo a passo, e a Minha vontade está desimpedida por toda a terra. Isso envergonhou Satanás em certa medida, e ele foi completamente destruído, porém isso por si só não realizou a Minha vontade. Eu também permito que Meus filhos primogênitos executem os Meus decretos administrativos sobre eles. Por um lado, o que Eu deixo Satanás ver é a Minha ira para com ele; por outro lado, Eu deixo que ele veja a Minha glória (veja que os Meus filhos primogênitos são as testemunhas mais retumbantes para a humilhação de Satanás). Eu não o puno em pessoa, antes, deixo Meus filhos primogênitos realizarem a Minha justiça e majestade. Porque Satanás costumava abusar dos Meus filhos, persegui-los e oprimi-los, hoje, depois de seu serviço estar terminado, Eu permitirei que Meus filhos primogênitos maduros lidem com ele. Satanás ficou impotente contra a queda. A paralisação de todas as nações no mundo é o melhor testemunho; as pessoas lutando e os países em guerra são manifestações óbvias do colapso do reino de Satanás. A razão de Eu não ter mostrado quaisquer sinais e maravilhas no passado foi trazer humilhação sobre Satanás e glorificar o Meu nome, passo a passo. Quando Satanás estiver completamente acabado, Eu começarei a mostrar o Meu poder: o que Eu digo passa a existir, e as coisas sobrenaturais que não estão em conformidade com as noções humanas serão realizadas (estas se referem às bênçãos que virão em breve). Porque Eu sou o Próprio Deus vivo e Eu não tenho regras, e porque falo de acordo com as mudanças em Meu plano de gerenciamento, o que Eu disse no passado, portanto, não é necessariamente aplicável no presente. Não se apeguem às suas próprias noções! Eu não sou um Deus que vive por regras; Comigo, todas as coisas são livres, transcendentes e completamente liberadas. Talvez o que foi dito ontem esteja ultrapassado hoje, ou talvez possa ser colocado de lado hoje (no entanto, os Meus decretos administrativos, uma vez que são promulgados, nunca mudarão). Esses são os passos no Meu plano de gerenciamento. Não se apeguem a regras. Todo dia há nova luz e há novas revelações e esse é o Meu plano. Todo dia, a Minha luz será revelada em você, e a Minha voz será liberada para o mundo-universo. Você entende? Esse é o seu dever, a responsabilidade que Eu lhe confiei. Vocês não devem negligenciar isso nem por um só momento. Eu usarei até o fim as pessoas que Eu aprovar, e isso jamais mudará. Porque Eu sou o Deus todo-poderoso, Eu sei que tipo de pessoa deveria fazer o que, assim como que tipo de pessoa é capaz de fazer qual coisa. Essa é a Minha onipotência.

Extraído de “A Palavra manifesta em carne

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.
Contate-nos
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Conteúdo relacionado