Convidamos a todos os buscadores da verdade que entrem em contato conosco.

Seguir o Cordeiro e cantar cânticos novos

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Largura da página

0 resultados

Nenhum resultado encontrado

309 Deus é abundantemente misericordioso e profundamente irado

A misericórdia e a tolerância de Deus são reais,

mas ao liberar Sua ira, Sua santidade e justiça

mostram ao homem que Deus não tolera ofensa.

I

Quando o homem obedece aos comandos de Deus

e age como Ele exige, Deus é misericordioso

para com o homem em abundância;

quando o homem está cheio de ódio,

corrupção e hostilidade por Deus,

Ele revelará profunda ira.

Qual será a medida de Sua ira?

Até o momento que os atos malignos

e a resistência do homem

não estejam mais diante dos olhos de Deus.

Só então Sua ira desaparecerá.

II

Se o coração de uma pessoa ficou distante de Deus,

não importa o quanto ela deseja,

em aparência ou por vontade,

adorar, obedecer e seguir Deus em corpo e mente,

se o coração se afasta de Deus,

Ele incessantemente mostrará Sua ira.

Depois de Deus ter dado tantas chances ao homem,

não haverá como voltar atrás,

Ele nunca mais terá misericórdia

e tolerância para com esse homem!

Esse é um lado do caráter de Deus

que não tolera ofensa.

Ele é tolerante e misericordioso

com o que é belo, gentil e bom;

ao que é mau, pecaminoso

e ímpio Deus liberará Sua ira

mais profunda e incessante.

Esses são os dois principais

e claros aspectos do caráter de Deus,

e Ele os revelou do princípio até o fim:

Sua abundante misericórdia

e Sua ira mais profunda.

Este é o caráter justo de Deus:

Sua abundante misericórdia

e Sua ira mais profunda,

Sua abundante misericórdia.

Este é o caráter justo de Deus:

Sua abundante misericórdia

e Sua ira mais profunda.

Adaptado de ‘A obra de Deus, o caráter de Deus e o Próprio Deus II’ em “A Palavra manifesta em carne”

Anterior:O amor de Deus não é possuído por nenhum ser criado

Próximo:O caráter de Deus é santo e perfeito