Aplicativo da Igreja de Deus Todo-Poderoso

Ouça a voz de Deus e dê as boas vindas ao retorno do Senhor Jesus!

Declarações de Deus Todo-Poderoso (O caminho para conhecer a Deus)

Declarações de Deus Todo-Poderoso
Declarações de Deus Todo-Poderoso (O caminho para conhecer a Deus)

Categorias

Declarações de Cristo dos últimos dias (Seleções)
Declarações de Cristo dos Últimos Dias (Seleções)

Deus é a fonte da vida para todas as coisas (II) Parte 3

O alimento e a bebida diários que Deus prepara para a humanidade

Havíamos acabado de falar sobre uma parte do ambiente geral, isto é, as condições necessárias para a sobrevivência humana que Deus preparou para a humanidade desde que Ele criou o mundo. Acabamos de falar sobre cinco coisas, e essas cinco coisas são o ambiente geral. O que vamos falar a seguir está intimamente relacionado à vida de cada humano na carne. É uma condição necessária que corresponde mais a e está mais de acordo com a vida de uma pessoa na carne. Essa coisa é o alimento. Deus criou o homem e o colocou em um ambiente de vida adequado. Depois, o homem precisava de alimento e água. O homem tinha tal necessidade, então Deus fez tais arranjos para o homem. Portanto, cada passo da obra de Deus e cada coisa que Ele faz não são apenas palavras vazias, mas estão realmente sendo realizadas. O alimento é algo sem o qual as pessoas podem viver em sua vida diária? O alimento é mais importante que o ar? Eles são igualmente importantes, certo? Ambas são condições e coisas necessárias para a sobrevivência da humanidade e a preservação da continuação da vida humana. O ar é mais importante ou a água é mais importante? A temperatura é mais importante ou o alimento é mais importante? Eles são todos importantes. As pessoas não podem escolher porque não podem ficar sem nenhum deles. Esse é um problema real, não é algo que você pode escolher. Você não sabe, mas Deus sabe. Quando você vê essas coisas, você sente: “Não posso ficar sem alimento!”. Mas se você fosse colocado ali logo depois de ter acabado de ser criado, você saberia que precisa de alimento? Você não saberia, mas Deus sim. É somente quando você fica com fome e vê que há frutas nas árvores e grãos no chão para você comer, que você percebe: “Oh, preciso de alimentos”. É somente quando você está com sede e quer beber água que você percebe: “Preciso de água. Onde posso encontrar água?” Você vê uma fonte de água perante você, então você bebe dela. Você diz: “Essa bebida é muito gostosa. O que é?" É água e foi preparada para o homem por Deus. Quanto a alimentos, não importa se você come três refeições por dia, duas refeições por dia, ou até mais do que isso; em suma, alimentos são algo sem o qual os seres humanos não podem ficar em sua vida diária. É uma das coisas necessárias para manter a sobrevivência normal do corpo humano. Então, de onde vêm os alimentos principalmente? Primeiro, vêm do solo. O solo foi preparado para a humanidade por Deus. O solo é adequado para a sobrevivência de várias plantas, não apenas para árvores ou grama. Deus preparou para a humanidade sementes para todos os tipos de grãos e vários alimentos, bem como solo e terra adequados para as pessoas plantarem, dessa forma dando-lhes alimentos. Que tipos de alimentos existem? Vocês devem ter clareza sobre isso, certo? Primeiro, existem vários tipos de grãos. O que os grãos incluem? Trigo, painço, proso painço, arroz…, os que vêm com casca. As culturas de grãos também são separadas em muitas variedades diferentes. Existem muitos tipos de grãos do sul ao norte, como cevada, trigo, aveia e trigo sarraceno. Diferentes espécies são adequadas para serem cultivadas em diferentes regiões. Existem também vários tipos de arroz. O sul tem suas próprias variedades de arroz, que são mais longos e adequados para as pessoas do sul, porque não são muito grudentos. Como o clima é mais quente no sul, eles têm que comer variedades como arroz indica. Não pode ser muito grudento, senão eles não poderão comê-lo e perderão o apetite. O arroz comido pelas pessoas no norte é mais grudento. Como o norte é sempre mais frio, eles têm que comer arroz mais grudento. Além disso, existem vários tipos de feijão. Esses são cultivados acima do solo. Há também aqueles que crescem abaixo do solo, como batatas, batatas doces, taro e muitos mais. Batatas crescem no norte. A qualidade das batatas no norte é muito boa. Quando as pessoas não têm grãos para comer, batatas podem ser um alimento básico para que possam manter três refeições por dia. Batatas também podem ser um suprimento de alimento. As batatas doces não são tão boas como as batatas em termos de qualidade, mas ainda podem ser utilizadas como alimento básico para manter suas três refeições por dia. Quando os grãos ainda não estão disponíveis, as pessoas podem usar batata doce para encher suas barrigas. O taro, que muitas vezes é comido por pessoas do sul, pode ser usado da mesma maneira, e também pode ser um alimento básico. Esses são os vários grãos, uma necessidade para os alimentos e as bebidas diárias das pessoas. As pessoas utilizam vários grãos para fazer macarrão, pãezinhos cozidos no vapor, arroz e macarrão de arroz. Deus concedeu esses vários tipos de grãos à humanidade em abundância. Por que existem tantas variedades? As intenções de Deus podem ser encontradas aqui: por um lado, é para atender os diferentes solos e climas no norte, sul, leste e oeste; por outro, os vários componentes e conteúdo desses grãos estão de acordo com os vários componentes e conteúdo do corpo humano. As pessoas só podem manter os vários nutrientes e componentes necessários para seus corpos, comendo esses grãos. Embora os alimentos do norte e do sul sejam diferentes, eles têm muito mais semelhanças do que diferenças. Esses alimentos podem satisfazer as necessidades normais do corpo humano e podem manter a sobrevivência normal do corpo humano. Assim, a razão pela qual as espécies produzidas em várias áreas são muito abundantes é que o corpo humano precisa do que é fornecido por esses alimentos. Ele precisa do que é fornecido pelos vários alimentos cultivados no solo para manter a sobrevivência normal do corpo humano e alcançar uma vida humana normal. Em suma, Deus foi muito atencioso com a humanidade. Os vários alimentos que Deus concedeu às pessoas não são maçantes – são muito abrangentes. Se as pessoas quiserem comer cereais, elas podem comer cereais. Alguns podem dizer: “Não gosto de comer macarrão, quero comer arroz” e podem comer arroz. Há todos os tipos de arroz – arroz longo, arroz curto e todos eles podem satisfazer o gosto das pessoas. Portanto, se as pessoas comerem esses grãos – desde que não sejam muito exigentes com comida – não terão falta de nutrição e terão a garantia de viverem com saúde até a velhice. Essa era a ideia original que Deus tinha em mente quando Ele deu alimentos à humanidade. O corpo humano não pode existir sem essas coisas – essa não é a realidade? A humanidade não pode resolver esses problemas reais, mas Deus já havia preparado e pensado nisso. Deus preparou as coisas para a humanidade há muito tempo.

Deus deu à humanidade mais do que apenas isso –também há vegetais. Quando você come arroz, se o arroz é tudo o que você come, pode lhe faltar nutrição. Se você fritar dois pequenos pratos ou misturar uma salada para acompanhar a refeição, as vitaminas dos vegetais e vários oligoelementos ou outros nutrientes poderão suprir as necessidades do corpo humano de uma forma muito normal. Quando as pessoas não estão comendo suas refeições principais, também podem comer algumas frutas, certo? Às vezes, quando as pessoas precisam de mais líquidos ou outros nutrientes ou sabores diferentes, também há vegetais e frutas para supri-las. Como os solos e climas no norte, sul, leste e oeste são diferentes, eles também têm diferentes variedades de vegetais e frutas. Como o clima no sul é muito quente, a maioria das frutas e verduras é do tipo que resfria, que pode equilibrar o frio e o calor no corpo das pessoas quando são ingeridas. Por outro lado, há menos variedades de vegetais e frutas no norte, mas ainda são suficientes para as pessoas do norte desfrutarem. No entanto, devido aos desenvolvimentos sociais nos últimos anos, por causa dos chamados avanços sociais, bem como melhorias nos transportes e comunicações que ligam o norte e sul e leste e oeste, as pessoas no norte também podem comer algumas frutas, especialidades locais ou vegetais do sul, até mesmo durante todo o ano. Dessa forma, embora as pessoas sejam capazes de satisfazer seus apetites e desejos materiais, seus corpos estão inconscientemente sujeitos a diferentes níveis de danos. Isso ocorre porque entre os alimentos que Deus preparou para a humanidade, há alimentos e frutas e vegetais adequados para as pessoas no sul, bem como alimentos e frutas e vegetais adequados para pessoas no norte. Isto é, se você nasceu no sul, comer coisas do sul é muito adequado para você. Deus preparou esses alimentos e frutas e vegetais porque o sul tem um clima particular. O norte tem os alimentos necessários para os corpos das pessoas no norte. Mas, como as pessoas têm apetites vorazes, elas foram involuntariamente arrastadas pela maré de desenvolvimentos sociais, fazendo com que inadvertidamente violassem essas leis. Mesmo que as pessoas sintam que suas vidas agora estão melhores, esse avanço social traz um dano oculto ao corpo de mais pessoas. Isso não é o que Deus quer ver e não era o que Deus originalmente pretendia quando Ele trouxe todas as coisas e esses alimentos, frutas e legumes para a humanidade. Isso foi devido à humanidade violar as leis que Deus estabeleceu.

Além disso, o que Deus concedeu à humanidade é rico e abundante, com cada local tendo suas próprias especialidades. Por exemplo, alguns lugares são ricos em tâmaras vermelhas (comumente conhecidas como jujubas), enquanto outros são ricos em nozes, amendoins ou outros tipos de nozes. Todas essas coisas materiais fornecem os nutrientes necessários para o corpo humano. Mas Deus fornece à humanidade as coisas de acordo com a estação e a época, e também concede a quantidade certa no momento certo. A humanidade cobiça o gozo físico e é glutona, facilitando a violação e os danos às leis normais do crescimento humano a partir de quando Ele criou a humanidade. Por exemplo, consideremos as cerejas, que todos deveriam conhecer, certo? Elas são colhidas em junho. Sob circunstâncias normais, eles acabam em agosto. As cerejas são frescas apenas por dois meses, mas através de métodos científicos as pessoas agora podem estender isso para 12 meses, até mesmo para a safra do ano seguinte. Isso significa que há cerejas durante todo o ano. Este fenômeno é normal? (Não.) Então, quando é a melhor época para comer cerejas? É o período de junho a agosto. Além desse limite, não importa quão frescas você as mantenha, elas não têm o mesmo sabor, nem são aquilo de que o corpo humano precisa. Uma vez que sua data de validade tenha vencido, não importa os tipos de coisas químicas que você utilize, você não será capaz de obter o produto da maneira que ele é quando cultivado naturalmente. Além disso, o dano que os produtos químicos trazem para os seres humanos é algo a respeito de que ninguém nada pode fazer para eliminar ou mudar. Você entende isso, certo? Então, o que a atual economia de mercado traz para as pessoas? A vida das pessoas parece ser melhor, o transporte em todas as direções se tornou muito conveniente e as pessoas podem comer todos os tipos de frutas em qualquer uma das quatro estações do ano. As pessoas no norte podem frequentemente comer bananas e qualquer alimento, especialidades locais ou frutas do sul. Mas esta não é a vida que Deus quer dar à humanidade. Esse tipo de economia de mercado traz alguns benefícios para a vida das pessoas, mas também pode trazer alguns danos. Por causa da abundância no mercado, muitas pessoas comem qualquer coisa, elas comem sem pensar. Isso viola as leis naturais e é prejudicial à sua saúde. Portanto, a economia de mercado não pode trazer verdadeira felicidade às pessoas. Vocês entendem, certo? Veja. Não há uvas à venda nas quatro estações do ano no mercado? Na verdade, as uvas só permanecem frescas por um curto período de tempo depois de serem colhidas. Se você as guardar até o próximo mês de junho, elas ainda podem ser chamadas de uvas? Você pode chamá-las de lixo? Elas não só não têm mais a composição original das uvas, mas também têm mais produtos químicos. Depois de um ano, não só elas não estão frescas, mas também seus nutrientes desapareceram. Quando as pessoas comem uvas, elas se sentem: “Que felicidade! Teríamos sido capazes de comer uvas durante esta estação há 30 anos? Você não poderia comê-las mesmo que quisesse. Como a vida é ótima agora!”. Isso realmente é felicidade? Se você tiver interesse, pode estudar uvas que foram preservadas por produtos químicos e ver qual é sua composição e se essa composição pode trazer quaisquer benefícios para os seres humanos. Na Era da Lei, quando os israelitas estavam na estrada depois de deixar o Egito, Deus lhes deu codornizes e maná. Deus permitiu que as pessoas os preservassem? (Não.) Algumas pessoas eram tacanhas e temeram que não haveria mais no dia seguinte, então elas guardaram um tanto. “Guarde isso caso precisemos depois!” Então o que aconteceu? No dia seguinte, tudo havia apodrecido. Deus não permitia que guardassem nada de reserva porque Deus havia feito alguns preparativos, o que assegurou que eles não passariam fome. A humanidade não tem essa confiança, nem tem fé verdadeira em Deus. Ela está sempre deixando um pouco de lado para mais tarde e nunca consegue ver todo o cuidado e pensamento por trás do que Deus preparou para a humanidade. Ela é sempre incapaz de sentir isso, sempre desconfiando de Deus, sempre pensando: “As ações de Deus não são confiáveis! Quem sabe se Deus o dará para a humanidade ou quando Ele dará! Se eu realmente tiver fome e Deus não der, então eu não morrerei de fome? Não ficarei desnutrido?”. Veja como é pequena a confiança do homem!

Grãos, frutas e vegetais e todos os tipos de nozes são todos alimentos vegetarianos. Mesmo que sejam alimentos vegetarianos, eles têm nutrientes suficientes para satisfazer as necessidades do corpo humano. No entanto, Deus não disse: “Dar isso para a humanidade basta. A humanidade pode comer apenas essas coisas”. Deus não parou por aí e, em vez disso, preparou coisas que têm um sabor ainda mais delicioso para a humanidade. Quais são essas coisas? São os vários tipos de carne e peixe que a maioria de vocês pode encontrar e comer. Há tantos tipos de carne e peixe que Deus preparou para o homem. Todos os peixes vivem na água; a textura de sua carne é diferente da carne que cresce na terra e eles podem suprir diferentes nutrientes para a humanidade. As propriedades dos peixes também podem ajustar o frio e o calor nos corpos humanos, por isso são extremamente benéficos para a humanidade. Mas não se pode exagerar com aquilo que tem bom sabor. É ainda o mesmo ditado: Deus concede à humanidade a quantidade certa no momento certo, para que as pessoas possam desfrutar de forma normal e adequada dessas coisas de acordo com a estação e a época. O que as aves incluem? Frango, codorna, pombo etc. Muitas pessoas também comem pato e ganso. Embora Deus tenha feito preparativos, para o povo escolhido de Deus, Deus ainda tinha requisitos e estabeleceu um certo limite na Era da Lei. Agora esse limite é baseado no gosto individual e no entendimento pessoal. Esses vários tipos de carne fornecem ao corpo humano diferentes nutrientes que podem reabastecer as proteínas e o ferro, enriquecer o sangue, fortalecer os músculos e os ossos e dar mais energia. Independentemente de quais métodos as pessoas utilizem para cozinhá-las e comê-las, em resumo, essas coisas podem, por um lado, ajudar as pessoas a melhorar os sabores e o apetite, e, por outro, satisfazer seu estômago. O mais importante é que elas possam suprir o corpo humano com suas necessidades nutricionais diárias. Essas são as considerações que Deus teve quando preparou alimentos para a humanidade. Existem alimentos vegetarianos, assim como carnes – não é rico e abundante? Mas as pessoas devem entender quais foram as intenções originais de Deus quando Deus preparou todos os alimentos para a humanidade. Foi para deixar a humanidade apreciar com gula esses alimentos materiais? E se as pessoas se entregassem a essa satisfação material? Elas não ficariam supernutridas? A supernutrição não traz todo tipo de doenças para o corpo humano? (Sim.) É por isso que Deus reparte a quantidade certa no momento certo e permite que as pessoas desfrutem de diferentes alimentos de acordo com as diferentes épocas e estações. Por exemplo, depois de passarem por um verão muito quente, as pessoas acumularão um pouco de calor, secura patogênica e umidade em seus corpos. Quando o outono chegar, muitos tipos de frutas amadurecerão e, quando as pessoas comem alguma fruta, sua umidade será removida. Ao mesmo tempo, gado e ovelhas terão ficado robustos, então as pessoas devem comer carne como alimento. Depois de comer vários tipos de carne, os corpos das pessoas terão energia e calor para ajudá-las a resistir ao frio do inverno e, assim, poderão passar o inverno tranquilamente. Que hora preparar que coisas para a humanidade e que hora deixar que coisas crescer, frutificar e amadurecer – tudo isso é controlado e dominado por Deus muito comedidamente. Esse é o tópico sobre “como Deus preparou os alimentos necessários para a vida diária do homem”. Além de todos os tipos de alimentos, Deus também fornece à humanidade fontes de água. As pessoas têm que beber um pouco de água depois de comer. Só comer frutas basta? As pessoas não conseguirão ficar em pé comendo apenas frutas e, além disso, não há frutas em algumas estações. Então, como o problema da água da humanidade pode ser resolvido? Por meio de Deus preparar muitas fontes de água acima do solo e abaixo do solo, incluindo lagos, rios e nascentes. Essas fontes de água podem ser consumidas em situações em que não há contaminação ou processamento ou dano humano. Ou seja, com relação às fontes de alimentos para a vida do corpo físico da humanidade, Deus fez preparações muito exatas, muito precisas e muito adequadas, para que a vida das pessoas seja rica e abundante e não careça de nada. Isso é algo que as pessoas podem sentir e ver.

Além disso, entre todas as coisas, sejam animais, plantas ou todo tipo de grama, Deus também criou algumas plantas que são necessárias para resolver danos ou doenças do corpo humano. O que você faz, por exemplo, se você se queimar? Você pode lavar com água? Você pode só achar um pedaço de pano em algum lugar e cobrir a queimadura? Ela pode se encher de pus ou ficar infectada dessa maneira. O que você faz, por exemplo, se você se queimar acidentalmente com uma chama ou água quente? Você pode lavar com água? Por exemplo, se você tiver febre, pegar um resfriado, sofrer uma lesão de trabalho físico, tiver uma doença estomacal ao comer a coisa errada ou desenvolver certas doenças devido a hábitos de vida ou problemas emocionais, como doenças vasculares, condições psicológicas ou doenças dos órgãos internos – existem plantas correspondentes para curar tudo isso. Existem plantas que melhoram a circulação sanguínea para remover a estagnação, aliviam a dor, estancam o sangramento, proporcionam anestesia, ajudam as pessoas a recuperar a pele normal, eliminam a estase sanguínea no corpo e eliminam as toxinas do corpo. Em suma, todas podem ser usadas na vida cotidiana. Elas são úteis para as pessoas e foram preparadas por Deus para o corpo humano em caso de necessidade. Deus permitiu que algumas delas fossem descobertas inadvertidamente pelo homem, enquanto outras foram descobertas a partir de certos fenômenos especiais ou por certas pessoas preparadas por Deus. Após sua descoberta, a humanidade as repassaria de pai para filho, e então muitas pessoas saberiam a respeito delas. Dessa forma, a criação dessas plantas por Deus tem valor e significado. Em suma, essas coisas são todas de Deus e foram preparadas e plantadas quando Ele criou um ambiente de vida para a humanidade. Todas essas coisas são muito necessárias. As considerações de Deus foram mais bem pensadas do que as da humanidade? Quando você vê tudo o que Deus fez, você consegue sentir o lado prático de Deus? Deus trabalhou em segredo. Antes de o homem chegar a este mundo, antes de entrar em contato com essa humanidade, Deus já havia criado tudo isso. Tudo o que Ele fez foi para o bem da humanidade, para a sobrevivência dela e tendo em conta a existência da humanidade, para que a humanidade possa viver feliz neste rico e abundante mundo material que Deus preparou para ela, não tendo que se preocupar com alimentos ou roupas e sem carecer de nada. A humanidade continua a se reproduzir e sobreviver em tal ambiente.

0Busca por x resultados