Palavras diárias de Deus | "A obra de Deus e a obra do homem" | Trecho 172

Palavras diárias de Deus | "A obra de Deus e a obra do homem" | Trecho 172

251 |29 de Junho de 2020

A obra na corrente do Espírito Santo, seja a própria obra de Deus ou a obra de homens sendo usados, é a obra do Espírito Santo. A própria substância de Deus é o Espírito, que pode ser chamado de Espírito Santo ou Espírito sete vezes intensificado. De todo modo, Eles são o Espírito de Deus. É que o Espírito de Deus tem nomes diferentes em eras diferentes, apenas isso. Mas a substância Deles é uma só. Portanto, a própria obra de Deus é a obra do Espírito Santo; a obra do Deus encarnado é nada menos do que o Espírito Santo em ação. A obra dos homens que são usados também é a obra do Espírito Santo. É que a obra de Deus é a expressão completa do Espírito Santo, e não há diferença, enquanto a obra dos homens que são usados é misturada com muitas coisas humanas e não é a expressão direta do Espírito Santo, muito menos a expressão completa. A obra do Espírito Santo é variada e não é limitada por condições de qualquer natureza. A obra varia em pessoas diferentes e transmite substâncias de trabalho diferentes. A obra também difere em eras diferentes, assim como em países diferentes. Naturalmente, embora o Espírito Santo realize sua obra de várias maneiras diferentes e de acordo com muitos princípios, não importa como a obra seja realizada ou em que tipo de pessoas, a substância é sempre diferente, e toda obra que Ele realiza em pessoas diferentes tem princípios e é capaz de representar a substância do objeto da obra. Isso ocorre porque a obra do Espírito Santo é bastante específica em seu âmbito e bastante controlada. A obra realizada na carne encarnada não é a mesma que a obra realizada nas pessoas, e a obra também varia dependendo do calibre diferente das pessoas. A obra realizada na carne encarnada não é realizada nas pessoas, e na carne encarnada Ele não realiza a mesma obra que é realizada nas pessoas. Em suma, não importa como Ele realize a obra, a obra em objetos diferentes nunca é a mesma, e os princípios pelos quais Ele trabalha diferem de acordo com o estado e a natureza de pessoas diferentes. O Espírito Santo realiza a obra em pessoas diferentes baseado na substância inerente delas e não faz exigências além da sua substância inerente, nem realiza a obra nelas além do seu calibre real. Portanto, a obra do Espírito Santo no homem permite que as pessoas vejam a substância do objeto da obra. A substância inerente do homem não muda; o calibre real do homem é limitado. Quer o Espírito Santo use as pessoas ou realize a obra nelas, a obra é sempre ajustada às limitações do calibre das pessoas, para que possam se beneficiar dela. Quando o Espírito Santo realiza a obra nos homens que são usados, tanto os dons quanto o calibre real deles são exigidos e não são poupados. O calibre real deles é plenamente aplicado a serviço da obra. Pode-se dizer que Ele utiliza as partes disponíveis dos homens para alcançar os resultados da obra. Em contraste, na carne encarnada a obra é realizada para expressar diretamente a obra do Espírito e não é misturada com a mente e pensamentos humanos, é inalcançável pelos dons do homem, pela experiência do homem ou pela condição inata do homem. A obra múltipla do Espírito Santo é inteiramente destinada a beneficiar e edificar o homem. Mas algumas pessoas podem ser aperfeiçoadas enquanto outras não possuem as condições para atingir a perfeição, o que significa dizer que elas não podem ser aperfeiçoadas e dificilmente podem ser salvas, e mesmo que tenham sido objeto da obra do Espírito Santo, acabam sendo eliminadas. Em outras palavras, embora a obra do Espírito Santo seja edificar as pessoas, isso não significa que todos aqueles que foram objeto da obra do Espírito Santo serão completamente aperfeiçoados, porque o caminho seguido por muitos não é o caminho do aperfeiçoamento. Eles têm apenas a obra unilateral do Espírito Santo, e não a colaboração humana subjetiva ou a busca humana correta. Assim, a obra do Espírito Santo nessas pessoas torna-se obra a serviço daqueles que estão sendo aperfeiçoados. A obra do Espírito Santo não pode ser vista diretamente pelas pessoas ou diretamente tocada pelas próprias pessoas. Ela só pode ser expressa através da ajuda de homens que têm o dom da obra, ou seja, a obra do Espírito Santo é fornecida aos seguidores através da expressão dos homens.

Extraído de “A Palavra manifesta em carne

Exibir mais
Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.
Contate-nos
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Compartilhar

Cancelar