2. O que se deve possuir para dar testemunho por meio de provações e refinamento

Palavras de Deus relevantes:

Enquanto passam por provações, é normal que as pessoas estejam fracas ou tenham negatividade dentro delas, que lhes falte clareza quanto à vontade de Deus ou quanto à senda para a prática. Mas, em todo caso, você deve ter fé na obra de Deus e não negar Deus, assim como Jó. Embora Jó fosse fraco e amaldiçoasse o dia em que nasceu, ele não negou que todas as coisas da vida humana foram concedidas por Jeová, nem que Jeová também é Aquele que tira todas elas. Não importa quanto fosse testado, ele manteve essa fé. Na sua experiência, não importa que tipo de refinamento você passe por meio das palavras de Deus, o que Ele exige da humanidade, em resumo, é sua fé e seu amor por Ele. O que Ele aperfeiçoa ao operar assim é a fé, o amor e as aspirações das pessoas. Deus faz a obra da perfeição nas pessoas, e elas não podem vê-la, não podem senti-la; em tais circunstâncias, sua fé é exigida. A fé das pessoas é exigida quando algo não pode ser visto a olho nu, e sua fé é exigida quando você não consegue abrir mão de suas próprias noções. Quando você não tem clareza a respeito da obra de Deus, o que é exigido de você é ter fé e assumir uma posição firme e dar testemunho. Quando Jó chegou a esse ponto, Deus lhe apareceu e falou com ele. Quer dizer, é somente de dentro de sua fé que você será capaz de ver Deus e, quando você tiver fé, Deus o aperfeiçoará. Sem fé, Ele não pode fazer isso. Deus lhe concederá o que for que você espera ganhar. Se você não tem fé, não pode ser aperfeiçoado e será incapaz de ver as ações de Deus e menos ainda Sua onipotência. Quando você tem fé de que verá Suas ações em sua experiência prática, então Deus aparecerá a você e o iluminará e guiará a partir de seu interior. Sem essa fé, Deus será incapaz de fazer isso. Se você perdeu a esperança em Deus, como será capaz de experimentar Sua obra? Portanto, somente quando você tiver fé e não abrigar dúvidas a respeito de Deus, somente quando você tiver verdadeira fé Nele, não importa o que Ele faça, Deus o esclarecerá e iluminará por meio de suas experiências, e somente então você será capaz de ver Suas ações. Todas essas coisas são alcançadas através da fé. A fé vem somente por meio do refinamento e na ausência de refinamento, a fé não pode se desenvolver. A que se refere esta palavra, “fé”? A fé é a crença genuína e o coração sincero que os humanos deveriam possuir quando não podem ver nem tocar algo, quando a obra de Deus não está alinhada com as noções humanas, quando está além do alcance humano. Essa é a fé da qual Eu falo. As pessoas necessitam de fé durante períodos de dificuldade e refinamento, e a fé é algo que é seguido pelo refinamento; refinamento e fé não podem ser separados. Não importa como Deus opera e independentemente do tipo de ambiente em que você está, você é capaz de buscar a vida e de buscar a verdade, de buscar o conhecimento da obra de Deus e de ter um entendimento das Suas ações, e você é capaz de agir de acordo com a verdade. Fazer isso é o que é ter fé verdadeira, e fazer isso demonstra que você não perdeu a fé em Deus. Você só pode ter a fé verdadeira em Deus se for capaz de persistir em buscar a verdade por meio do refinamento, se você for capaz de verdadeiramente amar a Deus e não desenvolver dúvidas sobre Ele, se, não importa o que Ele faça, você ainda praticar a verdade para satisfazê-Lo, e se for capaz de buscar nas profundezas Sua vontade e de estar atento à Sua vontade. No passado, quando Deus disse que você reinaria como um rei, você O amou; quando Ele Se mostrou abertamente a você, você O buscou. Mas agora Deus está escondido, você não consegue vê-Lo, e os problemas vieram sobre você — então agora você perde a esperança em Deus? Assim, o tempo todo você deve buscar a vida e buscar satisfazer a vontade de Deus. Isso é chamado de fé genuína e isso é o tipo mais verdadeiro e belo de amor.

Extraído de ‘Aqueles que hão de ser aperfeiçoados devem passar pelo refinamento’ em “A Palavra manifesta em carne”

Fé e amor máximos são exigidos de nós neste estágio da obra. Podemos tropeçar ao menor descuido, pois este estágio da obra é diferente de todos os anteriores: o que Deus está aperfeiçoando é a fé da humanidade, que é invisível e intangível. O que Deus faz é converter palavras em fé, em amor e vida. As pessoas devem chegar a um ponto em que tenham suportado centenas de refinamentos e tenham fé maior que a de Jó. Elas devem suportar um sofrimento incrível e todos os tipos de tortura sem jamais abandonar a Deus. Quando são obedientes até a morte e têm grande fé em Deus, então este estágio da obra de Deus está completo.

Extraído de ‘A senda… (8)’ em “A Palavra manifesta em carne”

Se não têm confiança alguma, não é fácil para as pessoas continuar seguindo essa senda. Todas agora podem ver que a obra de Deus não se conforma nem um pouco com as noções das pessoas. Deus fez tanta obra e falou tantas palavras que estão completamente desalinhadas das noções humanas. Assim, as pessoas precisam ter a confiança e a força de vontade para serem capazes de manter o que já viram e que já ganharam com suas experiências. Não importa o que Deus faça nas pessoas, elas precisam conservar o que elas mesmas possuem, ser sinceras diante de Deus e permanecer devotadas a Ele até o fim. Esse é o dever da humanidade. As pessoas precisam conservar aquilo que deveriam fazer. A crença em Deus exige obediência a Ele e experiência de Sua obra. Deus já fez tanta obra — pode-se dizer que para as pessoas é tudo aperfeiçoamento, refinamento e, mais ainda, castigo. Não houve uma única etapa sequer da obra de Deus que estivesse alinhada às noções humanas; o que as pessoas têm desfrutado são as palavras austeras de Deus. Quando Deus vem, as pessoas deveriam desfrutar Sua majestade e Sua ira. No entanto, não importa quão austeras Suas palavras possam ser, Ele vem para salvar e aperfeiçoar a humanidade. Como criaturas, as pessoas deveriam cumprir os deveres que devem cumprir e ser testemunhas de Deus em meio ao refinamento. Em cada provação elas deveriam conservar o testemunho que deveriam dar e fazer isso tão retumbantemente pela causa de Deus. Uma pessoa que faz isso é uma vencedora. Não importa como Deus o refina, você permanece cheio de confiança e nunca perde a confiança Nele. Você faz o que o homem deveria fazer. É isso que Deus exige do homem, e o coração do homem deveria ser capaz de retornar completamente para Ele e voltar-se para Ele em todo momento passado. Esse é um vencedor. Aqueles a quem Deus Se refere como “vencedores” são os que ainda são capazes de ser testemunha e manter sua confiança e devoção a Deus quando estiverem sob a influência de Satanás e enquanto estiverem sendo sitiados por Satanás, isto é, quando se encontrarem em meio às forças das trevas. Se você ainda for capaz de guardar um coração puro perante Deus e manter o seu amor genuíno a Deus, não importa o quê, então você está sendo testemunha diante de Deus, é isso a que Deus Se refere como sendo um “vencedor”. Se a sua busca é excelente quando Deus o abençoa, mas você recua sem Suas bênçãos, isso é pureza? Já que tem certeza de que esse caminho é verdadeiro, você precisa segui-lo até o fim; você precisa manter sua devoção a Deus. Uma vez que já viu que o Próprio Deus veio à terra para aperfeiçoá-lo, você deveria entregar seu coração inteiramente a Ele. Se você ainda pode segui-Lo não importa o que Ele faça, mesmo se Ele determina um desfecho desfavorável para você no fim, isso é manter sua pureza diante de Deus. Oferecer um corpo espiritual santo e uma virgem pura para Deus significa guardar um coração sincero diante de Deus. Para a humanidade, sinceridade é pureza e a capacidade de ser sincero para com Deus é manter a pureza. Isso é o que você deveria colocar em prática. Quando deve orar, você ora; quando deve se reunir em comunhão, você o faz; quando deve cantar hinos, você canta hinos; e quando deve renunciar à carne, você renuncia à carne. Quando desempenha seu dever, você não o faz de qualquer jeito; quando enfrenta provações, você permanece firme. Isso é devoção a Deus. Se você não conservar o que as pessoas deveriam fazer, então todo seu sofrimento e suas resoluções prévios foram fúteis.

Extraído de ‘Você deveria manter sua devoção a Deus’ em “A Palavra manifesta em carne”

No passado, as pessoas todas vinham diante de Deus para tomar suas resoluções e diziam: “Mesmo que ninguém mais ame Deus; eu devo amá-Lo”. Mas agora, o refinamento vem sobre você e, já que isso não se alinha com suas noções, você perde a fé em Deus. Isso é amor genuíno? Você leu muitas vezes os feitos de Jó — você se esqueceu deles? O verdadeiro amor só pode tomar forma de dentro da fé. Você desenvolve o verdadeiro amor por Deus através dos refinamentos a que se submete, e é por meio de sua fé que você é capaz de estar atento à vontade de Deus em suas experiências práticas, e também é por meio da fé que você abandona a própria carne e busca a vida; isso é o que as pessoas deveriam fazer. Se fizer isso, então você será capaz de ver as ações de Deus, mas, se lhe faltar fé, então você será incapaz de ver as ações de Deus ou de experimentar Sua obra. Se você quer ser usado e aperfeiçoado por Deus, então você deve possuir tudo: a disposição para sofrer, fé, perseverança, obediência e a capacidade de experimentar a obra de Deus, compreender Sua vontade e estar atento à Sua tristeza, e assim por diante. Aperfeiçoar uma pessoa não é fácil, e cada um dos refinamentos que você experimenta requer sua fé e seu amor. Se você quer ser aperfeiçoado por Deus, não basta simplesmente correr adiante na senda, nem é suficiente meramente se despender por Deus. Você deve possuir muitas coisas para ser capaz de se tornar alguém aperfeiçoado por Deus. Quando encarar sofrimentos, você deve ser capaz de deixar de lado qualquer preocupação com a carne e de não fazer reclamações contra Deus. Quando Deus Se esconde de você, você deve ser capaz de ter a fé para segui-Lo e de manter seu antigo amor sem permitir que fraqueje ou se dissipe. Não importa o que Deus faça, você deve se submeter ao Seu desígnio e estar preparado para amaldiçoar a própria carne em vez de fazer reclamações contra Ele. Quando encarar provações, você deve satisfazer a Deus, embora você possa chorar amargamente ou se sentir relutante em se separar de algum objeto amado. Somente isso é amor e fé verdadeiros. Não importa qual seja sua real estatura, você deve primeiro possuir tanto a disposição para sofrer dificuldades como a verdadeira fé, e também deve ter a disposição para abandonar a carne. Você deve estar disposto a suportar dificuldades pessoais e a sofrer perdas em seus interesses pessoais a fim de satisfazer a vontade de Deus. Você também deve ser capaz de sentir remorso de si mesmo no seu coração: no passado você não foi capaz de satisfazer a Deus e, agora, você pode se arrepender. Você não deve estar carente de nenhuma dessas coisas — é por meio dessas coisas que Deus aperfeiçoará você. Se você não pode satisfazer esses critérios, então você não pode ser aperfeiçoado.

Extraído de ‘Aqueles que hão de ser aperfeiçoados devem passar pelo refinamento’ em “A Palavra manifesta em carne”

Sem as palavras de Deus como sua realidade, você não tem estatura real. Quando chegar a hora de ser provado, você certamente cairá, e então sua verdadeira estatura será revelada. Mas aqueles que regularmente buscam entrar na realidade, quando assolados pelas provações, hão de chegar a entender o propósito da obra de Deus. Aquele que é dotado de consciência, e que tem sede de Deus, deveria tomar medidas práticas para retribuir a Deus por Seu amor. Os não dotados de realidade não podem se manter firmes mesmo diante de assuntos triviais. Tal é a diferença entre aqueles com estatura real e aqueles sem. Por que é que, apesar de ambos comerem e beberem das palavras de Deus, alguns são capazes de permanecer firmes em meio às provações, enquanto outros fogem dela? A diferença óbvia é que alguns carecem de uma estatura real; eles não têm as palavras de Deus para servir como sua realidade, e Suas palavras não criaram raízes dentro deles. Tão logo são provados, eles chegam ao fim de sua senda. Por que, então, alguns são capazes de permanecer firmes em meio às provações? É porque eles entendem a verdade e têm uma visão, e eles entendem a vontade de Deus e Suas exigências, e assim são capazes de se manter firmes nas provações. Isso é estatura real, e isso, também, é vida. Alguns também podem ler as palavras de Deus, mas não as colocam em prática, não as levam a sério; os que não as levam a sério não dão importância à prática. Aqueles que não têm as palavras de Deus para servir como sua realidade não têm estatura real, e tais pessoas não podem permanecer firmes nas provações.

Extraído de ‘A Era do Reino é a Era da Palavra’ em “A Palavra manifesta em carne”

Durante a obra da provisão permanente e apoio ao homem de Deus, Ele conta a totalidade de Sua vontade e exigências para o homem, e mostra Seus feitos, caráter e o que Ele tem e é para o homem. O objetivo é equipar o homem com estatura e permitir que o homem ganhe várias verdades de Deus enquanto O segue — verdades que são as armas dadas ao homem por Deus para combater Satanás. Equipado dessa forma, o homem deve encarar as provas de Deus. Deus tem muitos meios e caminhos para provar o homem, mas cada um deles requer a “cooperação” do inimigo de Deus: Satanás. Isto é, tendo dado ao homem as armas com as quais batalhar contra Satanás, Deus entrega o homem a Satanás e permite que Satanás “teste” a estatura do homem. Se o homem conseguir escapar das formações de batalha de Satanás, se ele puder escapar do cerco de Satanás e ainda viver, então o homem terá passado no teste. Mas se o homem não conseguir sair das formações de batalha de Satanás e se submeter a Satanás, então ele não terá passado no teste. Qualquer que seja o aspecto do homem que Deus examina, os critérios para Seu exame são se o homem permanece firme ou não em seu testemunho quando atacado por Satanás, e se ele abandonou a Deus e se rendeu e se submeteu a Satanás enquanto estava enlaçado por Satanás. Pode-se dizer que se o homem pode ou não ser salvo depende de se ele pode vencer e derrotar Satanás, e se ele pode ou não ganhar a liberdade depende de se ele é capaz de erguer, sozinho, as armas que lhe são dadas por Deus para vencer o cativeiro de Satanás, fazendo Satanás abandonar completamente a esperança e deixá-lo em paz. Se Satanás abandona a esperança e renuncia a alguém, isso significa que Satanás nunca mais tentará tirar essa pessoa de Deus, nunca mais acusará e interferirá nessa pessoa, nunca mais torturá-la ou atacá-la sem motivo; somente alguém assim terá verdadeiramente sido ganho por Deus. Esse é todo o processo pelo qual Deus ganha pessoas.

Extraído de ‘A obra de Deus, o caráter de Deus e o Próprio Deus II’ em “A Palavra manifesta em carne”

O temor e obediência de Jó a Deus é um exemplo para a humanidade, e sua perfeição e retidão eram o ápice da humanidade que o homem deveria possuir. Embora ele não tenha visto Deus, ele percebeu que Deus realmente existiu e, por causa disso, temeu a Deus, e devido ao seu temor a Deus, ele foi capaz de obedecer a Deus. Ele deu a Deus rédea solta para pegar o que ele tinha, no entanto, ele não reclamou, e caiu diante de Deus e disse a Ele que, nesse exato momento, mesmo que Deus tomasse sua carne, ele permitiria que Ele fizesse isso sem reclamar. Toda a sua conduta deveu-se à sua humanidade perfeita e correta. Isso que quer dizer que, como resultado de sua inocência, honestidade e bondade, Jó era inabalável em sua realização e experiência da existência de Deus, e sobre esse fundamento ele fez exigências a si mesmo e padronizou seu pensamento, comportamento, conduta e princípios de ações diante de Deus de acordo com a orientação de Deus para ele e as ações de Deus que ele havia visto entre todas as coisas. Com o tempo, suas experiências causaram nele um medo real e verdadeiro de Deus e o fizeram se desviar do mal. Essa foi a fonte da integridade a que Jó se manteve firme. Jó possuía uma humanidade honesta, inocente e amável e ele realmente tinha a experiência de temer a Deus, obedecer a Deus e se desviar do mal, assim como o conhecimento de que “Jeová deu, e Jeová tirou”. Somente por causa dessas coisas ele foi capaz de permanecer firme em seu testemunho em meio a ataques tão violentos de Satanás, e somente por causa deles ele foi capaz de não desapontar a Deus e apresentar uma resposta satisfatória a Deus quando as provações de Deus vieram sobre ele.

Extraído de ‘A obra de Deus, o caráter de Deus e o Próprio Deus II’ em “A Palavra manifesta em carne”

A fé, a obediência e o testemunho de Jó para vencer Satanás têm sido uma fonte de grande ajuda e encorajamento para as pessoas. Em Jó, elas veem a esperança de sua própria salvação e veem que, pela fé, obediência e temor a Deus, é inteiramente possível derrotar Satanás e prevalecer sobre Satanás. Elas veem que, desde que concordem com a soberania e arranjos de Deus e desde que e possuam a determinação e fé de não abandonar a Deus depois de terem perdido tudo, então elas podem envergonhar e derrotar Satanás, e veem que precisam somente possuir a determinação e perseverança para permanecer firmes em seu testemunho — mesmo que isso signifique perder a vida — para que Satanás seja intimidado e bata rapidamente em retirada. O testemunho de Jó é uma advertência às gerações posteriores, e essa advertência diz-lhes que, se não derrotarem a Satanás, nunca poderão livrar-se das acusações e da interferência de Satanás, nem poderão escapar do abuso e dos ataques de Satanás. O testemunho de Jó esclareceu as gerações posteriores. Esse esclarecimento ensina às pessoas que, somente se elas forem perfeitas e corretas, serão capazes de temer a Deus e se desviar do mal; ensina-lhes que, somente se eles temerem a Deus e se desviarem do mal, elas poderão dar testemunho forte e retumbante de Deus; somente se derem um testemunho forte e retumbante de Deus, nunca poderão ser controlados por Satanás e viver sob a orientação e proteção de Deus — somente então terão sido verdadeiramente salvas. A personalidade de Jó e a busca de sua vida devem ser imitadas por todos que buscam a salvação. Aquilo que ele viveu durante toda sua vida e sua conduta durante suas provações é um tesouro precioso para todos aqueles que buscam o caminho de temer a Deus e evitar o mal.

Extraído de ‘A obra de Deus, o caráter de Deus e o Próprio Deus II’ em “A Palavra manifesta em carne”

Anterior: 1. Como um caráter corrupto pode ser purificado passando por julgamento, castigo, provações e refinamento

Próximo: 3. O que se pode alcançar experimentando julgamento, castigo, provações e refinamento

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.

Conteúdo relacionado

2. Se sofrer e pagar um preço por Deus é igual a seguir a vontade de Deus

Vocês não devem se contentar simplesmente com desfrutar da graça de Deus. Esse modo de pensar é muito vulgar. Mesmo que você leia a palavra de Deus diariamente, ore todos os dias e seu espírito sinta uma paz e um prazer singular, ainda assim, no fim, você não consegue falar de conhecimento algum de Deus e de Sua obra ou que não tem tido experiência com ela e, não importa o quanto você comeu e bebeu da palavra de Deus, se você simplesmente sente paz e prazer em seu espírito e que a palavra de Deus tem uma doçura incomparável, como se você não pudesse desfrutá-la o bastante, porém você não tem uma experiência verdadeira com a palavra de Deus e nem da existência real dessa palavra, então o que você pode receber desse tipo de fé em Deus? Se você não é capaz de viver a essência da palavra de Deus, seu comer e beber das palavras de Deus e suas orações se referem totalmente à religião. Esse tipo de homem não pode ser aperfeiçoado e tampouco ser ganho por Deus.

1. O que é a verdade e se conhecimento teológico é a verdade

A verdade é o mais real dos aforismos da vida e o mais alto de tais aforismos entre toda a humanidade. Porque ela é a exigência que Deus faz ao homem e é a obra realizada pessoalmente por Deus, é chamada de aforismo da vida. Não é um aforismo resumido de alguma coisa, nem uma citação famosa de uma grande personalidade; em vez disso, é a declaração para a humanidade do Mestre dos céus e da terra e de todas as coisas e não algumas palavras resumidas pelo homem, mas a vida inerente de Deus. E assim é chamado o mais alto de todos os aforismos da vida.

3. A natureza e as consequências do problema de somente reconhecer Deus sem reconhecer a verdade

Aqueles que querem ganhar vida sem depender da verdade dita por Cristo são as pessoas mais ridículas na terra, e aqueles que não aceitam o caminho de vida trazido por Cristo estão perdidos na fantasia. Por isso Eu digo que quem não aceitar o Cristo dos últimos dias será eternamente desprezado por Deus. Cristo é a porta de entrada do homem para o reino durante os últimos dias, da qual ninguém pode desviar. Ninguém pode ser aperfeiçoado por Deus, exceto por meio de Cristo. Você crê em Deus, então deve aceitar as palavras Dele e obedecer ao Seu caminho.

3. Qual é a recompensa das virgens sábias e por que as virgens tolas cairão em desastre

Mesmo as profecias feitas pelos profetas não poderiam ter alcançado esse resultado. Os profetas falaram apenas profecias, falaram do que aconteceria no futuro, mas não da obra que Deus desejava fazer naquele tempo. Nem falavam para conduzir o homem em sua vida, nem para conferir verdades ao homem nem revelar mistérios ao homem, e, muito menos, para conceder vida. Das palavras ditas neste estágio, há profecia e verdade, mas principalmente elas servem para dar vida ao homem. No presente, as palavras são diferentes das profecias dos profetas. Este é um estágio da obra para a vida do homem, para mudar o caráter de vida do homem, e não em benefício de falar profecia.

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Sumário

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro