Aplicativo da Igreja de Deus Todo-Poderoso

Ouça a voz de Deus e dê as boas vindas ao retorno do Senhor Jesus!

Convidamos a todos os buscadores da verdade que entrem em contato conosco.

Tópicos especiais sobre ser arrebatado

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Largura da página

0 resultados

Nenhum resultado encontrado

Sermões e comunhão: Participar de verdade da ceia das bodas do Cordeiro é passar pelo julgamento de Deus dos últimos dias e ser purificado

O julgamento de Deus é julgamento através da verdade e só pode ser experimentado e desfrutado dentro da casa de Deus. Ele não pode ser ganho lá fora no mundo. Isso não é uma elevação excepcional por Deus? (Sim.) Deus está permitindo que participemos do banquete – que banquete é esse? É ser purificado através do julgamento e finalmente ganhar a verdade comendo e bebendo as palavras de Cristo. O valor desse banquete é enorme. Quais palavras são cumpridas quando as pessoas ganham a verdade? Deus usa a verdade para aperfeiçoar as pessoas, para ser a vida das pessoas, para que elas possam viver uma imagem da verdade – esse é o resultado ganho pela participação no banquete, e essa é a vontade de Deus. Visto de fora, as palavras de julgamento se parecem com uma condenação, mas, na verdade, elas purificam e aperfeiçoam. A mera menção ao julgamento faz com que aqueles que não amam a verdade fujam para as montanhas, enquanto aqueles que buscam a verdade são obedientes. “Se eu for julgado, as coisas são como são, e eu também obedecerei se for podado e lidado. Não importa como eu seja tratado, eu aceitarei; eu me submeterei a tudo que Deus arranjar”. No início, isso é muito difícil, mas, após um período de sofrimento, as pessoas dizem: “Por que eu tenho uma sensação tão maravilhosa? Como foi que eu realmente passei por alguma mudança? Como foi que a minha perspectiva sobre as coisas também mudou e eu tenho um relacionamento mais próximo com Deus? Como foi que, agora, compreendo algumas verdades? Ah, então é disso que trata a participação no banquete. Através do amargo vem o doce, e eu saboreei a doçura. No final das contas, participar do banquete, na verdade, não é ruim. Agora, sei que a intenção maravilhosa de Deus é aperfeiçoar as pessoas. Visto de fora, é a condenação, o julgamento e o castigo das palavras de Deus, e é o caráter justo de Deus vindo sobre nós, mas o resultado no fim é purificação e aperfeiçoamento”. Agora você entende o que é julgamento, o que é a verdade e o que significa participar do banquete, certo?

de “Sermões e comunhão sobre a entrada na vida”, volume 103

Existem algumas pessoas que já têm participado desse banquete por vinte ou trinta anos, e algumas têm participado dele por alguns anos. Elas não colheram muito? A ceifa tem sido imensa; elas ganharam tanto! Uma coisa é que o julgamento e castigo de Deus permitiu que as pessoas entendessem muitas verdades e mistérios. Outra coisa é que as palavras de julgamento e castigo de Deus realmente produziram o fruto da purificação nelas e também o fruto do aperfeiçoamento gradual. Ao que se refere “o fruto da purificação”? Primeiro, as filosofias, leis, lógica e todos os tipos de venenos satânicos que existem nos seres humanos são purificados, e eles chegam a conhecer a verdade da corrupção da humanidade e sua natureza e essência satânica. Isso é muito eficaz para a entrada das pessoas na vida e para a transformação de seu caráter. E o mais precioso é que elas desenvolvem um coração de reverência a Deus em graus variados, pois saborearam a justiça de Deus revelada através do julgamento executado por Deus. Por terem uma reverência verdadeira a Deus, elas são capazes de se manter afastadas de todos os tipos de males e não ousam pecar em palavra ou executar qualquer violência. Até mesmo seus pensamentos e intenções foram purificados consideravelmente. No passado, era comum que elas resistissem a Deus e fizessem julgamentos sobre Ele, mas agora elas não ousam fazer julgamentos ou soltar o verbo quando não entendem algo. Acima disso tudo, não ousam pensar em desejos luxuosos como bênçãos, o reino dos céus, ser coroado ou recompensas. Não ousam buscar aquelas coisas, sentindo que ganhá-las é insignificante. Todas elas começam a focar em buscar a verdade, crescer em sua vida, conhecer Deus e mudar seu caráter. Elas se concentram no cumprimento aceitável de seu dever para retribuir o amor de Deus. Isso não é o processo de ser purificado? Esse é também o resultado alcançado pela purificação. Ter esse tipo de entrada na vida e esse tipo de mudanças genuínas não é o fruto da obra de julgamento de Deus? Quanto maior o julgamento de Deus pelo que você passa, maior o seu ganho. Quanto mais claramente você compreender a verdade, mais você mudará. Se você passar por pouco julgamento e castigo de Deus, pequenas serão também a sua ceifa e transformação; as verdades que você entende certamente serão superficiais. Isso é um fato. Entre as pessoas escolhidas por Deus, todas aquelas que entendem a verdade e entram na realidade, cujo caráter corrompido foi purificado em geral, muito raramente resistem a Deus ou o julgam. Mesmo que sua obediência e seu amor por Deus sejam inadequados, no fundo de seu coração elas já sentem a amabilidade de Deus e reconheceram o que é obediência verdadeira a Deus. Por essa razão, sua entrada na vida se aprofunda continuamente. Elas se tornam cada vez menos corruptas, elas obedecem a Deus cada vez mais, e seu amor por Deus cresce e cresce por causa do julgamento e castigo de Deus. Pessoas como essas não ganharam a purificação? (Sim, ganharam.) São pessoas que têm um lugar no reino dos céus.

de “Sermões e comunhão sobre a entrada na vida”, volume 103

Anterior:Algumas pessoas perguntam: “O Senhor Jesus já perdoou os nossos pecados e já não nos vê como pecadores. Não precisamos aceitar a obra de julgamento e purificação de Deus nos últimos dias. Quando o Senhor vier, nós podemos ser arrebatados diretamente para o reino dos céus e participar da ceia das bodas do Cordeiro. Não é verdade?”

Próximo:Sermões e comunhão: Aceite a obra de Deus dos últimos dias antes do desastre para ser arrebatado e participar da ceia das bodas do Cordeiro