Aplicativo da Igreja de Deus Todo-Poderoso

Ouça a voz de Deus e dê as boas vindas ao retorno do Senhor Jesus!

Convidamos a todos os buscadores da verdade que entrem em contato conosco.

Coleção de sermões: provisão para a vida

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Largura da página

0 resultados

Nenhum resultado encontrado

23. As filosofias e regras de Satanás e as toxinas do grande dragão vermelho devem ser resolvidas para se receber a salvação e se alcançar a transformação do caráter

Depois de experimentar a obra de Deus por alguns anos, a maioria das pessoas perceberia que o verdadeiro autoconhecimento é alcançado por meio da compreensão da verdade. Somente quando alguém realmente compreender a verdade é que começará de fato a conhecer a si mesmo. Conhecer a si mesmo significa conhecer sua natureza e essência satânicas e o verdadeiro estado de sua corrupção, pois a natureza de Satanás é inerente à humanidade corrupta, e as pessoas estão tomadas por um caráter satânico, gerado pelos princípios das filosofias e regras de Satanás e pelas toxinas do grande dragão vermelho. Portanto, a verdadeira compreensão de si mesmo consiste em enxergar de fato que a natureza satânica da humanidade corrupta está tomada pelas filosofias e regras de Satanás e pelas toxinas do grande dragão vermelho, e perceber que a natureza humana é, na verdade, a natureza e a essência de Satanás que resistem e traem a Deus e que a humanidade corrupta se tornou integralmente a espécie de Satanás. Somente ao conhecer a sua própria natureza e essência satânicas e o verdadeiro estado de sua corrupção é que alguém poderá cada vez mais odiar a si mesmo e detestar o grande dragão vermelho, o demônio. Seu desejo por penitência será ainda mais forte; e sua busca pela verdade, mais urgente. Vê-se que não é fácil conhecer de fato a natureza e essência satânicas da humanidade corrupta e o verdadeiro estado de sua corrupção. Sem a experiência do julgamento e castigo de Deus e da iluminação e esclarecimento do Espírito Santo, a humanidade corrupta não consegue ver que sua natureza satânica é inteiramente composta da filosofia de Satanás e das toxinas do grande dragão vermelho, muito menos compreender qual é a essência da natureza humana. Somente quando alguém compreender de fato a verdade, quando conseguir discernir claramente que muitas das filosofias de Satanás e das toxinas do grande dragão vermelho se tornaram integralmente a natureza e a essência humanas, é que ele poderá verdadeiramente compreender que sua própria natureza e essência são inteiramente a natureza de Satanás. É precisamente a natureza de Satanás que resiste e trai a Deus. A humanidade corrupta descende de Satanás, é cria do grande dragão vermelho. Nesse momento, o homem detestará de fato a si mesmo e odiará mais ainda o grande dragão vermelho, o demônio. Sentirá que a humanidade corrupta é por demais lamentável, realmente cega, ignorante e indigna. Com tal ódio real, o homem poderá começar a praticar a traição de Satanás, a traição da carne e a negação de si mesmo para alcançar o verdadeiro retorno a Deus. Se o homem pudesse compreender a verdade para alcançar tal resultado, teria verdadeira compreensão de si mesmo. Sem dúvida, a verdadeira compreensão de si mesmo é baseada na compreensão da verdade. O verdadeiro conhecimento de si mesmo procede inteiramente da compreensão da verdade.

Somente ao buscar a verdade para compreendê-la é que alguém pode de fato conhecer a si mesmo. Os que não buscam a verdade nunca conhecerão de fato a si mesmos, não desenvolverão verdadeiro arrependimento nem entrarão na experiência da vida. As pessoas com pouquíssima experiência de vida dificilmente alcançam uma verdadeira compreensão de si mesmas. Algumas pessoas também percebem que o autoconhecimento é muito importante para a entrada na realidade da verdade. No entanto, como não compreendem a verdade, aderem estritamente a regras e regulamentos e praticam formalidades. Apenas mencionam algumas teorias de autoconhecimento para que as pessoas pensem que elas realmente conhecem a si mesmas e progridem. Na verdade, tais pessoas não têm compreensão real da verdade para o autoconhecimento. Para se ter compreensão real da verdade, é preciso experimentar o julgamento e o castigo da palavra de Deus e receber a iluminação e o esclarecimento do Espírito Santo. Esse é o caminho para a compreensão da verdade. Se, ao praticar e experimentar a palavra de Deus, alguém puder perceber que manifesta corrupção demais, com muita resistência a Deus, e enxergar quão corrupto é diante de muitos fracassos e contratempos, irá se convencer, pois tem muita dificuldade para praticar a verdade, a obedecer e amar a Deus. Só então admitirá que não tem nenhuma realidade da verdade, que foi tão profundamente corrompido que não se parece mais com um ser humano, que realmente enxerga a natureza de Satanás em si mesmo. Tal realização só pode ser alcançada depois de anos de experiência da obra de Deus. Se ele puder continuar buscando a verdade pela prática e experiência da palavra de Deus, persistindo na busca da verdade, independentemente de quantas vezes falhou e de quanta corrupção manifestou, quando ele realmente compreender a verdade, perceberá a essência de sua natureza satânica, que tem aversão à verdade e se opõe a ela. Embora ainda tenha de praticar de fato a verdade, ele já alcançou os efeitos preliminares de compreender a verdade e conhecer a si mesmo. Se ele experimentar isso ao ponto de ver os aspectos amáveis de Deus e começar a gerar amor pela verdade, sentirá a acusação de sua consciência se deixar de praticar a verdade ou começar a transgredir. Assim que parar de praticar a verdade, seu coração será atormentado pela dor e pelo arrependimento. Isso mostra que ele possui força motriz para praticar a verdade e, aos poucos, será capaz praticar a verdade. Quando alguém é capaz de praticar a verdade, esse é o momento em que entra na realidade da verdade. O caráter de vida das pessoas que conseguem praticar a verdade começou a mudar, e elas já possuem um coração que reverencia Deus e a realidade de obedecê-Lo. Essas são as verdadeiras experiências de vida e o verdadeiro processo de autoconhecimento daqueles que realmente buscam a verdade. Quando a experiência de alguém chega ao ponto em que ele não consegue trair nem abandonar a verdade em circunstância alguma, a verdade já se tornou parte de sua vida. Não é essa a verdadeira situação da transformação de caráter? Sem vários anos de experiência na busca da verdade, uma pessoa não pode realmente conhecer a si mesma. Se ela acreditar em Deus sem experimentar a Sua obra nem buscar a verdade, dificilmente alcançará o verdadeiro autoconhecimento. É muito difícil para tal pessoa entrar na realidade da verdade.

Agora, todas as pessoas escolhidas por Deus que realmente experimentam a Sua obra estão dispostos a buscar a verdade para entrar na realidade. Eles carecem de uma compreensão integral de sua própria natureza e essência e do verdadeiro estado de sua corrupção, pois sua compreensão da verdade é superficial demais. Portanto, carecem de discernimento em muitas coisas e sobre várias pessoas. Não conseguem discernir a essência dos problemas. Esse é um fenômeno normal. Antes de realmente compreender e ganhar a verdade, as pessoas aparentam ser por demais ignorantes e lamentáveis. Há muitas pessoas altamente instruídas e informadas que são impotentes diante da verdade. Se alguém possui apenas qualidade cultural, mas não a verdade, ele é incapaz de ajudar os outros, quanto mais resolver os problemas práticos da experiência de vida. É difícil fazer o mínimo progresso sem a verdade. Nenhuma cultura altiva ou conhecimento pode substituir a verdade. Somente a verdade pode ser vida humana para que alguém possa transcender a influência sombria de Satanás e cumprir bem seu dever como um ser criado. Somente pela compreensão da verdade é que alguém pode trair Satanás, sair das trevas para a luz e verdadeiramente retornar a Deus para a salvação.

Para que as pessoas escolhidas por Deus compreendam prontamente a verdade e assim obtenham o verdadeiro autoconhecimento, as filosofias e regras de Satanás e as toxinas do grande dragão vermelho estão resumidas abaixo, para que as pessoas possam compreendê-las e dissecá-las. Isso certamente ajudará as pessoas a compreender a verdade e alcançar o verdadeiro autoconhecimento. Sem compreender a verdade, as pessoas nunca conhecerão de fato a si mesmas. Sem compreender a verdade, as pessoas nunca terão verdadeiro arrependimento. Portanto, alguém que não compreende de fato a verdade nem conhece a si mesmo definitivamente não é alguém que realmente obedece a Deus e que foi salvo por Ele. Isso é algo que as pessoas escolhidas por Deus devem saber claramente. Para alcançar o verdadeiro autoconhecimento, uma pessoa deve ser capaz de discernir as filosofias e as regras de Satanás e as toxinas do grande dragão vermelho. Os humanos corruptos são todos descendentes de Satanás e prole do grande dragão vermelho. A humanidade corrupta está maculada, de maneira definitiva e significativa, pela filosofia de Satanás e pelas toxinas do grande dragão vermelho. Com certeza, a humanidade integralmente corrupta está tomada pelo caráter e pela filosofia de Satanás e por toda espécie de toxinas do grande dragão vermelho. A natureza da humanidade corrupta é composta de numerosas filosofias de Satanás e toxinas do grande dragão vermelho. Portanto, o controle do homem por essa natureza satânica demonstra seu enorme poder maligno. É um tumor maligno constituído de uma combinação especial entre a filosofia de Satanás e as toxinas do grande dragão vermelho, que controla totalmente a carne humana (incluindo a mente e os pensamentos humanos), transformando integralmente o homem na espécie de Satanás e sua marionete. É assim que os descendentes de Satanás e a prole do grande dragão vermelho são gerados. Quando virmos claramente a verdade da natureza e essência malignas da humanidade corrupta, nos empenharemos mais na busca da verdade e perceberemos quão absurdas, disparatadas e malignas são a filosofia de Satanás e as toxinas do grande dragão vermelho. Dessa forma, compreenderemos naturalmente a nossa natureza e essência e o verdadeiro estado de nossa corrupção. Essa é a maneira correta de realmente alcançar o autoconhecimento. Somente com a verdadeira compreensão da essência absurda e maligna de nossa natureza satânica, seguida por um verdadeiro ódio de nós mesmos, a vontade de trair a carne por meio de nossos esforços para buscar e aceitar a verdade para entrar na sua realidade, é que a fortaleza da natureza de Satanás em nosso interior pode ser naturalmente desintegrada para permitir que a palavra de Deus, a verdade, ocupe integralmente nosso ser e a verdade se torne nossas vidas. Somente isso significa de fato receber a salvação e ser aperfeiçoado.

As 100 filosofias e regras de Satanás mais evidentes na natureza corrupta da humanidade são as seguintes:

1. Nunca houve um Salvador.

2. Lute por cada centímetro de terra e aproveite cada pedacinho que conseguir.

3. O silêncio é de ouro, a palavra é de prata, e quem fala muito erra muito.

4. Um grande homem sabe quando ceder e quando avançar.

5. Nunca esbofeteie outras pessoas ou as repreenda por suas deficiências.

6. Viva a vida no piloto automático.

7. Representantes do governo não dificultam as coisas para aqueles que trazem presentes.

8. O sacerdote escala uns trinta metros, mas o diabo escala mil.

9. Um amigo a mais significa um caminho a mais; um inimigo a mais significa um obstáculo a mais.

10. Mais filhos, mais bênçãos.

11. Quanto menos problemas, melhor.

12. A vida é curta. Desfrute dela enquanto pode.

13. Os corajosos morrem de glutonaria; os tímidos, de inanição.

14. Palavras são apenas vento; ver é crer.

15. Um açougueiro se torna um Buda no momento em que deixa cair o cutelo.

16. Pense antes de falar e então fale com reservas.

17. Cada um varre a neve de suas própria porta; não se incomoda com a geada no telhado do vizinho.

18. Cada pessoa é responsável pelo destino de seu país.

19. Ímpios temem demônios e demônios temem diabos

20. Deve-se honrar os antepassados.

21. Os bons morrem jovens, ao passo que os maus vivem mil anos.

22. Assim como pernas ágeis fazem um bom cavalo, uma língua perspicaz faz um bom homem.

23. É melhor ter uma língua perspicaz do que ter braços e pernas fortes.

24. Uma mentira se tornará verdade se for repetida dez mil vezes.

25. Mesmo um tigre feroz não irá devorar seus filhotes.

26. Todo mundo engana. Vence aquele que evita ser pego.

27. Nunca é tarde demais para um cavalheiro se vingar.

28. Não ter uma palavra só.

29. Professores são os engenheiros da alma humana.

30. Dinheiro não é tudo, mas, sem ele, você não consegue fazer nada.

31. Dinheiro primeiro e o cliente é rei.

32.Calar diante das falhas de bons amigos ajuda a criar uma amizade boa e duradoura.

33. Ciência é verdade.

34. Quanto vale a consciência?

35. Enterre-se nos clássicos e ignore o que ocorre além do seu entorno imediato.

36. Assim como uma mente pequena não faz um cavalheiro, um homem de verdade não está livre de peçonha.

37. O céu é injusto.

38. O céu não tem olhos.

39. Deve-se receber crédito pelo trabalho árduo, não por mérito.

40. O destino de uma pessoa em suas próprias mãos.

41. Comida é Paraíso para as pessoas.

42. Quando a ignorância é bem-aventurança, ser sábio é tolice.

43. Você tem mil estratégias e eu tenho meus princípios básicos.

44. Os maus preferem matar mil inocentes do que poupar um inimigo em potencial.

45. Prefiro trair do que ser traído.

46. Quanto mais alto, maior a queda. Estar no topo é solitário.

47. Algumas autoridades estão procurando apenas o número um, não o público.

48. O prego que se destaca é martelado.

49. O poder político nasce do cano de uma arma.

50. Aquele que tem grande poder não consegue derrotar um vilão local.

51. Cada um por si e o demônio fica por último.

52. O homem fará de tudo para ficar rico.

53. Aproveite o dia de prazer, pois a vida é curta.

54. Assim como uma árvore vive com sua casca, o homem vive com a sua face.

55. Homens não são santos; como podem não ter falhas?

56. O homem não é inanimado; como pode não ter emoções?

57. O homem pode conquistar a natureza e lutar contra o céu e a terra.

58. Todos põem cargas nas costas de um cavalo manso.

59. Não atacaremos a menos que sejamos atacados; se formos atacados, certamente contra-atacaremos.

60. Um homem deixa seu nome onde quer que passe, assim como um ganso deixa seu grito onde quer que voe.

61. A humanidade faz história.

62. O comprometimento tornará um conflito muito mais fácil de resolver.

63. Não adianta decapitar um homem executado; seja piedoso sempre que possível.

64. O assassino deve pagar com a sua vida, mas aquele que persuade alguém até a morte não precisa pagar com a vida.

65. Enquanto as autoridades superiores têm políticas, as localidades têm suas contramedidas.

66. Os homens devem sempre se empenhar para serem melhores do que seus contemporâneos.

67. A legitimidade pertence ao vencedor; os perdedores estão sempre errados.

68. Um homem sábio se submete a circunstâncias.

69. O sangue é mais espesso que a água.

70. Deixe as coisas seguirem se não afetarem alguém pessoalmente; cale-se para sua autoproteção e busque somente fugir da culpa.

71. Estudando você chegará ao sucesso e a sorte virá.

72. Use palavras boas, em harmonia com o sentimento e a razão do outros, já que ser franco aborrece.

73. Aqueles que se submetem a mim prosperarão; aqueles que a mim resistem perecerão.

74. Pode-se fazer o que quiser sem medo de interferência.

75. Eu sou meu próprio senhor nos céus e na terra.

76. O céu é o maior Rei e eu sou o segundo maior Rei.

77. Colocamos fé nos profetas distantes, não naqueles que conhecemos.

78. Ser um estudioso é estar no topo da sociedade.

79. Faça um compromisso para preservar sua própria existência.

80. Eu sou um gângster; não temo ninguém.

81. A falta de tolerância em pequenas questões atrapalha os grandes planos.

82. O oficial do município não pode mandar nas pessoas como o oficial local pode.

83. Aquele que tem o coração mole sofrerá desastres.

84. Você deve ganhar sua própria felicidade.

85. Uma pessoa tola entrando em um templo faz mais reverência e fala menos – sem culpa.

86. Quando uma pessoa é promovida a uma posição mais alta e influente, ela leva boa sorte aos seus familiares.

87. O poder final em última instância corrompe.

88. Diga “eu não sei” a qualquer pergunta e você estará a salvo de qualquer reprovação.

89. Aquele que pode tirar vantagem dos outros, mas não o faz, é um desgraçado.

90. Pode-se ter qualquer coisa menos doença, e pode-se ficar sem nada, menos sem dinheiro.

91. Use o poder enquanto você tiver, porque, depois que ele acaba, você não pode usá-lo.

92. Quem me dá dinheiro é meu pai, e quem me alimenta é minha mãe.

93. O dinheiro move o mundo.

94. Um grande homem é magnânimo.

95. O Criador ludibria o homem.

96. A religião é o ópio das massas.

97. Extermine as raízes e galhos antes que o problema se espalhe.

98. Conhecimento é poder.

99. Faça-se de cego para as coisas.

100. Uma grande recompensa fará os corajosos se aproximarem.

As 150 toxinas do grande dragão vermelho da humanidade corrupta mais frequentemente reveladas são as seguintes:

I. O aspecto da toxina do grande dragão vermelho de negar a Deus e duvidar Dele

1. De alguma forma, a existência de Deus parece ilusória ao homem. Sua crença em Deus é condicionada à visibilidade. Como os atos de Deus são invisíveis, sua crença é indecisa;

2. Ele tem dúvidas sobre a onipotência e o domínio de Deus, porque vê apenas os atos injuriosos e perversos do diabo Satanás, o grande dragão vermelho, contra o céu ao resistir a Deus de modo ostensivo e insano;

3. Acredita apenas que o destino está em suas próprias mãos, mas não acredita que Deus domina tudo. Portanto, só pode depender de seus próprios esforços para buscar a felicidade;

4. Acredita apenas que todos os seus bens são adquiridos através do seu trabalho árduo. Não os vê como os decretos, dádivas e bênçãos de Deus;

5. Considera como Deus qualquer um capaz de salvá-lo de desastres e da morte. Valoriza mais a vida do que o céu;

6. Reconhece a existência de Deus apenas quando o Espírito Santo está operando nele. Caso contrário, duvida da existência de Deus e se torna pessimista e retraído;

7. Não se interessa em praticar a verdade e obedecer à obra de Deus porque não vê a bênção de Deus. Portanto, não tem motivação, duvida de Deus e perde a fé;

8. Acredita apenas que o Deus celestial governa sobre tudo e que o Deus prático na terra só pode operar por meio da fala. Não conhece a essência divina de Cristo;

9. Sem milagres, não há Deus. Ele O reconhece apenas por meio de milagres e maravilhas, mas não consegue entender que Sua onipotência é Sua palavra cumprindo tudo;

10. Não crê que Deus seja todo-poderoso nem que seja o verdadeiro Deus antes de Sua aparição pública. Duvida do poder e da autoridade da palavra de Deus.

II. O aspecto da toxina do grande dragão vermelho de desobedecer à obra de Deus

1. Em sua crença em Deus, ele quer sempre fazer acordos com Ele. Quer tê-Lo por perto quando é vantajoso para si. Caso contrário, afasta Deus, resiste a Ele e O nega;

2. Em períodos adversos, pede a Deus que altere as circunstâncias para socorrê-lo. Em períodos favoráveis, nutre expectativas extravagantes em relação a Deus. Se lhe dá a mão, quer o braço. Faz o que bem entende;

3. Não busca a verdade em sua crença em Deus. Está sempre atrás de conforto e prazer carnal. Cobiça status, fama, fortuna e vaidade. Crê em Deus por prazer e segurança;

4. Ao enfrentar dificuldades, olha apenas para Deus no céu, mas nunca ora para Deus na terra. Trata o Deus prático como homem;

5. Crê em Deus, mas desobedece à Sua obra. Não aceita poda nem tratamento. Recusa julgamento, castigo, provações e refinamento;

6. É sempre surdo à palavra de Deus. Nunca considera a intenção de Deus nem busca a verdade para entrar na realidade;

7. Trata apenas as palavras de Deus que consegue aceitar, que correspondem às noções do homem sobre a verdade, e desconsidera as palavras Dele que não correspondem às noções do homem;

8. Pede a Deus apenas para operar de acordo com as suas noções, para satisfação própria. Nunca busca obedecer a Deus, amá-Lo nem satisfazê-Lo;

9. Guarda em seu coração apenas homens que ocupam posições importantes e têm grande poder e fama. Adora e segue o homem sem reverenciar a Deus como maior e superior;

10. Baseia-se apenas nas noções e imaginação do homem para crer em Deus, sem aceitar a Sua palavra, a verdade. É ainda mais negligente em relação a comer e beber a palavra de Deus e não dá atenção a entrar na realidade da verdade.

III. O aspecto da toxina do grande dragão vermelho de resistir a Deus no cumprimento do dever

1. Faz exigências a Deus para cumprir seu dever e pede recompensas e bênçãos por se despender, fazer algum sacrifício e sofrer um pouco por Ele;

2. Ao cumprir seu dever, quer sempre ostentar engenho e superioridade e emprega artimanhas novas para exibir sua habilidade, mas não dá atenção a praticar a verdade e agradar a Deus;

3. É arbitrário, licencioso e desinibido no cumprimento do dever. Faz o que bem entende e busca sua suposta liberdade;

4. Quer se vangloriar da pouca lealdade que demonstra. Dá testemunho de si mesmo por toda parte para obter grande prestígio. Deseja ser superior e quer que Deus saiba quando faz alguma contribuição;

5. Invariavelmente trapaceia no cumprimento do dever, do começo ao fim. Tenta ser o portador de boas notícias ao ocultar más notícias. Sempre engana a Deus com ações superficiais, sem se arrepender;

6. Faz tudo em nome da família de Deus para que as pessoas o aceitem e obedeçam a ele. Faz as coisas em benefício próprio e não das pessoas escolhidas por Deus;

7. Depois de fazer algo prático para a igreja e se dedicar um pouco a Deus, posa de superior e se insubordina contra todos. Exige até mesmo grandes fortunas e bênçãos de Deus;

8. Contenta-se em realizar algumas boas ações e deveres para a família de Deus para provar que realmente crê Nele, mas não deseja ganhar a verdade nem ser aperfeiçoado por Ele;

9. Cumpre seus deveres apenas para obter benefícios e bênçãos para si, não para praticar a verdade, obedecer a Deus nem ganhar a verdade e a vida;

10. Não cumpre seu dever para retribuir o amor de Deus. Desfruta da graça de Deus, mas seu coração não é agradecido. Concentra-se apenas na recompensa e bênçãos finais.

IV. O aspecto da toxina do grande dragão vermelho de odiar e detestar a verdade

1. Crê em Deus fazendo esforços superficiais e seguindo os outros. Não estuda o verdadeiro caminho nem busca a verdade. Não crê em Deus para ganhar a verdade e a vida;

2. Em relação à palavra de Deus, contenta-se meramente em compreender doutrinas. Não busca a verdade para conhecer a obra de Deus e tudo o que Ele tem e é;

3. É indiferente à obra e à salvação de Deus. Faz vista grossa sempre que pode. Não busca a verdade nem o conhecimento de Deus;

4. É incapaz de ter devoção sincera à obra de Deus ou de se dedicar inteiramente. Está sempre calculando qual destino e desfecho terá;

5. Crê em Deus apenas em termos conceituais. Ainda está investigando a Bíblia e sondando conceitos e imprecisões. Não consegue acompanhar os passos de Deus;

6. É sempre cético sobre a palavra de Deus. Só crê plenamente naquilo que corresponde às suas noções e imaginação. Nega e renuncia qualquer coisa que não corresponda às suas noções e imaginação;

7. Considera sempre o Deus no céu como supremo e o Deus na terra como insignificante, tratando-O como um homem. Não entende o significado da encarnação;

8. É seletivo ao comer e beber as palavras de Deus. Gosta apenas de Suas palavras de bênção e promessa. Não gosta de Suas palavras sobre julgamento, punição, poda e tratamento;

9. Trata como verdade apenas as palavras de Deus que consegue aceitar e praticar, mas nega todas as Suas palavras que não está disposto a aceitar e praticar;

10. Sua fé em Deus se concentra apenas na busca de compatibilidade com o Deus vago, não na busca de compatibilidade com o Deus encarnado prático – Cristo.

V. O aspecto da toxina do grande dragão vermelho de ser arrogante e irracional

1. Sua fala é sempre vulgar e irrealista. É particularmente vaidoso e hipócrita. Não reflete sobre si mesmo, por mais que ele contradiga a realidade da verdade;

2. Gosta de ouvir elogios, mesmo que sejam irrealistas, mas não gosta de ouvir palavras duras, mesmo quando condizem com a verdade;

3. Nunca aceita poda nem tratamento, mesmo se o que as pessoas digam seja consistente com a verdade. Nega-os e os rejeita com medo de perder a dignidade e o prestígio;

4. Frequentemente se promove, se vangloria e exagera. Insiste sempre que tem o que não tem e que está certo quando está errado. É particularmente arrogante e hipócrita;

5. Com um pouco de compreensão das doutrinas, um pouco de experiência e a capacidade de pregar um sermão curto, presume que tem a verdade e que foi aperfeiçoado. Portanto, não é subordinado a ninguém;

6. Não admira a humildade de Cristo em seu coração, mas adora o falso pastor e o anticristo que são dotados. Ouve somente o homem, o segue e desobedece a Deus;

7. Recusa-se a aceitar o julgamento e o castigo da palavra de Deus. É um animal intocável. Trata quem o acusa, o expõe e critica como inimigo;

8. É teimoso. Considera sua própria imaginação e o que acha correto ou bom como a verdade e faz com que os outros os aceitem e reconheçam;

9. Nega e rejeita qualquer coisa que os outros digam, por mais que condiga com a verdade e possua a iluminação e o esclarecimento do Espírito Santo. Acredita que só ele está certo e possui a verdade;

10. Não aceita a liderança e o serviço de nenhum homem. Apenas espera que Deus conduza pessoalmente, como se ouvisse somente a Deus, mas, na verdade, não pratica a palavra de Deus, a verdade.

VI. O aspecto da toxina do grande dragão vermelho de seguir a senda própria e errada e negligenciar os seus deveres

1. Ele se satisfaz em compreender letras e doutrinas. Supõe que ganhar a admiração dos outros ao operar e pregar sermões o qualifica a ser um crente que receberá a salvação de Deus;

2. Exige sempre que os outros pratiquem a verdade, mas ele mesmo não a pratica. É exigente com os outros, mas complacente com si mesmo;

3. Não gosta da verdade e busca constantemente status, fama e fortuna. Além disso, cobiça dinheiro e venera poder. Prefere ser servo do mal a ser servo da verdade;

4. Não examina nem leva a sério sua maneira de crer em Deus. Em vez disso, sempre dá atenção especial ao desfecho de seu destino em todo pensamento;

5. Quer ganhar a verdade, mas não quer suportar as adversidades. Pagaria qualquer preço, incluindo ir para o inferno, na busca por fama e fortuna, especialmente na defesa de status e poder;

6. Prefere ser eliminado e ir para o inferno a falar a verdade, a fazer coisas práticas e ser uma pessoa honesta. Simplesmente segue seu próprio caminho e despreza a vida e a morte. Prefere morrer a ceder;

7. Seus juramentos a Deus e sua determinação são dissimulação. Porém, por trás da encenação, não pratica verdade nenhuma, muito menos quer cumprir bem o seu dever para agradar a Deus;

8. Não busca a verdade em sua crença em Deus. Está sempre negociando com Deus e quer usá-Lo. Seu relacionamento com Ele não passa de uma evidente relação de interesses;

9. Concentra-se apenas em beber e comer bem. Equipara-se aos outros na gastronomia, nos trajes e na diversão, mas não se equipara a eles na busca da verdade e na entrada na realidade da verdade;

10. Nunca dá atenção a comunicar a verdade e a conhecer a si mesmo. Evita se expor e se dissecar, fingindo assim ter altos padrões morais e prestígio.

VII. O aspecto da toxina do grande dragão vermelho de ser hipócrita, desonesto e enganoso

1. É desonesto. Age de uma maneira na frente das pessoas e de outra por trás. Diz coisas agradáveis e faz as piores coisas. Sua aparente humildade e paciência disfarçam sua natureza insidiosa;

2. Desconfia dos outros devido à sua própria inconfiabilidade. Desconfia dos que praticam a verdade, do homem usado pelo Espírito Santo e até mesmo de Deus;

3. Gosta de aparentar uma natureza dócil e se rebelar secretamente. É hipócrita e enganoso. Frequentemente dá falso testemunho ou até mesmo inventa mentiras disfarçadas de verdade para enganar os outros;

4. Não gosta da verdade, mas finge praticá-la. Na frente das pessoas, diria algo sobre conhecer a si mesmo e buscar a verdade em coisas fúteis;

5. Suas orações a Deus são sempre palavras cativantes para adular a Deus, mas não O adora nem O agrada de verdade;

6. Pratica a piedade e a paciência externamente apenas para agir como um verdadeiro homem. Não tem um pingo de realidade da verdade, pratica a hipocrisia e faz de tudo para se disfarçar;

7. Preocupa-se com sua fala e comportamento apenas para agir como um verdadeiro homem, não pratica a verdade nem tem transformação em seu caráter, mas, mesmo assim, quer ser aprovado e abençoado por Deus;

8. Não pratica um mínimo de verdade e até mesmo usa sofisma para se explicar. Compra corações e mentes com pequenos favores para preservar o status e a reputação;

9. Fala cartas e doutrinas e falsidade para enganar os outros. Passa falsas impressões para esconder os fatos. Induz os outros a supor que é excepcional ao parecer insondável;

Deixe as coisas acontecerem se elas não o afetam pessoalmente; fica quieto para se proteger e procura apenas se livrar da culpa.

VIII. O aspecto da toxina do grande dragão vermelho de não gostar da verdade e agir descontroladamente

1. Aprecia e valoriza apenas pessoas que sabem adular e seduzir, mas odeia e rejeita pessoas honestas que falam a verdade e fazem coisas práticas;

2. Assim que pratica um pouco de verdade e obediência, assume um ar de superioridade. Quando obtém o mínimo resultado em seu trabalho, torna-se tão arrogante que enaltece a si mesmo e perde a consideração por Deus;

3. Quer sempre encontrar Deus frente a frente. Quando vê Deus em ação, fica ansioso para agir como um vanguardista por receio de não ser notado e recompensado por Deus;

4. Não tem amor por irmãos e irmãs. Dedica-se a intrigas, desconfiança e conflitos públicos e secretos. É incapaz de se relacionar bem com os outros de uma maneira normal;

5. Concentra-se apenas em ser piedoso com os pais e a conviver no amor familiar, mas detesta praticar a verdade para obedecer e adorar a Deus. É injuriosamente rebelde;

6. Não busca a verdade para entrar na realidade. Em vez disso, examina a obra da família de Deus, procurando pelo em ovo;

7. Apesar de seus atos temerários e maldosos, espera se livrar da expulsão. Se for rejeitado e abandonado, ficará amargamente ressentido e se dedicará à resistência negativa. É demasiadamente irracional;

8. Em sua crença em Deus, nunca considera a palavra de Deus como a verdade, mas crê na filosofia, nas regras, na lógica e nos supostos princípios de sabedoria de Satanás;

9. “Contanto que eu não tenha cometido homicídio, incêndio doloso, roubo ou adultério, não sou uma pessoa maligna. A igreja não tem o direito de me expulsar”. É demasiadamente irracional;

10. “Creio em Deus há muito tempo e sofri mais do que os outros. Compreendo mais sobre a verdade. Deveria ser escolhido como líder. Caso contrário, é injustiça”.

IX. O aspecto da toxina do grande dragão vermelho de ser egoísta, desprezível e obcecado por prazeres carnais

1. A natureza humana é tomada pelo caráter satânico inteiramente egocêntrico, egoísta e desprezível, mas o homem sempre se supõe virtuoso e superior aos outros;

2. O homem é por demais egoísta. Luta por fama e fortuna e seu próprio sustento. Não liga a mínima para os irmãos e as irmãs e menos ainda deseja ter consideração pela intenção de Deus;

3. Nunca entrega o coração a Deus. Teme constantemente o sofrimento carnal e a perda do prazer. Não busca um mínimo de verdade. Não compreende a Deus e até mesmo O interpreta mal;

4. Faz sempre muitas exigências a Deus e tem desejos extravagantes em relação a Ele, isto é, quer ganhar a verdade sem experimentar a obra de Deus. É demasiadamente insensível;

5. O homem não ama a verdade. Não considera Deus grande. Chega a amar seus filhos e cônjuge acima de tudo e vive sob o império de Satanás;

6. Sua única preocupação ao seguir a Deus é se conseguirá receber bênçãos e evitar desastres. Ao se deparar com provações e refinamento, recua negativamente e reclama;

7. As pessoas agem principalmente para obter benefícios e bênçãos para si. Agem muito pouco para exercer a vontade de Deus e obedecer e satisfazer a Ele;

8. O egoísmo do homem é demasiadamente grande. Faz o diabo para desfrutar o que encontra pela frente e buscar lucros. Põe lucros acima da verdade;

9. Ele não gosta da verdade. Não pratica a palavra de Deus, mas se agarra à filosofia de Satanás e segue a regra satânica de “obter vantagem sem correr risco”;

10. Não considera os que realmente creem em Deus como pessoas queridas, mas trata seus parentes de sangue como os mais queridos. Não tem a menor realidade da verdade.

X. O aspecto da toxina do grande dragão vermelho de buscar fama e status

1. Com um pouco de status, é obcecado por aproveitar o benefício do status e não faz nenhum trabalho prático. Contenta-se em falar sobre teorias e distribuir ordens para lidar com as pessoas escolhidas por Deus;

2. Prefere ir ao inferno para poder desfrutar os benefícios do status a perder um fio de cabelo para ganhar o elogio de Deus;

3. Quer o braço inteiro quando lhe dão a mão. Depois de ganhar status, quer até mesmo desfrutar uma posição de igualdade com Deus. Em seu desejo pelos benefícios do status, luta para manter seu status por temer a ruína no futuro;

4. Como líder da igreja, quer que as pessoas escolhidas por Deus se mobilizem em torno dele. Sua prática é centrada em si mesmo e trata as pessoas escolhidas por Deus como escravos e objetos de dominação;

5. Permite apenas que os outros o elogiem, mas proíbe que façam qualquer tipo de revelação ou crítica. Dedica-se sempre à falsidade e a coisas que não têm nada a ver com a verdade, mas supõe que está se despendendo por Deus e cumprindo seus deveres;

6. Depois de ganhar status, não faz nenhum trabalho prático nem resolve nenhum problema prático. Apenas desfruta o benefício do status com total desconsideração pela vida dos outros. Não tem consciência alguma;

7. Não dá atenção a resolver problemas com a verdade. Dá atenção apenas a seguir formalidades e cerimônias sem buscar resultados práticos. Cumpre seus deveres de maneira superficial para enganar a Deus;

8. Sua natureza corrompida é tomada pelo caráter de Satanás. Preocupa-se apenas em alcançar a posição mais alta e ser o número um. Recusa-se a ser inferior ou subordinado a alguém. Nunca obedece aos outros;

9. “Desde que me tornei o líder, a minha palavra é sempre definitiva e as pessoas devem obedecer. Caso contrário, não serei o líder. Não posso funcionar sem poder”;

10. Ao conquistar uma posição de certa importância e aprender a falar algumas teorias literais, age de forma arrogante e ilegal, tratando todos com desprezo.

XI. O aspecto da toxina do grande dragão vermelho que torna o homem tão fraco que ele consegue apenas sobreviver ignobilmente

1. Ele vive sem ambição, perseverança nem motivação. Muitas vezes se retrai de maneira pessimista, entrincheirado numa mentalidade escrava;

2. Confrontado com a verdade, é sempre covarde, incompetente, desprezível e frágil. Não abomina as forças das trevas. Carece de coragem para renunciar à escuridão em favor da luz;

3. É sempre tímido e temeroso de ser humilhado. Preocupa-se tanto com a sua decência que não tem coragem de se expor e se analisar. A prática da verdade é algo muito difícil para ele;

4. Sua dignidade é mais importante do que qualquer outra coisa. Pode recusar a poda, o tratamento, o julgamento e o castigo. Sua dignidade e decência estão acima de tudo;

5. Em períodos favoráveis, é declaradamente determinado. Quando se depara com adversidades, tudo é desprezado, e ele tem inveja de Deus e resiste a Ele;

6. Não tem amor verdadeiro por Deus. Quando as circunstâncias são confortáveis ou lucrativas, é totalmente obediente a Deus. Após contratempos e fracassos, reclama de Deus;

7. Quer ser salvo apenas por crer em Deus, mas não suporta nenhuma dor ou refinamento para obter a verdade e a vida. Quer entrar no reino por meio da simples compreensão de doutrinas;

8. As pessoas demonstram um pouco de amor a Deus por medo de punições, não porque busquem a verdade, o conhecimento de Deus e o verdadeiro amor a Ele;

9. Ela dá atenção apenas a cuidar do marido e filhos e ser uma boa esposa e mãe, mas ignora a entrada na realidade da verdade. No entanto, mesmo assim deseja as bênçãos e os elogios de Deus;

10. Ele não progride sem o apoio de alguém. É pessimista diante da menor adversidade. Convalesce longamente de doenças leves. Quando sofre um pequeno revés, queixa-se excessivamente.

XII. O aspecto da toxina do grande dragão vermelho de servir a Deus, mas resistir a Ele

1. Ele dá atenção à fama, à fortuna e ao status e gosta de se dedicar à falsidade, à grandiloquência e à pompa. É excessivamente ambicioso, imaginoso e distante da realidade da verdade;

2. Adora Paulo em especial e gosta de pregar, principalmente sermões intelectuais. Exibe seu conhecimento e talento para que as pessoas o admirem, o estimem e o sigam;

3. Considera a pregação como o seu dever maior. Dá atenção a preservar a sua imagem e o seu prestígio para se tornar o “chefe” da família de Deus;

4. Serve a Deus sem exaltá-Lo nem dar testemunho Dele. Quer sempre fazer coisas grandiosas, dar passos largos e realizar trabalho de alta qualidade para que Deus o tenha em alta estima, sendo assim recompensado e abençoado;

5. Na função de líder da igreja, não liga a mínima para a intenção de Deus. Em vez disso, está sempre preocupado com o seu próprio status aos olhos dos outros e com a opinião das pessoas sobre ele;

6. Serve a Deus com seu instinto natural. Acredita sempre que seu próprio gosto e vontade são o que Deus quer e o que O agrada. Quer sempre representar a Deus;

7. Depois de trabalhar como líder por vários anos, sente que é tão capaz que todos devem obedecê-lo e ouvi-lo, como se Cristo e Deus vivessem nele;

8. Quando consegue comunicar um pouco da verdade ao ter um pouco da obra do Espírito Santo, supõe que seja praticamente comparável a Deus. Despreza todo mundo e deseja desfrutar do status de Deus;

9. Quando alcança status na família de Deus, considera-se superior a qualquer um, acha que deveria desfrutar mais do que qualquer um e quer receber cem vezes mais neste mundo;

10. Não resolve problemas com a verdade, apenas lida com os problemas de acordo com doutrinas, regras e regulamentos. Faz o que bem entende de acordo com preferências emocionais, apenas para preservar seu status e poder.

XIII. O aspecto da toxina do grande dragão vermelho de julgar a obra de Deus e resistir a ela

1. Ele sempre delimita a obra de Deus, muitas vezes dizendo: “Deus não opera assim ou assado, Deus só pode fazer as coisas desta ou daquela maneira”;

2. Compara sempre a palavra e a obra de Deus com seu próprio conhecimento e doutrinas, certo de que a profundidade e a extensão de seu conhecimento são nada menos do que os da verdade;

3. Está sempre alerta e cético em relação à obra e à liderança da família de Deus. Não crê nos efeitos da obra de Deus nem na existência da verdade;

4. Nunca exalta a Deus nem dá testemunho Dele. Fala apenas sobre cartas e doutrinas e dá falso testemunho para enganar as pessoas, tentando estabelecer sua própria imagem como objeto de obediência e adoração das pessoas;

5. É sempre ciumento e rancoroso em relação aos que têm a realidade da verdade e os trata com cinismo, ao mesmo tempo em que desdenha e reprime completamente os que não têm a realidade da verdade;

6. É ciumento e odioso em relação aos que ocupam posições elevadas, ao ponto de atacá-los e julgá-los, ao mesmo tempo em que despreza e rejeita os que não têm status, tratando-os como seres não humanos;

7. Desconfia sempre que, na família de Deus, nem Ele nem a verdade tem o poder, mas sim a humanidade corrupta e a sua obra. Não enxerga a obra de Deus;

8. Sempre desconfia e discorda do homem usado pelo Espírito Santo. Não consegue verdadeiramente aceitar e obedecer ao arranjo de trabalho e aos sermões comunicados do alto;

9. É por demais meticuloso e crítico em relação à obra do homem usado pelo Espírito Santo. Não vê o uso que o Espírito Santo faz dele;

10. Acha sempre que a obra da família de Deus é realizada pelo homem, que o povo escolhido de Deus está seguindo e obedecendo ao homem em vez de obedecer à obra de Deus.

XIV. O aspecto da toxina do grande dragão vermelho de percorrer teimosamente a senda do anticristo

1. Com pouco dom e conhecimento, ele acredita que, de tão honrado, é o filho favorito de Deus, como se estivesse apenas um pouco abaixo Dele;

2. Com um pouco de status e conhecimento, tenta se exibir e se exaltar o máximo possível. Mal pode esperar para ser tratado como Deus pelos outros;

3. Serve a Deus nominalmente, mas, na verdade, está cuidando de seus próprios interesses, preservando o seu status e poder e trabalhando duro para si mesmo;

4. À medida que seu status aumenta, aumentam suas exigências a Deus. Está tão tomado por desejos extravagantes que não tem consideração pela vida das pessoas escolhidas por Deus;

5. Depois de trabalhar por muitos anos, quanto mais compreende as doutrinas, mais disfarçadas e ardilosas se tornam suas exigências a Deus. Está sempre tramando malignamente para espionar as intenções de Deus;

6. Considera-se sempre mais importante e melhor do que os outros, e, portanto, não se submete a ninguém. É um “rei” na família de Deus, a quem todos devem obedecer e ouvir;

7. Seu desejo por status é insaciável. Quer sempre ser uma figura importante numa alta posição, acima de milhões e abaixo de apenas um. Não está disposto a ser humilde;

8. Tendo um pouco de conhecimento, quer estar acima dos outros. Ao crer em Deus, exige ser um líder. Caso contrário, não cessará de reclamar e culpar a Deus pela injustiça;

9. Na família de Deus, obedece apenas a certas pessoas ou somente a Deus e se recusa a obedecer ao resto. É sua própria lei;

10. Segue a filosofia de Satanás de que nada de grandioso pode ser realizado sem mentiras e espalha boatos e difamações contra os outros para obter vantagem e construir um reino independente.

XV. O aspecto da toxina do grande dragão vermelho de resistir a Deus diretamente

1. Ao passar por poda e tratamento por haver cometido incalculáveis ações maldosas, ainda consegue distorcer os fatos e virar a realidade do avesso com mentiras, sofismas, alarmes falsos e queixas de injustiça;

2. É pomposo e grandiloquente e tem ciúme da virtude e inveja do talento. Procura ampliar seu poder e impor seus direitos no reino, erradicando dissenso e formando quadrilhas por motivos egoístas;

3. A fim de atacar os outros e deixá-los em posições desesperadoras, recorre sempre a acusações indiretas, incriminando os outros, transferindo culpa a eles e tendo prazer na morte de outros;

4. A fim de prejudicar e retaliar os outros, ele os condena arbitrariamente, distorcendo fatos e incriminando-os. Não lhe faltam justificativas para atribuir culpa aos outros;

5. Quanto mais alta a posição que alcança como líder, mais arrogante e opressor se torna. Quer controlar o mundo sozinho e luta para alcançar igualdade com Deus;

6. Ao obter status, impõe a seguinte regra: “Aqueles que se submetem a mim prosperarão; aqueles que a mim resistem perecerão”. “Eu sou o melhor do mundo”, não permitindo que ninguém o desafie;

7. Por mais que tenha desfrutado a graça de Deus, nunca pensa em retribuir. Ao enfrentar um pouco de poda ou tratamento, ou contratempos, sua frustração se transforma em raiva e se vinga até mesmo da família de Deus;

8. Depois de experimentar a obra de Deus por alguns anos, não sente o mínimo amor a Ele. Se enfrentar adversidades ou for preso, trairá os líderes e colaboradores da igreja;

9. “Contanto que eu creia em Deus, não posso ser expulso, independentemente da natureza da minha crença ou de quantos atos maldosos eu tenha cometido. Se eu não receber bênçãos, não cessarei de causar problemas para a família de Deus”;

10. Depois de obter status, quer controlar o povo escolhido de Deus, envolvendo-se em conspirações, promovendo engano e formando quadrilhas na tentativa de estabelecer um reino independente.

As 100 filosofias e regras de Satanás e as 150 toxinas do grande dragão vermelho descritas acima são a verdadeira evidência da corrupção integral do homem e de sua condição de descendente de Satanás e prole do grande dragão vermelho. Esse é um fato que ninguém pode negar. Se alguém verdadeiramente compreender que a humanidade está de fato completamente corrompida, que a natureza satânica do homem permeia as filosofias e as regras de Satanás e as toxinas do grande dragão vermelho, então poderá realmente odiar o grande dragão vermelho e Satanás, estimar ainda mais a palavra de Deus e buscar a verdade, dar de fato as costas a Satanás e ao grande dragão vermelho e escapar completamente do poder de Satanás. A natureza da humanidade corrupta está tomada pelas filosofias e regras de Satanás e toxinas do grande dragão vermelho. Portanto, a natureza da humanidade corrupta é uma que resiste e trai a Deus. Como diz a palavra de Deus: “A natureza do homem é inerentemente hostil a Deus, pois todos os homens foram completamente corrompidos por Satanás. Nada bom pode vir de um homem corrupto em associação com Deus. Todas as ações e palavras do homem certamente irão expor a sua corrupção; e quando ele se associar com Deus, sua rebelião será revelada em todos os aspectos. O homem, então, opõe-se inadvertidamente a Cristo, engana a Cristo e rejeita a Cristo; e assim, seu estado se torna ainda mais perigoso. Se continuar, ele ficará sujeito à punição.” “O caráter corrupto do homem decorre de ele ser envenenado e pisoteado por Satanás; decorre do grave malefício que Satanás infligiu ao pensamento do homem e à sua moralidade, percepção e sentido. É precisamente porque essas coisas fundamentais do homem foram corrompidas por Satanás e são completamente diferentes de como Deus as criou originalmente, que o homem se opõe a Deus e não entende a verdade. Portanto, as mudanças no caráter do homem deveriam começar com mudanças em seu pensamento, percepção e sentido, que modificarão seu conhecimento de Deus e seu conhecimento da verdade.” “Depois de corrompido por Satanás, o ser humano se tornou uma besta: seus pensamentos se encheram de maldade e sujeira, desprovidos de bondade e santidade. Acaso isso não é o próprio Satanás?” “O motivo pelo qual o homem se opõe a Deus surge, por um lado, do caráter humano corrupto e, por outro lado, da ignorância sobre Deus e falta de entendimento dos princípios da Sua obra e de Sua vontade em relação ao homem. Esses dois aspectos se fundem na história da resistência humana a Deus.

Para crer em Deus para se salvar da influência de Satanás, o homem deve se concentrar em comer e beber a Sua palavra a fim de obter uma compreensão da verdade e ver de fato o real estado da corrupção integral do homem, a verdadeira raiz do mal e das trevas do mundo. Dessa forma, ele saberá claramente que a humanidade realmente precisa da salvação de Deus, do autoconhecimento e da autorreflexão. O autoconhecimento é alcançado pela busca da verdade. O homem conhecerá de fato a si mesmo quando realmente compreender a verdade. Portanto, compreender a verdade é a base para conhecer a si mesmo. Os que não buscam a verdade nunca conhecerão a si mesmo. Pois veja as pessoas arrogantes e insensíveis na família de Deus que querem até mesmo disputar o poder na igreja e competir com Deus pelas Suas pessoas escolhidas. Todas fazem isso porque não buscam a verdade e entram na senda do anticristo. Veja os abomináveis falsos líderes e anticristos: nenhum deles é alguém que realmente compreende a verdade ou conhece a si mesmo, alguém que verdadeiramente se despende e faz a sua parte para Deus, alguém que é fiel a Ele, alguém que realmente faz coisas práticas para Suas pessoas escolhidas ou alguém com consciência que pode resolver problemas práticos. A razão pela qual essas pessoas obstinadamente percorrem a senda do anticristo deve-se inteiramente ao seu desinteresse pela verdade e seu ódio a ela. Os que estão tomados pela filosofia de Satanás e pela toxina do grande dragão vermelho são descendentes autênticos do grande dragão vermelho e de Satanás. Como diz a palavra de Deus: “As manifestações do grande dragão vermelho são resistência a Mim, falta de entendimento e de compreensão do significado de Minhas palavras, frequente perseguição a Mim, e tentativa de uso de esquemas que interrompam Minha gestão. Satanás se manifesta das seguintes maneiras: lutando Comigo por poder, querendo possuir Meu povo escolhido, e divulgando palavras negativas para enganar o Meu povo. […] O grande dragão vermelho do qual falo não é um grande dragão vermelho; em vez disso, é o espírito maligno que se opõe a Mim, e para ele ‘grande dragão vermelho’ é um sinônimo. Assim, todos os espíritos com exceção do Espírito Santo são malignos e também pode-se dizer que são a prole do grande dragão vermelho. Tudo isso deveria ser cristalino para toda e qualquer pessoa.” Os que verdadeiramente creem em Deus e buscam a verdade deveriam aprender com os fracassos dos falsos líderes e do anticristo. Se o homem não buscar a verdade e abandonar sua carne, será suscetível de resistir a Deus a qualquer momento, tornando-se involuntariamente um demônio abominável e se expondo ao castigo de Deus. Como o homem tem a natureza de Satanás, com base na essência da humanidade corrupta, sua disposição corrupta tende a resistir e se opor a Deus. Se o homem não orar a Deus constantemente nem realmente confiar Nele para abandonar a carne e vencer Satanás, dificilmente será salvo da influência de Satanás. Não é uma simples questão de escapar do embaraço e controle da natureza de Satanás. Se o homem não obedecer à obra de Deus, não comer e beber Sua palavra, não orar de fato a Deus nem interagir com Ele, facilmente fará muitas coisas contra Deus e entrará na senda do anticristo.

A natureza satânica do homem é uma natureza que resiste e trai a Deus. A natureza satânica do homem é um tumor pernicioso composto pela filosofia de Satanás e todos os tipos de toxinas do grande dragão vermelho. Quanto mais dessas toxinas uma pessoa acumular por dentro, mais insana e ferozmente resistirá a Deus e mais brutalmente reprimirá e perseguirá as pessoas escolhidas por Deus. Por que o homem sempre pratica o mal contra Deus quando crê Nele? Por que intimida e reprime as pessoas escolhidas por Deus quando tem status e resiste a Ele, ao mesmo tempo em que O serve? Por que os crentes em Deus adoram Paulo e, inadvertidamente, entram na senda do anticristo? É basicamente porque eles têm por dentro demasiadas filosofias de Satanás e toxinas do grande dragão vermelho. Nos falsos líderes e anticristos podemos ver exemplos típicos da vida real do reinado demoníaco do grande dragão vermelho, e nos anticristos podemos ver as dez variedades mais comuns de toxinas do grande dragão vermelho que representam integralmente a imagem do grande dragão vermelho:

1. Seus princípios são: “Eu sou o número um no mundo. Não obedeço a ninguém. Quem se submeter a mim prosperará; quem me desafiar perecerá. Eu não sigo leis e ajo de acordo com minhas próprias regras”.

2. É imoderadamente arrogante. Gosta de se gabar, exagerar e se vangloriar. Empenha-se para estabelecer a própria imagem para que as pessoas o adorem como Deus.

3. Luta contra o céu, a terra e as pessoas. Deseja subjugar, possuir e explorar os homens em benefício próprio, para que sejam lacaios e ferramentas do diabo.

4. É especificamente hostil a Deus e age perversamente contra o céu e a humanidade. Defende o mal e promove heresia para enganar as pessoas escolhidas por Deus e torná-las seus seguidores obedientes.

5. Sua obediência é externa, mas sua rebeldia é inerente. Espalha falácias, imita a verdade, pratica a hipocrisia, luta por poder e riqueza e tenta ser comparável a Deus.

6. Tem inclinação para a grandiosidade e a mendacidade. Anseia por elogios e adulação. Proíbe os outros de falar sobre os fatos e a verdade.

7. Ataca violentamente os líderes e colaboradores em todos os níveis e os rotula de impostores que devem ser banidos, para que pessoas malignas e anticristos de todos os tipos dominem a igreja.

8. Teme imensamente a verdade no poder na família de Deus e a possibilidade de ser reconhecido e rejeitado pelas pessoas escolhidas por Deus. Faz todo o possível para impedir que as pessoas escolhidas por Deus comam e bebam a palavra de Deus e busquem a verdade.

9. Despreza particularmente o homem usado pelo Espírito Santo. Tenta usar boatos e julgamento para bani-lo e substituí-lo no controle das pessoas escolhidas por Deus.

10. Proclama sua grandeza e superioridade. Dedica-se a promover a fundação de um reino independente centrado e mobilizado em torno do anticristo e liderado por ele.

As dez variedades acima são toxinas típicas do grande dragão vermelho que representam integralmente a imagem do grande dragão vermelho. Quando um homem possuir essas dez variedades altamente tóxicas do grande dragão vermelho, ele resistirá naturalmente a Deus diretamente, julgará licenciosamente Sua obra, tentará incitar as pessoas escolhidas por Deus a afastá-Lo e rejeitá-Lo e se dedicará a fundar um reino independente para alcançar a igualdade com Deus. Esses são os fatos malignos que podem ser vistos em qualquer anticristo. Se as pessoas não buscarem a verdade nem lograrem inibir e eliminar essas toxinas típicas do grande dragão vermelho, facilmente se tornarão Satanás, o diabo, que resiste diretamente a Deus. Na verdade, o objetivo principal de buscar a verdade é resolver o problema da natureza satânica da humanidade corrupta. Especificamente, é aplicar a verdade para resolver o problema da filosofia de Satanás e das toxinas do grande dragão vermelho. A filosofia satânica do homem é composta por toxinas comuns possuídas pela humanidade corrupta, e as toxinas do grande dragão vermelho são as toxinas mais malignas contra Deus. As toxinas do grande dragão vermelho são altamente ofensivas, destrutivas e antagônicas. Representam toda a malignidade insana do anticristo contra Deus que vemos. São os matadores mais venenosos porque sua natureza é tomada por esse grande veneno mortal do dragão vermelho. Portanto, todos os membros da humanidade corrupta cuja natureza demoníaca está tomada pelas grandes toxinas do dragão vermelho devem eliminar completamente essas toxinas por meio da busca da verdade, a fim de verdadeiramente retornar a Deus, obedecer a Ele e ser verdadeiramente ganho por Ele. É uma batalha espiritual extremamente árdua. Os que carecem de determinação e tolerância para adversidades não podem vencer Satanás e escapar de sua influência. Todos os demônios anticristãos acabam sendo sequestrados por Satanás e totalmente arruinados porque seguem firmemente a senda do anticristo e não aceitam a verdade.

Ao experimentarem a obra de Deus, as pessoas escolhidas por Deus sentem prontamente que é muito difícil praticar a verdade quando o caráter de Satanás está presente. Não conseguem obedecer a Deus nem mesmo quando o desejam porque são involuntariamente controlados pelas toxinas do grande dragão vermelho. Portanto, para alcançar a transformação pela busca da verdade, devem eliminar as toxinas do grande dragão vermelho. É o imperativo para se entrar na vida. Se o homem ignorar a filosofia satânica e as toxinas do grande dragão vermelho, tratando-as de modo negligente, não alcançará a realidade na entrada da vida, o caráter transformado não passará de um desejo, e ele nunca receberá a salvação.

A senda de crer em Deus é de fato igual a remar contra a corrente: ou você avança, ou andará para trás. Na conclusão da obra de Deus, se você não for alguém que é salvo por obedecer a Deus, então certamente será Seu inimigo hostil até o fim. Há apenas duas opções com dois resultados possíveis. Não há absolutamente nenhum meio termo para escolher. As pessoas boas que buscam a verdade tornam-se cada vez melhores, enquanto as pessoas malignas que não buscam a verdade tornam-se cada vez piores. Isso cumpre a palavra de Deus: “‘Quem é injusto, faça injustiça ainda; e quem é santo, santifique-se ainda’. Os injustos vão retornar ao castigo e o santo retornará para diante do trono. Nem uma única pessoa será capaz de ganhar a Sua indulgência, nem mesmo os filhos e o povo do reino. Tudo será a justiça de Deus e tudo será a revelação de Seu caráter. Ele não mostrará solicitude para com as fraquezas da humanidade pela segunda vez”. Reexaminemos todos os aspectos das toxinas do grande dragão vermelho na natureza humana. Essas toxinas existem em praticamente todos nós. A única diferença está em seus níveis de gravidade. Se as pessoas não buscarem nem aceitarem a verdade, essas filosofias satânicas e as toxinas do grande dragão vermelho não poderão ser eliminadas e resolvidas. Consequentemente, a humanidade corrupta e sórdida não poderá receber purificação e salvação. Para resolver a filosofia de Satanás e as toxinas do grande dragão vermelho, é preciso buscar a verdade, pagar o preço e suportar muitas adversidades para compreender e ganhar a verdade. Isso é impossível sem aceitar a poda e o tratamento, sem aceitar o julgamento e o castigo de Deus, sem experimentar todos os tipos de provações e refinamentos. Essas adversidades são necessárias para o homem ganhar a verdade e a salvação sem ressalvas. Não espere ser salvo e aperfeiçoado se você não tiver terminado de suportar essas adversidades.

A busca da verdade para ganhar a vida não é, de maneira alguma, uma questão simples. Portanto, não subestime a complexidade da transformação de caráter. Um pouco de mudança e progresso não significa a transformação do caráter vida. Praticar e compreender um pouco da verdade não significa a transformação de caráter. Um pouco de conhecimento de Deus e a capacidade de realizar algum trabalho prático não representam uma transformação real de caráter. Somente quando alcançamos o verdadeiro conhecimento de Deus, tememos a Ele, aceitamos a busca por Ele em tudo, cumprimos fielmente nossos deveres, seguimos Sua vontade e temos amor verdadeiro por Ele é que podemos nos tornar pessoas cujo caráter foi verdadeiramente transformado e que são salvas e aperfeiçoadas.

Hoje em dia, a maioria das pessoas não distingue essas conspícuas 100 filosofias e regras de Satanás e 150 toxinas do grande dragão vermelho porque sua compreensão da verdade é superficial demais. Em muitos casos, não consegue encontrar o caminho para entrar na realidade da verdade nem ao menos consegue saber o que significa praticar a verdade e obedecer a Deus. Tais pessoas são as que não entraram na realidade da verdade. Algumas pessoas até dizem: “A palavra de Deus diz que o homem não tem órgãos para receber a verdade. Por que o homem está continuamente sujeito a padrões tão altos e exigências tão rigorosas? Se Deus conhece as dificuldades do homem, por que exige que o homem compreenda, aceite e pratique a verdade?” Essas pessoas não compreendem coisas espirituais. A intenção de Deus não pode ser compreendida por pessoas que leem a palavra de Deus sem buscar a verdade. Os efeitos da leitura da palavra de Deus para compreender a verdade devem ser alcançados por meio da experiência da palavra de Deus e da iluminação do Espírito Santo, em conjunto com a orientação e o pastoreio do homem usado pelo Espírito Santo. Cada uma dessas condições é indispensável. É precisamente devido à ausência de um órgão para receber a verdade que o homem deve buscar obter a obra e iluminação do Espírito Santo, que o homem deveria aceitar e obedecer à liderança e ao pastoreio do homem usado pelo Espírito Santo e praticar e experimentar sinceramente a palavra de Deus, que o homem não pode se dedicar a ações independentes, separadamente da vida da igreja. Que o homem não possui o órgão para receber a verdade é fato, mas isso não significa que ele não possa compreender a verdade. Contanto que ele receba a obra do Espírito Santo, obedeça à liderança do homem usado pelo Ele, pratique e experimente conscientemente a palavra de Deus e aceite tudo que é iluminado e esclarecido pelo Espírito Santo nas pessoas escolhidas por de Deus, poderá diretamente compreender e ganhar a verdade e entrar na realidade. Isso é evidente na experiência de vida de todos que buscam a verdade. Portanto, todas as pessoas escolhidas por Deus devem dar atenção à busca da verdade para realmente compreender a intenção de Deus sem interpretar erroneamente a palavra de Deus nem compreender erroneamente a existência de Deus. Se as pessoas persistirem em não buscar a verdade e a agir desordenadamente, certamente serão objeto de eliminação.

Os meios para o povo escolhido de Deus buscar a verdade e entrar na realidade estão agora disponíveis. Desde a publicação do arranjo de trabalho intitulado “As cem verdades que devem ser praticadas para trazer as palavras de Deus para a vida real” da última vez, agora “As filosofias e regras de Satanás e as toxinas do grande dragão vermelho devem ser resolvidas para se receber a salvação e se alcançar a transformação do caráter” foi publicado. Assim, as pessoas escolhidas por Deus têm acesso a 100 verdades que devem ser praticadas e nas quais devem entrar de forma positiva na vida real. Ao mesmo tempo, seus membros podem compreender as 100 filosofias e regras satânicas e as 150 toxinas do grande dragão vermelho que existem na natureza corrupta do homem em sua experiência de vida. Isso ajudará enormemente as pessoas escolhidas por Deus a compreender a essência de sua própria natureza satânica e a entrar na realidade da verdade. É perfeitamente capaz de levar as pessoas escolhidas por Deus à compreensão da verdade e entrada na realidade de Sua palavra. Atualmente, muitas pessoas não estão buscando a verdade de fato. Ainda estão estagnadas, frequentemente governadas por várias pessoas, eventos e coisas, e enredadas em algo alheio à verdade. Elas são realmente insensatas demais! Algumas pessoas são governadas pelos métodos errados de líderes e colaboradores individuais, e, portanto, incapazes de buscar a verdade. Algumas são dissuadidas de buscar a verdade porque veem as deficiências dos líderes da igreja. Algumas não buscam a verdade porque são governadas por suas várias transgressões no passado, resultando em desânimo. Algumas não buscam a verdade porque foram maltratadas por seus líderes ou colaboradores, resultando em pessimismo. Algumas, de modo pessimista, não buscam verdade e acusam a família de Deus de injustiça, porque consideram que os líderes ou colaboradores são inferiores a elas. Algumas relaxam passivamente e não buscam a verdade porque não se dão bem com outras pessoas no cumprimento de seus deveres. Algumas, de modo pessimista, não buscam a verdade devido à falta de efeitos no desempenho de seus deveres ou na pregação do evangelho. Algumas perdem a autoconfiança e não buscam a verdade porque foram rejeitadas pelos outros por terem cometido transgressões demais. Algumas, de modo pessimista, não buscam a verdade porque foram abominadas pelos outros e relegadas ao grupo B ou ao isolamento devido à sua falta de humanidade. Algumas não perseguem a verdade porque foram caracterizadas e expulsas como pessoas malignas e anticristos por fazer o mal para perturbar a igreja… Na verdade, é tolice e um erro que as pessoas se abstenham de buscar a verdade devido a obstáculos causados por pessoas, eventos, coisas e várias questões. Por que o homem é impedido por todos os tipos de pessoas, eventos e coisas quando é em Deus que ele crê? Na crença em Deus, deve-se crer na palavra de Deus, aceitar a verdade, entender Sua intenção e ver que Ele está fazendo o máximo para salvar pessoas com boas intenções. Mesmo se o homem puder realmente se arrepender e trair Satanás para obedecer a Deus no último instante da obra de Deus, ainda há esperança de que receberá o perdão e a salvação de Deus. A coisa mais insensata que as pessoas podem fazer é ser controladas por pessoas, eventos e coisas devido à sua ignorância do amor de Deus e falta de compreensão das boas intenções Dele, arruinando seu futuro e perdendo a chance da salvação. Essa é a coisa mais dolorosa para Deus.

Todos os que foram expulsos e punidos deveriam ter em mente que devem obedecer a qualquer tratamento arranjado por Deus. Nenhuma criatura é qualificada para desafiar o Criador. É perfeitamente justificável que o homem creia em Deus. Também é perfeitamente justificável que o homem seja punido por praticar o mal e resistir a Deus. A vontade do céu não pode ser desafiada. No entanto, é a responsabilidade e o dever do homem buscar a verdade e se arrepender dos pecados. Mesmo se não buscar nenhum destino final, deveria verdadeiramente se arrepender e preparar boas ações para redimir seus pecados. Essa é a consciência e a sensibilidade que o homem deveria ter, bem como um dever que o homem deve cumprir. Um homem que não cumpre seu dever não está qualificado para ser chamado de homem.

Na verdade, há um raio de esperança para os que foram expulsos por tomar a senda do anticristo se eles realmente se conhecerem e genuinamente se arrependerem. Se os que foram expulsos por seus atos malignos realmente se conhecerem, genuinamente se arrependerem e prepararem boas ações, isso certamente será benéfico para o seu destino. Se os que foram isolados ou expulsos realmente tiverem consciência e senso, não deveriam desistir enquanto houver um raio de esperança. Nunca devem tomar a senda inútil de ser inimigo de Deus. Por mais transgressões que um homem tenha cometido, contanto que ele possa realmente se conhecer, não irá reclamar e desafiar até o fim. Todos os que provocam o caos na igreja após serem expulsos e se queixaram da injustiça da família de Deus, que até mesmo julgam a Sua obra, são pessoas perdidas que revelam sua verdadeira natureza depois de terem sido expulsas. Se realmente tivessem consciência e senso, não desafiariam a Deus até o fim. Já vi algumas pessoas que deixaram mensagens na internet dizendo que foram expulsas, mas ainda buscam a verdade e pregam o evangelho como sempre. Algumas pessoas que realmente têm certo conhecimento sobre sua natureza e essência, admitindo que têm a natureza do anticristo. Fiquei comovido com o que disseram. Se essas pessoas puderem realmente se arrepender, isso cumprirá o ditado de que “um pródigo que retorna é muito precioso”. Isso é “um resgate de uma situação desesperadora” que agrada ao coração de Deus.

O homem deveria ter tal resolução ao experimentar a obra de Deus: para estarmos vivos um dia, deveríamos buscar a verdade e não sermos restringidos por nenhum homem, evento ou coisa. Pois é em Deus que nós cremos. Ele é o Deus onipotente e justo que salva o homem e ama o homem como a Si Mesmo. Independentemente de nossas transgressões no passado, contanto que verdadeiramente nos arrependamos e nos esforcemos para preparar boas ações, certamente poderemos receber os elogios e a aprovação de Deus. Contanto que a obra de Deus não tenha terminado um dia, devemos aproveitar a oportunidade e nunca desistir. Enquanto houver um raio de esperança, devemos fazer todo esforço possível para seguir em frente e nunca desistir de nós mesmos.

Dentre todas as pessoas malignas e anticristos que foram expulsos, algumas realmente começaram a refletir sobre si mesmas e verdadeiramente se arrependeram. Estão todas cumprindo seus deveres e preparando boas ações. Há apenas um tipo de pessoa que não pode ser salvo, isto é, o diabo anticristão Cheng Shou, de Henan. Após ser expulsa, ela se vingou da família de Deus ao romper com Sua família e se jogar nos braços do grande dragão vermelho. Não só traiu os líderes e colaboradores e uniu forças com o grande dragão vermelho para prender as pessoas escolhidas por Deus, como também ajudou a desviar muitas ofertas a Deus. Um demônio desse tipo definitivamente será amaldiçoado, punido e severamente penalizado! Dentre todos os demônios e anticristos expulsos, os que traíram os líderes e colaboradores e uniram forças com o grande dragão vermelho para prender as pessoas escolhidas por Deus são raros. Aparentemente, se tal demônio não tivesse sido expulso, seria uma bomba-relógio pronta para explodir. Como um diabo anticristão, não foi surpresa que Cheng Shou pudesse cometer um pecado tão hediondo. Sua verdadeira natureza demoníaca foi finalmente revelada. O desfecho que trará a si mesma é evidente. Não há uma segunda chance de arrependimento para tal pessoa. Deus disse algo sobre isso: “Mas o fato inegável é o seguinte: cada um de vocês é capaz de me trair e retornar ao império de Satanás, a sua esfera de influência e retornar a suas vidas antigas. Nesse momento, não lhes será possível ter qualquer resquício de humanidade ou a aparência de um ser humano como têm agora. Em casos sérios, vocês serão destruídos e, além do mais, amaldiçoados por toda a eternidade para nunca mais encarnar e para ser castigados com severidade”. Toda palavra de Deus será cumprida.

1o de fevereiro de 2012

Anterior:As cem verdades que têm de ser praticadas para trazermos as palavras de Deus à vida real

Próximo:Conheça o valor e o significado do recebimento da obra do Espírito Santo e os princípios de prática para tal