Aplicativo da Igreja de Deus Todo-Poderoso

Ouça a voz de Deus e dê as boas vindas ao retorno do Senhor Jesus!

Convidamos a todos os buscadores da verdade que entrem em contato conosco.

Testemunhos da experiência do julgamento de Cristo

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Largura da página

0 resultados

Nenhum resultado encontrado

27. Reflexões sobre ser substituído

Yi Ran Cidade de Laiwu, Província de Shandong

Algum tempo atrás, devido à minha incompreensão do princípio por detrás da revisão de pessoal da igreja, quando a igreja substituía um líder, uma concepção surgia dentro de mim. A partir do que eu podia perceber, a irmã que foi substituída era muito boa tanto em receber quanto em comungar a verdade, e sabia estar aberta para as suas próprias expressões de corrupção. Portanto, eu nunca conseguia entender como alguém que buscava tanto a verdade poderia ser substituída. Podia ser porque ela falava demais sobre suas próprias expressões de corrupção, e assim a líder dela pensou incorretamente que ela era alguém que não estava buscando a verdade e a substituiu? Se isso foi o que realmente aconteceu, então não tinha sido arruinada uma oportunidade de treinamento para alguém que estava buscando a verdade?

Bem quando eu estava me sentindo intrigada com isso, li uma passagem em um arranjo de trabalho publicado pela igreja: “A família de Deus decide treinar e fazer uso das pessoas de acordo com a essência de cada um. Se a essência de alguém for de quem busca a verdade, então a família de Deus jamais desistirá dela; se alguém estiver disposto a buscar a verdade, então, sem dúvida, ela vivenciará uma mudança. Se a essência de alguém for de quem não busca a verdade, é negligente em seus deveres e não percorre a estrada certa, então ela não merece treinamento e Deus também não pode aperfeiçoar este tipo de pessoa. Pois alguém a quem Deus não está disposto a aperfeiçoar, também não pode ser treinada pela família de Deus. […] Portanto, o tratamento das pessoas deve ser abordado de acordo com as exigências da obra de Deus e a essência das pessoas. Apenas este é um modo eficaz para trabalhar de acordo com Deus e para servi-Lo verdadeiramente. Se este modo eficaz de trabalhar de acordo com Deus não for empregado, então a obra de Deus é interrompida e a vontade de Deus é completamente infringida” (de ‘Comungando algumas questões’ em “Anais selecionados dos arranjos de trabalho da Igreja de Deus Todo-Poderoso”). Tentando decifrar essas palavras vezes sem conta, compreendi que havia um princípio em operação quando a igreja promovia ou substituía alguém. Compreendi que isso estava sendo abordado de acordo com as exigências da obra de Deus e a essência das pessoas, e não cegamente fazendo uso das pessoas ou substituindo-as de modo aleatório. Além disto, a igreja não substitui as pessoas com base em elas terem expressado certa corrupção, mas, em vez disso, determina coisas com base na essência delas. Se a essência de uma pessoa for de alguém que busca a verdade, então a igreja jamais desistirá dela, jamais negligenciaria ou arruinaria alguém que está buscando a verdade. Portanto, fui diante de Deus para orar e buscar orientação: “Ó Deus! Sei que eu tenho sido corrompida muito profundamente por Satanás e que não compreendo a Tua obra, com muitas concepções dentro de mim e muitos pontos de vista que nunca são compatíveis Contigo. Hoje, sob a Tua orientação, eu agora sei que, ao selecionar, treinar ou substituir as pessoas, a igreja trata disso tudo de acordo com as exigências da Tua obra e a essência das pessoas. Mas eu ainda não compreendo totalmente a essência da irmã que foi substituída e, como resultado, eu tenho uma opinião sobre o arranjo da igreja. Peço que Tu me orientes e me guies; que me permitas ver claramente para que, em meu trabalho de agora em diante, eu não venha a perturbar a Tua obra por causa do meu desvio e dos meus erros”.

Depois de ter orado, eu retomei o livro e, sob a orientação de Deus, eu li estas palavras: “Ao ler as palavras de Deus, aqueles que buscam a verdade podem medir sua própria condição corrompida em relação às palavras de Deus. A comunhão deles sobre as palavras de Deus não é feita apenas para falar sobre a compreensão das palavras de Deus, mas para falar também sobre a compreensão deles mesmos. Não importa qual corrupção é expressada, eles podem expressar abertamente para que irmãos e irmãs possam alcançar algo real, enquanto resolvem, ao mesmo tempo, suas próprias corrupções. Isto é também o melhor método para conduzir as pessoas para as palavras de Deus. […] Todos aqueles que falam apenas sobre os significados literais e que são desprovidos da realidade, não merecem ser líderes na família de Deus. Este tipo de líder e trabalhador devem ser substituídos” (de ‘Para servir a Deus devemos aprender a discernir todos os tipos de pessoas’ em “Anais selecionados dos arranjos de trabalho da Igreja de Deus Todo-Poderoso”). Essas palavras me fizeram compreender que, ao ler as palavras de Deus, aqueles que buscam genuinamente a verdade podem medir sua própria condição corrompida em relação às palavras de Deus, ter uma compreensão verdadeira da essência das palavras Dele e podem compreender verdadeiramente a natureza e a essência de sua própria corrupção. Sua comunhão pode revelar uma estrada real para as pessoas e pode trazê-las para diante de Deus. Além disso, ao mesmo tempo em que resolvem os problemas dos outros, elas também podem resolver os próprios problemas e se concentrarem nas questões da própria entrada na vida e em sua mudança de caráter.

Dessa vez, eu comecei a relembrar com detalhes a conduta persistente e o desempenho da irmã que tinha sido substituída. Embora ao resolver os problemas das outras pessoas ela falasse de maneira eloquente e abrangente, usando palavras que eram razoáveis e bem argumentadas, ela não tinha resolvido a sua própria entrada na vida e sempre vivia num estado de presunção, sentindo-se imensamente orgulhosa, acreditando que tinha feito bem todos os trabalhos. Na verdade, o trabalho dela era uma bagunça. Se ela houvesse recebido e realmente comungado uma compreensão da essência da verdade, por que ela não conseguia usar a compreensão dela para ajudar a si própria? Quando o líder indicava o estado equivocado dela, levando a sério e dissecando os vários problemas que havia no trabalho dela, e comungava com ela sobre isso, embora externamente ela concordasse o tempo todo com a cabeça, expressando a sua aceitação e a sua disposição para fazer isso em princípio, ela ainda persistia secretamente em seus modos anteriores em violação ao princípio, fazendo as coisas como ela queria em detrimento da obra mais uma vez. Quando estavam lidando com ela, embora a sua aparência exterior demonstrasse que ela sentia muito remorso, depois ela não realizava qualquer mudança. Embora ela falasse sobre a sua compreensão de si e expressasse abertamente a sua própria corrupção, o resultado era que ela fazia com que os outros a admirassem, pensassem bem dela, trazendo as pessoas diante dela. O hábito dela de puramente se expressar abertamente não trazia a ninguém qualquer benefício. Isso apenas prejudicava e enganava as pessoas. Eu conseguia ver a partir do desempenho persistente dela que, embora ela tivesse trabalhado por muitos anos e se dotado de muita compreensão literal, seu caráter de vida não havia passado por nenhuma mudança. Pelo contrário, ela havia se tornado cada vez mais arrogante e orgulhosa. Somente agora eu percebo que ela não era alguém que buscava a verdade, nem alguém que recebia a verdade pura ou comungava de forma incisiva. Certamente, ela não merecia receber treinamento e, se tivesse sido mantida em seu posto, teria apenas atrapalhado a obra da igreja e prejudicado seus irmãos e irmãs. A substituição dela era realmente a justiça de Deus e o melhor modo de Deus salvá-la. Senão, ela ainda estaria sendo enganada por sua própria aparência externa e não teria visto erro em seus caminhos, no fim caindo na punição de Deus.

Apenas através dessa questão que eu vi o quão pouco eu compreendia a verdade, concentrando-me apenas nos significados literais dos arranjos de trabalho e da verdade, tendo apenas um conhecimento teórico. Certamente, eu não estava me concentrando em apreender a vontade de Deus nos arranjos de trabalho, nem tinha uma compreensão essencial da verdade. Por isso, acabei sendo não apenas incapaz de compreender totalmente a essência das pessoas, mas, pelo contrário, fui arrogante e me preocupei que alguém que estava buscando a verdade tivesse sido substituída erroneamente.

Ó Deus! Eu agradeço pela Tua revelação e iluminação que me fizeram ver a minha própria miséria, cegueira e quão deplorável eu era, que me fizeram entender que, sem a verdade, ninguém pode compreender totalmente a essência da questão, em vez disso, será apenas enganado pelas aparências externas. Apenas pela compreensão da verdade alguém pode realizar bem o trabalho essencial. Ó Deus! A partir de hoje, quero me esforçar muito mais em minha busca pela verdade, para buscar a Tua vontade em todas as coisas, para fazer as coisas como Tu exiges e logo ser útil para Ti.

Anterior:O Espírito Santo trabalha de maneira fundamentada

Próximo:Os critérios de uma pessoa verdadeiramente boa