Restaurar a vida normal do homem e levá-lo a um destino maravilhoso (Trecho II)

Assim que a obra da conquista tiver sido completada, o homem será conduzido a um mundo maravilhoso. Evidentemente, essa vida ainda será na terra, mas inteiramente diferente da de hoje. Trata-se da vida que a humanidade terá depois que toda a humanidade houver sido conquistada. Será um novo começo para o homem na terra; que a humanidade venha a ter esse tipo de vida é prova de que ela entrou num novo e lindo reino. Será o começo da vida do homem e de Deus na terra. A premissa de uma vida tão bela deve ser que, após o homem tiver sido purificado e conquistado, ele se submeta ao seu Criador. Portanto, a obra de conquista é o último estágio da obra de Deus antes que a humanidade entre em seu maravilhoso destino. Essa vida é a vida futura do homem na terra, é a vida mais linda na terra, a espécie de vida pela qual o homem anseia, aquela espécie de vida que o homem nunca alcançou até então na história do mundo. Será o resultado final dos 6.000 anos da obra de gestão de Deus, aquilo que o homem mais almeja, e é também a promessa de Deus ao homem. Mas essa promessa não pode ser concretizada imediatamente. O homem entrará no destino futuro somente depois que a obra dos últimos dias tiver sido completada e ele tiver sido completamente conquistado; quer dizer, assim que Satanás tiver sido inteiramente derrotado. O homem estará sem sua natureza pecadora assim que tiver sido refinado porque Deus terá derrotado Satanás, o que quer dizer que não haverá invasão de forças hostis, e nenhuma força hostil poderá atacar a carne do homem. Assim, o homem ficará livre e santo, e terá entrado na eternidade. Somente se as forças hostis da escuridão forem amarradas é que o homem será livre onde quer que for, sem rebeldia nem oposição. É necessário apenas que Satanás seja amarrado para que o homem fique bem; hoje, o homem não está bem porque Satanás ainda causa problemas em toda parte na terra e porque a obra inteira do gerenciamento de Deus ainda precisa chegar ao fim. Uma vez que Satanás tenha sido derrotado, o homem será completamente libertado; quando ganhar Deus e sair do império de Satanás, o homem verá o Sol da justiça. A vida devida ao homem normal será recuperada; tudo o que deve ser possuído pelo homem normal — tal como a capacidade de discernir o bem do mal e de compreender como comer e se vestir e a capacidade de viver normalmente — tudo isso será recuperado. Ainda que Eva não tivesse sido tentada pela serpente, o homem deveria ter tido essa vida normal depois de ter sido criado, no começo de tudo. Ele deveria ter comido e se vestido com um homem normal, deveria ter levado a vida de um homem normal na terra. Não obstante, depois que o homem se tornou depravado, tal vida passou a ser um sonho impossível, e ainda hoje o homem não ousa imaginar essas coisas. Na verdade, essa bela vida pela qual o homem anseia é uma necessidade: se o homem não tivesse esse destino sua vida depravada na terra não cessaria jamais; se não houvesse uma bela vida, então não haveria fim para a sina de Satanás ou para a era em que Satanás impera sobre a terra. O homem precisa chegar a um reino inalcançável pelas forças da escuridão e, quando o fizer, isso provará que Satanás foi derrotado. Dessa maneira, quando não houver mais perturbações causadas por Satanás, o Próprio Deus controlará a humanidade e Ele comandará e controlará toda a vida do homem; somente isso contará como a derrota de Satanás. A vida do homem, hoje, é uma vida de sujeira em sua maior parte, ainda é uma vida de aflição e sofrimento. Não se pode classificar isso como a derrota de Satanás; o homem ainda precisa escapar do mar da aflição, ainda precisa escapar da dificuldade da vida humana e da influência de Satanás; o homem ainda tem um conhecimento apenas ínfimo a respeito de Deus. Toda a dificuldade presente na vida do homem foi criada por Satanás; foi Satanás que trouxe o sofrimento para a vida do homem e apenas quando Satanás for amarrado é que o homem conseguirá escapar completamente do mar da aflição. A escravidão de Satanás se dá através da conquista e do ganho do coração humano, fazendo do homem o espólio da batalha contra Satanás.

Extraído de “A Palavra manifesta em carne

A promessa de Deus ao homem nos últimos dias

I

Quando o trabalho de conquista se completar, em um mundo bonito o homem entrará. A vida ainda na terra será, mas diferente de hoje. É a nova vida após a conquista do homem, prova do início de um novo reino, o começo da vida do homem com Deus na terra.

A vida futura do homem na terra é linda e almejada, nunca se viu algo assim na história do mundo. É o resultado final de seis mil anos de trabalho. É o que o homem mais anseia, e a promessa de Deus ao homem. É o que o homem mais anseia, e a promessa de Deus ao homem.

II

A premissa dessa vida é que o homem tenha sido purificado e conquistado, e então se submeta ante ao Criador. E, assim, o trabalho de conquista é o último estágio da obra de Deus, antes que a humanidade entre em um lugar tão maravilhoso.

A vida futura do homem na terra é linda e almejada, nunca se viu algo assim na história do mundo. É o resultado final de seis mil anos de trabalho. É o que o homem mais anseia, e a promessa de Deus ao homem. É o que o homem mais anseia, e a promessa de Deus ao homem (ao homem).

III

Essa promessa não é para agora: o homem só chegará ao destino futuro quando a obra dos últimos dias estiver completada; quando o homem tiver sido completamente conquistado, quando Satanás tiver sido derrotado.

A vida futura do homem na terra é linda e almejada, nunca se viu algo assim na história do mundo. É o resultado final de seis mil anos de trabalho. É o que o homem mais anseia, e a promessa de Deus ao homem. É o que o homem mais anseia, e a promessa de Deus ao homem (ao homem).

de “Seguir o Cordeiro e cantar cânticos novos”

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.
Contate-nos
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Conteúdo relacionado