Aplicativo da Igreja de Deus Todo-Poderoso

Ouça a voz de Deus e dê as boas vindas ao retorno do Senhor Jesus!

Convidamos a todos os buscadores da verdade que entrem em contato conosco.

Coleção de sermões: provisão para a vida

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Largura da página

0 resultados

Nenhum resultado encontrado

8. A racionalidade que é exigida para se seguir a Deus

Toda a raça humana foi corrompida por Satanás até certo ponto. A humanidade foi completamente obliterada. Parece que a consciência e razão mais básicas do homem foram quase perdidas, o que o levou à situação em que não é capaz de crer em Deus, nem de segui-Lo normalmente. A maioria das pessoas tem até corrido o risco de ofender e resistir a Deus e de ser punida por Ele. Se o homem não tiver uma consciência ou razão, não está apto a viver diante de Deus. Aqueles que não têm humanidade experimentarão a ira de Deus. Agora, falarei sobre as oito coisas que as pessoas devem saber e entender se quiserem seguir a Deus e crer Nele, a fim de poderem entrar no trilho correto de crerem Nele mais rapidamente e obterem Sua graça.

1. Primeiro, o homem deve saber quem ele próprio é e o que deve buscar

A partir do momento em que a arrogância da natureza satânica do homem alcança certo estágio, ele não terá mais Deus como alvo. Não terá nenhum respeito por qualquer pessoa, não obedecerá a ninguém e não poderá obedecer nem mesmo um pouco de verdade. Deus já foi ofendido. Esse tipo de pessoa certamente será punido. Pode-se dizer que todos têm esse tipo de natureza arrogante. A questão é que as expressões e contextos não são os mesmos, por isso o momento certo de quando a natureza arrogante se enfurece também não é o mesmo. Quando alguém que parece muito honesto se enfurece, é difícil acalmá-lo e lidar com ele! Se alguém for arrogante assim, temo que não esteja claro para ele quem é e o que deveria buscar em sua fé. Para que mantenha a compostura, esse aspecto da racionalidade deve estar muito claro para ele. Segundo sua imaginação e suas concepções, parece que o homem não foi corrompido por Satanás e não necessita da salvação de Deus. Simplesmente se deixa levar quando se trata de sua fé. Não se importa muito em buscar a verdade, mudar seu caráter e alcançar a salvação de Deus, tanto que não tem qualquer interesse. Ao invés disso, é obcecado por falar de doutrina, iniciar discussões, brigar por poder e influência, aparecer e buscar a liberdade e o deleite pessoal. Ele está satisfeito com a convicção de ganhar bênçãos e de não ter preocupações por meio da crença no Deus prático. Se o homem é capaz de se perder nesse tipo de conduta vangloriosa, desprezível e feia, não perderia o decoro que os santos devem ter? Essas são as manifestações do bom senso básico e conhecimento geral que os crentes em Deus deveriam ter, mas que lhes faltam. Por que Deus se tornou carne e suportou uma humilhação significativa? Por que, exatamente, o homem deveria acreditar em Deus? O que deveria buscar? O homem tem real clareza sobre essas questões básicas? “O filho do homem pega uma pá para varrer Seu chão. O trigo é colocado em um celeiro enquanto as palhas se espalham ao vento.” O que isso significa? Se alguém crer em Deus até o fim, porém não tiver vida, será completamente eliminado e punido. Não devemos esquecer jamais que somos pessoas que foram corrompidas por Satanás e que precisamos especialmente da salvação do Deus encarnado. Se perdermos a obra de salvação do juízo e castigo diante do trono de Cristo, seremos destruídos.

Sinto que aqueles que são verdadeiramente sensatos deveriam adotar como lema “Creio em Deus para obter a salvação, livrar-me da influência de Satanás e viver na luz”, gravá-lo em seus corações e jamais esquecê-lo. Quando viver na carne e revelar sua corrupção ou quando se distanciar de Deus e buscar o deleite da carne, o homem não deve se esquecer: “Sou um ser humano corrupto e necessito da salvação de Deus. Eu deveria voltar-me para Deus, ler Sua palavra e buscar cuidadosamente conhecer Sua vontade. Não devo mais ignorar meus deveres. Isso é muito perigoso. Não há muito tempo de sobra.” Isso é algo que uma pessoa relativamente sensata deveria ser capaz de pôr em prática. Nós, crentes em Deus, devemos saber e jamais esquecer de que fomos profundamente corrompidos por Satanás. Devemos crer em Deus a fim de alcançar a salvação e evitar a destruição. Caso contrário, estamos ignorando nosso dever. Nessa situação arriscada, devemos buscar urgentemente a verdade a fim de obter a vida. Isso está diretamente relacionado a questões de vida e morte. Esse é o autoconhecimento que o homem deve possuir. Essa é a racionalidade que todos aqueles que vêm diante de Deus devem, no mínimo, possuir.

2. Acredite firmemente que Cristo é a verdade, o caminho e a vida. Somente Cristo pode salvar o homem.

Os dois estágios da obra de salvação de Deus dependem da conclusão de Sua encarnação. Isso confirma mais ainda que a raça humana corrupta necessita da salvação do Deus encarnado. Sem a obra da encarnação, a humanidade corrupta seria incapaz de alcançar a salvação. O Deus encarnado é a verdade, o caminho e a vida. Todos aqueles que creem em Deus devem crer firmemente que apenas o Cristo encarnado é a verdade, o caminho e a vida. Não há outro caminho a se buscar para obter vida e salvação. Somente crendo de modo firme em Cristo, seguindo-O e obedecendo-O é que se pode ser salvo. Cristo é Deus na terra. Ele é o Deus prático. Ele é o Deus que está salvando a humanidade. Visto que o homem é corrupto e arrogante, ele já perdeu o bom senso mais básico. O homem é esnobe em sua crença em Deus. Ele crê especificamente no Deus do céu e no Jesus que ressuscitou dos mortos. É como se desdenhasse o Deus encarnado dos dias atuais e não O tivesse como alvo. O homem está disposto a crer no Deus superior e poderoso. Não está disposto a aceitar o Cristo insignificante. Mesmo que O aceite com relutância, o homem ainda está cheio de concepções e até mesmo tendências rebeldes. Todo o tempo, há o perigo de sua partida. Julgando por aqueles que aceitaram a Cristo, ainda não são confiáveis após cada um ter recebido um livro da palavra de Deus e um livro de hinos de louvor, de testemunho e experiência de Cristo. As pessoas têm de ser regadas, guiadas e protegidas até que tenham obtido um alicerce firme. Sem a direção e gestão por parte de outros, não lhes é fácil alcançar a salvação. A partir daí, podemos ver que não é nada fácil para Deus realizar a obra da salvação. Pouquíssimas pessoas entendem Seu coração. Deus não somente expressa as palavras de vida de salvação da humanidade, como também tem de suportar considerável humilhação e desprezo. Ele tem de suportar a oposição, resistência e até as blasfêmias do homem. Já é doloroso além do que se pode expressar. Seu coração também está muito preocupado com o homem. O homem não é nada sensato. Quantas pessoas são atenciosas com o coração de Deus? Quantas pessoas são verdadeiramente capazes de ser compatíveis com Cristo? A humanidade corrupta é como sujeira, acreditando em Deus por esnobismo. Na verdade, seu estado desprezível já atingiu um extremo. Basicamente, a humanidade não é digna de ver a face de Cristo; contudo, quer ver a face de Deus no céu. Certamente, isso faz Deus repugná-la e detestá-la! Todos aqueles que acreditam em Deus devem acreditar firmemente em Cristo e reconhecer que somente Ele é a vida, a verdade e o caminho. Não devem mais ser tão arrogantes a ponto de se tornarem ridículos. Seria melhor calarem a boca, lerem as palavras de vida de Cristo e ouvirem a voz de Deus. Ninguém tem a verdade, o caminho e a vida. Se você tem a verdade, o caminho e a vida, por que crê em Deus? Este é o bom senso que o homem deveria ter. Suas inúmeras concepções sobre Cristo não influenciam em nada o fato de que Ele é a verdade, o caminho e a vida. Não importa de quantas teorias fale, você será destruído caso se afaste de Cristo. O modo como se gaba pelas costas das pessoas e tem uma concepção após outra, confirma mais ainda que você é um demônio sem humanidade e resistente à razão. O fato de ter encontrado contratempos e obstáculos na família de Deus, de não estar satisfeito com os arranjos Dele ou de se queixar e estar descontente, não significa que você tem a verdade e a vida. Quanto mais obcecado você for por crer em um Deus vago e sentir que Sua obra prática não atende às expectativas das pessoas, mais se confirma que você é uma pessoa confusa, que não tem bom senso nem conhecimento algum. Todos aqueles que verdadeiramente confiam em Deus e estão buscando firmemente Sua salvação, têm a obrigação de possuir o bom senso que o homem deveria possuir. Não cause um barulho estridente. Aprenda a se aquietar diante de Deus e se considere tão humilde quanto a sujeira. Como somente o Cristo na terra pode ser a verdade, o caminho e a vida para o homem, somente a fé em Deus na terra lhe permitirá ser completado por Ele. Todos aqueles que acreditam ser eles próprios muito respeitáveis, pensam que são dignos de crer no Deus que está no céu. Eles não têm o Deus na terra como alvo e sofrerão infâmia comoexcrementos de cachorro. Serão ignorados por todos. Somente aqueles que exaltam Cristo como o verdadeiro Deus têm o decoro de santos. Somente essas pessoas têm humanidade e bom senso.

3. Aqueles que têm concepções sobre Deus são muito tolos e ignorantes

Como o homem é incapaz de ver o mundo espiritual e não tem um órgão para entender a palavra de Deus diretamente, não há meio de conhecê-Lo confiando na sua própria capacidade. O homem somente pode obter iluminação e esclarecimento e entender os significados de Deus a partir das palavras de Cristo. Pode-se dizer que, se não for pela obra da encarnação de Deus, não há meio de o homem conhecê-Lo. O homem não seria capaz de conhecer a Deus simplesmente pela realização de coisas por parte do Espírito de Deus. Mesmo que lesse as palavras de Deus, o homem não seria capaz de compreendê-las sem a iluminação e o esclarecimento do Espírito Santo. Essa é a verdade. Tudo que Deus faz é novo. Jamais é antigo e jamais é repetido. Ele jamais fará coisas de acordo com a concepção e imaginação do homem. Deus tem os Seus próprios princípios para fazer as coisas. Não há como o homem entender isso. Não é algo que o homem descobriu, foi Deus que o revelou. É uma grande tolice do homem ter concepções sobre Deus. Quanto mais concepções ele tem de Deus, mais se confirma que ele é uma pessoa infantil e ridícula. Confirma-se que essa pessoa não experimentou a obra de Deus e não tem qualquer conhecimento. Além disso, se confirma que é boba e ignorante. O absurdo, a arrogância e o orgulho do homem também podem ser categorizados como a revelação da natureza que resiste a Deus. Mesmo que as concepções do homem façam sentido, elas certamente não são a verdade. Ainda são erradas. Quando a verdade for revelada, o homem será humilhado. Deus é vitorioso para sempre. Jamais pode ser derrotado. O homem certamente perderia se apostasse contra Deus. A julgar pelo fato de que Deus Se encarnou duas vezes, o homem sofreu uma derrota esmagadora na luta contra Ele. Quando Jesus foi pregado na cruz, a concepção de todos era: se Ele fosse Deus, não permitiria que as pessoas O pregassem na cruz. Se Ele fosse Deus, seria capaz de descer da cruz. As concepções que os judeus tinham de Cristo também alcançaram um clímax. Todos criam que isso não poderia ser algo que viesse de Deus. De fato, ninguém pensaria que pregar Jesus na cruz fosse, na realidade, a obra redentora de Deus. Era a sabedoria de Deus. No final, Jesus ressuscitou dos mortos, manifestou-se e depois subiu ao céu após quarenta dias. Essa foi a primeira vez que a humanidade foi humilhada e sofreu uma derrota. Ninguém acreditava que Deus poderia encarnar-se como um ser humano uma segunda vez, e nem que pudesse ser uma mulher. No momento, a grande obra foi realizada. Os fatos ficarão claros muito em breve, e a humanidade fracassará uma vez mais. Se alguém for verdadeiramente sensato, se comportará e obedecerá a toda a obra de Deus. Não a questionará, nem a reavaliará. É inútil ao cérebro do homem pesquisar ou avaliar a obra de Deus. Eu tenho tido uma profunda experiência com a obra de Deus nos últimos anos, e formulei uma teoria conclusiva: tudo que Deus faz é significativo. Há verdade em tudo que Ele faz. A questão é que o homem não pode compreendê-la no momento. Porém, mais cedo ou mais tarde, ela ficará clara. Deus não faz nada que não seja significativo. As questões sobre as quais as pessoas têm tendência a ter concepções também são as mais significativas. Aqueles que têm concepções certamente serão humilhados. Se as pessoas condenarem, seguramente serão punidas. As coisas que Deus faz que não estão de acordo com as concepções de homens, também têm significado. Essa é uma teoria consagrada. Ninguém pode negá-la. Quem não estiver convencido pode tentar perceber. Todos aqueles que têm experiência reconhecerão esse ponto. Quando se trata apenas de quais são as concepções do homem e da sua validade, mais cedo ou mais tarde ele verá claramente. Acho que o homem deve simplesmente obedecer a tudo que vem de Deus e tudo que Ele faz. O homem não deve ter concepções sobre isso. Este é o bom senso e o conhecimento geral que o homem deve ter ao vir diante de Deus. Aqueles que não entendem esse ponto pertencem à categoria dos insensatos. São pessoas muito tolas.

4. É muito sensato tratar Deus como Deus

Como a natureza arrogante do homem lhe torna muito fácil ofender o caráter de Deus, ela é a causa principal de sua perda de bom senso. O propósito principal de Deus fazer a obra da encarnação é resolver a questão do caráter do homem de maneira que, no fim, ele possa obedecê-Lo e adorá-lo. Neste exato momento, embora creiam verbalmente, as pessoas não têm sido capazes de obedecer a Deus, muito menos de adorá-Lo. Em outras palavras, o homem crê em Deus, mas não O trata como Deus. Esse é o aspecto mais desobediente do homem, bem como a área menos sensata. Isso tudo acontece por causa de sua natureza arrogante. É relativamente fácil para ele crer em Cristo e segui-Lo. Contudo, lhe é muito difícil tratar Cristo como o Deus que está no céu, obedecê-Lo e adorá-Lo. Essa também é a obra que Deus realizará no final. No final, Ele verá exatamente quantas pessoas são capazes de obedecer e adorar ao Deus prático. Estes são os vencedores que Deus produzirá. O modo pelo qual essas pessoas obedeceram ao Deus no céu no passado será a maneira pela qual obedecem ao Deus na terra no presente. O modo pelo qual adoraram ao Deus no céu no passado será a maneira que adoram ao Deus na terra no presente. Essas pessoas são capazes de tratar orgulhosamente o Deus na terra como o Deus em que elas acreditam. Essas são as pessoas que serão obtidas por Deus. Aqueles que conseguem tratar o Deus na terra como Deus são capazes de adorar o Deus na terra em espírito e em verdade. Embora o Deus na terra seja a personificação do Espírito, tenha a manifestação por palavras e tenha, com certeza, a essência do Espírito e tudo que a divindade é e tem, ainda assim, porém, é um Deus que veste a humanidade da carne. O homem precisa passar pelo processo de conhecê-Lo. É relativamente mais fácil conhecê-Lo do que conhecer Jesus. A manifestação por palavras é ainda mais poderosa do que a exibição de sinais e maravilhas. Torna ainda mais fácil ao homem entender a essência e praticidade de Deus. Somente por meio da encarnação o homem pode ser salvo. Sem a obra da palavra, não há como mudar as concepções, os pensamentos e a imaginação do homem. E ainda mais, não há como alcançar uma mudança no caráter de vida de uma pessoa. Experimentar a obra de palavras do Deus encarnado é a melhor oportunidade para o homem conhecer a Deus. Embora a carne seja muito comum e normal, no interior, Ele abarca tudo e é incomparavelmente abundante. Dentro Dele existe um manancial de verdade e vida. Aqueles que buscam a verdade são capazes de conhecer a essência de Deus e tudo que Ele tem e é a partir do que Ele diz e da obra que Ele faz. Dessa maneira, podem receber o tesouro mais valioso para conhecer a Deus e alcançar uma mudança em seu caráter. As pessoas que sempre têm suas concepções sobre o fato de a carne de Deus ser normal e comum e que discutem com Deus infinitamente, são incapazes de entender o espírito, são gado e perderam a humanidade. Jamais serão capazes de obter a verdade. Como podem ser capazes de ser compatíveis com Deus? Aqueles que tratam Deus como Deus são os que buscam um entendimento Dele. Podem ser contados como pessoas que têm a verdade e têm humanidade. Estas são as pessoas que Deus exalta. Ser capaz de tratar o Deus prático na terra como Deus é um bom senso que o homem deve possuir.

5. Somente abandonando o desejo de bênçãos você seria digno de ver a face de Deus

Aqueles que têm um entendimento verdadeiro do caráter de Deus entendem Suas quatro emoções, sabem que pessoas Ele odeia mais, sabem de que pessoas Ele gosta, sabem o que Ele detesta e sabem o que Ele acha aceitável. Depois de entender a verdade, você precisa ter algum bom senso humano. Se, depois de experimentar o julgamento e castigo de Deus, você ainda cumpre os deveres com um desejo oculto de obter bênçãos, isso é um tanto desprezível e não suficientemente puro. Sua fé em Deus deveria ser devida apenas a um desejo de buscar a vida e a verdade e andar no caminho da vida. Esse é o tipo de fé mais puro e sensato. Todos aqueles que creem em Deus, seja qual for o sentimento que suportam ao experimentar Sua obra, têm de alcançar um entendimento Dele, experimentar uma mudança no seu caráter de vida, se tornar pessoas que têm a verdade e têm humanidade. Eles têm de ser capazes de ser compatíveis com Deus e de obter a aprovação Dele. Esse é o objetivo que todos aqueles que creem em Deus deveriam buscar. Isso é fé genuína. Pessoas desprezíveis creem em Deus somente para que possam obter bênçãos. O desejo de serem abençoadas está em suas faces e lábios. Elas desejam bênçãos, até mesmo sob a bandeira da fé. Esses tipos de pessoas têm a verdade? Onde está seu bom senso e humanidade? Como podem não ser detestadas por Deus? Sua fé se deve ao seu desejo de obter bênçãos. Elas cumprem seus deveres, praticam boas ações, frequentam as comunhões e suportam sofrimento, tudo pelas bênçãos. Independentemente do que fazem, elas jamais colocam a vontade de Deus em primeiro lugar. Ao invés disso, estão preocupadas somente com seu destino final, tanto que se intrometem em segredos, a fim de saber sobre o fim que Deus tem para o homem. Essas pessoas não são inclinadas à justiça ou à verdade. Não buscam um entendimento de Deus, a fim de obter a verdade e a vida. São hipócritas que não acordarão cedo se não forem beneficiados. São verdadeiramente pessoas detestáveis e repugnantes. Esses tipos de pessoas jamais obterão a aprovação de Deus. Essas pessoas não têm bom senso e não são dignas de viver diante de Deus. As intenções do homem são diferentes e, consequentemente, ele se preocupa com questões diferentes. Se algumas pessoas desejam bênçãos, então elas são controladas por seu desejo. Estão preocupadas somente com a própria conclusão e seu próprio destino final. Em relação a como ser atencioso com o coração de Deus e como satisfazê-Lo, temo que nunca refletiram sobre isso. Aqueles que são conscienciosos e sensatos certamente podem amar a Deus e são atenciosos com Seu coração. Pessoas muito egoístas são incapazes de amar a Deus e ser atenciosas com Seu coração. Todos aqueles que entendem a verdade e têm humanidade, podem cumprir corretamente seus deveres. Enquanto estão cumprindo seus deveres, podem pensar em como satisfazer a Deus. Não pensam nos próprios ganhos e perdas. Ao invés disso, satisfazer a Deus e Sua obra são o principal para eles. Acreditam que tudo que Deus faz é muito bom, e que isso é o melhor. O homem não precisa pensar muito em si mesmo. Isso não faz sentido nenhum. O homem deveria viver para satisfazer a Deus. Deveria cumprir seus deveres a fim de recompensar o amor de Deus. Isso é obrigatório. Aqueles que realmente têm a verdade serão capazes de enfrentar a justiça. É vão alguém se chamar de homem se não pratica atos justos. Sinto que este é o bom senso básico que se deve possuir diante de Deus.

6. Aqueles que têm consciência devem cumprir seus deveres

Deus encarnou a Si mesmo e interagiu com o homem a fim de lhe revelar toda a verdade. Se não cumprir seus deveres, o homem não só não tem uma consciência, mas é também a manifestação mais irracional, e não está apto a viver no mundo. Para viver diante de Deus, o homem deve cumprir sua parte nos deveres. É uma questão de lei do céu e princípio da terra. Contanto que tenha consciência, o homem reconhece isso. Ninguém pode negar isso. Atualmente, Deus está expandindo Sua obra e utilizando o homem. Essa é a única oportunidade de se recompensar o amor de Deus. Também é o teste para ver se o homem tem consciência, se é sensato e se obteve a verdade e pode viver à semelhança de um ser humano. Pode-se dizer que aqueles que acreditam em Deus, mas não cumprem seus deveres, são degenerados desgraçados. São pessoas sinistras, traiçoeiras e desprezíveis. Também se pode dizer que não cumprir o dever é considerado uma violação dos decretos administrativos. Isso não é nem um pouco falso. Seja qual for a razão, todos aqueles que fracassarem em cumprir seus deveres até o fim serão punidos. Aqueles que não deixam tudo de lado para cumprir seus deveres não são pessoas devotadas a Deus. Quando uma escolha tem de ser feita, a pessoa não se volta para a justiça e escolhe a verdade; como se poderia ter a audácia de prolongar uma existência ignóbil na família de Deus? Não se pode chamar essa pessoa de alguém que tem a verdade e a humanidade. Seja qual for o ambiente em que estejam, todos devem ao menos cumprir alguns de seus deveres. Quando Deus realmente precisar de uma pessoa específica para cumprir um dever, essa é uma questão que não deve ser ignorada. Ela deve tomar a decisão imediata de deixar tudo de lado para satisfazer a Deus. É assim que um homem de bom senso agiria, e sua fé pode ser chamada de legítima. Esse é o tipo de pessoa que Deus salvará e obterá. Se não tiver esse bom senso, um homem não é digno de ser chamado de homem. É alguém que Deus eliminará. À parte das exigências de Deus para que o homem experimente uma mudança no caráter, coloque a verdade em prática e se torne uma pessoa honesta, o outro e único requisito é que, durante a expansão de Sua obra, ele tem de cumprir seus deveres. A obra de expansão de Deus exige que todas as pessoas ofereçam uma parte de si mesmas. É assim que se pode viver à altura das expectativas de Deus. De fato, o propósito das exigências que Deus tem para a vida do homem é ajudá-lo a cumprir as exigências relativas à Sua obra. Essas duas questões são uma única coisa. Têm o mesmo propósito. É por isso que aqueles que têm uma consciência deveriam cumprir seus deveres. Este é o bom senso que o homem deve ter diante de Deus. Se não cumprir seus deveres e for incapaz de prestar contas a Deus, as punições e consequências que enfrentará são óbvias. Deus não precisa do homem por um longo período. O povo escolhido de Deus na China tem somente essa oportunidade. A próxima fase da obra não envolve o povo chinês. Se não aproveitar essa oportunidade, você se arrependerá pelo resto da vida. Você se sentirá envergonhado demais para viver diante de Deus.

7. Aqueles que obedecem a Deus completamente são os que são devotados a Ele

Aqueles que entendem de verdade o caráter de Deus são capazes de obedecê-Lo completamente. Não há margem para decisões pessoais. Quer entenda ou não, você tem de obedecer às exigências e arranjos de Deus incondicionalmente. Você não pode agir de maneira alguma de acordo com a sua própria vontade. Suponha que alguém obedeça somente se vir que é bom ou se for aceitável. Se achar que a exigência ou os arranjos de Deus não são aceitáveis, ele os coloca de lado e não lhes dá atenção. Essa não é uma pessoa que obedece a Deus. Atualmente, há pouquíssimas pessoas que podem obedecer a Deus completamente. Elas ainda escolhem o que querem obedecer. Fazem as coisas conforme a sua própria intenção e baseiam-se nas suas próprias preferências ao fazê-las. Isso não é obedecer a Deus. É obedecer à sua própria vontade. Literalmente falando, como os arranjos e decisões de Deus têm de passar pela aprovação do homem antes de serem implementados, Seu caráter já é ofendido. Trata-se de uma manifestação do homem desobedecendo e resistindo a Deus. Todas as pessoas têm essa doença ou defeito fatal, e isso mostra que ninguém conhece a Deus. Somente aqueles que obedecem a Deus completamente são devotados a Ele. Se alguém baseia sua obediência na sua própria interpretação, esse comportamento está resistindo e desobedecendo a Deus. Essa maneira de fazer as coisas viola decretos administrativos. É uma ofensa muito séria ao caráter de Deus. Em outras palavras, é uma manifestação extremamente sem sentido diante de Deus. A natureza desobediente do homem inclui arrogância, pretensão de ser dono da verdade, presunção, assertividade e fazer as coisas aleatoriamente. É aí que o homem é hostil para com Deus. Seria muito perigoso o homem não buscar uma mudança no caráter, porque lhe é muito fácil ofender a Deus. Se todos aqueles que são líderes não tiverem uma mudança nesse aspecto, lhes é muito fácil se tornarem anticristos e receberem punição.

Quando se trata da questão de obedecer a Deus, o homem deveria ter o bom senso de que sua obediência tem de ser incondicional. Contanto que se possa confirmar que é um dos arranjos e exigências de Deus, independentemente de alguém entender ou não, deve-se obedecer incondicionalmente. Ninguém pode alterar a exigência nem escolher implementá-la. É assim que os arranjos de trabalho devem ser implementados. Também é o caso quando se trata de indivíduos colocando a verdade em prática. Independentemente de alguém entender, Deus deve ser totalmente obedecido. Se houver áreas que o indivíduo não entende, el deve adquirir entendimento durante o processo de implementação ou experiência. Essa é uma manifestação de alguém que é devotado a Deus. Todos que trabalham na família de Deus devem ter esse bom senso: Não importa se você entende, compreende ou não as palavras de Deus ou os arranjos de trabalho, ou as exigências do alto, você certamente tem de realizá-los com precisão. Você aprofundará o seu entendimento à medida que for colocando-os em prática. Se disser que é incapaz de colocar em prática porque não entende claramente, isso prova que você é arrogante e se acha o dono da verdade. Se esperar até entender antes de implementar, você acaba atrasando a importante obra importante da família de Deus. Se esperar até entender completamente, a obra será prejudicada. Você pode carregar essa responsabilidade nos ombros? É por isso que as exigências de se obedecer a Deus são tão rigorosas. Sem bom senso, os líderes não estariam aptos a serem usados por Deus. Deus gosta daqueles que O obedecem totalmente. Isso porque aqueles que obedecem a Deus totalmente são mais honestos e puros. Não têm desonestidade, deslealdade, arrogância e nem pensam que são donos da verdade. Sabem apenas como ser atenciosos para com o coração de Deus e satisfazê-Lo.

8. Seguir todas as ordens de Cristo é um bom senso que as pessoas devem ter

Obedeça a Deus; não obedeça ao homem. Esse é um bom senso que todos os crentes devem ter. Você deve obedecer a Deus porque somente Ele é a verdade, o caminho e a vida. Não obedeça ao homem, porque o homem não é a verdade, o caminho e a vida. Esse raciocínio é muito simples; contudo, o homem acha difícil segui-lo, porque tem uma natureza desobediente. É muito fácil o homem seguir suas preferências carnais e ouvir as palavras que estão de acordo com seus próprios pensamentos. Por exemplo, Deus disse uma porção de coisas, todas elas são palavras de verdade e vida. Embora as reconheça e até as aceite, o homem ainda é indiferente e nem um pouco interessado. Sua entrada na vida é extremamente lenta. Se alguém espalhar alguns rumores e palavras falsas, as pessoas serão prontamente envenenadas por elas e esfriarão em relação a Deus. No mínimo, ficarão negativas por alguns dias. O homem não tem qualquer imunidade a isso. Por que razão as pessoas não podem discernir isso? Por que razão os efeitos de palavras falsas são tão grandes? Uma sentença é capaz de enviar o homem para a morte. Isso tem a ver com sua natureza e estatura espiritual. Algumas pessoas gostam da verdade e algumas gostam da injustiça. Algumas pessoas têm um entendimento de Deus e seus corações são capazes de amá-Lo. Elas são capazes de discernir e podem resistir aos ataques do mal e das trevas. Aqueles que não conhecem a Deus não têm a verdade. Seus corações não amam a Deus. Naturalmente, aceitarão qualquer coisa e são ainda mais propensos a aceitar a injustiça. Se o homem fosse inteligente, nessas circunstâncias, deveria tomar as palavras de Deus como verdade, crer nelas e abandonar as palavras falsas do homem. Esse é o tipo de manifestação mais sensato. Deveríamos ser claros a respeito disso: quantas pessoas conhecem a Deus e têm a verdade? O homem é absurdo, preconceituoso, traiçoeiro e mau demais. Tem concepções demais e imaginação demais. Quantas pessoas são capazes de enxergar a verdade por trás das questões e aceitar diretamente as palavras de Deus? Basicamente, essas pessoas não existem. Aqueles que têm apenas um pouco da iluminação do Espírito Santo e entendem um pouco do significado de Deus já são muito bons. Por isso, o homem não tem a verdade. Por que o homem crê em Deus? Porque Deus é a verdade, o caminho e a vida. Deus não comete erros. A imaginação, concepções e conjeturas do homem o perseguem e o fazem blasfemar contra Deus. Crer em Deus jamais é errado. Todos aqueles que ouvem a Deus jamais estão errados. Essas são as pessoas mais sensatas. São pessoas que têm fé verdadeira em Deus. Posso perguntar se você é capaz de crer verdadeiramente que Deus é a verdade? Você ainda é capaz de ouvir as palavras falsas do homem que atacam e blasfemam contra Deus? Se você é assim, é o tipo de pessoa sem nenhum bom senso e que não possui a verdade.

Anterior:Os decretos administrativos e o caráter de Deus

Próximo:Você deve ter uma fé genuína no Deus prático

Coisas que talvez lhe interessem