31. Os princípios para passar por perseguição e tribulação

(1) Saiba que a sabedoria de Deus é construída em cima das artimanhas de Satanás, e perseguições e tribulações ocorrem com a permissão de Deus. Elas servem para expor e aperfeiçoar o homem;

(2) A experiência de ter sido perseguido e sujeito a tribulações permite ver claramente a essência demoníaca e o semblante hediondo do grande dragão vermelho, Satanás, e, assim, conhecer a santidade e justiça de Deus;

(3) Por meio de perseguição e tribulação, a pessoa ganha um vislumbre de sua própria timidez, deficiência e vulnerabilidade, cuja vergonha a desperta para o fato de que, sem a verdade, a pessoa está encalhada;

(4) Perseguições e tribulações são singularmente capazes de expor e eliminar pessoas. Elas também podem aperfeiçoar aquelas que genuinamente amam a Deus para odiar Satanás e renunciar ao grande dragão vermelho, bem como para louvar a justiça e a santidade de Deus.

Versos da Bíblia para referência:

“E não temais os que matam o corpo, e não podem matar a alma; temei antes aquele que pode fazer perecer no inferno tanto a alma como o corpo” (Mateus 10:28).

“Quem achar a sua vida perdê-la-á, e quem perder a sua vida por amor de Mim achá-la-á” (Mateus 10:39).

Palavras de Deus relevantes:

Talvez todos vocês se lembrem destas palavras: “Porque a nossa leve e momentânea tribulação produz para nós cada vez mais abundantemente um eterno peso de glória”. Vocês todos ouviram essas palavras antes, mas nenhum de vocês entendeu o seu sentido real. Hoje, vocês estão profundamente conscientes de seu verdadeiro significado. Essas palavras serão cumpridas por Deus durante os últimos dias, e elas serão cumpridas naqueles que foram brutalmente perseguidos pelo grande dragão vermelho na terra na qual ele repousa enrolado. O grande dragão vermelho persegue a Deus e é inimigo Dele, e assim, nesta terra, aqueles que creem em Deus são assim sujeitos à humilhação e à opressão, e essas palavras são cumpridas em vocês, este grupo de pessoas, como resultado. Por ter sido iniciada em uma terra que se opõe a Deus, toda a obra de Deus enfrenta obstáculos tremendos, e o cumprimento de muitas de Suas palavras leva tempo; assim, as pessoas são refinadas como resultado das palavras de Deus, o que também é parte do sofrimento. É tremendamente difícil para Deus realizar a Sua obra na terra do grande dragão vermelho — mas é por meio dessa dificuldade que Deus realiza um estágio da Sua obra, tornando manifestas Sua sabedoria e Seus feitos maravilhosos, e usando esta oportunidade para completar este grupo de pessoas. É por meio do sofrimento das pessoas, por meio do seu calibre e por meio de todos os caracteres satânicos das pessoas desta terra imunda que Deus realiza a Sua obra de purificação e conquista, para que, a partir daí, Ele possa ganhar glória, e para que Ele possa ganhar aqueles que darão testemunho de Seus feitos. Tal é o significado inteiro de todos os sacrifícios que Deus fez por este grupo de pessoas. Ou seja, é através daqueles que se opõem a Ele que Deus faz a obra de conquista, e somente assim o grande poder de Deus pode se tornar manifesto. Em outras palavras, somente aqueles na terra impura são dignos de herdar a glória de Deus, e somente isso pode salientar o grande poder de Deus. Por isso é que digo que é da terra impura e daqueles que vivem nela que a glória de Deus é ganha. Tal é a vontade de Deus. O estágio da obra de Jesus foi o mesmo: Ele só podia ser glorificado entre os fariseus que O perseguiam; se não fosse pela perseguição dos fariseus e pela traição de Judas, Jesus não teria sido ridicularizado nem caluniado, muito menos crucificado, e assim não poderia ter ganhado glória. Onde Deus opera em cada era, e onde Ele realiza Sua obra na carne, é onde Ele ganha glória e onde ganha aqueles que pretende ganhar. Esse é o plano da obra de Deus, é o Seu gerenciamento.

Extraído de ‘A obra de Deus é tão simples quanto o homem imagina?’ em “A Palavra manifesta em carne”

Quando começo formalmente a Minha obra, todos se movem conforme Eu Me movo, de modo que as pessoas em todo o universo se ocupam em harmonia Comigo, há um “júbilo” em todo o universo e o homem é impulsionado adiante por Mim. Como consequência, o próprio grande dragão vermelho é açoitado até um estado de frenesi e perplexidade por Mim, ele serve à Minha obra, e, apesar de relutar, ele é incapaz de seguir os próprios desejos, ficando sem outra escolha senão a de se submeter ao Meu controle. Em todos os Meus planos, o grande dragão vermelho é o Meu contraste, o Meu inimigo e também o Meu servo; como tal, nunca relaxei os Meus “requisitos”. Portanto, a etapa final da obra da Minha encarnação é completada em seu lar. Dessa forma, o grande dragão vermelho é mais capaz de fazer serviço adequado para Mim, através do qual Eu irei conquistá-lo e completar o Meu plano.

Extraído de ‘Capítulo 29’ das Palavras de Deus para todo o universo em “A Palavra manifesta em carne”

Deus pretende usar uma parte da obra dos espíritos malignos para aperfeiçoar uma parte da humanidade, capacitando essas pessoas a enxergarem completamente as iniquidades dos diabos, para que toda a humanidade possa conhecer seus “ancestrais”. Só assim os humanos podem se libertar por completo, não apenas renunciando à posteridade dos diabos, mas também aos ancestrais dos diabos. Esse é o propósito verdadeiro de Deus ao derrotar completamente o grande dragão vermelho, para fazer com que toda a humanidade conheça a verdadeira forma do grande dragão vermelho, para arrancar totalmente a sua máscara e contemplar sua verdadeira forma. É isso que Deus quer alcançar, é o objetivo final de toda a obra que Ele tem feito na terra e é o que Ele visa a alcançar em toda a humanidade. Isso é conhecido como mobilizar todas as coisas para servir ao propósito de Deus.

Extraído de ‘Capítulo 41’ das Interpretações dos mistérios das palavras de Deus para todo o universo em “A Palavra manifesta em carne”

A Minha obra entre o grupo das pessoas dos últimos dias é um empreendimento sem precedentes e, assim, para que a Minha glória possa encher o cosmo, todas as pessoas devem sofrer a última dificuldade por Mim. Vocês entendem a Minha vontade? Essa é a exigência final que Eu faço do homem, o que significa dizer que Eu espero que todas as pessoas possam dar um testemunho forte e ressonante de Mim diante do grande dragão vermelho, que elas possam se oferecer a Mim uma última vez e cumprir as Minhas exigências uma última ocasião. Vocês podem verdadeiramente fazer isso? Vocês foram incapazes de satisfazer Meu coração no passado — vocês poderiam quebrar esse padrão no último momento? Eu dou às pessoas a chance para refletirem. Eu as deixo ponderarem com cautela antes de, finalmente, Me darem uma resposta — é errado fazer isso? Eu espero pela resposta do homem, Eu espero sua “carta de resposta” — vocês têm fé para cumprirem as Minhas exigências?

Extraído de ‘Capítulo 34’ das Palavras de Deus para todo o universo em “A Palavra manifesta em carne”

Você precisa possuir Minha coragem dentro de si e precisa ter princípios quando se tratar de enfrentar parentes que não creem. Por Minha causa, porém, você também não precisa se render a quaisquer forças das trevas. Confie em Minha sabedoria para trilhar o caminho perfeito; não permita que quaisquer conspirações de Satanás se consolidem. Coloque todos os esforços em apresentar seu coração diante de Mim e Eu o consolarei e lhe trarei paz e felicidade. Não se esforce para ser de certa maneira na frente de outras pessoas; deixar-Me satisfeito não tem valor e peso maiores? Ao Me satisfazer, você não estará ainda mais pleno de paz e alegria eternas e vitalícias? Seu sofrimento atual indica apenas o quanto suas bênçãos futuras serão grandes; elas são indescritíveis. Você não conhece a grandeza das bênçãos que terá; não poderia nem sonhar com isso. Hoje se tornou real; muito real! Isso não está tão longe assim — você consegue ver? Até a última gota disso está em Mim; como é brilhante a estrada adiante! Enxugue as lágrimas e não sinta mais dor nem tristeza. Todas as coisas são arranjadas por Minhas mãos e Meu objetivo é logo fazer de vocês os vencedores e trazê-los à glória a Meu lado. Por tudo que lhe acontecer, você deveria ser igualmente grato e cheio de louvor; isso Me trará profunda satisfação.

A vida transcendente de Cristo já apareceu; não há nada de que ficar temeroso. Satanases estão sob nossos pés e o tempo deles não durará muito mais. Acorde! Jogue fora o mundo da licenciosidade; livre-se do abismo da morte! Seja leal a Mim, não importa o que aconteça, e avance corajosamente; Eu sou sua rocha de refúgio, então confie em Mim!

Extraído de ‘Capítulo 10’ das Declarações de Cristo no princípio em “A Palavra manifesta em carne”

Independentemente de quão “poderoso” Satanás seja, independentemente de quão audacioso e ambicioso seja, independentemente de quão grande seja sua capacidade de causar danos, independentemente de quão abrangentes sejam as técnicas com as quais corrompe e seduz o homem, independentemente de quão inteligente são as truques e artimanhas com os quais intimida o homem, independentemente de quão mutável seja a forma em que existe, ele nunca foi capaz de criar uma única coisa vivente, nunca foi capaz de estabelecer leis ou regras para a existência de todas as coisas, e nunca foi capaz de governar e controlar nenhum objeto, seja animado ou inanimado. Dentro do cosmo e do firmamento, não há uma única pessoa ou objeto que tenha nascido dele ou que exista devido a ele; não há uma única pessoa ou objeto que seja governado por ele ou controlado por ele. Pelo contrário, ele não só tem de viver sob o domínio de Deus, como, além disso, deve obedecer a todas as ordens e comandos de Deus. Sem a permissão de Deus, é difícil para Satanás tocar até mesmo uma gota de água ou grão de areia na terra; sem a permissão de Deus, Satanás nem ao menos é livre para mover as formigas sobre terra, quanto mais a humanidade, que foi criada por Deus. Aos olhos de Deus, Satanás é inferior aos lírios na montanha, às aves que voam no ar, aos peixes no mar e às larvas na terra. Seu papel entre todas as coisas é servir a todas as coisas, e trabalhar para a humanidade, e servir à obra de Deus e ao Seu plano de gestão. Independentemente de quão maliciosa seja sua natureza e quão maligna seja sua substância, a única coisa que pode fazer é cumprir obedientemente a sua função: servir a Deus e ser um contraponto a Deus. Tais são a essência e posição de Satanás. Sua substância é alheia à vida, alheia a poder, alheia a autoridade; é um mero brinquedo nas mãos de Deus, apenas uma máquina a serviço de Deus!

Extraído de ‘O Próprio Deus, o Único I’ em “A Palavra manifesta em carne”

Agora mesmo, aquelas visões e verdades que você entende estão estabelecendo o fundamento para suas experiências futuras; na tribulação futura, vocês todos terão experiência prática dessas palavras. Mais tarde, quando lhe sobrevierem as provações e você passar pela tribulação, você pensará nas palavras que diz hoje: “Não importa que tribulação, provações ou grandes desastres eu encontre, devo satisfazer a Deus”. Pense nas experiências de Pedro e depois nas de Jó — você será galvanizado pelas palavras de hoje. Somente assim sua fé poderá ser inspirada. Naquele tempo, Pedro disse que não era digno de receber o julgamento e o castigo de Deus, e, quando vier a hora, você também desejará que todas as pessoas vejam o caráter justo de Deus através de você. Você aceitará prontamente Seu julgamento e castigo, e, na verdade, Seu julgamento, Seu castigo e Sua maldição serão um consolo para você. É simplesmente inaceitável que você não esteja equipado com a verdade. Sem ela, você não só será incapaz de ficar firme no futuro, mas poderá não ser capaz de experimentar a obra atual. Se esse for o caso, você não será um dos eliminados e punidos? Agora mesmo, não houve fatos lhe sobrevieram, e Eu o supri em todos os aspectos que lhe faltam; falo a partir de cada aspecto. Vocês não suportaram muito sofrimento; só pegam o que está disponível, sem terem de pagar nenhum tipo de preço e, ademais, não têm experiências ou percepções genuínas próprias. Assim, o que vocês entendem não é a sua estatura verdadeira. Vocês estão limitados à compreensão, ao conhecimento e ao enxergar, mas não fizeram uma colheita muito abundante. Se Eu nunca lhes tivesse dado atenção, mas tivesse feito com que passassem por experiências em sua casa, há muito tempo vocês teriam corrido de volta para o grande e vasto mundo. A senda pela qual vocês andarão no futuro será uma rota de sofrimento, e, se trilharem com sucesso este trecho atual da senda, vocês terão testemunho quando passarem pela tribulação maior no futuro. Se você entende o significado da vida humana e tomou a senda certa da vida humana e se, no futuro, você se submeter aos Seus desígnios sem queixas nem preferências, independentemente de como Deus lidar com você, e se você não fizer quaisquer exigências a Deus, então, dessa forma, você será uma pessoa de valor. Agora mesmo, você ainda não passou por tribulação, de modo que consegue obedecer a tudo, sem diferenciações. Você diz que como quer que Deus o conduza, assim está bom e que você se submeteria a todas as Suas orquestrações. Se Deus o castigar ou amaldiçoar, você estará disposto a satisfazê-Lo. Dito isso, o que você diz agora não necessariamente representa sua estatura. O que você está disposto a fazer agora não pode mostrar que você é capaz de seguir até o fim. Quando grandes tribulações lhe sobrevierem ou quando você sofrer alguma perseguição ou coerção ou passar por provações ainda maiores, você não será capaz de dizer essas palavras. Se então você puder ter esse tipo de compreensão e ficar firme, isso será sua estatura. Como Pedro era naquela época? Pedro disse: “Senhor, sacrificarei a minha vida por Ti. Se quiseres que eu morra, morrerei!”. Essa era a maneira com que ele orava naquele tempo. Ele disse também: “Mesmo que os outros não Te amem, eu devo Te amar até o fim. Eu Te seguirei o tempo todo”. Foi isso que ele disse naquela época, mas assim que lhe sobrevieram as provações, ele desabou e chorou. Todos vocês sabem que Pedro negou o Senhor três vezes, não sabem? Há muitas pessoas que chorarão e demonstrarão fraqueza humana quando lhes sobrevierem provações. Você não é senhor de si mesmo. Nesse tocante, você não tem controle sobre si mesmo. Hoje talvez você esteja se saindo realmente bem, mas isso é porque você dispõe de um ambiente propício. Se isso mudar amanhã, você mostrará sua covardia e incompetência, seu desprezo e sua indignidade. Sua “hombridade” terá há muito tempo se reduzido a nada, e, às vezes, talvez você até deixe sua tarefa de lado e se afaste. Isso mostra que o seu entendimento naquele tempo não era a sua estatura real. É preciso olhar para a estatura real das pessoas para ver se elas amam verdadeiramente a Deus, para ver se são capazes de submeter-se realmente ao desígnio de Deus e se são capazes de usar toda a sua força para alcançar o que Deus exige; e se ainda permanecem leais a Deus e dão a melhor de todas as coisas a Deus, mesmo que isso signifique sacrificar sua própria vida.

Extraído de ‘Como você deve trilhar o trecho final da senda’ em “A Palavra manifesta em carne”

O homem será plenamente tornado completo na Era do Reino. Após a obra de conquista, o homem será submetido a refinamento e provação. Aqueles capazes de superar e ser testemunhas durante essa provação são os que serão feitos completos no final; eles são os vitoriosos. Durante essa provação, requer-se do homem que aceite esse refinamento, que é a última etapa da obra de Deus. É a última vez em que o homem será refinado antes da conclusão da obra de gerenciamento integral de Deus, e todos aqueles que seguem Deus devem aceitar esse teste final e devem aceitar esse último refinamento. Os que estão cercados pela tribulação estão desprovidos da obra do Espírito Santo e da orientação de Deus, mas aqueles que foram verdadeiramente conquistados e que buscam verdadeiramente a Deus no final das contas resistirão firmemente; esses possuem humanidade e amam verdadeiramente a Deus. Não importa o que Deus faça, esses vitoriosos não serão privados das visões e colocarão a verdade em prática sem fracassar em seu testemunho. Ao final, emergirão da grande tribulação. Embora os que pescam em águas turvas possam ainda tirar proveito hoje, ninguém poderá escapar da tribulação final e ninguém poderá escapar do teste final. Para os vencedores, tal tribulação representa um grande refinamento; mas para os que pescam em águas turvas, representa a obra de eliminação total. Não importa como são provados, a fidelidade dos que têm Deus no coração permanece imutável; mas aqueles que não têm Deus no coração, quando a obra de Deus não é vantajosa para sua carne, mudam sua visão de Deus e até se afastam de Deus. Assim são os que não resistirão firmemente no final, que buscam somente as bênçãos de Deus e não têm desejo de se despender por Deus e se dedicar a Ele. Essas pessoas torpes serão expulsas quando a obra de Deus chegar ao fim e são indignas de qualquer compaixão. Os que não têm humanidade são incapazes de amar verdadeiramente a Deus. Quando o ambiente é protegido e seguro ou quando há lucros a serem feitos, eles são totalmente obedientes a Deus, mas quando o que desejam é ameaçado ou definitivamente recusado, eles imediatamente se revoltam. Podem de um dia para o outro se transformar de pessoas sorridentes e de “bom coração” em assassinos repulsivos e ferozes, que subitamente tratam o benfeitor de ontem como inimigo mortal, sem mais nem menos. Se esses demônios não forem expulsos, esses demônios que matariam sem piscar os olhos, eles não se tornarão um perigo oculto? A obra de salvar o homem não é alcançada com a conclusão da obra de conquista. Embora a obra de conquista tenha chegado ao fim, a obra de purificação do homem ainda não; tal obra só será concluída quando o homem estiver totalmente purificado, quando os que se submetem verdadeiramente a Deus tiverem sido tornados completos, e os dissimulados que não têm Deus no coração tiverem sido expurgados. Os que não satisfizerem a Deus no estágio final de Sua obra serão completamente eliminados, e os que são eliminados pertencem ao diabo. Como são incapazes de satisfazer a Deus, rebelam-se contra Deus, e mesmo que essas pessoas sigam Deus hoje, isso não prova que permanecerão no final. Nas palavras “aquele que seguir Deus até o fim receberá a salvação” o significado de “seguir” é perseverar em meio à tribulação. Hoje, muitos acreditam que seguir Deus é fácil, mas quando a obra de Deus estiver perto do fim, você saberá o verdadeiro significado de “seguir”. Só porque você ainda é capaz de seguir Deus hoje depois de ser conquistado, não significa que você seja um daqueles que serão aperfeiçoados. Os que são incapazes de suportar as provações, que são incapazes de serem vitoriosos em meio à tribulação, no fim, serão incapazes de perseverar e assim serão incapazes de seguir Deus até o fim. Os que realmente seguem Deus são capazes de suportar o teste de Sua obra, enquanto os que não seguem Deus verdadeiramente são incapazes de suportar qualquer provação de Deus. Cedo ou tarde eles serão expulsos, enquanto os vitoriosos permanecerão no reino. Se o homem realmente busca Deus ou não é determinado pelo teste de Sua obra, isto é, pelas provações de Deus, e não tem nada a ver com a decisão do próprio homem. Deus não rejeita uma pessoa por capricho; tudo o que Ele faz pode convencer completamente o homem. Ele não realiza nada que seja invisível ao homem ou qualquer obra que não possa convencer o homem. Se a crença do homem é verdadeira ou não é algo comprovado pelos fatos e não pode ser decidido pelo homem. Não resta dúvida de que “o trigo não pode ser transformado em joio e o joio não pode ser transformado em trigo”. Os que verdadeiramente amam a Deus permanecerão no reino ao final e Deus não maltratará ninguém que realmente O ama. Com base em suas diferentes funções e testemunhos, os vitoriosos no reino servirão como sacerdotes ou seguidores, e todos os que forem vitoriosos em meio à tribulação se tornarão o corpo sacerdotal no reino. O corpo sacerdotal será formado quando a obra do evangelho por todo o universo chegar ao fim. Quando chegar esse momento, a obrigação do homem será desempenhar seu dever no reino de Deus e conviver com Deus no reino. No corpo sacerdotal haverá sumos sacerdotes e sacerdotes, e os demais serão os filhos e o povo de Deus. Tudo isso será determinado pelo testemunho que derem de Deus durante a tribulação; não são títulos conferidos por capricho. Quando o status do homem estiver estabelecido, a obra de Deus cessará, pois todos serão classificados de acordo com seu tipo e retornarão à sua posição original, é a marca da realização da obra de Deus, é o resultado final da obra de Deus e da prática do homem e é a cristalização das visões da obra de Deus e da colaboração do homem. No final, o homem encontrará repouso no reino de Deus e Deus também retornará à Sua morada para descansar. Esse será o resultado final de seis mil anos de colaboração entre Deus e o homem.

Extraído de ‘A obra de Deus e a prática do homem’ em “A Palavra manifesta em carne”

Anterior: 30. Os princípios para passar por provações e refinamento

Próximo: 32. Os princípios para superar as tentações de Satanás

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Sumário

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro