77. Os princípios de proteger a obra da casa de Deus

(1) É necessário identificar falsos líderes, anticristos, pessoas más e descrentes e, se forem encontrados, expô-los e lidar com eles sumariamente para salvaguardar a vida normal da igreja;

(2) Quando se descobre um falso líder ou obreiro incapaz de fazer a obra prática, as pessoas escolhidas de Deus devem ser contatadas para identificá-lo e, então, proscrevê-lo e dispensá-lo imediatamente;

(3) É necessário expor e refutar todas as formas de heresia e falácia. Capacitem o povo escolhido de Deus a discerni-las, para que não sejam enganados e garantam que a palavra de Deus, a verdade, reine na igreja;

(4) É necessário levar a vida da igreja em estrita conformidade com os arranjos da obra vindos do Alto. Tenham cuidado com anticristos e pessoas más que seguem seu próprio caminho e enganam o povo escolhido de Deus;

(5) É preciso aprender a identificar anticristos e pessoas más, caso eles cerquem os líderes e obreiros da igreja. Discirnam os esquemas de Satanás e protejam os líderes e obreiros.

Palavras de Deus relevantes:

A igreja está em construção e Satanás está tentando demoli-la com todos os seus esforços. Ele quer demolir a Minha construção por quaisquer meios possíveis; por essa razão, a igreja precisa ser purificada rapidamente. Nem os menores resíduos do mal devem permanecer; assim, a igreja precisa ser purificada para que se torne impecável e continue a ser tão pura quanto no passado. Vocês precisam estar atentos e em espera o tempo todo e precisam orar mais perante Mim. Vocês precisam reconhecer os diversos complôs e esquemas astutos de Satanás, reconhecer os espíritos, conhecer as pessoas e ser capazes de discernir todos os tipos de pessoas, acontecimentos e coisas; vocês também precisam comer e beber mais das Minhas palavras e, mais importante, precisam ser capazes de comer e beber delas por si mesmos. Equipem-se com tudo da verdade e venham perante Mim para que Eu possa abrir os olhos espirituais de vocês e permitir que vejam todos os mistérios que repousam no espírito… Quando a igreja entra na fase de construção, os santos marcham para a batalha. As muitas feições horrendas de Satanás se apresentam a vocês: vocês param e voltam para trás ou se levantam e, confiando em Mim, continuam a avançar? Exponham completamente as feições feias e corruptas de Satanás, não poupem sentimentos e não mostrem misericórdia! Lutem contra Satanás até a morte! Eu sou seu apoio e você precisa ter o espírito do filho varão! Satanás está atacando em sua agonia final de morte, mas ele ainda será incapaz de escapar do Meu julgamento. Satanás está sob os Meus pés e também está sendo pisoteado sob os pés de vocês — isso é fato!

Todos aqueles perturbadores religiosos e aqueles que derrubam a construção da igreja, não se lhes pode mostrar o mínimo de tolerância, serão julgados imediatamente; Satanás será exposto, pisoteado, destruído completamente e deixado sem ter onde se esconder. Todos os tipos de demônios e fantasmas certamente revelarão suas verdadeiras formas perante Mim e Eu lançarei todos eles no poço do abismo do qual nunca se libertarão; todos estarão debaixo dos nossos pés. Se querem combater o bom combate pela verdade, então, antes de mais nada, vocês não devem dar qualquer chance para Satanás operar — para esse fim, vocês precisarão ter o mesmo modo de pensar e ser capazes de servir em coordenação, renunciar a todas as suas noções próprias, opiniões, pontos de vista e modos de fazer as coisas, silenciar seu coração em Mim, concentrar-se na voz do Espírito Santo, estar atentos à obra do Espírito Santo e experimentar as palavras de Deus em detalhe. Vocês precisam ter uma só intenção, a qual é que Minha vontade seja feita. Vocês não deveriam ter nenhuma outra intenção além dessa. Vocês precisam olhar para Mim com todo o seu coração, observar atentamente as Minhas ações e a maneira como faço as coisas e não ser negligentes de maneira alguma. Seu espírito precisa estar aguçado, seus olhos abertos. Normalmente, quando se trata daqueles cujos objetivos e intenções não são corretos, bem como daqueles que adoram ser vistos pelos outros, que ficam ansiosos para fazer coisas, que são propensos a causar interrupções, que são bons em recitar doutrina religiosa, que são lacaios de Satanás, e assim por diante — quando se levantam, essas pessoas se tornam dificuldades para a igreja e isso faz o comer e beber das palavras de Deus por parte de irmãos e irmãs não dar em nada. Quando encontrarem tais pessoas atuando nesse papel, expulsem-nas imediatamente. Se, apesar de repetidas advertências, elas não mudarem, então sofrerão perda. Se aqueles que persistem teimosamente em seus modos se esforçam para se defender e tentam encobrir seus pecados, a igreja deveria abandoná-los imediatamente e deixá-los sem espaço de manobra. Não percam muito tentando salvar uns poucos; mantenham os olhos no quadro maior.

Extraído de ‘Capítulo 17’ das Declarações de Cristo no princípio em “A Palavra manifesta em carne”

Toda igreja tem pessoas que lhe causam problemas ou se intrometem na obra de Deus. Todas essas pessoas são Satanases que se infiltram disfarçados na casa de Deus. Tais pessoas são boas em atuar: vêm diante de Mim com grande reverência, curvando-se e se coçando, vivendo como cães sarnentos, dedicando o seu “tudo” para alcançar os próprios objetivos — mas, na frente dos irmãos e irmãs, mostram seu lado feio. Quando veem pessoas que praticam a verdade, elas as atacam e as empurram para o lado; quando veem pessoas mais formidáveis que elas mesmas, as lisonjeiam e as bajulam. Elas agem sem controle na igreja. Pode-se dizer que tais “valentões locais”, tais “cães de colo”, existem na maioria das igrejas. Eles andam juntos por aí sorrateiramente, enviando piscadelas e sinais secretos uns aos outros, e nenhum deles pratica a verdade. O que tem mais veneno é o “demônio principal”, e o que tem mais prestígio os lidera, portando sua bandeira erguida. Essas pessoas promovem desordem na igreja, espalhando sua negatividade, dando vazão à morte, agindo como lhes apraz, dizendo o que bem entendem, e ninguém ousa pará-las. Elas transbordam do caráter de Satanás. Mal causam uma perturbação, e logo um ar de morte entra na igreja. Aqueles dentro da igreja que praticam a verdade são expulsos, incapazes de dar tudo de si, enquanto lá dentro aqueles que perturbam a igreja e espalham morte correm em desordem — e, além disso, a maioria das pessoas os segue. Tais igrejas são governadas por Satanás, pura e simplesmente; o diabo é o seu rei. Se não se levantarem e rejeitarem os demônios principais, os congregados, também, irão à ruína, mais cedo ou mais tarde. De agora em diante, medidas precisam ser tomadas contra tais igrejas. Se aqueles que são capazes de praticar um pouco da verdade não buscarem, então essa igreja será eliminada. Se uma igreja não tiver ninguém que esteja disposto a praticar a verdade e ninguém que possa ser testemunha de Deus, então essa igreja deveria ser completamente isolada e suas conexões com outras igrejas precisam ser rompidas. Isso é chamado de “enterrar a morte”; é isso que significa expulsar Satanás. Se uma igreja tiver diversos valentões e eles forem seguidos por “pequenas moscas” que carecem inteiramente de discernimento, e se os congregados, mesmo depois de terem visto a verdade, ainda forem incapazes de rejeitar as amarras e a manipulação desses valentões, então todos aqueles tolos serão eliminados no fim. Essas pequenas moscas poderiam não ter feito nada terrível, mas são ainda mais enganosas, ainda mais escorregadias e evasivas, e todos os que forem assim serão eliminados. Nem um permanecerá! Aqueles que pertencem a Satanás serão devolvidos a Satanás, enquanto aqueles que pertencem a Deus certamente irão em busca da verdade; isso é decidido pela natureza deles. Que todos aqueles que seguem Satanás pereçam! Nenhuma piedade será mostrada a tais pessoas. Que todos os que buscam a verdade sejam providos e possam ter prazer na palavra de Deus para o contentamento de seu coração. Deus é justo; Ele não mostraria favoritismo a ninguém. Se você for um diabo, então será incapaz de praticar a verdade; se você for alguém que busca a verdade, então é certo que não será levado cativo por Satanás. Isso está além de qualquer dúvida.

Extraído de ‘Um alerta para aqueles que não praticam a verdade’ em “A Palavra manifesta em carne”

A maior comissão de Deus para a humanidade é o maior benefício para a casa de Deus. Que benefício é esse? É a implementação do plano de gestão de seis mil anos de Deus para a humanidade, uma implementação que, naturalmente, inclui muitos aspectos. O que isto inclui, então? Inclui o estabelecimento e a formação da igreja e o surgimento de líderes e obreiros da igreja em todos os níveis, abrindo caminho para o fluxo desimpedido de todo o trabalho na igreja que se relaciona à nova obra de Deus e à disseminação de Seu evangelho. Isso envolve a igreja; é do interesse da igreja. Esta é a coisa mais importante implicada nos frequentemente mencionados interesses de Deus, de Sua casa e da igreja. A obra de Deus obtém uma expansão; o plano de gestão de Deus pode fluir sem impedimentos; a intenção e a vontade de Deus podem fluir sem impedimentos entre os homens; e a palavra de Deus pode ser expandida, proclamada e pregada mais amplamente entre eles, fazendo com que mais deles venham perante Deus. Este é o objetivo e o núcleo de todo esse trabalho que Deus faz. Portanto, o que quer que esteja relacionado aos interesses da casa de Deus e da igreja certamente também está relacionado à vontade e ao plano de gestão de Deus. Especificamente, está relacionado a se a obra de Deus de todas as épocas e estágios pode fluir sem impedimentos, se pode ser expandida e se pode progredir sem problemas entre a humanidade, se desenvolver sem problemas e ser realizada sem impedimentos. Se tudo isso estiver progredindo normalmente, os interesses da igreja e da família de Deus terão sido garantidos, e Sua glória e testemunho também terão sido garantidos. Se a obra de Deus em Sua casa e a igreja for dificultada e incapaz de fluir sem impedimentos, se a vontade de Deus e a obra que Ele fará forem obstruídas, os interesses da igreja e da casa de Deus certamente serão grandemente prejudicados. Essas coisas estão unidas. Isso significa, também, que quando os interesses da casa de Deus e da igreja são grandemente afetados ou prejudicados, Seu plano de gestão certamente será grandemente obstruído, e o interesse de Deus será grandemente prejudicado.

Extraído de ‘Sobre o que é a verdade’ em “Registros das falas de Cristo”

Comer e beber das palavras de Deus, praticar a oração, aceitar o fardo de Deus e aceitar as tarefas que Ele confia a você — tudo isso é para que possa haver uma senda diante de você. Quanto mais o fardo do encargo de Deus pesar sobre você, mais fácil será para você ser aperfeiçoado por Ele. Alguns estão indispostos a coordenar com os outros no serviço a Deus, até mesmo quando são chamados a isso; tais pessoas são preguiçosas e desejam somente deleitar-se no conforto. Quanto mais for solicitado que você sirva em cooperação com os outros, mais experiência você ganhará. Por ter mais fardos e experiências, você ganhará mais oportunidades de ser aperfeiçoado. Portanto, se puder servir a Deus com sinceridade, então você estará atento ao fardo de Deus; desse modo, você terá mais oportunidades de ser aperfeiçoado por Deus. É somente um grupo assim de pessoas que está sendo aperfeiçoado atualmente. Quanto mais o Espírito Santo tocar você, mais tempo você dedicará para estar atento ao fardo de Deus, mais você será aperfeiçoado por Deus e mais você será ganho por Ele — até que, no final, você se tornará uma pessoa que Deus usa. No momento, há alguns que não carregam nenhum fardo pela igreja. Essas pessoas são indolentes e descuidadas e se importam somente com a própria carne. Tais pessoas são extremamente egoístas e também são cegas. Se você não consegue ver esta questão com clareza, você não carregará nenhum fardo. Quanto mais atento você estiver à vontade de Deus, maior será o fardo que Ele confiará a você. Os egoístas não estão dispostos a sofrer tais coisas; não têm disposição de pagar o preço e, como resultado, perderão as oportunidades de serem aperfeiçoados por Deus. Não estão causando danos a si mesmos? Se você for alguém atento à vontade de Deus, então você desenvolverá um verdadeiro fardo pela igreja. De fato, em vez de chamar isso de um fardo que você carrega pela igreja, seria melhor chamá-lo de um fardo que você carrega em prol da sua própria vida, porque o propósito desse fardo que você desenvolve para a igreja é para fazer você usar tais experiências para ser aperfeiçoado por Deus. Portanto, todos aqueles que carregam o maior fardo pela igreja, todos aqueles que carregam um fardo para entrar na vida — eles serão aqueles que são aperfeiçoados por Deus. Você viu isso claramente? Se a igreja com a qual você está for espalhada como areia, mas você não está preocupado nem ansioso e você faz vista grossa quando seus irmãos e irmãs não estão comendo nem bebendo das palavras de Deus normalmente, então você não está carregando nenhum fardo. Tais pessoas não são o tipo em que Deus tem prazer. O tipo de pessoas em quem Deus tem prazer tem fome e sede de justiça e está atento à Sua vontade. Portanto, vocês deveriam estar atentos ao fardo de Deus, aqui e agora; vocês não deveriam esperar que Deus revele Seu caráter justo a toda a humanidade antes de vocês ficarem atentos ao fardo de Deus. Não seria tarde demais, então? Agora é uma boa oportunidade para ser aperfeiçoado por Deus. Se permitir que essa oportunidade escorregue pelos dedos, você lamentará isso pelo resto da sua vida, assim como Moisés foi incapaz de entrar na terra de Canaã e lamentou isso pelo resto da vida, morrendo com remorso. Quando Deus tiver revelado Seu caráter justo a todos os povos, você ficará cheio de remorso. Mesmo se Deus não castigar você, você castigará a si mesmo por causa de seu remorso. Alguns não foram convencidos disso, mas se você não acredita nisso, espere e veja. Há algumas pessoas cujo único propósito é cumprir essas palavras. Você está disposto a se sacrificar em prol dessas palavras?

Extraído de ‘Fique atento à vontade de Deus para alcançar a perfeição’ em “A Palavra manifesta em carne”

O modo como você vê as comissões de Deus é um assunto muito sério! Se você não consegue completar o que Deus lhe confiou, então não está apto para viver em Sua presença e deveria ser punido. É lei do Céu e princípio da terra que os humanos completem quaisquer comissões que Deus lhes confia; essa é a sua responsabilidade suprema, tão importante quanto a sua própria vida. Se você não leva a sério as comissões de Deus, então está traindo a Ele da maneira mais grave; nisso você é mais lamentável que Judas e você deveria ser amaldiçoado. As pessoas devem ganhar um entendimento completo de como ver o que Deus lhes confia e, no mínimo, devem compreender que as comissões que Ele confia à humanidade são exaltações e favores especiais de Deus; são as coisas mais gloriosas. Tudo o mais pode ser abandonado; mesmo que alguém deva sacrificar sua própria vida, ainda precisa cumprir a comissão de Deus.

Extraído de ‘Como conhecer a natureza do homem’ em “Registros das falas de Cristo”

Faça tudo que seja benéfico à obra de Deus e nada que seja prejudicial aos interesses da obra de Deus. Defenda o nome de Deus, o testemunho de Deus e a obra de Deus.

Você deve manter e assumir responsabilidade por qualquer coisa que se relacione aos interesses da casa de Deus ou que diga respeito à obra da casa de Deus e ao nome de Deus. Cada um de vocês tem essa responsabilidade, essa obrigação, e isso é o que vocês devem fazer.

Extraído de ‘Uma conversa sobre os decretos administrativos de Deus na Era do Reino’ em “Registros das falas de Cristo”

Na igreja, permaneça firme em seu testemunho de Mim, sustente a verdade; o certo é certo e o errado é errado. Não confunda preto com branco. Você entrará em guerra com Satanás e precisa vencê-lo completamente para que ele nunca mais se erga de novo. Você deve dar tudo que tem para proteger Meu testemunho. Esse será o objetivo das ações de vocês — não se esqueçam disso. Mas, agora, vocês estão com falta de fé e de capacidade para diferenciar as coisas e vocês são sempre incapazes de entender as Minhas palavras e as Minhas intenções. No entanto, não fique ansioso; tudo prossegue de acordo com os Meus passos e a ansiedade só gera problemas. Passe mais tempo diante de Mim e não dê importância a comida e roupas, que são para o corpo físico. Busque Minhas intenções com frequência e Eu lhe mostrarei claramente quais são elas. Aos poucos, você encontrará Minhas intenções em tudo, de modo que, em todo ser humano, Eu terei um caminho sem obstrução. Isso satisfará Meu coração e vocês receberão bênçãos Comigo para todo o sempre!

Extraído de ‘Capítulo 41’ das Declarações de Cristo no princípio em “A Palavra manifesta em carne”

Qual é o caráter da irresponsabilidade? É a astúcia. O item mais marcante nas filosofias de vida do homem é a astúcia. As pessoas pensam que, se não forem astutas, serão suscetíveis a ofender os outros e incapazes de se proteger; elas pensam que devem ser astutas o suficiente para não desagradar ou machucar ninguém, mantendo-se assim seguras, protegendo seu sustento e ganhando uma posição firme entre as multidões. É assim que as pessoas agem no mundo dos incrédulos; por que algumas pessoas na casa de Deus ainda agem assim? Quando veem algo prejudicando os interesses da casa de Deus, elas não dizem nada; também podem dizer: “Se alguém mais quiser falar disso, que deixem — eu não falarei. Eu não desagradarei ninguém nem arriscarei meu pescoço”. Isso é irresponsabilidade e astúcia, e tais pessoas não são confiáveis. A fim de proteger sua autoestima, reputação, integridade e dignidade, devolverão o dinheiro que encontrarem ao seu dono, terão alegria em ajudar os outros, entregarão sua vida por uma causa justa, farão qualquer coisa pelos outros e não hesitarão em pagar qualquer preço. Porém, quando é necessário proteger os interesses da casa de Deus, proteger a verdade e a justiça, tudo isso evapora, e elas não praticam mais a verdade. Qual é o problema? Há um caráter em ação aqui, o caráter de estarem fartas da verdade. Por que eu digo que têm um caráter de estarem fartas da verdade? No momento em que algo diz respeito a defender a justiça ou coisas positivas, elas fogem e mantêm-se longe e não assumem nenhuma responsabilidade. Embora possam sentir uma medida de autocensura por dentro, elas não dão atenção e querem suprimir isso, e pensam: “Eu não farei isso — seria tolice”, ou então pensam que não é uma questão importante e simplesmente podem falar disso em outra hora. Elas fazem vista grossa e não levam a questão a sério. Isso é não ter amor pelas coisas positivas, é estar farto da verdade. Então, como você deve praticar quando esse problema surgir? Quais são os princípios? Se uma questão diz respeito aos interesses da casa de Deus ou a dar testemunho de Deus, então você deve tratá-la tão seriamente quanto trataria seus próprios interesses, sem deixar pedra sobre pedra — essa é a atitude de quem ama a verdade e as coisas positivas, de quem assume a responsabilidade. Se vocês não tiverem essa atitude e forem nada além de negligentes ao lidar com as coisas e pensarem: “Farei as coisas dentro do escopo de meu próprio dever, mas não me importo com mais nada. Se você me perguntar algo, eu lhe responderei — se eu estiver de bom humor. Caso contrário, não responderei. Essa é a minha atitude”, então esse é o tipo de caráter que você tem. Apenas proteger a própria posição, reputação, autoestima e apenas proteger as coisas que dizem respeito aos seus próprios interesses — é desse modo que se protege uma causa justa? Protegem coisas positivas? Esses motivos mesquinhos e egoístas são um caráter de estar farto da verdade. A maioria de vocês frequentemente expressa esses tipos de comportamento e, no momento em que encontra algo que diz respeito aos interesses da família de Deus, você prevarica e diz: “Eu não vi… Eu não sei… Eu não ouvi…”. Independentemente de realmente não saber de algo ou fingir que não sabe, em suma, há um caráter em ação aqui.

Extraído de ‘Conhecer o caráter de alguém é o fundamento para mudá-lo’ em “Registros das falas de Cristo”

Quando a verdade se tornar a sua vida, então, se alguém blasfemar contra Deus, não tiver reverência a Deus, for desleixado em seu dever, causar interrupções ou perturbar o trabalho da casa de Deus, e quando você vir isso acontecer, você será capaz de discernir e expor a questão quando necessário, e de abordá-la de acordo com a verdade-princípio. Se a verdade não se tornou sua vida e você ainda vive em seu caráter satânico, quando encontrar pessoas perversas e diabos que causam interrupções e perturbações no trabalho da casa de Deus, você fará vista grossa e se fingirá de surdo; você as ignorará sem ser repreendido por sua consciência. Você até achará que o fato de alguém causar perturbações no trabalho da casa de Deus nada tem a ver com você. Não importa quão grande seja a perda para a obra de Deus e os interesses da Sua casa, você não sentirá nenhuma repreensão por parte da sua consciência, o que significa que você será alguém que vive segundo seu caráter satânico. Satanás controla você e faz com que você viva como algo nem tanto humano nem tanto demoníaco. Você come o que é de Deus, bebe o que é de Deus e desfruta de tudo que vem Dele, mas quando o trabalho da casa de Deus sofre qualquer perda, você acha que não tem nada a ver com você e, quando vê isso acontecer, você até “vira o cotovelo para fora”[a] e não fica do lado de Deus nem defende a obra de Deus nem os interesses da casa de Deus. Isso significa que Satanás tem poder sobre você, não é? Tais pessoas vivem como seres humanos? Evidentemente, são demônios e não humanos! No entanto, quando a verdade domina seu coração e se tornou sua vida, quando você vê o surgimento de algo passivo, negativo ou maligno, a reação em seu coração é totalmente diferente. Primeiro, você sente repreensão e tem uma sensação de incômodo, seguida imediatamente por este sentimento: “Não posso simplesmente não fazer nada e fazer vista grossa. Devo me levantar e falar, devo me manifestar e assumir responsabilidade”. Então você pode se levantar e pôr um fim a esses atos malignos, expondo-os, buscando salvaguardar os interesses da casa de Deus e impedir que a obra de Deus seja perturbada. Você não somente terá essa coragem e determinação e será capaz de entender completamente a questão, mas também cumprirá a responsabilidade que tem para com a obra de Deus e com os interesses de Sua casa, e assim seu dever será cumprido. Como ele será cumprido? Será cumprido por meio da verdade que exerce seu efeito sobre você e se torna sua vida. Dessa forma, uma vez que seu dever estiver cumprido, você não perguntará se Deus pode lhe conceder uma recompensa, se Ele viu suas ações ou se as aceita. Ao contrário, você simplesmente acreditará que é a responsabilidade que devia ter assumido. Assim você não estaria vivendo consciência, razão, humanidade, integridade e dignidade? Seus atos e seu comportamento seriam o “temer a Deus e evitar o mal” do qual Ele fala. Você estaria cumprindo a essência dessas palavras e vivendo sua realidade. Quando a verdade se torna a vida de uma pessoa, ela é capaz de viver essa realidade. Mas se você ainda não entrou nessa realidade, quando revela falsidade, enganação ou disfarce, ou quando vê pessoas perversas em ação ou forças malignas perturbando e interrompendo a obra de Deus, você não sente nem percebe nada. Mesmo quando essas coisas acontecem debaixo do seu nariz, você ainda é capaz de rir e ainda consegue comer e dormir com a consciência tranquila e não sente nem um pouco de autorrepreensão. Entre essas duas vidas que podem viver, qual vocês escolhem? Qual vida tem semelhança humana verdadeira, com a qual você vive a realidade de coisas positivas, e qual vida é uma vida maligna e diabólica? A resposta é evidente. Quando a verdade não se tornou a realidade ou a vida de uma pessoa, então o que ela vive é um tanto lastimável e triste, e ela não tem controle sobre a própria vida. Visto que a verdade não se tornou a vida dentro da pessoa, o que ela faz não está sob seu controle, e embora ela se sinta um pouco triste por causa disso, o sentimento passa rapidamente, e ela não sente remorso algum. Esse é o tamanho da diferença entre esses dois tipos de vida.

Extraído de ‘Só aqueles que praticam a verdade são tementes a Deus’ em “Registros das falas de Cristo”

Nota de rodapé:

a. “Virar o cotovelo para fora” é uma expressão chinesa, que significa que uma pessoa ajuda outras à custa de pessoas próximas a essa pessoa, por exemplo, pais, filhos, parentes ou irmãos.

Anterior: 76. Os princípios de despender-se por Deus

Próximo: 78. Os princípios de cumprir os deveres adequadamente

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Sumário

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro