130. Os princípios para interagir com o sexo oposto

(1) Vejam claramente a essência maligna das profundezas da corrupção da humanidade. Qualquer pessoa pode cair em tentação a qualquer momento e, portanto, é preciso ser cauteloso nas interações com o sexo oposto;

(2) Na medida do possível, evite trabalhar em companhia de um membro do sexo oposto. Caso surjam maus pensamentos, ore para que Deus os elimine e incline sua mente e vigor para praticar a verdade e cumprir seu dever;

(3) O prudente vê o perigo e busca refúgio. Deve-se manter distância das pessoas lascivas e deve-se orar a Deus quando confrontado com a tentação, fugindo do sexo oposto maligno e de situações problemáticas;

(4) Aprenda a aceitar o escrutínio de Deus em todos os assuntos. É preciso redobrar a leitura das palavras de Deus, refletir sobre a existência de más intenções e deve-se buscar a verdade a fim de resolver seu mau caráter.

Palavras de Deus relevantes:

Atualmente, existem algumas pessoas na igreja que desviam dinheiro, algumas que não mantêm limites claros entre homens e mulheres; e algumas que julgam, desafiam e tentam demolir a obra de Deus em segredo. Por que tudo ainda está bem com elas? Quando fazem tais coisas, elas têm consciência e sentem reprovação em seu coração e, por isso, às vezes sofrem castigo e refinamento, mas são sem-vergonhas demais! É como quando as pessoas praticam promiscuidade — estão cientes daquilo que fazem no momento, mas sua luxúria é grande demais e elas não conseguem se controlar. Mesmo que o Espírito Santo as discipline, isso não terá efeito, então o Espírito Santo não administrará disciplina. Se o Espírito Santo não as disciplina naquele momento, se não sentirem reprovação e nada acontece com sua carne, que reprovação poderia haver depois? O ato está feito — que disciplina poderia haver? Isso só prova que elas são muito desavergonhadas e que lhes falta humanidade e que merecem maldições e punição! O Espírito Santo não opera desnecessariamente. Se você conhece a verdade muito bem, mas não a coloca em prática, se você é capaz de cometer qualquer mal, então tudo que você pode esperar é a vinda daquele dia em que você será punido junto com o maligno. Este é o melhor final para você! Agora, eu tenho pregado repetidamente sobre consciência, que é o critério mínimo. Se as pessoas não tiverem consciência, elas terão perdido a disciplina do Espírito Santo; poderão fazer o que quiserem e Deus não lhes dará atenção. Aqueles que realmente têm consciência e razão estarão cientes disso quando fizerem algo errado. Não se sentirão à vontade uma vez que sentirem um pouco de reprovação em sua consciência; passarão por uma batalha interior e, finalmente, abandonarão a carne. Não chegarão ao ponto em que fariam algo que se opõe a Deus gravemente. Independentemente de se o Espírito Santo as disciplina e castiga, as pessoas terão algum sentimento quando fizerem algo errado. Portanto, as pessoas agora entendem todos os tipos de verdades e, se não os praticam, então isso é uma questão humana. Eu não reajo a pessoas assim de forma alguma, nem tenho qualquer esperança para elas. Você pode fazer o que quiser!

Extraído de ‘Prática (1)’ em “A Palavra manifesta em carne”

Algumas pessoas são muito informais em seu método de contato com o sexo oposto. Elas acham que não é nada de mais, contanto que nada aconteça, ceder a pensamentos lascivos ou revelar alguma paixão iníqua. Alguém com humanidade normal deveria ter tais pensamentos? Isso é sinal de humanidade normal? Quando você tiver idade suficiente para se casar e entrar em contato com o sexo oposto, e desejar se apaixonar, faça-o normalmente, e ninguém interferirá. Mas algumas pessoas não querem se apaixonar — elas flertam por alguns dias com alguém que chama a sua atenção, e tão logo alguém lhes agrada, começam a se exibir para o objeto de seu desejo. E como elas se exibem? Uma sobrancelha erguida, uma piscadela ou mudança no tom de voz ao falar, ou então elas se movem de certa maneira ou começam a fazer comentários engraçados para se fazerem notar; isso é se exibir. Quando uma pessoa que não é normalmente assim exibiu essas características reveladoras, você pode ter certeza de que há alguns membros do sexo oposto por perto que chamaram a sua atenção. Quem são essas pessoas? Pode-se dizer que elas são incontidas ou que não mantêm limites claros entre homens e mulheres, mas não exibiram nenhum comportamento deplorável. Alguns podem dizer que elas estão simplesmente sendo frívolas. Em outras palavras, elas se conduzem de uma maneira indigna; pessoas frívolas não entendem a necessidade do respeito próprio. Algumas pessoas exibem essas características na vida diária, mas o desempenho de seus deveres não é afetado nem a conclusão de sua obra; então isso é mesmo um problema? Alguns dizem: “Contanto que isso não impeça a sua busca da verdade, há necessidade de se falar sobre isso?”. A que isso está relacionado? Ao pudor e à dignidade da humanidade da pessoa. À humanidade de uma pessoa não podem faltar pudor e dignidade, e sem eles a sua humanidade não pode ser normal. Algumas pessoas são confiáveis e sérias e responsáveis em tudo o que fazem. Trabalham duro e são de bom caráter, mas simplesmente não levam esse aspecto de sua vida a sério. Quando você flerta com um membro do sexo oposto, isso é construtivo ou destrutivo? E se a pessoa com quem você flerta se apaixonar por você? Você pode dizer: “Não era isso que eu queria”; bem, se você flerta com uma pessoa mesmo quando não é isso que você quer, você não está brincando com os sentimentos dela? Você está prejudicando a pessoa e agindo sem moral! As pessoas que fazem isso são de humanidade muito baixa. Além disso, se você não pretende prosseguir com esse relacionamento e não é sério a respeito dele, e no entanto ergue as sobrancelhas e pisca para o sexo oposto e se exibe com diversão e humor, fazendo tudo para mostrar que tem estilo, que é um cavalheiro bonito, exibindo sua boa aparência — se você se exibe assim, o que na verdade está fazendo? (Seduzindo as pessoas.) Esse tipo de comportamento sedutor é uma coisa nobre ou feia? (É uma coisa feia.) É aí que não há mais dignidade alguma.

Extraído de ‘Eles gostariam que os outros obedecessem apenas a eles, não à verdade nem a Deus (parte 2)’ em “Expondo os anticristos”

Algumas adornam-se bela, mas superficialmente: as irmãs se adornam tão lindas como flores e os irmãos se vestem como príncipes ou jovens dândis ricos. Eles só se importam com as coisas externas, como as coisas que comem e vestem; por dentro, estão desprovidos e não têm o mínimo conhecimento de Deus. Que sentido pode haver nisso? E, então, há aquelas pessoas que se vestem como pobres mendigos — realmente se parecem com escravos do leste asiático! Vocês não entendem mesmo o que é que Eu lhes peço? Conversem entre si: o que vocês ganharam de verdade? Vocês têm acreditado em Deus por todos esses anos, e mesmo assim isso é tudo que colheram — vocês não estão constrangidos? Não estão envergonhados? Vocês têm buscado no caminho verdadeiro por todos esses anos, mas hoje sua estatura é ainda mais baixa que a de um pardal! Vejam as jovens moças entre vocês, lindas como retratos em suas roupas e maquilagem, comparando-se umas com as outras — e o que comparam? Seu prazer? Suas exigências? Vocês acham que Eu vim recrutar modelos? Vocês não têm vergonha! Onde está a vida de vocês? O que vocês buscam não é somente o seu desejo próprio e extravagante? Você pensa que é tão bonita, mas, embora possa estar vestida com todo tipo de roupas finas, você não é, na verdade, um verme contorcido, nascido num monte de esterco? Hoje, você tem a sorte de desfrutar dessas bênçãos celestiais não por causa de seu lindo rosto, mas porque Deus está fazendo uma exceção ao elevar você. Ainda não lhe está claro de onde você veio? À menção de vida, você cala a boca e não diz nada, muda feito uma estátua, mas ainda tem a ousadia de se vestir bem! Ainda está propensa a aplicar blush e pó no rosto! E vejam os dândis entre vocês, homens voluntariosos que passam o dia inteiro passeando por aí, desregrados, com uma expressão displicente na cara. É assim que uma pessoa deveria se comportar? A que cada um de vocês, homem ou mulher, dedica sua atenção o dia todo? Vocês sabem de quem dependem para se alimentar? Olhe para sua roupa, olhe o que colheu em suas mãos, esfregue a barriga — que lucro teve com o preço de suor e sangue que você pagou por todos esses anos de fé? Você ainda pensa em ir passear, pensa em embelezar sua carne fedorenta — buscas inúteis! Pede-se que você seja uma pessoa normal, mas você não é simplesmente anormal, você é aberrante. Como pode tal pessoa ter a audácia de vir ante Mim? Com uma humanidade dessas, desfilando o seu charme e exibindo sua carne, vivendo sempre na luxúria da carne — você não é um descendente de demônios imundos e de maus espíritos? Eu não permitirei que um demônio tão imundo permaneça existindo por muito tempo! E não suponha que Eu não saiba o que você pensa em seu coração. Você pode manter sua luxúria e sua carne sob rígido controle, mas como Eu poderia não saber os pensamentos que você abriga em seu coração? Como Eu poderia não saber tudo que seus olhos desejam? Vocês, moças, não ficam tão bonitas com o propósito de desfilar sua carne? De que benefício os homens são para vocês? Eles realmente podem salvá-las do mar de aflição? Quanto aos dândis entre vocês, todos se vestem para parecer cavalheirescos e distintos, mas isso não é um ardil projetado para atrair a atenção para sua aparência elegante? Para quem vocês estão fazendo isso? De que benefício as mulheres são para vocês? Elas não são a fonte do pecado de vocês? Vocês, homens e mulheres, Eu lhes proferi muitas palavras, mas vocês acataram apenas um pouco delas. Seus ouvidos são surdos, seus olhos se tornaram turvos e o coração de vocês é duro a ponto de não haver nada além de luxúria no corpo de vocês, tanto que estão enredados nisso, incapazes de escapar. Quem quer se aproximar de vocês, vermes, vocês que se contorcem na imundície e na sujeira? Não se esqueçam de que vocês não são nada mais que aqueles que Eu elevei do monte de esterco, que vocês não eram possuidores, originalmente, de uma humanidade normal. O que Eu lhes peço é a humanidade normal que vocês não possuíam originalmente e não que vocês desfilem sua luxúria ou deem rédeas livres a sua carne rançosa, que foi treinada pelo diabo por tantos anos. Quando vocês se vestem assim, não temem que se tornarão mais profundamente enredados? Não sabem que originalmente vocês eram do pecado? Não sabem que o corpo de vocês está tão cheio de luxúria que ela até exsuda pela roupa de vocês, revelando seu estado como demônios insuportavelmente feios e imundos? Não é verdade que vocês sabem disso mais claramente que ninguém? O coração, os olhos e os lábios de vocês — não foram todos contaminados por demônios imundos? Essas partes de vocês não são imundas? Você acha que, enquanto não agir, então você é o mais santo de todos? Você acha que se vestir com roupas bonitas pode esconder a alma sórdida de vocês? Isso não funcionará! Eu os aconselho a ser mais realistas: não sejam fraudulentos e falsos e não se exibam. Vocês ostentam sua luxúria uns para os outros, mas tudo que receberão em troca é sofrimento eterno e castigo impiedoso! Que necessidade vocês têm de piscar os olhos uns para os outros e se entregar ao romance? É essa a medida da integridade de vocês, a extensão da sua retidão? Eu odeio aqueles entre vocês que se engajam em curandeirismo e feitiçaria; odeio os homens e mulheres jovens entre vocês que amam a própria carne. É melhor que vocês se contenham, porque agora é preciso possuir uma humanidade normal e vocês não têm permissão para ostentar a sua luxúria — no entanto, vocês usam todas as oportunidades que têm, pois sua carne é por demais abundante e a sua luxúria é grande demais!

Extraído de ‘Prática (7)’ em “A Palavra manifesta em carne”

Os humanos são uns miseráveis sem valor, pois não valorizam a si mesmos. Se eles não amam nem a si mesmos, pisoteando a si mesmos em vez disso, isso não demonstra sua inutilidade? A humanidade é como uma mulher imoral que brinca consigo mesma e se entrega de bom grado aos outros para ser violada. Mesmo assim, as pessoas não reconhecem o quão baixas são. Sentem prazer em trabalhar para os outros ou em conversar com os outros, colocando-se sob o controle dos outros; essa não é precisamente a imundície da humanidade? Embora Eu não tenha experimentado uma vida dentre a humanidade e não tenha experimentado verdadeiramente a vida humana, tenho ganhado um entendimento muito claro de cada movimento, de cada ação, de cada palavra e de cada ato que os humanos fazem. Sou até capaz de expor os humanos à sua vergonha mais profunda, a ponto de eles não se atreverem mais a revelar sua própria conivência nem a dar lugar à sua luxúria. Como caracóis que se refugiam em sua concha, eles não se atrevem mais a expor seu próprio estado feio. Como os humanos não se conhecem, seu maior defeito é uma disposição de desfilar seus encantos diante dos outros, exibindo seu semblante feio; isso é uma coisa que Deus mais detesta. Isso é assim porque as relações entre as pessoas são anormais e há uma falta de relações interpessoais normais entre as pessoas, menos ainda existem relacionamentos normais entre elas e Deus.

Extraído de ‘Capítulo 14’ das Interpretações dos mistérios das palavras de Deus para todo o universo em “A Palavra manifesta em carne”

O homem tem um caráter corrupto e, além disso, está possuído de emoções. Como tal, é absolutamente proibido que dois membros de sexo oposto trabalhem juntos desacompanhados quando estão servindo a Deus. Qualquer pessoa que for descoberta fazendo isso será expulsa, sem exceção.

Alguns irmãos insistem em se comunicar somente com irmãs e até em fazê-lo sozinhos. Eles realmente se abrem para as irmãs quando se comunicam com elas e se recusam a fazê-lo com mais ninguém. Essas pessoas não prestam! Algumas irmãs não se comunicam com outras irmãs e nunca se abrem com elas, buscando exclusivamente irmãos com quem se comunicar. Que tipo de pessoas são essas? Não há uma única irmã que possa apoiar você? Não há uma única irmã que se comunique com você? Todas elas desprezam você — ninguém é adequado para você? Você só consegue se dar bem com os irmãos? Acho que você tem outras motivações! Há pessoas que ficam exclusivamente juntas ao sexo oposto. Você deve superar isso usando sua determinação — não se deixe levar voluptuosamente. As pessoas têm caráter corrupto. Se nenhuma restrição for imposta, elas se tornam terrivelmente devassas. Há sempre que haver coisas para manter as pessoas sob controle e fazê-las ter sempre essas coisas em mente. Feito isso, o comportamento das pessoas é muito melhor.

Extraído de ‘Uma conversa sobre os decretos administrativos de Deus na Era do Reino’ em “Registros das falas de Cristo dos últimos dias”

Quando entram num grupo, certas pessoas sempre tentam atrair o sexo oposto. Piscam e seduzem com os olhos, seu rosto se torna altamente expressivo quando falam, e adoram se exibir. Para usar um termo um tanto inapropriado para isso, elas se tornam coquetes. Gostam de ser vistas como extremamente engraçadas, humorísticas, bonitas, românticas, elegantes, heroicas, lindas, cavalheirescas, refinadas, cultas etc.; sobretudo, adoram se exibir. Por que essas pessoas tentam se exibir? Elas fazem isso para atrair o sexo oposto. Quanto mais atenção recebem do sexo oposto — quanto mais admiração, apreço e reverência recebem —, mais elas investem em sua apresentação. Na vida de igreja, ao longo do tempo, essas pessoas tendem a se fixar em alvos diferentes. Tentam obter controle sobre alguns membros do sexo oposto, seduzem com seus olhares, e suas palavras são muitas vezes provocantes ou até mesmo sexualmente abusivas. Esses relacionamentos interpessoais estão corretos? (Não.) Esses relacionamentos são inapropriados. Essas pessoas nem se preocupam em baixar a bola durante as reuniões. Quando estão diante desses membros do sexo oposto, dos quais gostam e que favorecem, suas palavras se tornam engraçadas, interessantes e sedutoras, ao mesmo tempo que elas mexem os olhos e as sobrancelhas, animadas, transbordam de entusiasmo e até gesticulam e circulam por aí. E qual é seu propósito? É atrair o sexo oposto e ter relacionamentos inapropriados. A despeito do fato de esse comportamento repugnar muitos dos irmãos e irmãs, e embora muitas pessoas à sua volta possam tê-las alertado de que isso é um problema, nada é assimilado, e elas se recusam a desistir ou parar. Se duas pessoas têm esse tipo de relacionamento fora da vida de igreja e flertam uma com a outra, se isso não afeta os outros em sua vida de igreja ou se, no mínimo, os outros não ficam sabendo disso, de modo que não afeta o humor dos outros nem a eficácia das reuniões, então podemos ignorar tal comportamento por ora. No entanto, se isso acontecer continuamente dentro da vida de igreja e realmente perturbar os outros, então restrições devem ser impostas em tal relacionamento inapropriado ou as pessoas envolvidas podem até ser removidas da vida de igreja. Isso seria apropriado? (Sim.) Se for apenas o caso de um jovem se apaixonar e namorar normalmente, esse tipo de namoro deve ser contido durante as reuniões, para não afetar os outros. Este é um lugar em que as pessoas adoram a Deus, onde leem Suas palavras em oração e conduzem devocionais espirituais, e os sentimentos pessoais não devem ser introduzidos na vida de igreja. Se um relacionamento é trazido para dentro da vida de igreja e se torna uma interrupção para os outros, se ele tem um impacto sobre o humor dos outros participantes da reunião, se ele afeta a capacidade das pessoas de ler as palavras de Deus e de ganhar conhecimento e compreensão delas, se faz com que mais pessoas sejam distraídas e perturbadas, então esse relacionamento pode ser definido como inapropriado. Até mesmo um relacionamento romântico apropriado pode se tornar inapropriado se os participantes causarem perturbação para os outros, e isso vale ainda mais para relações com o sexo oposto que ultrapassam os limites de um relacionamento romântico apropriado. Portanto, quando tais relacionamentos inapropriados surgem na vida de igreja, todos os envolvidos devem ser alertados e impedidos de ir mais longe em vez de aquiescer ou tolerar suas ações. Tais pessoas devem ser restringidas ou até mesmo expurgadas, de acordo com os princípios.

Extraído de ‘Identificando falsos líderes (14)’ em “Registros das falas de Cristo dos últimos dias”

Algumas pessoas são abençoadas com boa aparência e são constantemente procuradas pelo sexo oposto; quanto mais as pessoas as procuram, mais elas sentem que podem se exibir. Isso não é perigoso? O que você deveria fazer nessa situação? (Reconhecer e evitar essa armadilha.) Isso realmente é uma armadilha que você deve evitar — se não o fizer, é bem possível que você descubra que aquela pessoa o capturou. Você precisa evitar essa armadilha antes que seja apanhado; isso é chamado de autocontrole. As pessoas que têm autocontrole têm um senso de pudor e um senso de dignidade. Aqueles que não têm podem ser atraídos por qualquer um que os apanhe; eles reagem a qualquer pessoa que os procure, o que pode acabar levando-os a muitos problemas. Além disso, vão também deliberadamente se exibir, se embelezar e se arrumar, e quaisquer roupas que tiverem para usar que os faça parecer mais bonitos, mais atraentes e belos, vão escolhê-las especificamente para usar, e vão usá-las a cada dia; isso é perigoso e mostra que eles são pessoas que estão conscientemente tentando seduzir os outros. Se você parecer chamativo demais, sedutor demais nessas roupas, então você deve abandoná-las e escolher roupas diferentes para usar. Se você estiver determinado nesse aspecto, não há nada que o impeça de alcançar isso. Se, contudo, você não tiver essa determinação, mas deseja procurar um parceiro, então vá em frente e encontre um: interajam normalmente um com o outro, sem atrair nem seduzir o outro. Se você não está procurando um parceiro, mas atrai e seduz os outros, isso só pode ser chamado de falta de senso de pudor. Você tem que ser claro sobre o que está escolhendo, se a senda que está tomando é correta e se isso é o que você deveria estar fazendo. Vocês todos podem acatar isso? (Nós temos essa determinação.) Se você tem essa determinação, então você tem a energia, a motivação, e será fácil acatar isso. Algumas pessoas são essencialmente decentes por natureza; ademais, tendo encontrado fé em Deus, são ávidas por buscar a verdade e tomar a senda correta; elas não têm esse desejo e não reagem a ninguém que tenta atraí-las. Algumas pessoas são bastante propensas a isso, enquanto outras não dão atenção alguma; algumas pessoas parecem ter essa determinação, mas nem mesmo elas conseguem dizer se de fato a têm ou não. Isso é algo com que você deve lidar corretamente e reexaminar, e entender como isso é uma parte integral da dignidade e do pudor da humanidade normal.

Extraído de ‘Eles gostariam que os outros obedecessem apenas a eles, não à verdade nem a Deus (parte 2)’ em “Expondo os anticristos”

Resolver a natureza de alguém começa com o abandono da carne, e abandonar a carne também exige ter princípios. Alguém pode abandonar a carne sendo confuso? Assim que se depara com um problema, você cede à carne. Alguns irmãos podem parar tudo que estão fazendo quando veem uma mulher bonita; se você também fizer isso, então deve estabelecer um lema para si mesmo. Quando uma mulher bonita se aproximar de você, você deve sair ou o quê? O que você deve fazer se ela estender o braço para segurar sua mão? Se você não tiver princípios, tal situação o fará tropeçar. O que deve fazer se seus olhos ficarem mortos de inveja à vista de dinheiro e riqueza? Você deve aplicar-se especificamente a esse problema e se concentrar em treinar a si mesmo para resolver isso, e, aos poucos, será capaz de abandonar a carne. Existe um princípio bastante crucial, que é que você deve levar seus problemas a Deus e buscar mais. Além disso, toda noite, você deve examinar suas próprias condições e analisar seu próprio comportamento: quais de suas ações foram feitas de acordo com a verdade e quais violaram os princípios? Esse é outro princípio. Esses dois pontos são os mais vitais: um é que você deve os problemas quando ocorrem, e o outro é refletir sobre si mesmo depois. O terceiro princípio é ser perfeitamente claro quanto ao que se quer dizer com praticar a verdade e quanto ao que se chama de lidar com questões de uma maneira baseada em princípios. Uma vez que seja muito claro a respeito disso, você lidará com problemas de forma correta. Ao aderir a esses três princípios, você poderá exercer contenção. Sua natureza corrupta não será capaz de se revelar ou ressurgir. Esses também são os princípios fundamentais para se resolver a natureza humana.

Extraído de ‘Praticar a verdade e resolver sua natureza’ em “Registros das falas de Cristo dos últimos dias”

Se você pode ser salvo não depende do tamanho de sua senioridade nem de quantos anos você tem trabalhado e muito menos depende de quantas credenciais você acumulou. Ao contrário, depende de sua busca ter frutificado. Você deve saber que aqueles que são salvos são as “árvores” que dão fruto, não as árvores com folhagem exuberante e flores abundantes que, no entanto, não geram fruto. Mesmo que você tenha passado muitos anos vagueando pelas ruas, o que isso importa? Onde está o seu testemunho? Sua reverência a Deus é muito menor que seu amor por si mesmo e seus desejos luxuriosos — esse tipo de pessoa não é um degenerado? Como pode ele ser um exemplo e modelo para a salvação? Sua natureza é incorrigível, você é rebelde demais, você está fora da salvação! Tais pessoas não são as que serão eliminadas? O tempo em que Minha obra estiver terminada não é o tempo da chegada de seu último dia? Eu fiz tanta obra e proferi tantas palavras entre vocês — quanto disso entrou verdadeiramente em seus ouvidos? A quanto disso você jamais obedeceu? Quando Minha obra terminar, esse será o tempo em que você parará de se opor a Mim, em que você parará de ficar contra Mim. Enquanto Eu opero, vocês agem contra Mim constantemente; vocês nunca acatam as Minhas palavras. Eu faço a Minha obra, e você faz o seu “trabalho”, fazendo o seu reinozinho próprio. Vocês não passam de uma matilha de raposas e cães, fazendo tudo em oposição a Mim! Estão constantemente tentando trazer aqueles que lhes oferecem seu amor exclusivo para dentro de seu abraço — onde está a reverência de vocês? Tudo que fazem é enganoso! Vocês não têm obediência nem reverência e tudo que fazem é enganoso e blasfemo! Tais pessoas podem ser salvas? Homens que são sexualmente imorais e lascivos sempre querem atrair meretrizes namoradeiras para si, para o próprio desfrute. Sem dúvida, Eu não salvarei tais demônios sexualmente imorais. Eu odeio vocês, demônios imundos, e a sua lascívia e coquetice os lançará no inferno. O que vocês têm a dizer sobre si mesmos? Vocês, demônios imundos e espíritos malignos, são repulsivos! São nojentos! Como um lixo desses poderia ser salvo? Aqueles que estão enredados no pecado ainda podem ser salvos? Hoje, essa verdade, esse caminho e essa vida não atraem vocês; ao contrário, vocês são atraídos pela pecaminosidade; pelo dinheiro; pela posição, fama e ganho; pelos prazeres da carne; pela beleza dos homens e pelos encantos das mulheres. O que qualifica vocês para entrarem em Meu reino? A imagem de vocês é ainda maior que a de Deus, o status de vocês é ainda maior que o de Deus, sem mencionar o prestígio de vocês entre os homens — vocês se tornaram um ídolo que as pessoas adoram. Vocês não se tornaram o arcanjo? Quando for revelado o desfecho das pessoas, que também será quando a obra de salvação chegará perto de seu fim, muitos desses entre vocês serão cadáveres sem salvação e devem ser eliminados.

Extraído de ‘Prática (7)’ em “A Palavra manifesta em carne”

Hoje, todos aqueles que não podem aceitar o escrutínio de Deus não podem receber Sua aprovação, e aqueles que não conhecem o Deus encarnado não podem ser aperfeiçoados. Olhe tudo que você faz e veja se pode ser trazido para diante de Deus. Se você não pode trazer tudo que faz para diante de Deus, isso mostra que você é um malfeitor. Os malfeitores podem ser aperfeiçoados? Tudo que você faz, cada ação, cada intenção e cada reação devem ser trazidos para diante de Deus. Até sua vida espiritual diária — suas orações, sua proximidade com Deus, como você come e bebe das palavras de Deus, a comunhão com seus irmãos e irmãs e sua vida dentro da igreja — e seu serviço em parceria podem ser trazidos diante de Deus para Seu escrutínio. É tal prática que ajudará você a alcançar crescimento na vida. O processo de aceitar o escrutínio de Deus é o processo de purificação. Quanto mais puder aceitar o escrutínio de Deus, mais você será purificado e mais estará de acordo com a vontade de Deus, de modo que você não será atraído à devassidão e seu coração viverá na Sua presença. Quanto mais você aceitar Seu escrutínio, maior será a humilhação de Satanás e sua capacidade de renunciar à carne. Assim, aceitar o escrutínio de Deus é uma senda de prática que as pessoas deveriam seguir. Seja lá o que você faça, mesmo quando em comunhão com seus irmãos e irmãs, você pode trazer seus atos para diante de Deus e buscar o Seu escrutínio e buscar obedecer ao Próprio Deus; isso tornará muito mais correto o que você pratica. Só se trouxer para diante de Deus tudo que faz e aceitar o escrutínio de Deus, você poderá ser alguém que vive na presença de Deus.

Extraído de ‘Deus aperfeiçoa aqueles que são segundo o Seu coração’ em “A Palavra manifesta em carne”

Anterior: 129. Os princípios para corrigir-se e desculpar-se com os outros

Próximo: 131. Os princípios de tratar os outros de forma justa

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Sumário

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro

Entre em contato conosco pelo Whatsapp