12. Os princípios para confirmar que o Espírito Santo está operando

(1) Aquilo que vem do Espírito Santo certamente se alinha com a palavra de Deus a verdade. Nunca a contradiz e claramente não faz parte das noções e imaginações do homem;

(2) Aquilo que vem do Espírito Santo leva as pessoas a entender a verdade e a vontade de Deus. Pode iluminar seu coração e dar-lhes uma senda na qual praticar;

(3) Aquilo que vem do Espírito Santo pode trazer luz às pessoas e livrá-las das trevas, dando-lhes conhecimento prático de Deus e uma clara visão da senda da entrada na vida;

(4) Aquilo que vem do Espírito Santo pode beneficiar a entrada das pessoas na vida e levá-las a colocar os pés na trilha certa em sua fé em Deus, capacitando-as a praticar a verdade.

Palavras de Deus relevantes:

A obra do Espírito Santo é uma forma de orientação proativa e esclarecimento positivo. Ela não permite que as pessoas sejam passivas. Ela lhes traz consolo, lhes dá fé e determinação, e as capacita a buscar que sejam aperfeiçoadas por Deus. Quando o Espírito Santo opera, as pessoas são capazes de entrar ativamente; elas não são passivas nem forçadas, mas agem por iniciativa própria. Quando o Espírito Santo opera, as pessoas são alegres e dispostas, dispostas a obedecer e felizes em se humilhar. Ainda que estejam doloridas e frágeis por dentro, elas têm a determinação para cooperar; sofrem com alegria, são capazes de obedecer e não são contaminadas pela vontade humana, contaminadas pelo pensamento do homem, e certamente não são contaminadas por motivações e desejos humanos. Quando experimentam a obra do Espírito Santo, as pessoas são especialmente santas por dentro. Aquelas que são possuídas da obra do Espírito Santo vivem o amor por Deus e o amor por seus irmãos e irmãs; elas se deliciam nas coisas que deliciam Deus e abominam as coisas que Deus abomina. Pessoas que são tocadas pela obra do Espírito Santo têm humanidade normal, buscam a verdade constantemente e são possuídas de humanidade. Quando o Espírito Santo opera dentro das pessoas, a condição delas melhora cada vez mais e sua humanidade se torna cada vez mais normal, e, ainda que parte da sua cooperação possa ser tola, suas motivações são corretas, sua entrada é positiva, elas não tentam causar interrupção, e não há malevolência dentro delas. A obra do Espírito Santo é normal e real, o Espírito Santo opera no homem conforme as regras da vida humana normal e realiza esclarecimento e orientação dentro das pessoas de acordo com a busca real das pessoas normais. Quando opera nas pessoas, o Espírito Santo as guia e esclarece conforme as necessidades das pessoas normais. Ele provê para elas conforme suas necessidades e as guia e esclarece positivamente de acordo com o que carecem e de acordo com suas deficiências. A obra do Espírito Santo é iluminar e guiar as pessoas na vida real; apenas se experimentarem as palavras de Deus em sua vida real, elas podem ver a obra do Espírito Santo. Se, no seu dia a dia, as pessoas estão num estado positivo e têm uma vida espiritual normal, então elas são possuídas da obra do Espírito Santo. Em tal estado, quando comem e bebem as palavras de Deus, elas têm fé; quando oram, elas são inspiradas; quando enfrentam algo, elas não são passivas; e, conforme as coisas acontecem, elas são capazes de ver as lições dentro daquelas coisas que Deus exige que aprendam. Elas não são passivas nem fracas e, embora tenham dificuldades reais, estão dispostas a obedecer a todos os arranjos de Deus.

Extraído de ‘A obra do Espírito Santo e a obra de Satanás’ em “A Palavra manifesta em carne”

Há muitas situações em que vocês simplesmente não sabem como praticar, e vocês sabem ainda menos sobre como o Espírito Santo opera. Às vezes você faz algo que é claramente desobediente ao Espírito Santo. Através de seu comer e beber das palavras de Deus, você já tem uma compreensão do princípio à mão na questão, então você tem um sentimento interior de reprovação e inquietação; claro, esse é um sentimento que se terá apenas sob a premissa de conhecer alguma verdade. Se as pessoas não cooperam ou praticam de acordo com a palavra de Deus de hoje, elas estão obstruindo a obra do Espírito Santo e elas certamente sentirão inquietação por dentro. Digamos que você entende o princípio de determinado aspecto, mas você não pratica em conformidade com isso, então você sofreria um sentimento de reprovação por dentro. Se você não entender o princípio e não conhecer nem um pouco esse aspecto da verdade, então você não terá necessariamente um sentimento de reprovação nesse assunto. A reprovação do Espírito Santo ocorre sempre em contexto. Você acha que, porque não orou e não cooperou com a obra do Espírito Santo, você atrasou a obra. Na verdade, ela não pode ser atrasada. O Espírito Santo moverá outra pessoa; a obra do Espírito Santo não é restringida por ninguém. Você sente que decepcionou Deus, e isso é um sentimento que você deve ter em sua consciência. Se você pode ganhar a verdade ou não é problema seu e nada tem a ver com Deus. Às vezes é sua própria consciência que se sente acusada, mas isso não é o esclarecimento ou iluminação do Espírito Santo, nem é a reprovação do Espírito Santo. Em vez disso, é um sentimento dentro da consciência humana. Se você agir arbitrariamente em questões que envolvam o nome de Deus, o testemunho de Deus ou a obra de Deus, então Deus não vai aliviar para você. Mas existe um limite — Deus não se importará com você em assuntos comuns e pequenos. Ele ignorará você. Se você violar princípios e você interromper e perturbar a obra de Deus, Ele soltará Sua ira contra você e de forma alguma aliviará para você. Alguns dos erros que você comete são inevitáveis ao longo da vida humana. Por exemplo, você não prepara seus pães da forma correta e diz que é Deus disciplinando você — isso é algo totalmente irracional de se dizer. Antes de você vir a acreditar em Deus, esse tipo de coisa não acontecia com frequência? Você sente que parece ser a disciplina do Espírito Santo, mas, na verdade, não é esse o caso (algumas circunstâncias excepcionais à parte), porque essa obra não vem inteiramente do Espírito Santo, mas sim de sentimentos humanos. No entanto, é normal que pessoas de fé pensem ao longo dessas linhas. Você não poderia ter pensado assim quando não acreditava em Deus. Uma vez que você veio a acreditar em Deus, você começou a passar mais tempo contemplando essas coisas e, assim, você naturalmente veio a pensar ao longo dessas linhas. Isso surge do pensamento normal das pessoas e tem a ver com sua mentalidade. Mas deixe-Me dizer-lhe, tal pensamento não se encontra dentro do escopo da obra do Espírito Santo. Esse é um exemplo do Espírito Santo dando às pessoas uma reação normal através de seus pensamentos; mas você deve entender que essa reação não é obra do Espírito Santo. Ter esse tipo de “conhecimento” não prova que você tem a obra do Espírito Santo. Seu conhecimento não resulta da iluminação do Espírito Santo, muito menos é a obra do Espírito Santo. É apenas o produto do pensamento humano normal e não possui absolutamente nenhum vínculo com o esclarecimento ou a iluminação do Espírito Santo — esses são fenômenos categoricamente diferentes. Tal pensamento humano normal não provém inteiramente do Espírito Santo. Quando o Espírito Santo opera para iluminar as pessoas, Ele geralmente lhes dá conhecimento da obra de Deus e de sua verdadeira entrada e verdadeiro estado, Ele também permite que compreendam as intenções urgentes de Deus e Suas exigências para o homem hoje, para que elas tenham a determinação de sacrificar tudo para satisfazer a Deus e amar a Deus, mesmo que se deparem com perseguição e adversidade, deem testemunho de Deus, mesmo que isso signifique derramar seu sangue ou dar a sua vida, e façam isso sem arrependimento. Se você tiver esse tipo de determinação, isso significa que você tem o mover e a obra do Espírito Santo — mas saiba que você não está possuído por esse mover a cada momento que passa. Às vezes, nas reuniões, quando você ora, e come, e bebe as palavras de Deus, você pode se sentir extremamente comovido e inspirado. A sensação é tão nova e fresca quando outros compartilham alguma comunicação sobre sua experiência e compreensão das palavras de Deus, e seu coração está perfeitamente claro e iluminado. Tudo isso é a obra do Espírito Santo. Se você é um líder e o Espírito Santo lhe dá esclarecimento e iluminação excepcionais quando vai à igreja para trabalhar, dá a você uma percepção de problemas que existem dentro da igreja, permite que você saiba como comungar sobre a verdade para resolvê-los, torna você incrivelmente sincero, responsável e sério em seu trabalho, tudo isso é a obra do Espírito Santo.

Extraído de ‘Prática (1)’ em “A Palavra manifesta em carne”

Quando as condições das pessoas são normais, então sua vida espiritual e sua vida na carne são normais e sua razão é normal e ordeira. Quando estão nessa condição, o que elas experimentam e chegam a conhecer dentro de si, disso se pode dizer que decorre de serem tocadas pelo Espírito Santo (ter discernimentos ou possuir um conhecimento simples quando comem e bebem as palavras de Deus, ou ser fiéis em algumas coisas, ou ter a força para amar Deus em algumas coisas — isso tudo vem do Espírito Santo). A obra do Espírito Santo no homem é especialmente normal; o homem é incapaz de senti-la, e ela parece se dar por meio do próprio homem, embora, na verdade, seja obra do Espírito Santo. No dia a dia, o Espírito Santo faz obra grande e pequena em todos, e só o alcance dessa obra é que varia. Algumas pessoas são de bom calibre e entendem as coisas com rapidez, e o esclarecimento do Espírito Santo é especialmente grande dentro delas. Entretanto, algumas pessoas são de baixo calibre e precisam de mais tempo para entender as coisas, mas o Espírito Santo as toca no interior, e elas, também, são capazes de alcançar a fidelidade a Deus — o Espírito Santo opera em todos aqueles que buscam Deus. Quando, na vida cotidiana, as pessoas não se opõem a Deus nem se rebelam contra Ele, não fazem coisas que estão em conflito com a gestão de Deus e não interferem em Sua obra, então o Espírito de Deus opera em cada uma delas em medida maior ou menor; Ele as toca, as esclarece, lhes dá fé, lhes dá força e as leva a entrar proativamente, a não ser preguiçosas e a não cobiçar os prazeres da carne, estar dispostas a praticar a verdade e ansiar pelas palavras de Deus. Tudo isso é obra que vem do Espírito Santo.

Extraído de ‘A obra do Espírito Santo e a obra de Satanás’ em “A Palavra manifesta em carne”

A maneira com que a obra do Espírito Santo mais ajuda as pessoas é permitindo que elas entendam muitas verdades e entendem algo da vontade de Deus, impedindo-as de agir contra a vontade de Deus e capacitando-as a trabalhar na direção certa e a não se desviar da senda certa. Qual é o objetivo da obra do Espírito Santo de esclarecer as pessoas? Às vezes, ela exerce o papel de guiar as pessoas; às vezes, serve para lembrar você. Quando você está prestes a se desviar, Ele o apoia e assiste como uma bengala, levando-o para a senda certa e guiando você. Apesar da luz e do entendimento com os quais o Espírito Santo esclarece as pessoas, ou se isso varia por causa de seu contexto pessoal, nunca há violação ou conflito com a verdade. Se cada pessoa experimentar dessa forma, buscando e orando genuinamente, obedecendo verdadeiramente, se o Espírito Santo operar continuamente dessa forma, se as pessoas tiverem um intelecto aguçado e sutil e se forem sensíveis ao esclarecimento do Espírito Santo, sua estatura crescerá muito rapidamente. Elas terão aproveitado a oportunidade. Uma característica da obra do Espírito Santo é que ela é muito rápida — passa como um relâmpago. Não é como o trabalho dos espíritos malignos, quando você está sempre sendo pressionado e não consegue agir de outra forma. Às vezes, o Espírito Santo opera dando-lhe um sentimento quando você está à beira do perigo, fazendo-o se sentir incomodado e ansioso por dentro. Isso acontece sob circunstâncias especiais. Na maioria das vezes, durante o curso da experiência normal das pessoas, elas recebem um sentimento leve ou um pensamento ou uma ideia sutil; você é levado a entender o significado, e então esse significado é colocado em palavras humanas por meio da mente humana. Na verdade, se as pessoas sempre experimentam dessa forma, se elas têm essas verdades como seu fundamento, se têm a obra do Espírito Santo e são sempre capazes de aproveitá-la, não existe possibilidade alguma de se desviarem do caminho verdadeiro. Mesmo se, o tempo todo, ninguém comungar com você, ninguém o guiar e você não receber nenhum arranjo de trabalho, se continuar nessa direção, você definitivamente não seguirá a senda errada.

Extraído de ‘Veja todas as coisas através dos olhos da verdade’ em “Registros das falas de Cristo dos últimos dias”

A iluminação que o Espírito Santo opera no homem acontece quando ele está em um estado normal; nesses momentos, as pessoas frequentemente confundem a iluminação que recebem como sua própria estatura real, porque a modo como o Espírito Santo ilumina é excepcionalmente normal e Ele faz uso do que é inerente dentro do homem. Quando as pessoas trabalham e falam, ou quando estão orando ou fazendo suas devoções espirituais, uma verdade de repente fica clara para elas. Na realidade, porém, o que o homem vê é apenas a iluminação pelo Espírito Santo (naturalmente, essa iluminação está conectada à cooperação do homem) e não representa a verdadeira estatura do homem. Depois de um período de experiência no qual o homem se depara com algumas dificuldades e provações, a verdadeira estatura do homem se torna aparente sob tais circunstâncias. Só então o homem descobrirá que sua estatura não é tão grande, e o egoísmo, as considerações pessoais e a ganância do homem emergem todos. Somente depois de vários ciclos de experiência como essa, muitos daqueles que estão despertos dentro de seu espírito perceberão que o que eles experimentaram no passado não era sua realidade individual, mas uma iluminação momentânea do Espírito Santo, e que o homem apenas recebeu essa luz. Quando o Espírito Santo ilumina o homem para ele entender a verdade, isso frequentemente ocorre de maneira clara e distinta, sem explicar como as coisas surgiram ou para aonde vão. Isto é, em vez de incorporar as dificuldades do homem nessa revelação, Ele revela a verdade diretamente. Quando o homem encontra dificuldades no processo de entrada e, então, incorpora a iluminação do Espírito Santo, isso se torna a experiência real do homem.

Extraído de ‘Obra e entrada (2)’ em “A Palavra manifesta em carne”

A obra do Espírito Santo é progresso positivo, enquanto a obra de Satanás é recuo, negatividade, rebeldia, resistência a Deus, perda de fé em Deus, falta de vontade até para cantar hinos e ser fraco demais para cumprir o seu dever. Tudo que se origina do esclarecimento do Espírito Santo é bastante natural; não é imposto a você. Se o seguir, então você terá paz; se não o seguir, posteriormente você será repreendido. Com o esclarecimento do Espírito Santo, nada do que você fizer sofrerá interferência nem limitação; você será liberto, haverá uma senda para praticar nas suas ações, e você não estará sujeito a restrição alguma, mas será capaz de agir segundo a vontade de Deus. A obra de Satanás lhe causa interferência em muitas coisas; o torna indisposto a orar, preguiçoso demais para comer e beber as palavras de Deus e indisposto para viver a vida da igreja, bem como afasta você da vida espiritual. A obra do Espírito Santo não interfere com sua vida cotidiana e não interfere com sua vida espiritual normal.

Extraído de ‘A obra do Espírito Santo e a obra de Satanás’ em “A Palavra manifesta em carne”

A orientação interior do Espírito Santo não é, de forma alguma, transcendental; é, na verdade, muito normal. Ou seja, nas profundezas do seu coração, você sabe que essa é uma maneira apropriada de agir e que é a melhor maneira. Na verdade, esse pensamento é bem claro; ele não resultou de sua reflexão, mas foi um tipo de sentimento que você gerou lá no fundo, e, às vezes, você não entende completamente o que o faz agir dessa maneira. Muitas vezes, não é nada mais do que o esclarecimento do Espírito Santo, e é assim que ocorre normalmente com a maioria das pessoas. Muitas vezes, as ideias próprias resultam de reflexão e raciocínio, e todas são adulteradas pela vontade própria; ideias sobre quais áreas existem em que é possível encontrar benefício próprio e sobre quais vantagens algo pode trazer para a pessoa; toda decisão humana tem essas coisas em si. Contudo, a orientação do Espírito Santo de forma alguma contém tais adulterações. É necessário prestar muita atenção na orientação ou no esclarecimento do Espírito Santo; especialmente em questões-chave, você deve ser cuidadoso para compreender. Pessoas que gostam de usar o cérebro e que gostam de agir de acordo com ideias próprias são as mais suscetíveis a ignorar essa orientação ou esse esclarecimento.

Extraído de ‘Os princípios de trabalho mais importantes para líderes e obreiros’ em “Registros das falas de Cristo dos últimos dias”

Que tipo de pessoa o Espírito Santo esclarece? Aqueles que são de intelecto aguçado e sutil. Quando lhe é dado um sentimento ou esclarecimento, ele consegue sentir que é a obra do Espírito Santo e que é Deus que está fazendo isso. Às vezes, consegue reconhecer assim que é repreendido pelo Espírito Santo e, então, pode se controlar. Essas são as pessoas que o Espírito Santo esclarece. Se alguém é descuidado e não entende coisas espirituais, não perceberá quando lhe for dado um sentimento. É desatento à obra do Espírito Santo, e por isso o Espírito Santo não tentará esclarecê-lo novamente. Se permanecer não receptivo até mesmo após três ou quatro tentativas, o Espírito Santo não operará mais nele. Por que algumas pessoas se sentem sombrias, deprimidas, esvaziadas, desprovidas de esclarecimento do Espírito Santo dentro de si quanto mais avançam? Não há nada além de coisas sem vida, doutrinas sem vida em seu interior; como, então, poderiam se sentir energizadas? As pessoas não perduram por muito tempo confiando apenas no entusiasmo. Você deve entender a verdade para ter força. Portanto, em sua fé em Deus, você deve ter um intelecto sutil, deve levar a sério as palavras de Deus e se concentrar em conhecer a si mesmo. Deve entender a vontade de Deus por meio do entendimento da verdade, por meio do conhecimento e da experiência; somente então você ganhará a obra do Espírito Santo. A obra do Espírito Santo é extraordinariamente prática. Algumas pessoas têm a capacidade de entender a verdade, mas não têm experiência pessoal da obra do Espírito Santo. Ao avançar, vocês devem se concentrar nos sentimentos mais sutis e na luz mais sutil. Sempre que algo acontece com você, você deve observá-lo e abordá-lo a partir da perspectiva da verdade, e, ao fazer isso, aos poucos você embarcará na trilha certa.

Extraído de ‘Veja todas as coisas através dos olhos da verdade’ em “Registros das falas de Cristo dos últimos dias”

Anterior: 11. Os princípios para viver diante de Deus

Próximo: 13. Os princípios para obter a obra do Espírito Santo

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Sumário

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro