91. Os princípios de ser diácono da igreja

(1) Um diácono da igreja deve cooperar harmoniosamente com os líderes da igreja, aprender a se submeter à verdade, relatar quaisquer dificuldades que enfrente a um líder, em tempo hábil, e resolvê-las por meio da busca da verdade;

(2) É necessário salvaguardar toda a obra da igreja. Quando os anticristos e os espíritos malignos enganam o povo escolhido de Deus, um diácono da igreja deve protegê-los bem, para que não sejam enganados;

(3) Um diácono da igreja deve se concentrar em sua entrada na vida própria, em praticar a verdade e agir de acordo com os princípios, cumprir bem seu dever e permanecer leal à comissão de Deus;

(4) É necessário supervisionar a obra dos líderes da igreja à luz dos arranjos da obra. Se eles forem pegos não fazendo a obra prática, um diácono da igreja deve oferecer-lhes instruções e ajudar, ou relatar o fato a seus superiores;

Palavras de Deus relevantes:

Em seu trabalho, líderes e obreiros da igreja devem dar atenção a duas coisas: uma é fazer seu trabalho exatamente de acordo com os princípios estipulados pelos arranjos de trabalho, sem jamais violar aqueles princípios e nem basear seu trabalho em qualquer coisa que eles possam imaginar ou em qualquer uma de suas próprias ideias. Em tudo que fazem, devem demonstrar preocupação pelo trabalho da casa de Deus, sempre colocando em primeiro lugar os interesses dela. Outra coisa — e isso é absolutamente crucial — é que, em todas as coisas, eles devem se concentrar em seguir a orientação do Espírito Santo e fazer tudo em observação estrita das palavras de Deus. Se você ainda for capaz de ir contra a orientação do Espírito Santo ou se seguir teimosamente as suas próprias ideias e fizer as coisas de acordo com sua própria imaginação, então suas ações constituirão uma resistência gravíssima a Deus. Voltar suas costas com frequência para o esclarecimento e a orientação do Espírito Santo só levará a um beco sem saída. Se perder a obra do Espírito Santo, você não será capaz de trabalhar; e mesmo que, de alguma forma, consiga trabalhar, não realizará nada. Esses são os dois princípios mais importantes a serem obedecidos ao trabalhar: um é realizar seu trabalho exatamente de acordo com os arranjos do Alto e também agir de acordo com os princípios que foram estabelecidos pelo Alto; e o outro é seguir a orientação interior do Espírito Santo dentro de você. Uma vez que compreender esses dois pontos, você não estará tão suscetível a cometer erros.

Extraído de ‘Os princípios de trabalho mais importantes para líderes e obreiros ’ em “Registros das falas de Cristo”

Você precisa ter compreensão dos muitos estados em que as pessoas estarão quando o Espírito Santo operar nelas. Em particular, aquelas que coordenam o serviço a Deus devem captar ainda mais os vários estados resultantes da obra que o Espírito Santo realiza nas pessoas. Se você apenas fala sobre muitas experiências ou maneiras de alcançar entrada, isso mostra que a sua experiência é extremamente unilateral. Sem conhecer seu estado verdadeiro e captar o verdade-princípio, não é possível alcançar mudança no caráter. Sem conhecer os princípios da obra do Espírito Santo ou compreender o fruto que ela dá, será difícil para você discernir a obra de espíritos malignos. Você deve expor a obra dos espíritos malignos, assim como as noções do homem, e penetrar direto no cerne da questão; você deve, também, apontar vários desvios na prática das pessoas e os problemas que elas podem ter em sua fé em Deus, para que possam reconhecê-los. No mínimo, você não deve fazer com que elas se sintam negativas ou passivas. No entanto, você deve entender as dificuldades que existem objetivamente para a maioria das pessoas, e você não deve ser irracional nem deve tentar “ensinar um porco a voar”; isso é um comportamento tolo. Para resolver as muitas dificuldades que as pessoas experimentam, você deve primeiro compreender a dinâmica da obra do Espírito Santo; você deve entender como o Espírito Santo opera em pessoas diferentes, você deve ter um entendimento das dificuldades que as pessoas enfrentam e as suas deficiências, e você deve enxergar as questões principais do problema e chegar à sua origem, sem se desviar nem cometer erro algum. Somente uma pessoa assim está qualificada para coordenar o serviço a Deus.

Extraído de ‘Com que um pastor adequado deveria ser equipado’ em “A Palavra manifesta em carne”

A igreja está em construção e Satanás está tentando demoli-la com todos os seus esforços. Ele quer demolir a Minha construção por quaisquer meios possíveis; por essa razão, a igreja precisa ser purificada rapidamente. Nem os menores resíduos do mal devem permanecer; assim, a igreja precisa ser purificada para que se torne impecável e continue a ser tão pura quanto no passado. Vocês precisam estar atentos e em espera o tempo todo e precisam orar mais perante Mim. Vocês precisam reconhecer os diversos complôs e esquemas astutos de Satanás, reconhecer os espíritos, conhecer as pessoas e ser capazes de discernir todos os tipos de pessoas, acontecimentos e coisas; vocês também precisam comer e beber mais das Minhas palavras e, mais importante, precisam ser capazes de comer e beber delas por si mesmos. Equipem-se com tudo da verdade e venham perante Mim para que Eu possa abrir os olhos espirituais de vocês e permitir que vejam todos os mistérios que repousam no espírito… Quando a igreja entra na fase de construção, os santos marcham para a batalha. As muitas feições horrendas de Satanás se apresentam a vocês: vocês param e voltam para trás ou se levantam e, confiando em Mim, continuam a avançar? Exponham completamente as feições feias e corruptas de Satanás, não poupem sentimentos e não mostrem misericórdia! Lutem contra Satanás até a morte! Eu sou seu apoio e você precisa ter o espírito do filho varão! Satanás está atacando em sua agonia final de morte, mas ele ainda será incapaz de escapar do Meu julgamento. Satanás está sob os Meus pés e também está sendo pisoteado sob os pés de vocês — isso é fato!

Todos aqueles perturbadores religiosos e aqueles que derrubam a construção da igreja, não se lhes pode mostrar o mínimo de tolerância, serão julgados imediatamente; Satanás será exposto, pisoteado, destruído completamente e deixado sem ter onde se esconder. Todos os tipos de demônios e fantasmas certamente revelarão suas verdadeiras formas perante Mim e Eu lançarei todos eles no poço do abismo do qual nunca se libertarão; todos estarão debaixo dos nossos pés. Se querem combater o bom combate pela verdade, então, antes de mais nada, vocês não devem dar qualquer chance para Satanás operar — para esse fim, vocês precisarão ter o mesmo modo de pensar e ser capazes de servir em coordenação, renunciar a todas as suas noções próprias, opiniões, pontos de vista e modos de fazer as coisas, silenciar seu coração em Mim, concentrar-se na voz do Espírito Santo, estar atentos à obra do Espírito Santo e experimentar as palavras de Deus em detalhe. Vocês precisam ter uma só intenção, a qual é que Minha vontade seja feita. Vocês não deveriam ter nenhuma outra intenção além dessa. Vocês precisam olhar para Mim com todo o seu coração, observar atentamente as Minhas ações e a maneira como faço as coisas e não ser negligentes de maneira alguma. Seu espírito precisa estar aguçado, seus olhos abertos. Normalmente, quando se trata daqueles cujos objetivos e intenções não são corretos, bem como daqueles que adoram ser vistos pelos outros, que ficam ansiosos para fazer coisas, que são propensos a causar interrupções, que são bons em recitar doutrina religiosa, que são lacaios de Satanás, e assim por diante — quando se levantam, essas pessoas se tornam dificuldades para a igreja e isso faz o comer e beber das palavras de Deus por parte de irmãos e irmãs não dar em nada. Quando encontrarem tais pessoas atuando nesse papel, expulsem-nas imediatamente. Se, apesar de repetidas advertências, elas não mudarem, então sofrerão perda. Se aqueles que persistem teimosamente em seus modos se esforçam para se defender e tentam encobrir seus pecados, a igreja deveria abandoná-los imediatamente e deixá-los sem espaço de manobra. Não percam muito tentando salvar uns poucos; mantenham os olhos no quadro maior.

Extraído de ‘Capítulo 17’ das Declarações de Cristo no princípio em “A Palavra manifesta em carne”

Trechos de sermão e comunhão para referência:

Responsabilidades de trabalho dos diáconos de rega da igreja

1. Na vida da igreja, os diáconos de rega devem assumir a liderança em comer e beber as palavras de Deus, falar de seu próprio conhecimento e experiência em todas as coisas, conhecer e dissecar seus próprios caracteres corruptos e revelar suas próprias motivações incorretas e seus diversos venenos satânicos, para que o povo escolhido de Deus possa aprender a conhecer a si próprio e entrar na realidade da verdade.

2. Diáconos de rega devem executar corretamente o trabalho de regar novos crentes. Antes de mais nada, devem tratar seu próprio entendimento e noções errôneos. Devem alcançar um entendimento genuíno das verdades relacionadas a visões e garantir que os novos crentes entendam essas verdades dentro de seis meses, para que eles possam fincar raízes no verdadeiro caminho.

3. O diácono de rega de uma igreja deve participar de reuniões com todos os grupos, alternando entre eles. Ao descobrir um problema, deve tratar dele imediatamente buscando a verdade; problemas importantes devem ser resolvidos por meio de comunhão com os líderes da igreja. Não deve haver encobrimento de fatos verdadeiros.

4. Diáconos de rega devem trabalhar em harmonia com os líderes da igreja para realizar o trabalho da igreja. Devem se comunicar regularmente com os líderes da igreja sobre problemas e dificuldades que existem na igreja e, juntos, buscar a verdade o princípio a fim de resolver esses problemas. Diáconos de rega devem também monitorar o trabalho dos líderes da igreja e relatar problemas graves imediatamente quando descobertos.

Extraído de “Arranjos de trabalho”

Responsabilidades de trabalho dos diáconos do evangelho

1. Diáconos do evangelho devem gerenciar aqueles na igreja que são hábeis em espalhar o evangelho ou que estão dispostos a ser treinados para espalhar o evangelho. Diáconos do evangelho devem, com frequência, comunicar verdades, sabedoria e os diversos meios eficazes de espalhar o evangelho a tais pessoas, para que aqueles que espalham o evangelho possam entender a verdade e compreender princípios.

2. Diáconos do evangelho devem seguir os princípios de “cinco pregam” e “cinco não pregam”. Devem garantir que aqueles que recebem o evangelho sejam de humanidade relativamente boa, anseiem pela verdade e sejam capazes de entendê-la. O evangelho não deve ser pregado àqueles de humanidade maligna, que não se interessam pela verdade e não acreditam verdadeiramente em Deus.

3. Diáconos do evangelho devem mobilizar o povo escolhido de Deus para visitar denominações diferentes a fim de descobrir quais de seus membros anseiam pela aparição de Deus e amam a verdade, como também descobrir mais sobre há quanto tempo eles acreditam em Deus, sobre sua qualidade moral e seu calibre; onde um plano prático para espalhar o evangelho possa ser determinado, um membro adequado da equipe deve ser enviado para espalhar o evangelho a eles. Além disso, o povo escolhido de Deus deve ser mobilizado para investigar aqueles que podem ser convertidos ao evangelho entre parentes, amigos e conhecidos, para que alguém possa ser arranjado para espalhar o evangelho a eles.

4. Diáconos do evangelho devem mobilizar os escolhidos de Deus para sentirem as pessoas e encontrarem potenciais candidatos aos quais compartilhar o evangelho, empregando diversos meios apropriados e eficazes para buscar potenciais convertidos ao evangelho. Quando tais pessoas forem descobertas, deve-se informar à igreja. Depois disso, um método adequado de pregar a elas pode ser descoberto e identificado.

Extraído de “Arranjos de trabalho”

Responsabilidades de trabalho dos diáconos de assuntos gerais

1. Diáconos de assuntos gerais são responsáveis pela distribuição de livros das palavras de Deus, dos sermões e das comunicações e arranjos de trabalho mais recentes, garantindo que não haja atrasos nem omissões.

2. Diáconos de assuntos gerais devem conhecer e ter um entendimento das dificuldades práticas enfrentadas por aqueles entre os escolhidos de Deus que cumprem seus deveres em tempo integral, e fazer o possível para ajudá-los a resolver suas preocupações.

3. Diáconos de assuntos gerais devem verificar regularmente a situação de custódia de recursos, literatura e propriedade da igreja para garantir a integridade de todos os bens da igreja.

Extraído de “Arranjos de trabalho”

Anterior: 90. Os princípios de ser um líder de igreja

Próximo: 92. Os princípios de ser um pregador

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.
Venha conversar com a gente
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Sumário

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro