Aplicativo da Igreja de Deus Todo-Poderoso

Ouça a voz de Deus e dê as boas vindas ao retorno do Senhor Jesus!

Convidamos a todos os buscadores da verdade que entrem em contato conosco.

Por que os crentes devem fazer tantas boas ações para ter um bom destino?

Referência Bíblica:

“Porque é assim como um homem que, ausentando-se do país, chamou os seus servos e lhes entregou os seus bens: a um deu cinco talentos, a outro dois, e a outro um, a cada um segundo a sua capacidade; e seguiu viagem. O que recebera cinco talentos foi imediatamente negociar com eles, e ganhou outros cinco; da mesma sorte, o que recebera dois ganhou outros dois; mas o que recebera um foi e cavou na terra e escondeu o dinheiro do seu senhor. Ora, depois de muito tempo veio o senhor daqueles servos, e fez contas com eles. Então chegando o que recebera cinco talentos, apresentou-lhe outros cinco talentos, dizendo: Senhor, entregaste-me cinco talentos; eis aqui outros cinco que ganhei. Disse-lhe o seu senhor: Muito bem, servo bom e fiel; sobre o pouco foste fiel, sobre muito te colocarei; entra no gozo do teu senhor. Chegando também o que recebera dois talentos, disse: Senhor, entregaste-me dois talentos; eis aqui outros dois que ganhei. Disse-lhe o seu senhor: Muito bem, servo bom e fiel; sobre o pouco foste fiel, sobre muito te colocarei; entra no gozo do teu senhor. Chegando por fim o que recebera um talento, disse: Senhor, eu te conhecia, que és um homem duro, que ceifas onde não semeaste, e recolhes onde não joeiraste; e, atemorizado, fui esconder na terra o teu talento; eis aqui tens o que é teu. Ao que lhe respondeu o seu senhor: Servo mau e preguiçoso, sabias que ceifo onde não semeei, e recolho onde não joeirei? Devias então entregar o meu dinheiro aos banqueiros e, vindo eu, tê-lo-ia recebido com juros. Tirai-lhe, pois, o talento e dai ao que tem os dez talentos. Porque a todo o que tem, dar-se-lhe-á, e terá em abundância; mas ao que não tem, até aquilo que tem ser-lhe-á tirado. E lançai o servo inútil nas trevas exteriores; ali haverá choro e ranger de dentes” (Mateus 25:14-30).

A resposta da palavra de Deus:

Minha misericórdia expressa-se naqueles que Me amam e negam a si mesmos. E a punição que ocorre aos malvados é precisamente prova de Meu caráter justo e, mais ainda, testemunho da Minha ira. Quando o desastre vier, fome e pestes sobrevirão a todos aqueles que a Mim se opõem, e eles prantearão. Aqueles que cometeram toda espécie de perversidade, mas Me seguiram por muitos anos, não escaparão da acusação; eles também, ao caírem no desastre – do tipo raramente visto ao longo das eras –, passarão a viver num constante estado de pânico e pavor. E aqueles Meus seguidores que se têm mostrado leais somente a Mim hão de se regozijar e aplaudir Meu poder. Eles experimentarão inefável contentamento e viverão numa alegria que nunca antes concedi ao ser humano. Porque Eu prezo as boas ações dos homens e abomino as suas más obras. Desde que comecei a conduzir a humanidade, tenho esperado ardentemente ganhar um grupo de homens da mesma opinião que Eu. Nunca Me esqueci daqueles cuja opinião é diferente da Minha; tenho-os guardado com ódio no Meu coração, esperando apenas a oportunidade de lhes administrar a Minha retribuição, o que Me dará satisfação ver. Hoje, finalmente Meu dia chegou, não preciso esperar mais!

Minha obra final não tem por objetivo apenas punir os homens, mas também arranjar o destino deles. E, mais ainda, o objetivo é receber o reconhecimento de todos por tudo o que fiz. Quero que todos e cada um dos homens vejam que tudo o que fiz é correto e que tudo o que fiz é expressão do Meu caráter; Não foi a ação do homem, menos ainda da natureza, que trouxe o ser humano à existência. Ao contrário, sou Eu Quem nutre todo ser vivo na criação. Sem a Minha existência, a humanidade só perecerá e sofrerá o flagelo das calamidades. Nenhum ser humano tornará a ver a beleza do sol e da lua nem o mundo verde; a humanidade só há de se deparar com a noite gélida e o vale implacável da sombra da morte. Sou a única salvação da humanidade. Sou a única esperança da humanidade e, mais ainda, sou Aquele sobre Quem se baseia a existência de toda a humanidade. Sem Mim, a humanidade imediatamente ficará paralisada. Sem Mim, a humanidade sofrerá uma catástrofe e será espezinhada por toda espécie de espectros, ainda que ninguém atente para Mim. Fiz uma obra que mais ninguém pode fazer e Minha única esperança é que o homem seja capaz de Me retribuir com algumas boas ações. Muito embora bem poucos possam Me retribuir, Eu ainda concluirei a Minha jornada no mundo humano e darei início à próxima etapa da Minha obra reveladora, porque toda a Minha correria de um lado a outro destes muitos anos em meio aos homens tem sido proveitosa e estou muito satisfeito. Não Me importo com o número de homens, mas com suas boas ações. Seja como for, espero que vocês preparem boas ações suficientes para seu próprio destino. Com isso, ficarei satisfeito; se não, nenhum de vocês escapará do desastre que lhes sucede. O desastre tem origem em Mim e, claro, é por Mim orquestrado. Se não conseguirem parecer bons aos Meus olhos, não escaparão de sofrer o desastre. No meio da tribulação, seus atos e feitos não foram considerados de todo apropriados, pois sua fé e seu amor eram vazios e vocês só mostraram ser tímidos ou durões. Quanto a isso, o Meu julgamento será só de bom ou mau. O Meu interesse continua a ser o modo de cada um de vocês agir e se expressar, com base em que determinarei o seu fim. Todavia, devo deixar claro: não terei mais misericórdia daqueles que não Me ofereceram sequer um pingo de lealdade em tempos de adversidade, pois Minha misericórdia vai só até esse ponto. Além disso, não tenho apreço algum por quem quer que já tenha Me traído e gosto ainda menos de Me associar com quem trai os interesses de seus amigos. Esse é Meu caráter, seja quem for a pessoa. Eu devo lhes dizer isto: não receberá Minha clemência pela segunda vez quem partir Meu coração, e quem tiver sido fiel a Mim ficará no Meu coração para sempre.

de ‘Você deve preparar boas ações suficientes para seu destino’ em “A Palavra manifesta em carne”

Somente Deus pode fazer exigências ao homem, ou seja, somente Deus está apto a fazer exigências ao homem. O homem não deve ter nenhuma escolha, não deve fazer nada além de se submeter e praticar plenamente; esse é o sentido que o homem deve ter. Quando a obra a ser realizada pelo Próprio Deus for concluída, o homem deve experimentá-la, passo a passo. Se, ao final, quando o gerenciamento integral de Deus estiver concluído, o homem ainda não tiver cumprido o que é exigido dele por Deus, então o homem deverá ser punido. Se o homem não cumpre as exigências de Deus, isso se deve à desobediência do homem; não significa que Deus não tenha realizado plenamente a Sua obra. Aqueles que são incapazes de pôr em prática as palavras de Deus, aqueles que são incapazes de cumprir as exigências de Deus e aqueles que são incapazes de dar a sua lealdade e cumprir seu dever – todos serão punidos. O que vocês devem realizar hoje não são exigências adicionais, mas o dever do homem e aquilo que deve ser feito por todas as pessoas. […] A obra de Deus é para o bem da humanidade e a colaboração do homem é para o bem do gerenciamento de Deus. Quando Deus tiver realizado tudo o que Ele deve realizar, requer-se que o homem não poupe esforços na sua prática e colabore com Deus. Na obra de Deus o homem não deve poupar esforços, deve oferecer sua lealdade e não se entregar a múltiplas concepções, nem sentar-se passivamente esperando a morte. Se Deus pode se sacrificar pelo homem, por que o homem não pode oferecer a sua lealdade a Deus? Deus é uno de coração e mente para com o homem, então, por que o homem não pode oferecer um pouco de colaboração? Deus realiza sua obra para a humanidade, então por que o homem não pode realizar parte de seu dever para ajudar o gerenciamento de Deus? A obra de Deus alcançou o estágio atual e mesmo assim vocês veem, mas não agem, você ouvem, mas não se movem. Pessoas assim não são objetos de perdição? Deus já Se dedicou inteiramente ao homem, então por que, hoje, o homem é incapaz de realizar o seu dever com seriedade? A obra de Deus é Sua prioridade maior e Sua obra de gerenciamento é de extrema importância. A prioridade maior do homem é colocar as palavras de Deus em prática e cumprir as exigências de Deus. Todos vocês devem compreender isso.

de ‘A obra de Deus e a prática do homem’ em “A Palavra manifesta em carne”

Vocês deveriam saber que o sucesso é alcançado devido às próprias ações das pessoas; quando as pessoas fracassam em vez de ter sucesso, isso também se deve a suas próprias ações, não ao impacto de outros fatores. […] Vocês devem cumprir seu dever o melhor que puderem, de coração aberto e justo e estando dispostos a fazer o que for preciso. Como vocês têm dito, quando o dia chegar, Deus não irá maltratar ninguém que tenha sofrido ou pagado um preço por Ele. Essa é uma convicção do tipo que vale a pena manter e vocês não deveriam esquecê-la jamais. Somente assim posso acalmar-Me quanto a vocês. Caso contrário, nunca conseguirei acalmar-me com relação a vocês e sempre serão objeto de Minha aversão. Se todos vocês puderem seguir sua consciência e dar tudo de si por Mim, se não pouparem esforços para Minha obra e devotarem uma vida inteira de esforço à Minha obra evangélica, então, Meu coração não pulará de alegria por vocês com frequência? […]

[…] não gosto de ser lisonjeado nem bajulado nem tratado com entusiasmo. Gosto de que pessoas sinceras enfrentem a Minha verdade e as Minhas expectativas. Gosto ainda mais quando elas são capazes de mostrar extremo cuidado e máxima consideração pelo Meu coração, e quando podem renunciar a tudo por Mim. Só assim é possível confortar o Meu coração. […]

[…] Só espero que na última etapa da Minha obra vocês possam desempenhar-se notavelmente, sejam completamente devotos e não sejam mais indiferentes. É claro, também desejo que todos vocês tenham um bom destino. Todavia, ainda tenho Minha exigência, de que vocês tomem a melhor decisão em Me ofertarem sua devoção exclusiva e definitiva. A pessoa que não tiver essa devoção exclusiva certamente virará tesouro de Satanás e Eu não mais Me utilizarei dela. Hei de mandá-la para casa para seus pais cuidarem dela.

de ‘Sobre o destino’ em “A Palavra manifesta em carne”

Como membros da raça humana e cristãos devotos, é responsabilidade e obrigação de todos nós oferecer mente e corpo para a realização da comissão divina, pois todo o nosso ser veio de Deus e existe graças a Sua soberania. Se a nossa mente e o nosso corpo não servirem à comissão de Deus e à causa justa da humanidade, a nossa alma será indigna daqueles que foram martirizados pela comissão divina e mais indigna ainda de Deus, que nos proveu de todas as coisas.

de ‘Deus preside o destino de toda a humanidade’ em “A Palavra manifesta em carne”

Hoje, aqueles que se desgastam por Mim, que se oferecem por Mim, que suportam fardos por Mim, Eu nunca os tratarei injustamente e, desse modo, Minha justiça é revelada.

de ‘A trigésima oitava declaração’ em “A Palavra manifesta em carne”

Conteúdo Relacionado