Aplicativo da Igreja de Deus Todo-Poderoso

Ouça a voz de Deus e dê as boas vindas ao retorno do Senhor Jesus!

Convidamos a todos os buscadores da verdade que entrem em contato conosco.

Conhecendo a Sabedoria e Onipotência de Deus a partir do Fato de Seu Domínio e Administração do Mundo Espiritual

1

Quando se trata do mundo espiritual, se os vários seres nele fizerem algo errado, se eles não fizerem seu trabalho corretamente, Deus também tem os éditos e decretos celestiais correspondentes para lidar com eles – isso é absoluto. Assim, durante a obra de gerenciamento de vários milhares de anos de Deus, alguns oficiais de justiça que fizeram o mal foram exterminados, alguns, hoje, ainda estão sendo detidos e punidos. É isso que deve ser enfrentado por todos os seres no mundo espiritual. Se fizerem algo errado ou cometerem o mal, eles são punidos – a abordagem de Deus é a mesma que com o Seu povo eleito e os servidores. E assim, seja no mundo espiritual ou no mundo material, os princípios pelos quais Deus age não mudam. Independentemente de você poder ou não ver as ações de Deus, seus princípios não mudam. Todo o tempo, Deus teve os mesmos princípios em sua abordagem de todas as coisas e em seu manejo de todas as coisas. Isso é imutável. Deus será amável para com aqueles entre os incrédulos que vivem relativamente de modo adequado e assegurará oportunidades para aqueles em cada religião que se comportarem bem e não fizerem o mal, permitindo-lhes desempenhar seu papel em todas as coisas gerenciadas por Deus e fazer o que devem fazer. Da mesma forma, entre os que seguem a Deus, no Seu povo eleito, Deus não discrimina ninguém de acordo com esses Seus princípios. Ele é amável para com todos que são capazes de segui-Lo sinceramente e ama a todos que sinceramente O seguem. É só que, para esses vários tipos de pessoas – os incrédulos, as várias pessoas de fé e o povo escolhido de Deus – o que Ele concede a eles é diferente. Veja os incrédulos: embora eles não acreditem em Deus e Deus os veja como rebanho, entre todas as coisas, cada um deles tem comida para comer, um lugar próprio e um ciclo normal de vida e morte. Aqueles que praticam o mal são punidos e aqueles que fazem o bem são abençoados e recebem a bondade de Deus. Não é assim? Quanto às pessoas de fé, se forem capazes de cumprir rigorosamente os preceitos religiosos, renascimento após o renascimento, então, após todos esses renascimentos, Deus finalmente fará Sua proclamação a elas. Da mesma forma, para vocês hoje, estejam vocês entre os eleitos de Deus ou entre os servidores, Deus também os alinhará e determinará o destino de vocês de acordo com os regulamentos e decretos administrativos que Ele estabeleceu. Entre esses vários tipos de pessoas – os vários tipos de pessoas de fé, que pertencem às várias religiões – Deus lhes deu espaço para viver? Onde está o judaísmo? Deus interferiu em sua fé? Ele não interferiu, certo? E o que dizer do cristianismo? Ele tampouco interferiu. Ele lhes permite obedecer aos seus próprios procedimentos e não fala com eles, nem lhes dá qualquer esclarecimento e, além disso, não revela nada a eles: “Se você acha que está certo, então creia dessa maneira!”. Os católicos acreditam em Maria, e foi através de Maria que as novas foram transmitidas a Jesus; essa é a sua forma de crer. E Deus alguma vez corrigiu sua fé? Deus os deixa de rédea solta, não lhes dá atenção e lhes concede certo espaço para viver. E com os muçulmanos e budistas, Ele também é assim? Ele estabeleceu limites para eles também e permite que eles tenham seu próprio espaço de vida, sem interferir em suas respectivas fés. Tudo está bem-ordenado. E o que vocês veem em tudo isso? Que Deus é possuidor de autoridade, mas não abusa de Sua autoridade. Deus arranja todas as coisas em perfeita ordem e é metódico e nisso está Sua sabedoria e onipotência.

de ‘O Próprio Deus, o Único X’ em “A Palavra manifesta em carne”